Jaboatão vai conquistar você

28/11


2021

De bigu com a modernidade

O que levar em conta na hora de comprar um carro? 

Uma pesquisa da Webmotors Autoinsights mostra que oito (77%) em cada 10 brasileiros  pretende comprar carro ou moto neste fim de ano. Foram quase 4 mil entrevistados, que estão de olho em melhores taxas (57%) e condições de pagamento (48%). Mas o que deve ser observado pelo comprador na compra de um automóvel? Outra pesquisa, desta vez feita pela OLX, plataforma de compra e venda de veículos, mostra que o preço e a segurança ofertados pelos modelos são fatores decisivos. O estudo Brand Health Tracker 2021 revela que preço e segurança são seguidos pelo consumo de combustível, conforto, manutenção, marca, tecnologia, espaço interno/porta-malas e custo de seguro - nesta ordem.

“A tomada de decisão para adquirir um automóvel se baseia na demanda. O consumidor quer comprar um carro porque a família cresceu, ou porque precisa de um porta-malas maior, ou porque vai se tornar motorista de aplicativo, por exemplo”, explica Flávio Passos, vice-presidente de Autos e Comercial da OLX. “E fica evidente na pesquisa que, seja qual for a necessidade de cada um, o custo-benefício ainda é relevante na escolha do modelo e do ano do carro”, ressalta.

A pesquisa também notou um aumento de 14 p.p. na quantidade de pessoas que comercializam automóveis - em que 54% deles se identificaram como compradores e vendedores. Isso significa que a maioria das pessoas pretende vender o automóvel que já possui para comprar outro. O estudo também revelou a diminuição de 8 p.p. daqueles que se dizem compradores, com um total de 17%, mostrando um cenário mais contido dentre aqueles que utilizariam suas economias para adquirir um veículo. A comparação é feita entre a pesquisa atual de 2021 e a anterior de 2020.
 
Os entrevistados foram questionados sobre o quanto seria importante a digitalização na jornada de compra e venda de veículos. A maioria afirmou que deseja processos menos burocráticos e mais digitais como os trâmites relacionados ao levantamento do histórico veicular (81%), à transferência de documentação (79%) e às tratativas com os Detrans (76%).

Outro estudo, desta vez realizado pela Route Automotive nas nove principais regiões metropolitanas do país, mostra outros fatores decisivos na escolha de carro - neste caso, 0km: design, potência do motor, cor etc.  No entanto, são preponderantes os equipamentos que garantem o conforto, a segurança e, cada vez mais, a conectividade. O trabalho constatou, por exemplo, que 79,7% dos brasileiros fazem questão do ar-condicionado. Em segundo lugar, com 55,5%, está o sensor de ré. 

Foram ouvidas 575 pessoas (52% homens e 48% mulheres) com mais de 18 anos em São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia, Amazonas, Paraná, Pernambuco, Pará e Rio Grande do Sul, além do Distrito Federal.

Segundo o diretor da Route Automotive, Wladimir Molinari, o perfil dos compradores mudou no decorrer dos últimos anos. Ele diz que itens que melhoram o bem-estar do motorista e dos passageiros, cada vez mais valorizados, levam as montadoras ao desenvolvimento constante dos seus modelos.

"As montadoras estão em uma verdadeira disputa pelo modelo que oferece o melhor kit multimídia, o melhor ar-condicionado etc. E quem ganha com isso são os consumidores", avalia Molinari.

A segurança é outro fator determinante: 23,9% dos entrevistados se dispõem a pagar mais para ter a câmera 360 graus, e 21,7%, pelo monitor de ponto cego. A conectividade também vem ganhando relevância: 55,5% pagariam um valor adicional para ter o aplicativo no carro e 46,3%, para ter o serviço de assinatura mensal.

"O consumidor não aceita um veículo sem itens de segurança básica, como air bag, freios ABS e travamento de portas. Porém, itens de conectividade, além de oferecerem conforto, aumentam a sensação de segurança por se ‘conectarem’ full-time com a montadora", destaca Molinari.

