Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes

08/10


2006

Suape alavanca a economia, diz presidente da Fiepe

 Grandes projetos estruturais na região do porto de Suape deverão produzir reflexos positivos na modernização do parque industrial pernambucano. Jorge Corte Real, presidente da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (Fiepe), acredita que a economia pode dar uma guinada para o alto graças aos efeitos germinativos desses projetos, entre os quais se destacam uma refinaria de petróleo e um estaleiro.

Para Corte Real, a dinâmica do complexo de Suape, que desde 1970 se beneficia de estímulos à industrialização, permitirá que Pernambuco ingresse, a curto e médio prazos, em novo patamar de desenvolvimento. Na visão do empresário, “o desenvolvimento econômico, reforçado pela vontade política, é instrumento poderoso para alavancar melhorias consistentes nas áreas social, ambiental e de infra estrutura”. Veja a seguir parte da longa da entrevista que o presidente da Fiepe concedeu ao jornalista Angelo Castelo Branco, da Gazeta Mercantil.

Qual a análise que o senhor faz das atuais condições do parque industrial pernambucano?

A se concretizarem as perspectivas e oportunidades que se abrem para Pernambuco, este momento representa um ponto de partida para importantes transformações lideradas pelo setor industrial. Tendo como base a melhoria de sua infra-estrutura física, a consolidação do Complexo Industrial e Portuário de Suape e uma convergência de decisões políticas favoráveis, caminha-se para a implantação de empreendimentos germinadores, como a refinaria de petróleo, o estaleiro, os pólos têxtil e de resinas e outros projetos do ramo petroquímico. São marcos decisivos de saltos quantitativo e qualitativo, de grandes repercussões no perfil socio-econômico do Estado.

A defasagem tecnológica das unidades de produção estaria causando retração e perda de espaço nos mercados consumidores?

Corte Real Não identifico defasagem tecnológica generalizada no setor industrial. O parque pernambucano é competitivo tecnologicamente e até de primeira linha em muitos empreendimentos. Cito a produção de baterias automotivas, cimento, borracha sintética, construção civil, plásticos, bebidas, papel e embalagens e muitos outros. É importante registrar também o forte sentimento de modernidade do empresariado. Deve-se considerar, no entanto, que a integração dos novos investimentos com a indústria local implicará, em muitos casos, na necessidade de mudanças técnicas e de processos, além de treinamento empresarial e de mão-de obra. Já estamos trabalhando para possibilitar novas oportunidades aos profissionais e empresários.

Qual o grupo de produtos que Pernambuco fabrica atualmente com potencial para marcar efetiva presença nos mercados da região Nordeste e do País?

No mundo globalizado, qualidade, competitividade e responsabilidade social são mandamentos que a empresa não pode deixar de cumprir, permanentemente. Mesmo assim, existem produtos que encontram melhores condições de produção por contarem com vantagens locais, como mão de obra e insumos. Neste caso, temos a produção de baterias, embalagens, plásticos e a crescente produção de vinhos no Vale do São Francisco, que se tornou conhecido mundialmente. Outro exemplo é a produção sucro-alcooleira, que se recupera em bases competitivas e de presença mundial. Ademais, nesta fase de consolidação dos novos empreendimentos deverão surgir investimentos diversificados e competitivos. O pólo têxtil, que se anuncia, por exemplo, ensejará grandes mudanças nesse segmento produtivo, na reanimação da cultura do algodão e na ampliação da indústria de confecções, já expressiva no Estado. Outros segmentos que merecem destaque são os de gesso, metal-mecânico, pedras ornamentais, cerâmica vitrificada, pescados, suco de frutas, sorvetes, refrigerantes e cervejas.

Qual a participação da indústria no PIB pernambucano e, dentro dessa participação, qual é o peso do segmento sucroalcooleiro? Quais seriam os demais itens considerados de peso na formação do PIB estadual?

