17/06


2014

Quatro pessoas são detidas na desocupação do Estelita



























G1.


Quatro manifestantes foram detidos e vários outros ficaram feridos durante a reintegração de posse do terreno do Cais José Estelita, na área central do Recife, na manhã desta terça-feira (17). Pelo menos três pessoas foram socorridas para hospitais do Grande Recife. Entre os detidos há dois estrangeiros - um peruano e outro argentino. Foram instalados tapumes na entrada do terreno.

De acordo com a Polícia Militar de Pernambuco, que permanece na área, o local está desocupado

Todos os detidos foram levados para a Central de Flagrantes da Polícia Civil, no bairro de Campo Grande. Segundo o capitão Júlio Aragão, eles serão investigados por "desobediência, por ameaça e incitação de violência". Os quatro já prestaram depoimento e contra eles foi registrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por desacato e resistência, contravenções de menor potencial ofensivo.

O Corpo de Bombeiros informou que três pessoas precisaram ser removidas para unidades de saúde. Duas delas foram levadas ao Hospital Tricentenário de Olinda: uma mulher que desmaiou e um rapaz de 18 anos que foi atingido por estilhaços de bomba de efeito moral.

De acordo com a unidade de saúde, o manifestante sofreu arranhões leves no peito e no braço, mas já teve alta. A outra manifestante inalou muito gás lacrimogêneo e segue em observação, sem previsão de alta. Um outro homem foi levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Imbiribeira, na Zona Sul do Recife.
 
“Nós fomos surpreendidos pelo descumprimento de um acordo firmado por duas secretarias de Pernambuco, a de Defesa Social e a de Direitos Humanos, e o Ministério Público, que haviam firmado um ajuste com o movimento. Eles deram a palavra de que o mandado de reintegração de posse só viria ser cumprido com aviso prévio de 48 horas para que nós pudéssemos, voluntariamente, desocupar o espaço, sem necessidade de uso da violência”, apontou Liana Cirne Lins, advogada e integrante do grupo Direitos Urbanos (DU).

Segundo ela, os advogados dos manifestantes foram impedidos de entrar no terreno pelos policiais. “Fui empurrada pela polícia para fora e inclusive fui vítima de violência [...] Quando a própria advogada é vítima de agressão policial como eu fui, apanhei com cassetete do policial do Gati [Grupamento de Apoio Tático Itinerante da PM] sem nenhuma necessidade, acho que isso é ilustrativo do que aconteceu com os ativistas pacíficos. Ficou notória a intenção de cumprir o mandado com o máximo de violência”, afirmou Liana Cirne.

"O Batalhão de Choque esteve presente para garantir o cumprimento do mandado de reintegração de posse, por ordem da 4ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Pernambuco. A negociação começou a partir das 5h15 e por volta das 6h17 a Polícia Militar teve que dar cumprimento ao mandado porque havia uma resistência e uma clara ameaça ao cumprimento”, afirmou o capitão Júlio Aragão, assessor de comunicação da PM.

Segundo o PM, os policiais devem permanecer no local. "Vai ser necessário fazer a segurança para que os manifestantes não retornem. É uma área privada e vai ser entregue ao dono do terreno. A gente alerta os manifestantes e outros interessados que a ocupação desse terreno, tendo uma medida judicial em vigência, é um ato criminoso, um delito, e se assim for feito, se invadir, e houver determinação novamente da Justiça, a PM vai cumprir aquilo que estiver estabelecido em lei", completou.

De acordo com a Secretaria de Defesa Social, foi tentada uma negociação para a saída dos manifestantes ao longo de 15 dias, após a reunião feita com a Secretaria de Direitos Humanos e representante do grupo Direitos Urbanos. Segundo a SDS, na reunião desta segunda (16), na Prefeitura do Recife, os manifestantes voltaram a afirmar que não sairiam do terreno, o que teria impossibilitado a negociação. Deste modo, conforme a SDS, a PM cumpriu a ordem judicial porque não houve acordo.

Início da desocupação - O Batalhão de Choque, o Regimento da Polícia Montada e a Companhia Independente de Policiamento com Cães (CIP-Cães) da Polícia Militar fizeram um bloqueio no terreno para cumprir o mandado. Quem passou pelo local pela manhã ouviu o barulho de bombas de efeito moral e fumaça perto das barracas da ocupação. Um bloqueio policial foi montado na altura do Cabanga e nenhum carro pôde entrar na avenida do Cais.

