Maia não sinaliza disposição por impeachment

Na live ao blog, há pouco, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), não quis adiantar se aceitará o pedido para abertura do processo de impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) pedido hoje formalmente pelos partidos de oposição. “Sou o juiz, não posso falar”, alegou, ao sair pela tangente.

Ao longo da entrevista, Maia mostrou que está distanciado do Palácio do Planalto e admitiu que Bolsonaro cria muitas dificuldades na relação com o Congresso, e por isso mesmo o presidente não tem uma base sólida na Câmara e no Senado.

Maia também criticou o fato de Bolsonaro ter se aliado ao ex-deputado e presidente do PTB, Roberto Jefferson, alegando que essa aliança irá atrapalhar muito mais o Governo. Na live, o presidente da Câmara também negou que seja candidato à reeleição da Presidência da Casa, pois vai obedecer a Constituição que o impede de concorrer novamente. A íntegra da entrevista será postada em instantes.

Publicado em: 21/05/2020