Há uma tendência histórica, mundial, de queda de participação do setor industrial na composição do PIB, apresentando-se o setor terciário (comércio e serviços) com ganhos relativos mais significativos. Essa tendência reflete-se também em Pernambuco. Nos últimos anos, a participação da indústria no PIB tem variado de 32% a 33%. Acredito, entretanto, que expansão do setor industrial, com os grandes projetos estruturadores que aqui estão se instalando, vai frear essa tendência e até melhorar a posição relativa da indústria, depois de duas décadas de desindustrialização. Mas é forte e crescente, em nosso Estado, a presença do setor terciário, com destaques para o comércio (varejo e distribuição), turismo, serviçosmédicos e hospitalares, ensino e tecnologia da informação.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Guerreiro do povo Brasileiro

Em 2004 cerca de 60% das exportações pelo porto de SUAPE, não foram de empresas pernambucanas. Já na Importação os números são inversos, apenas 35% das importações através do porto de SUAPE tem como destino empresas pernambucanas.

Guerreiro do povo Brasileiro

Tudo isso é obra do nosso atual Governo, que fez o contrato com o terminal de containers Tecon... Um dos graves problemas de Suape é a "exportação de ar", que significa a grande saida de containers vazios, sem produtos... Isso por obra e graça da tarifa alta...

Guerreiro do povo Brasileiro

Já o Porto de Suape... é o mais caro do Nordeste, levando a quase totalidade das exportações de Petrolina acontecerem pelos portos de Pecém-CE e pelo porto de Salvador, que ficam quase que equidistante a Suape.. e possuem uma tarifa bem mais barata do que Suape....

Guerreiro do povo Brasileiro

Segundo, gostaria de contestar Fernando... Nós precisamos separar PORTO DE SUAPE.. com o COMPLEXO INDUSTRIAL DE SUAPE... Quanto ao completo industrial... esse vai muito bem.. temos grandes empresas instaladas.. e é isso que Corte Real fala ao blog...

Guerreiro do povo Brasileiro

Primeiramente gostaria de "agradecer" ao Magno por ter excluido meu cadastro pela 7a vez....


Petrolina abril 2021

Confira os últimos posts



14/06


2021

Ouça o programa em homenagem a Marco Maciel

O Frente a Frente de hoje, programa que este blogueiro ancora pela Rede Nordeste de Rádio, foi todo em homenagem ao ex-vice-presidente da República Marco Maciel. Maciel foi um pernambucano de conduta ilibada e um político exemplar, como relataram vários de seus amigos e admiradores em depoimentos gravados para o programa. Confira!


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Ipojuca 2021

14/06


2021

União e Estado selam parcerias em mobilidade

O secretário Nacional de Mobilidade e Desenvolvimento Regional e Urbano do Governo Federal, Tiago Pontes, fez, hoje, uma visita ao secretário estadual de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Tomé França, recentemente nomeado pelo governador Paulo Câmara. "Um grande parceiro nas ações que vamos implementar na pasta", disse Tomé.

Segundo ele, durante o encontro foram discutidos os convênios para tirar alguns projetos do papel numa parceria entre a União e o Estado. "Vamos destravar mais investimentos para Pernambuco", disse Pontes.

As ações, segundo ele, se darão em projetos de mobilidade urbana que estavam parados. "Vamos retomar, investindo no que for mais urgente e necessário para o Estado", acrescentou o representante do Governo Federal.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Caruaru

14/06


2021

Vigilância Sanitária interdita Caixa Econômica de Serra

A Vigilância Sanitária do município de Serra Talhada, no Sertão, interditou, hoje, a agência da Caixa Econômica da cidade, por não cumprir as medidas contra a Covid-19. Semana passada, o Bradesco foi fechado. As informações são do blog do Nill Júnior.

De acordo com a Prefeitura, os decretos estadual e municipal determinam que é dever das agências bancárias observar, na organização das filas, a manutenção de distância mínima de 1,5 m (um metro e meio) entre os clientes em atendimento, inclusive aqueles que aguardam na parte externa das agências, devendo-se utilizar sinalização disciplinadora, com disponibilização de funcionários em quantidades suficientes e necessárias.

A interdição foi determinada após a Vigilância receber imagens da agência nas quais são vistas aglomerações e grandes filas. Conforme consta na notificação, o banco deve ficar fechado “até que promova a organização das filas, como determina os respectivos decretos”.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


14/06


2021

Leis incentivam a prática de doação de sangue

Hoje, quando é comemorado o Dia Mundial da Doação de Sangue, o deputado Clodoaldo Magalhães lembra a importância de homenagear os doadores e incentivar a prática a todas as pessoas sobre essa ação solidária.