Curiosidades

O top 10 da tecnologia
Pesquisa da empresa americana AutoPacific, e divulgada pela Mobiauto, mostra quais equipamentos tecnológicos são mais procurados pelos consumidores norte-americanos. O trabalho envolveu 100 itens e 90 mil compradores. Veja os dez itens mais procurados:

Aquecimento dos assentos: 66% dos entrevistados afirmaram buscar o item
Monitoramento de ponto cego: 60%
Sensores de estacionamento dianteiro e traseiro: 55%
Tração nas quatro rodas: 54%
Alerta de troca de faixa: 54%
Apple CarPlay e Android Auto: 53%
Banco do passageiro da frente com ajuste elétrico: 52%
Iluminação de LED: 52% 
Ventilação ou resfriamento de assentos: 50%
Banco do motorista com memória: 49%
________________________

Stonic híbrido - A Kia Motors mostrou esta semana o SUV compacto Stonic, que vem em versão única por R$ 150 mil, importado da Coreia do Sul. Ele é equipado com um sistema elétrico de 48V, também chamado de híbrido leve - em que o elétrico age apenas como auxiliar ao motor a combustão e substitui o de partida. O sistema MHEV de 48 volts permite ao carro desligar o propulsor em várias situações, com desacelerações ou declives mais longos, e assim economizar combustível. Pelo Inmetro, o suvinho da Kia tem classificação A e faz 13,3 km/l na cidade e  13,2 km/l na estrada. Ele já está disponível nas 76 lojas da marca, mas são apenas 150 carros por enquanto: a meta para 2022, porém, é vender 400 unidades/mês. O Stonic vem com um motor três cilindros, 1.0 turbo a gasolina que rende 120cv e 20,4mkgf com o elétrico. O conjunto está acoplado ao câmbio automático de 7 velocidades e dupla embreagem DCT. E as intenções da Kia para o Brasil são ambiciosas: no ano que vem, deve trazer outros quatro modelos. 

Novo Mercedes-Benz Classe C - As primeiras unidades da sexta geração do novo Classe C já têm data para desembarcar no Brasil: final de janeiro de 2022. Oferecido em duas versões eletrificadas, o sedã ganha um design exterior mais esportivo e um interior futurista com novo console central. As versões C 200 e C 300 receberão novo motor a gasolina de 4 cilindros eletrificado de até 258cv, equipado com o sistema de bordo de 48V “EQ Boost” que, em sua segunda geração, gera até 27cv e 2,0kgfm de torque adicionais para tornar as acelerações e retomadas ainda mais ágeis. Ambas as versões serão equipadas com o “AMG Line”, pacote de acabamentos para deixá-las mais esportivas, com para-choques e rodas diferenciadas. A também nova geração do Mercedes-Benz User Experience (MBUX) agora tem tela central de 12 polegadas, ou duas vezes maior que a versão anterior.

Todos os comandos principais, como os programas de condução, assistentes ativos de direção ou o ar condicionado, agora podem ser operados através de comandos por toque, por voz com o “Hey Mercedes” ou por teclas de acesso rápido. O pacote de tecnologia inclui os radares de condução semiautônoma, novos faróis em LED e navegação com realidade aumentada. Preços: R$ 350 mil para o C 200 AMG Line e de R$ 400 mil para o C 300 AMG Line.

Honda Civic: fim de uma era - O sedã médio Honda Civic deixou de ser produzido no Brasil esta semana (30/11), após 24 anos - desde que foi instalada a fábrica em Sumaré, em São Paulo. O encerramento foi comunicado pela marca japonesa aos seus fornecedores, mas ainda não foi oficializado pela fabricante. Mas, mesmo com o encerramento da produção no Brasil, o veículo histórico da Honda continuará no portfólio da montadora por meio da importação do mercado norte-americano. Essa decisão deve demorar para ser sentida de fato no mercado de reposição de autopeças, e apesar dos efeitos “comerciais”, não deve ocorrer riscos de desabastecimento de produtos, pelo menos no mercado de reposição independente, que é responsável por mais de 80% das manutenções veiculares no Brasil.

Segundo dados da Master de Produtos – Fraga Inteligência Automotiva, maior base de dados de informações de produtos e marcas do mercado de reposição brasileiro, a cadeia de abastecimento do Honda Civic conta com mais de 180 fabricantes de peças mecânicas e mais de 1400 SKU’s (unidades de manutenção de estoque) em venda, o que garante ampla disponibilidade de produtos de reposição. O Honda Civic atualmente é o 19º veículo de maior frota no nosso mercado,com 600 mil unidades em circulação, divididas em 6 gerações. Sua trajetória no mercado brasileiro se inicia na quinta geração global, a popular G5, importada entre 1992 (EUA) e 1995 (Japão). 