No local, a Polícia Militar apresentou um documento onde afirma que a intenção é apoiar a oficial de justiça designada para cumprir a decisão do juiz. Apesar do mandado de reintegração de posse do terreno ter sido emitido no dia 29 de maio, havia um acordo entre os manifestantes e a PM de que seria feito um levantamento sobre o tipo de ocupação no Cais antes da retirada do grupo.

Segundo o advogado Alexandre da Maia, integrante do Direitos Urbanos, a PM informou que seria montado um esquema de desocupação junto com os envolvidos na situação. A data da reintegração de posse não ficou definida durante a reunião realizada no dia 2 de junho, que envolveu as secretarias de Defesa Social (SDS), de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (SEDSDH) e representantes do Direitos Urbanos (DU).

Em nota, o Consórcio Novo Recife, responsável pela obra, disse que "a ilegalidade da ocupação ocorrida no dia 21 de maio foi reconhecida pelo Tribunal de Justiça de Pernambuco, ao determinar a imediata desocupação do referido imóvel. O não acatamento pelos ocupantes da ordem judicial resultou na determinação de uso da força policial para o cumprimento do mandato de reintegração expedido pelo Tribunal de Justiça". Veja mais abaixo a íntegra do comunicado das construtoras.

Também em nota, a Prefeitura do Recife informou que está conduzindo o diálogo e a negociação sobre o projeto Novo Recife com a participação de órgãos como a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Instituto dos Arquitetos do Brasil (IAB), Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Observatório do Recife, Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Pernambuco (Crea-PE) e o Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Pernambuco (CAU). Até o momento, foram realizadas quatro reuniões em que houve a escuta dos representantes do Movimento Ocupe Estelita, Consórcio Novo Recife e Ministério Público Estadual e Federal.

















Acordos recentes -
Na segunda-feira (16), em uma reunião na Prefeitura do Recife, foi fixado um prazo de 30 dias para serem estabelecidas as novas diretrizes urbanísticas para a área do Cais José Estelita.

Participaram entidades como o Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Pernambuco (CAU), Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea), Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB) e Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Uma proposta de procedimentos foi assinada e será encaminhada ao Ministério Público de Pernambuco (MPPE), Ministério Pública Federal (MPF), Consórcio Novo Recife e movimento Ocupe Estelita, que devem participar do processo de elaboração do novo projeto imobiliário para a área.

Na ocasião, foi combinada a convocação de uma audiência pública pela Prefeitura do Recife após o estabelecimento dessas diretrizes. O Consórcio Novo Recife terá, então, mais trinta dias para realizar o redesenho do projeto. Depois disso, o acordo é realizar uma nova audiência pública para que novas contribuições sejam feitas pelos envolvidos, mediante aprovação da prefeitura.

Em relação à reintegração de posse do terreno, o prefeito Geraldo Julio disse que o assunto não foi tratado na reunião, mas que deve ser realizado em um acordo entre o movimento e as construturas.

Assinaram o documento representantes do CAU, IAB, Crea, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), UFPE, Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), Centro Dom Helder Câmara de Estudos e Ação Social (Cendhec), Observatório do Recife e Fórum Estadual de Reforma Urbana (Feru).

Entenda o caso - A área do cais foi ocupada em 21 de maio por manifestantes contrários ao projeto Novo Recife, plano imobiliário de um grupo de construtoras que prevê a construção de torres residenciais e comerciais num terreno de 10 hectares, no Centro Histórico do Recife. Eles pedem a nulidade do processo administrativo que aprovou o projeto, que hoje é objeto de ações judiciais questionando sua legalidade.

O Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) concedeu a reintegração de posse da área, atendendo a um pedido feito por advogados do Consórcio Novo Recife. O DU e o Ministério Público recorreram da decisão, que ainda não foi analisada pela Justiça estadual. No dia 3, a Prefeitura do Recife anunciou a suspensão da licença que permitia a demolição de galpões da área do cais.

No dia 5, o engenheiro Eduardo Moura, representante da Moura Dubeux Engenharia, afirmou que o Consórcio Novo Recife concorda em produzir um novo projeto para o terreno.