“Temos duas leis importantes que tratam da temática. A primeira, a LEI Nº 17.221/2021, que assegura doação de sangue pela população LGBTQI+, proibindo práticas discriminatórias que impeçam ou dificultem a doação de sangue por parte dessa população; e a outra, LEI Nº 17.221/2021, que incentiva jovens a doarem sangue”.

Clodoaldo Magalhães ressalta que a primeira lei chega em momento oportuno, quando estamos vivendo situação dramática nas UTIs do estado com pacientes infectados pelo vírus da Covid, inclusive que dependem, muitas vezes, de transfusões, em decorrência do agravamento da doença.

O deputado acredita que suas proposições irão ajudar a reforçar o estoque nos bancos de sangue do estado. Eles continuam baixos devido ao medo da população de exposição ao novo coronavírus, o que levou as coletas caírem na capital pernambucana e em todo o estado.

Para ele, proibir gays de doar sangue resulta em um tratamento desigual e desrespeitoso. “Temos que entender que o comportamento das pessoas é o que determina risco de infecções por doenças sexualmente transmissível e não a orientação sexual dela”. E completa que “todas as pessoas devem doar, desde que tenham as condições exigidas pelos bancos de coleta”.

Segue link das duas leis:

https://legis.alepe.pe.gov.br/texto.aspx?id=55003&tipo=

https://legis.alepe.pe.gov.br/texto.aspx?id=54679&tipo=


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

CABO

14/06


2021

Ipojuca ultrapassa mais de 20 mil vacinados

Ontem, a Prefeitura do Ipojuca realizou o Dia D de vacinação contra a COVID-19, com os seis diferentes polos de imunização e ampliação dos grupos beneficiados alcançando a marca de mais de 20 mil pessoas vacinadas com a primeira dose. Foram 2.249 doses aplicadas só neste domingo.

“Este domingo nós demos mais um importante passo para a imunização da população de Ipojuca. Tivemos uma movimentação intensa em todos os polos de vacinação contra a COVID e com grande receptividade dos ipojucanos. Esperamos seguir com essa mobilização e consciência das pessoas para que possamos vacinar mais e mais cidadãos”, avaliou a secretária municipal de Saúde, Manúcia Medeiros.

Também neste final de semana, a Secretaria Municipal de Saúde do Ipojuca seguiu com o centro de testagem para pessoas com suspeita de sintomas de COVID-19. Também participaram da ação agentes de Promoção à Saúde que orientavam as pessoas que chegavam para se vacinar sobre o uso correto da máscara, da higiene das mãos e do distanciamento social.

Durante a semana

Continuam sendo vacinadas pessoas a partir de 50 anos e profissionais de saúde da rede privada, profissionais de Educação e de limpeza urbana a partir de 45 anos, além da Guarda Municipal, Salva Mar, Defesa Civil. Pessoas a partir de 18 anos com comorbidades incluídas nas fases 1 e 2, doenças raras e pessoas com deficiência, além das grávidas e puérperas.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Bandeirantes 2021

14/06


2021

Sancionada lei que institui auxílio para artistas Juninos

O governador Paulo Câmara sancionou, hoje, a Lei n° 17.321/2021, que institui o Auxílio Emergencial Ciclo Junino de Pernambuco para artistas e grupos culturais impedidos de promover suas atividades por conta da pandemia da Covid-19. Criado com recursos do Tesouro Estadual, os R$ 3,2 milhões serão pagos a mais de 400 artistas e grupos que tenham sido contratados pela Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe) ou pela Empresa Pernambucana de Turismo (Empetur) nos ciclos juninos de 2018 e 2019, beneficiando mais de cinco mil pessoas.

“Mais um movimento que estamos fazendo em um ano tão difícil para a classe artística. Já fizemos o Ciclo Carnavalesco e, agora, o Ciclo Junino. Queremos atuar em parceria com um movimento cultural no qual Pernambuco sempre se sobressaiu pela qualidade dos seus artistas, dos equipamentos e da forma de pensar a cultura como estratégia de desenvolvimento do Estado, junto com a educação”, afirmou Paulo Câmara.

De acordo com o secretário estadual de Cultura, Gilberto Freyre Neto, a ação reforça o reconhecimento da perda de uma cadeia produtiva, que referencia não apenas a cultura propriamente dita, mas também o turismo. “O auxílio emergencial é uma sinalização da importância e do reconhecimento do segmento cultural para a cadeia produtiva em Pernambuco. O Estado tende a utilizar essa ferramenta para diminuir esse impacto e, ao mesmo tempo, proteger esse segmento, para que em um futuro próximo possamos, de maneira muito ampla, usufruir do talento desses artistas importantes para o nosso ciclo junino”, explicou.