A síndrome da faixa da esquerda - Quem viaja pela duplicada, mas muito mal cuidada, BR-232, sabe: grande parte dos motoristas ‘aluga’ a faixa da esquerda e, se brincar, sai do Recife a São Caetano sem mudar uma vez só para a pista da direita. Você sabia que é um comportamento irregular, que provoca multa? Segundo o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), em trechos de pistas duplas as faixas da esquerda são destinadas à ultrapassagem e ao deslocamento dos veículos de maior velocidade. O condutor, ao perceber que outro veículo tem o propósito de ultrapassá-lo, deverá, se estiver circulando pela faixa da esquerda, deslocar-se imediatamente para a faixa da direita.

Reforçando: deixar de dar passagem, quando solicitado, é uma infração média. Todos os condutores deverão deixar livre a passagem pela faixa da esquerda, indo para a direita da via e parando, se necessário, se encontrarem viaturas da PRF, ambulâncias ou veículos destinados a socorro de incêndio, com os dispositivos de alarme sonoro e de iluminação intermitente acionados. Caso contrário, poderão ser autuados por uma infração de natureza gravíssima.

Confira:
Art. 185 II – Deixar de conservar nas faixas da direita o veículo lento e de maior porte – Média
Art. 198 – Deixar de dar passagem pela esquerda quando solicitado – Média
Art. 189 – Deixar de dar passagem a veículo policial/emergência/fiscalização em situação de emergência e devidamente identificado – Gravíssima.

Ah, pelo artigo 199, ultrapassar pela direita é infração média, com 4 pontos na CNH e R$ 130,15 de multa.
E outra: dar sinal de luz para pedir ultrapassagem não é errado, uma ‘afronta’, como muitos pensam. 
___________________

Polo de Goiana: 450 mil carros - O Renegade, primeiro modelo da Jeep a ser produzido no Polo Automotivo Stellantis em Goiana (PE), inaugurado em 2015, acaba de alcançar a marca de 450 mil unidades produzidas. O modelo é ainda o Jeep mais comercializado de 2021 no Brasil, com mais de 67 mil unidades emplacadas até o momento, e ocupa a quarta posição entre os veículos mais vendidos no país. O Renegade é exportado para outros 12 países da América Latina, como Argentina, Uruguai e Chile.

Novo Fiat Fiorino - A montadora italiana Fiat lançará no dia de dezembro mais um modelo renovado: desta vez, o sempre valente utilitário Fiorino 2022. O portal Motor 1 publicou flagras do utilitário. Ele terá mudanças no visual, mas na verdade a boa nova vem da opção pelo motor 1.3 Firefly (para a versão mais cara) associado a mais equipamentos de segurança.

Mini série especial de 15 unidades - Nascido há 98 anos, John Cooper representa grandes sucessos na Fórmula 1 e também o tradicional espírito esportivo da marca Mini - quando, há 60 anos, lançou as bases para uma lendária vitória de corrida no Mini clássico - hoje Mini Cooper. Para celebrar o aniversário dessa conquista, a marca britânica apresentou uma edição especial do Mini 3 portas. No Brasil, são oferecidas só 15 unidades, importado diretamente da planta de Oxford, na Inglaterra, por R$ 300 mil. John Cooper faleceu em 2000 e foi um reconhecido construtor que identificou grande potencial no compacto, adicionando mais potência e outros ajustes técnicos a um modelo compacto, leve, com baixo centro de gravidade e com suas rodas posicionadas nas extremidades do carro. Com ela, nascia a divisão de esportivos John Cooper Works.

Preços dos carros usados - A InstaCarro, startup que auxilia a venda de veículos usados ou seminovos, constatou que em outubro, e pela primeira vez desde o início da pandemia, houve um recuo nos preços dos automóveis. Em relação a setembro, o valor médio caiu 3%. “Sentimos uma desaceleração e fomos checar diretamente o que a motivou. E dois pontos foram os mais levantados. Primeiro, a questão do IPVA. Se os lojistas não conseguem revender o veículo, precisam pagar o valor obrigatório em janeiro, que será mais alto em 2022, devido à valorização da tabela Fipe. Além disso, há a possibilidade de normalização do mercado de carros novos, o que afetaria diretamente o preço dos usados", explica Luca Cafici, CEO e fundador da InstaCarro. Os lojistas ainda apontaram que, com o aumento de taxas de juros, as vendas ficam mais difíceis, pois a maioria dos brasileiros contam com financiamento e parcelas que cabem no bolso.