A polêmica - Em 2013, a Prefeitura do Recife aprovou novas medidas referentes ao polêmico projeto imobiliário, exigindo novas ações mitigadoras - tomadas para compensar os possíveis danos causados pela construção. O valor da compensação subiu de R$ 32 milhões para R$ 62,7 milhões, com a inclusão de biblioteca, túnel e um parque linear, entre outros itens.

Um termo de compromisso entre a gestão municipal e consórcio de construtoras responsável pelo Projeto Novo Recife foi assinado na ocasião.

Desde que foi criado, em 2012, o projeto é alvo de polêmicas. Cinco ações questionam o Novo Recife: uma civil pública do Ministério Público estadual, uma do Ministério Público federal e três ações populares. As ações populares pedem a nulidade do ato administrativo do Conselho de Desenvolvimento Urbano (CDU) que aprovou a proposta imobiliária no fim de 2012.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Lucidio de Figueiredo Galvão Júnior

VAMOS FAZER O SEGUINTE: QUEM É A FAVOR DESSA ESCULHAMBAÇÃO DE INVADIR O QUE É DOS OUTROS, ENTÃO BOTE O DINHEIRO PARA PAGAR OS PREJUÍZOS, PORQUE DE BOCA EU SOU LEONARDO DI CAPRIO, O REI DO SIÃO, É MUITO FÁCIL FALAR.

aurilio florido da paixao

tem de ver se o procurador pode ser advogado deste assunto,a OAB esta ai para se pronuciar,tem de ser justo

araceli carneiro

Primo ou não tiago noroes, escrevam ai, é procurador geral do estado e advogado da moura dubeux. ele come de todo lado, entendeu? e a oab nada faz?

Renato Santos

Só por hoje vou sair do meu normal e vou me utilizar do veneno dos habituais comentaristas daqui mas a verdade é que estes filhotes de pomba precisam seguir direitinho a cartilha do coronel. É mesmo todos uns FILHOS DA PUTA.

Saulo Alves

Uma cambada de vagabundo e isso que é esse invasores, tem mais é que arrumar uma trouxa de roupas para lavar!!!


Jaboatão Habitacional Suassuna

Confira os últimos posts



15/08


2014

Cinegrafista também será velado no Palácio

Do Diário de Pernambuco

Em entrevista coletiva realizada na tarde de hoje, no Palácio do Campo das Princesas, o secretário de Imprensa do Governo de Pernambuco, Ivan Maurício, disse que, por meio de uma ligação, a família do cinegrafista Marcelo Lyra, manifestou o desejo de que seu corpo fosse velado juntamente aos do ex-governador Eduardo Campos, do jornalista Carlos Percol e do fotógrafo Alexandre Severo. Dessa forma, todas as vítimas pernambucanas do acidente aéreo ocorrido na quarta-feira, em Santos, serão veladas na sede do governo do estado.

Por isso, por conta da disponibilidade de espaço, cresce a probabilidade de que a cerimônia seja realizada do lado de fora do Palácio, em um palco que já está sendo montado. Na estrutura, o arcebispo de Olinda e Recife Dom Fernando Saburido será o responsável pela condução da Missa de Corpo Presente de Eduardo Campos e das outras vítimas.

Apesar de seguir com o impasse sobre a data e hora do velório, por conta dos trabalhos para identificação dos corpos que estão sendo realizados em São Paulo, o governo do estado organizou uma reunião hoje para definir algumas questões sobre a estrutura e logística que serão organizadas no palácio para a cerimônia.

O encontro contou com a presença de representantes da Secretaria de Saúde, da Secretaria de Defesa Social, Corpo de Bombeiros, Casa Militar e CTTU. Na reunião, ficou definido o trajeto que será realizado pelo caminhão do Corpo de Bombeiros com os caixões saindo da Base Aérea de Recife, com direção ao Palácio do Campo das Princesas, e do Palácio ao Cemitério de Santo Amaro.

Ainda de acordo com Ivan Maurício, duas unidades de saúde serão instaladas para possíveis emergências: uma dentro do Palácio, e uma ao lado do Teatro de Santa Isabel. O secretário afirma que ainda não é possível mensurar a quantidade de pessoas que estarão presentes na cerimônia. Porém, a diretoria do Cemitério de Santo Amaro, onde o corpo do ex-governador será sepultado, trabalha com a possibilidade de receber cerca de 150 mil pessoas.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Pousada da Paixão

15/08


2014

Restos mortais devem chegar amanhã", diz João Lyra

O governador João Lyra Neto disse há, pouco, em entrevista ao Frente a Frente, direto de São Paulo, que a previsão de que os trabalhos de reconhecimento dos restos mortais do ex-governador Eduardo Campos e das demais seis vítimas fatais do acidente aéreo em Santos acabem amanhã por volta de meio dia.