O valor do Auxílio Emergencial Ciclo Junino de Pernambuco corresponderá a 60% do último cachê recebido pelo artista ou grupo cultural, por meio de contratação realizada pela Fundarpe ou Empetur nos ciclos juninos anteriores. Os valores terão um piso de R$ 3 mil e um teto de R$ 15 mil, pagos em parcela única no dia 30 de julho deste ano.

Representando a classe artística, Armandinho, vocalista da Banda Fulô de Mandacaru, destacou a importância da valorização aos artistas do Estado. “Esse é um momento importante para estabelecer esse elo de comunicação e valorizar o nosso patrimônio e a cultura pernambucana, que é levada para o Brasil e para o mundo”, enfatizou.

O edital será lançado amanhã, no Diário Oficial de Pernambuco. Seguindo o modelo de benefício à classe cultural promovido no Carnaval deste ano, as inscrições deverão ser realizadas a partir do dia 21 de junho, encerrando às 18h do dia 9 de julho, por meio da plataforma online Prosas (www.prosas.com.br). Entre as atrações artísticas contratadas pela Fundarpe e/ou Empetur nos ciclos juninos de 2018 e 2019, estão quadrilhas juninas, cirandas, grupos de coco, xaxado, bacamarteiros, bois, trios de forró pé-de-serra, bandas de forró e artistas solo.

Também estiveram presentes à cerimônia de sanção da lei o secretário estadual de Turismo e Lazer, Rodrigo Novaes; o presidente da Fundarpe, Marcelo Canuto; e os artistas Nádia Maia, Cristina Amaral, Irah Caldeira, Benil, Pingo, Dudu do Acordeon, Beto Ortiz, Novinho da Paraíba e César Amaral.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Serra Talhada 2021

14/06


2021

Frente a Frente homenageia Marco Maciel daqui a pouco

A carreira do ex-vice-presidente da República, Marco Maciel, que morreu sábado passado em decorrência de complicações do Mal de Alzheimer aos 80 anos, será destacada no especial do Frente a Frente de hoje em sua homenagem. O programa traz depoimentos de personagens que conviveram com ele e por influência dele ingressaram na vida pública.

Entre os que já gravaram, os ex-ministros José Jorge e Gustavo Krause. Também os ex-governadores Roberto Magalhães e Joaquim Francisco. Ainda Vandenbergue Machado, seu ex-chefe de gabinete durante mais de 20 anos; Silvio Amorim, subchefe da Casa Militar do Governo Marco Maciel, e o jornalista Ângelo Castelo Branco, seu ex-secretário de Imprensa e autor de um livro biográfico do ex-senador.

Ainda o ex-senador Joel de Holanda, que ontem escreveu um belo depoimento sobre o homenageado. Transmitido pela Rede Nordeste de Rádio, presente hoje com 40 emissoras em Pernambuco, Alagoas e Bahia, o Frente a Frente vai ao ar às 18 horas.

A cabeça de rede no Recife é a Rádio Canaã 91.3 FM. Se você deseja ouvir o programa pela Internet, clique no botão Rádio na página acima deste blog ou baixe o aplicativo da Rede Nordeste de Rádio pela na play store.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Anuncie Aqui - Blog do Magno

14/06


2021

Queiroga vacina ministro em posto no Distrito Federal

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, vacinou contra Covid-19, hoje, o ministro das Relações Exteriores, Carlos França, e o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto. Os integrantes do governo federal estiveram no Hospital Regional do Guará, no Distrito Federal, durante a tarde.

Em Brasília, a campanha de imunização atende pessoas sem comorbidades com 50 anos ou mais, por meio de agendamento. O serviço, no entanto, foi suspenso nesta segunda, por falta de vagas. Carlos França tem 57 anos e Campos Neto, 51.

Durante a visita à unidade de saúde, Marcelo Queiroga também aplicou a primeira dose nos embaixadores do Itamaraty Pedro Miguel da Costa e Silva e Achilles Zaluar.