E com a alta inflação gerada por diversas questões econômicas, muitos estão preferindo trabalhar com estoques enxutos, evitando grandes prejuízos. Mas mesmo com essa desaceleração, alguns veículos ainda estão sendo negociados pela plataforma por valores acima da tabela FIPE. "Em outubro, por exemplo, os preços ainda estão 6% acima daqueles praticados em janeiro deste ano", aponta Luca. No Top 10 do ranking da startup, que considera os veículos negociados apenas pela plataforma, o Fiat 500, modelos 2014 e 2012, foram os mais valorizados, com 9% e 8%, respectivamente, em relação a tabela. Em seguida, o Renault Sandero 2021 (8%), Hyundai i30 2015 (6%), Volkswagen Cross Up 2018 (5%) e Mitsubishi Pajero TR4 2012 (3%). 

Kwid elétrico - A versão elétrica do Renault Kwid será mesmo lançada no Brasil, segundo diretores da empresa. E com uma missão: ser o elétrico mais barato à venda por aqui. Deve chegar em meados do ano que vem. Na Europa, o modelo - que é Dacia Spring - tem bons preços (vários países dão incentivos aos motores elétricos - e faz sucesso em lugares como Espanha e Itália.

*Renato Ferraz, ex-Correio Braziliense, tem especialidade em jornalismo automobilístico.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Caruaru - Jan 2022

Confira os últimos posts



26/01


2022

Futura/Modal: Lula 36,9%, Bolsonaro 31,4%

A nova pesquisa Futura Inteligência realizada para o Banco Modal S/A mostra os primeiros números do instituto sobre a corrida eleitoral em 2022. O ex-presidente Lula (PT) aparece liderando as intenções de voto, mas seguido de perto pelo presidente Jair Bolsonaro (PL). Os demais pré-candidatos surgem bem atrás.

O ex-juiz Sergio Moro (Podemos) é o melhor situado entre a chamada terceira via, mas está empatado tecnicamente com o ex-ministro Ciro Gomes (PDT). Confira os cenários da pesquisa estimulada:

Cenário 1

Lula (PT): 36,9%
Jair Bolsonaro (PL): 31,4%
Sergio Moro (Podemos): 8,5%
Ciro Gomes (PDT): 5,6%
João Doria (PSDB): 2,4%
André Janones (Avante): 1,8%
Guilherme Boulos (Psol): 0,8%
Rodrigo Pacheco (PSD): 0,6%
Simone Tebet (MDB): 0,5%
Aldo Rebelo (sem partido): 0,2%
Leonardo Péricles (UP): 0,2%
Alessandro Vieira (Cidadania): 0,1%
Felipe D'Ávila (Novo): 0,1%

Indecisos: 5,6%
Branco/nulo: 5,1% 

Cenário 2

Lula (PT): 39,5%
Jair Bolsonaro (PL): 33,2%
Sergio Moro (Podemos): 8,4%
Ciro Gomes (PDT): 7,5%
João Doria (PSDB): 3,2%

Indecisos: 3%
Branco/nulo: 5,2%

Cenário 3

Lula (PT): 42,2%
Jair Bolsonaro (PL): 32,9%
Sergio Moro (Podemos): 10,7%
Ciro Gomes (PDT): 7,5%

Indecisos: 2,6%
Branco/nulo: 4,1%

Cenário 4

Lula (PT): 42,2%
Jair Bolsonaro (PL): 34,5%
Ciro Gomes (PDT): 8,7%
João Doria (PSDB): 5,4%

Indecisos: 3,2%
Branco/nulo: 6%

SEGUNDO TURNO: LULA BATE TODOS E BOLSONARO ALCANÇA MORO E CIRO

Nas simulações de segundo turno, Lula continua desbancando todos os adversários. Jair Bolsonaro, por sua vez, está empatado tecnicamente com Moro e Ciro, mas supera os dois adversários numericamente. Além disso, o presidente vence Doria.