"Quem me deu essa garantia foi o governador Geraldo Alckmin (SP)", disse Lyra, adiantando que após o fim dos trabalhos dos peritos haverá a burocraria das certidões de óbito em Santos, o que deve demorar mais um pouco. "Se tudo der certo, os restos mortais de Eduardo estarão chegando a Pernambuco amanhã no final da tarde.

O governador disse, ainda, que o velório será iniciado na noite de amanhã e se prolongará até às 17 horas do domingo, quando ocorrerá o sepultamento no cemitério de Santo Amaro. Lyra elogiou o governador Geraldo Alckmin que, segundo ele, está empenhado, dando total apoio.

"Ele estava no IML ontem às 10 da noite e tem ficado o tempo inteiro acompanhando os trabalhos dos peritos", disse o governador. Segundo ele, Dilma, Lula e mais de 15 governadores confirmaram presença nos funerais de Eduardo.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Flavio

duas coincidencias? primeiro dilma sanciona lei q torna sigilosa investigação de acidentes aereos, segunda por algum motivo gravador de voz nao estava funcionando,anac diz que por obrigaçao deveria estar.coincidencia de mais nao acham!

Rafael C.Soares Quintas

O que mais me deixa triste nisso tudo, é a certeza de que Eduardo Campos não mais voltará a governar nosso Estado. Ainda tinha essa esperança, pois com certeza, foi o melhor Governador de Pernambuco de todos os tempos.



15/08


2014

Mônica Bergamo: PSB pode lançar Luiza Erundina

A colunista Mônica Bergamo, publicou, nesta tarde, uma informação que pode alterar os rumos da sucessão presidencial. Segundo ela, uma ala do PSB estaria inclinada a lançar Luiza Erundina, ex-prefeita de São Paulo, ao Palácio do Planalto.

É uma indicação clara de que não há consenso no PSB em torno do nome de Marina Silva, que enfrenta resistência do próprio presidente da legenda e sucessor de Eduardo Campos no cargo, Roberto Amaral.

Nacionalista e defensor de teses contrárias às de Marina, como a energia nuclear, Amaral é aliado do ex-presidente Lula e, no passado, foi contrário à candidatura do próprio Eduardo Campos. Ele defendia o apoio à reeleição de Dilma.

Amaral também foi contrário à aliança entre o PSB e a Rede, de Marina Silva. O lançamento de Luiza Erundina seria uma saída para evitar a candidatura da ex-senadora.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Rafael C.Soares Quintas

O Sr. Roberto Amaral deve respeitar o desejo de Eduardo Campos, já que se ele a convidou para ser sua vice, é por que confiava nela para substitui-lo em uma eventual ausência sua.

José Cassé Sobrinho

Se o PSB decidir lançar como cabeça de chapa outro nome que não seja o de Marina, estará assinando um atestado de muita incompetência e inabilidade política. Espero e torço para que não seja praticada tamanha burrice!

jb

QUEM NÃO APOIA MARINA NÃO ESTÁ COM EDUARDO, NUNCA QUIS MUDAR ESSE PAÍS, NÓS NÃO VAMOS DESISTIR DE MARINA, NÃO VAMOS DESISTIR DO BRASIL.



15/08


2014

Ausência de áudio não impede investigações, garante FAB

Apesar do áudio encontrado na caixa-preta não corresponder ao voo que caiu em Santos (SP), matando o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos e seis integrantes de sua equipe, a Força Aérea Brasileira (FAB) afirma que ainda é possível esclarecer quais os motivos que levaram ao acidente. A aeronave, modelo Cessna Citation 560XL, de prefixo PR-AFA, também não possuía o módulo de dados, responsável por armazenar as informações técnicas das duas últimas horas de voo.

