STF atento ao tom de Lula

Postura de incendiário pode causar mudança de voto no tribunal

Época - Por Guilherme Amado

Os ministros do STF, especialmente os cinco que votarão na Segunda Turma se Sergio Moro foi ou não parcial ao julgar Lula , estão atentos ao comportamento do ex-presidente fora da cadeia.

Se ele mantiver a postura de incendiário , ameaçando fazer do Brasil um Chile, haverá quem mude seu voto.

Hoje, o placar que se avizinha é 3 a 2, com Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski e Celso de Mello a favor de Lula e Cármen Lúcia e Edson Fachin, contra.

Mantida essa previsão, os casos do tríplex e do sítio serão anulados e voltarão à primeira instância.

Publicado em: 16/11/2019