Confira os números:

Cenário 1: Lula x Bolsonaro

Lula 50,4%
Bolsonaro 37,8%

Cenário 2: Bolsonaro x Moro

Bolsonaro 36,9%
Moro 33,7%

Cenário 3: Bolsonaro x Ciro

Bolsonaro 40,6%
Ciro 39,1%

Cenário 4: Lula x Ciro

Lula 48,4%
Ciro 21,4%

Cenário 5: Lula x Moro

Lula 48,6%
Moro 28,8%

Cenário 6: Bolsonaro x Doria

Bolsonaro 41,6%
Doria 29,6%

Cenário 7: Lula x Doria

Lula 50,5%
Doria 14,8%

Espontânea

Lula 33,7%
Bolsonaro 31,4%
Moro 3%
Ciro 2,3%
Doria 0,3%
Tebet 0%
Pacheco 0%
Felipe D'Ávila 0%
Leonardo Péricles 0%
Outro 1,2%

Indecisos 21,7%
Brancos e nulos 6,4%

Rejeição

Bolsonaro 47,3%
Lula 37,1%
Doria 23,2%
Moro 18,3%
Ciro 16,5%
Boulos 15,7%
Tebet 12,2%
Aldo Rebelo 12,1%
Pacheco 12%
Felipe D'Ávila 11,7%
Leonardo Péricles 11,6%
André Janones 11,5%
Alessandro Vieira 11%

Rejeita todos 4,3%
Indecisos 3%
Não rejeita ninguém 2,9%

Foram realizadas 2 mil entrevistas por telefone, entre os dias 17 e 21 de janeiro, com margem de erro de 2,2 pontos percentuais para mais ou para menos e confiabilidade de 95%. A pesquisa está registrada no TSE sob o número BR-08869/2022.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Cabo - Pavimentação e Drenagem

26/01


2022

Arcoverde antecipa Carnaval de rua


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Petrolina Dezembro 2021

26/01


2022

Lula sobre Alckmin: Espero que o PT compreenda a necessidade de fazer aliança

Do G1

O ex-presidente Lula (PT) disse, em uma entrevista, hoje, que espera que Geraldo Alckmin escolha um partido que se alie ao Partido dos Trabalhadores nas eleições presidenciais deste ano – e também que o PT "compreenda a necessidade de fazer uma aliança". Lula admitiu em dezembro ser pré-candidato à Presidência da República, e busca um candidato a vice.

"Que dê certo essa conversa. Espero que Alckmin escolha o partido político adequado que faça aliança com o PT. Espero que o PT compreenda a necessidade de fazer aliança", disse Lula em entrevista à rádio CBN Vale, de São José dos Campos (SP).

Ex-governador de São Paulo por quatro vezes, Alckmin deixou o PSDB após 33 anos e é apontado como principal nome para constituir uma chapa com o petista na eleição presidencial deste ano. Eles foram juntos a um jantar aberto à imprensa e convidados no fim de 2021 (veja vídeo abaixo).

Dilma

Questionado se a ex-presidente Dilma Rousseff teria algum papel em um eventual novo governo, Lula respondeu: "Dilma é uma tecnicamente é uma pessoa inatacável. Ela tem uma competência extraordinária. Onde que a companheira Dilma, na minha opinião, erra? É na política. Ela não tem a paciência que a política exige que a gente tenha para conversar. Para ouvir as pessoas dizerem não. Para atender as pessoas, mesmo quando você não gosta do que a pessoa está falando. Você não pode ficar agressivo, precisa atender. Eu sou daqueles políticos que, quando um cara conta uma piada que eu já sei, eu não vou dizer para o cara 'eu já sei essa'. Conta outra vez. Se for necessário rir, eu vou rir", disse.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


26/01


2022

Capoeiras: presidente da Câmara é reeleito após bate-boca

A sessão de ontem na Câmara de Vereadores de Capoeiras, no Agreste Meridional pernambucano, definiu a Mesa Diretora que seguirá até o fim da legislatura. Em uma articulação com a oposição, o vereador Pitonho (Republicanos) foi reconduzido à Presidência da Casa.

Houve tumulto durante a sessão, com protesto de vereadores da base do prefeito Nêgo do Mercado (PSB), que chegaram a se retirar do plenário, como é  possível assistir no vídeo da página Bastidores da Notícia.