Desde a última quarta-feira (13), dia do acidente, técnicos do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) estão recolhendo os destroços da aeronave, que estão espalhados em um raio de 500 metros do local da queda. Segundo a assessoria da FAB, a perícia nos destroços, associadas a outros procedimentos (que inclui entrevistas com testemunhas do acidente) poderão solucionar o caso. A FAB lembra que serão levados em conta vários fatores, inclusive o estado emocional dos pilotos, e acrescenta que a presença da caixa-preta não é imprescindível para a solução do caso.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Flavio

calves e wellington,a anac disse q o gravador de voz nao poderia ser desligado, e o aviao nao deveria decolar sem ele,mais uma coincidencia,para osm petistas tudo normal,e com a lei da dilma desigilonas investigaçoes de acidente aereo,ficariamaisfacilpor culpa em pilotos,mais umassinatovia petralhas

Flavio

o pt paga a 20.000 babacas para defende-los na internet,calves e outros como aqui,primeiro impediram a criação do partido de marina,eduardo atrapalhou e a convidou,depois contaram coma morte dele para infiltrados e comprados no psb apoiassem a dilma e parece q nao deu certo.

Elisabete Aprigio de Sá

Esse acidente me cheira a atentado petista para não perder o poder. Bem que disseram que se o Brasil perdesse a Copa, iríamos ver coisas que até deus duvidaria...

BARTOLOMEU BUENO JOSE DE ALBUQUERQUE LINS

Lula e Dilma estão vindo para o velório para ofuscar a presença de Marina. Eles vão articular de toda maneira para impedir e eleição da ex-senadora. Vamos dar uma vaia em Dilma e Lula. Eu quero ver a cara cínica deles chorando.

BARTOLOMEU BUENO JOSE DE ALBUQUERQUE LINS

Eles contavam com a presença de Marina dentro do avião, é lógico, mas não foi assim. Marina salvou-se e está pronta para luta. Essa ligação entre Dirceu, Lula, Dilma e José Múcio é bastante perigosa. Eles vão chorar em cima do cadáver de Eduardo.


Petrolina abril 2021

15/08


2014

‘O mais provável é que Marina seja candidata’, diz PSB

O presidente do PSB, Roberto Amaral, afirmou, hoje, que o mais provável é que Marina Silva seja a candidata do partido à Presidência da República, no lugar de Eduardo Campos, morto em um acidente aéreo na última quarta-feira. Ele disse ainda que a viúva Renata Campos seria "um grande nome" para ocupar a vice na chapa.

“O mais provável é que Marina seja a candidata, mas tomaremos essa decisão apenas no dia 20”, afirmou Amaral, que negou ter resistências ao nome da ex-senadora.

O PSB marcou para a próxima quarta-feira reunião da executiva para discutir o nome a ser lançado à disputa pela Presidência. De acordo com a coluna Panorama Político, Amaral esteve com Marina ontem em São Paulo e, na saída, revelou para correligionários que tinha ido levar solidariedade a vice da chapa e informá-la que defende que ela seja a candidata dos socialistas.

Questionado se há uma articulação para fazer de "Dona Renata", como Campos a chamava, vice na chapa, ele disse desconhecer esse fato: “Não tenho conhecimento, mas ela seria um grande nome”.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Costa/PE

É que certas besteiras,sem prova não devem serem ditas, se MAGNO retirou fez certo, depois acho que pode ter gente RESPONDENDO JUDICIALMENTE por coisas que não podem provar.

Flavio

comentarios que colocavam em duvida acidente é retirado pelo blog do magno,isso é censura ou medo.


Ipojuca 2021

15/08


2014

Geraldo volta a SP para tentar acelerar traslado

O prefeito do Recife, Geraldo Júlio (PSB), está embarcando daqui a pouco para São Paulo tentar agilizar a transferência dos restos mortais do ex-governador Eduardo Campos. Em entrevista, há pouco, em frente à residência da viúva Renata Campos, ele informou que havia conversado com o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin.