Segundo o ministro da Saúde, a ida ao hospital foi "simbólica", para acompanhar o ritmo de vacinação na capital. O secretário de Saúde do DF, Osnei Okumoto, também acompanhou a visita.

O presidente do BC defendeu o avanço da vacinação e disse que a medida é essencial para a retomada econômica do país. "A gente que olha a parte da economia. É importante vacinar para poder voltar todo mundo ao trabalho, a economia crescer e gerar empregos. A vacina é a chave para tudo isso", disse Roberto Campos Neto.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Blog do Magno 15 Milhões de Acessos 2

14/06


2021

Empossado novo presidente do Porto do Recife

Foi empossado hoje, pelo Conselho de Administração do Porto do Recife, o novo diretor-presidente do ancoradouro recifense, José Lindoso de Albuquerque Filho. O engenheiro civil ocupa a vaga deixada por Marconi Muzzio, que saiu para assumir a Secretaria da Controladoria Geral do Estado.

José Lindoso é aposentado da Caixa Econômica Federal e chegou a ocupar o cargo de diretor comercial da instituição. Também foi secretário Nacional de Mobilidade e Serviços Urbanos, em 2019.

No currículo, o técnico carrega uma vasta experiência em gestão pública, reestruturação de empresas e em transições de empresas públicas para privadas, função que desempenhou quando foi diretor-presidente do extinto BANDEPE, da CILPE (Companhia Industrial de Leite de Pernambuco) e da FERROBAN (Ferrovias Bandeirantes S.A.).


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


14/06


2021

Primeira homenagem a Marco Maciel

O deputado Fernando Filho (DEM-PE) vai apresentar projeto de lei na Câmara dos Deputados para que o viaduto da Avenida Sete de Setembro, inaugurado hoje em Petrolina, receba o nome do vice-presidente da República Marco Maciel, falecido no último sábado.

A homenagem foi anunciada durante a inauguração da obra, que contou com as presenças do ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, do líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), e do prefeito Miguel Coelho. Em agosto, um segundo viaduto será entregue à população, completando uma das maiores obras de mobilidade de Petrolina, que começou com a duplicação e iluminação em LED da Avenida Sete de Setembro.

“Petrolina recebe mais dois viadutos, e a gente vai ter a alegria de dar a esse viaduto que inauguramos hoje o nome de Marco Maciel e ao segundo o nome do ex-prefeito Luiz Viana. Apresentei projeto na Câmara dos Deputados já que é uma obra federal, rendendo, assim, duas grandes homenagens. Marco Maciel, apesar de não ser de Petrolina, foi um grande brasileiro, um grande pernambucano, e foi votado aqui em Petrolina como deputado federal por diversas vezes”, disse Fernando Filho.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Jose eldo alves pinheiro

Boa noite magno gosto do seu trabalho essas obras sao boas mais esse grupo politico estar envolvido em varias corrupcoes poucos dias a policia federal indicio eles coloque tambem as noticias das corrupcoes pra o povo saber obrigado



14/06


2021

Falta inteligência no combate à Covid em Pernambuco

Por Douglas Cintra*

No meio de tantas incertezas em combater um vírus desconhecido, o uso das informações disponíveis pode fazer muita diferença para salvar vidas e ajudar no controle da disseminação da doença.

Vejamos apenas o exemplo dos bancários em Caruaru:

1 – Os bancos se mantiveram abertos por toda a pandemia e alguns, como a Caixa Econômica Federal, viram crescer a movimentação de pessoas em suas agências.

2 – Por motivos de segurança, todo atendimento presencial se dá em ambientes completamente fechados.

3 – Os sindicatos têm todas as informações sobre ausências no trabalho em função de afastamento médico por Covid-19. Eu tenho certeza que os números são bem acima da média de outros setores.

4 – Sendo assim, vacinar esse público evita a proliferação da doença, além de resguardar a vida dos trabalhadores.

5 – Estamos recebendo um grande lote de vacinas da Janssen, que poderá ser usado rapidamente nessa categoria.

Foram divulgados os números de casos entre os bancários de Caruaru

Total de bancários: 466

Total de bancários afastados em decorrência da Covid-19: 224 (51,51%).

Com a divulgação desses dados por outras categorias, a distribuição de vacinas e o controle da pandemia seria feito de forma mais rápida e fácil.

*Ex-senador


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Coluna do Blog
Publicidade

TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Publicidade
Apoiadores