"Por 6 votos a 0 fui reeleito Presidente da Câmara. Gostaria de registrar este memorável momento e ao mesmo tempo agradecer aos vereadores que confiaram seus respectivos votos a mim e no meu trabalho", comentou Pitonho nas redes sociais.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Arcoverde janeiro 2022

26/01


2022

Pernambuco ganha o maior posto do Brasil

Localizado entre os municípios de Caruaru e Belo Jardim, no território da cidade de Tacaimbó, ocupando uma mega área de 200 mil metros quadrados, já está em operação o maior posto de combustíveis do Brasil, o Cruzeiro VII. Moderno e funcional, a estrutura impressiona. Para quem deseja apenas abastecer, 32 bombas estão disponíveis com gasolina, álcool, diesel e gás natural.

Aos que necessitam pernoitar, há um hotel com 84 apartamentos luxuosos, com TV, cama box, ducha, internet e uma vista linda. Também piscina, com projeto para aquecimento com energia solar, além de três ambientes para uso de caminhoneiros. O espaço conta também com duas lojas de conveniências e até banquinhos ao ar livre para relaxar.

Além de posto, o projeto prioriza a alternativa alimentação. O principal restaurante, com três mil metros quadrados, incluindo uma área de conveniência, ficará aberto ao público para as três refeições diárias, segundo o empresário Airon Duarte, proprietário do estabelecimento. "Vamos oferecer o melhor e mais variado cardápio da região, num serviço rápido e de qualidade", diz Airon.

Filho de Poção, município próximo à Pesqueira, Airon Duarte é um visionário. Na labuta diária em sua terra natal, começou vendendo caldo de cana num quiosque e hoje é considerado um dos maiores investidores do Nordeste no mercado de postos e hotéis. Com a nova unidade, chega a somar sete postos no Agreste e Sertão, com dois hotéis, o pioneiro em Pesqueira, o segundo em Arcoverde e o terceiro agora no novo posto, todos com a marca Cruzeiro.

O Cruzeiro VII, com apenas um mês em funcionamento, já conta com cerca de dois mil abastecimentos de carros por dia, indicativo de que pode, quando estiver operando a todo vapor, ocupar a posição de líder em demanda por combustíveis no Nordeste. Airon se preocupou com os mínimos detalhes. Toda a energia do complexo é alternativa, com placas solar. A iluminação com lâmpadas Led, ambiente moderno, bem decorado, luzes coloridas e painéis de artistas famosos. O posto-hotel conta até com um sistema de abastecimento próprio, através da construção de uma barragem com capacidade para 50 milhões de metros cúbicos de água, com duas estações de tratamento, inclusive uma biológica.

Aos que frequentarem o novo posto, uma dica boa e oportuna: dois banheiros padrão classe A, tanto o feminino quanto o masculino, limpos, com duchas, vários boxes e constantemente aromatizados.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Serra Talhada 2021

26/01


2022

Prestador do Sassepe denuncia atraso nos repasses

Profissionais de saúde que prestam serviço para o Instituto de Recursos Humanos de Pernambuco (IRH) estão denunciando atrasos nos repasses. Com medo de represália, um destes prestadores informa que está há um ano sem ser pago pelo órgão vinculado à Secretaria Estadual de Administração e que gere o Sassepe (Sistema de Assistência à Saúde dos Servidores do Estado).

"Somos prestadores do IRH. Temos uma clínica e o atraso de pagamento meu e de outros prestadores já ultrapassou um ano. Já pediram notas fiscais para alguns pagamentos, que foram emitidas e impostos pagos. Enquanto isso temos que lidar com os pacientes todos os dias", afirma.

De acordo com ele, os prestadores estão diminuindo os atendimentos aos servidores estaduais e, em alguns casos, pararam de atender. "Os pacientes reclamam que há desconto todos os meses nos contracheques, mas estão ficando sem atendimentos", completa.

Ainda segundo este profissional, alguns prestadores estão recebendo os repasses regularmente, mas a maioria não. Não é de hoje que há reclamações sobre atrasos dos pagamentos. Em julho de 2020, o Blog trouxe uma matéria que denunciava o atraso de repasse do Governo de Pernambuco aos hospitais da rede privada conveniados ao Sassepe.

No último mês de outubro, o Sintepe (Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco) fez um protesto na Praça da República, em frente ao Palácio do Campo das Princesas, para cobrar do Governo do Estado o repasse adequado de recursos para o funcionamento e manutenção do Sassepe.

O Blog entrou em contato com o Instituto de Recursos Humanos e aguarda resposta.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

SESC - Férias de Janeiro

26/01


2022

Prefeitura do Ipojuca suspende volta às aulas presenciais

A Secretária de Educação do Ipojuca, por meio da Portaria n°06/2022, através da deliberação do Comitê Contra o Coronavírus do Ipojuca, decidiu suspender a volta às aulas presenciais na rede pública municipal. A decisão foi baseada na alta evidente dos casos de COVID-19/Influenza no município que tem resultado no adoecimento de diversos servidores e o alto poder de transmissibilidade que encontros presenciais sujeitam a todos.

De acordo com o secretário de Educação do Ipojuca, Francisco Amorim, as aulas que estavam marcadas para iniciarem no próximo dia três voltarão de forma remota garantindo o direito a 200 dias letivos e 800horas de aula no ano. “Não adianta forçarmos uma situação agora e daqui a algumas semanas ver o agravamento dos casos e as unidades de saúde entrando em colapso e termos que parar tudo. A Educação já perdeu muito nos últimos anos, temos que agir com responsabilidade neste momento”, explicou o secretário Francisco Amorim. A TV Educa Ipojuca, lançada no final de 2021, continua sendo um reforço para os alunos através da TV Nova com quatro horas de aula por dia na grade da emissora.

“As aulas na forma presencial do ano letivo da Rede Municipal de Ensino serão definidas em comum acordo com as instâncias de saúde a partir do mês de março de 2022, após deliberação do Comitê Municipal de Combate ao COVID-19”, é o que diz o artigo 2° da portaria. A rede municipal de Educação compõe 67 unidades escolares e cerca de 21.600 alunos. Durante a pandemia a Prefeitura seguiu realizando o pagamento do Bolsa Escola no valor de R$130 a R$160 beneficiando cerca de 14 mil famílias, mesmo sem as aulas presenciais.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Bandeirantes novembro 2021

26/01


2022

Governo faz coletiva sobre Covid-19 e Influenza

O Governo de Pernambuco promove, amanhã, às 11h, uma coletiva de imprensa para atualização de dados do cenário das doenças respiratórias em Pernambuco. Estarão presentes os secretários André Longo (Saúde), Rodrigo Novaes (Turismo e Lazer) e Gilberto Freyre Neto (Cultura), além do presidente da Fundarpe, Marcelo Canuto.

Além da atualização de dados, possivelmente o Governo falará sobre a manutenção ou recuo das medidas restritivas de combate a Covid-19 e a Influenza.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Pousada da Paixão

26/01


2022

Os governadores que não vão sair

Da coluna de João Alberto

A decisão de Paulo Câmara é definitiva: será o primeiro governador depois da instituição da reeleição, a completar o mandato, sem sair para disputar outro cargo. A mesma decisão foi anunciada por Eduardo Leite, do Rio Grande do Sul, que depois de perder a indicação do PSDB para ser candidato a Presidente da República, ficará no cargo até o dia 31 de dezembro.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


26/01


2022

STF cancela retorno presencial dos ministros às sessões

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, decidiu cancelar o retorno presencial das sessões da corte, que ocorreria já na próxima semana. A informação foi apurada junto ao gabinete da Presidência do tribunal. O motivo é o aumento dos casos de Covid-19 causado pela variante Ômicron.

O blog da Ana Flor obteve a informação de que a decisão foi tomada após Fux ter conversado com os demais ministros do Supremo. O STF retomará as atividades em fevereiro. Em princípio, a retomada seria presencial. Com o avanço da Covid, decidiu-se estender as sessões e o trabalho remoto até o final de fevereiro, quando será feita uma nova avaliação com base na situação epidemiológica do país.

A decisão deve impactar a posse do ministro Edson Fachin na presidência do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), marcada para 22 de fevereiro. A Câmara dos Deputados também decidiu recentemente retomar os trabalhos, em fevereiro, de forma remota. No Senado, serão mantidas as sessões em caráter semipresencial.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Coluna do Blog
Publicidade

Publicidade

Publicidade

TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Opinião

Publicidade
Apoiadores
Parceiros