Do governador paulista, disse que recebeu informações de que os trabalhos de identificação das vítimas no IML estariam sendo acelerados, mas que não havia previsão do traslado para Recife amanhã, conforme estava inicialmente previsto.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Caruaru Campanha São João

15/08


2014

Presidenciável adia campanha no Sertão do Estado

Em virtude do falecimento do ex-governador de Pernambuco, Eduardo Campos, na última quarta-feira, em um acidente aéreo na cidade de Santos, o presidenciável Aécio Neves cancelou o ato de campanha, que estava marcado para o próximo domingo, nas cidades de Petrolina, no Sertão do São Francisco e Juazeiro na Bahia. O candidato confirmou que virá ao velório e enterro de Eduardo.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

CABO

15/08


2014

Em vídeo, Campos relata problema em avião do acidente

Um vídeo cedido pela RPS Produtora mostra o momento em que o presidenciável do PSB Eduardo Campos, que morreu na quarta-feira, em um acidente de avião, brinca com o fato de ter se atrasado a um compromisso em Maringá, no norte do Paraná, por causa de um problema na aeronave Cessna 560 XL, prefixo PR-AFA, a mesma do acidente. Ele estava sentado ao lado da vice-candidata Marina Silva (PV) e participava de uma palestra na Associação Comercial, quando relatou o problema, no dia 16 de junho.

"Nossas desculpas, da gente chegar rigorosamente dentro do horário (risos), entramos num avião em Londrina e o avião não funcionou... ainda bem que foi... se fosse ao contrário.... (risos), mas aí tivemos que arrumar um carro, o carro estava sem gasolina, nós fomos parar num postinho, depois pegamos uma chuva... e Marina disse pare o carro que ninguém tá vendo nada (risos)... e chegamos aqui em duas horas, agradeço a paciência, a atenção....”, relatou Campos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Bandeirantes Junho 2021

15/08


2014

"Eu vou ganhar a eleição", assim dizia Eduardo



Por Arthur Cunha*

Todo mundo sabe o tamanho da admiração que tenho por Eduardo Campos. Por não ter pai, tive que buscar em outras pessoas referências desse tipo para construir a minha personalidade. Não tenho vergonha de dizer que muitas delas encontrei nele. Em tanta coisa da minha vida pessoal e profissional me vejo tentando imitar Eduardo Campos...

Foi com ele que aprendi a ser firme, afirmativo e determinado na busca do meu objetivo. Não tem um dia que não acorde para trabalhar e lutar até o fim para ser alguém na vida inspirado nele. Eduardo Campos trabalhou até a hora da morte.

Esse é o legado que ficará para mim com mais força: a determinação! ''As pessoas querem ser as coisas na vida e esquecem de dizer por que querem ser as coisas''. Já ouvi muito dele essa frase atribuída a Miguel Arraes.

Além de muito ensinamento, Eduardo Campos me deu o prazer e a realização profissional de cobrir o seu governo. Me pegou para criar mesmo. Foi mais do que fonte, foi professor. Foi estadista ao aceitar as críticas e as matérias que fiz contestando seu governo ou sua movimentação política.

Nunca misturou isso com a relação pessoal. Também sei que ele gostava de mim, já ouvi isso de muita gente diferente. Tanto que me deu a honra de ir ao meu casamento acompanhado dessa extraordinária mulher que é Renata. Foram como amigos e me deixaram muito honrado e feliz.

Eu já levei bronca e já recebi muito afago de Eduardo Campos. E adorava cobrir aquele governador diferenciado; eram as aulas que nenhuma faculdade vai me proporcionar. Já rodei Pernambuco do Sertão ao Litoral atrás do governador.

Sábado, me despedi dele em Ouricuri e Bodocó, no Araripe. E a despedida não poderia ter sido mais Eduardo Campos. Depois de um discurso monstruoso em Bodocó, que mobilizou a todos, fui conversar com ele na Van.

''Chefe, o senhor botou pra fuder hoje'', eu disse. ''Tu gostou, Arthuzinho?''. ''O que o senhor acha?'', devolvi rindo. Esse homem estufou o peito, arregalou os olhos e sapecou: ''Nós vamos ganhar!''.

E é isso que ''Eduardo é'', um grande vencedor!

*Jornalista


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Serra Talhada 2021

15/08


2014

Viúva de Reginado Rossi morre aos 67 anos no Recife

A esposa do cantor Reginaldo Rossi, Celeide Pessoa Neves faleceu aos 67 anos no final da manhã de hoje, no Hospital Memorial São José, no Recife, após um infarto.

A viúva do rei do brega estava internada na UTI coronária da unidade de saúde desde a última quarta-feira, com complicações no coração. Ela foi atendida pela médica Fátima Maia. O seu esposo, Rossi, morreu em dezembro do ano passado, aos 69 anos, por decorrência de um câncer de pulmão.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha