Economia vê com ressalvas técnico no lugar de Cintra

Cúpula do Ministério da  Economia vê com ressalvas ideia de Onyx de colocar técnico da Receita à frente do fisco.

Foto: Estadão Conteúdo

Folha de S. Paulo - Painel
Por Daniela Lima

 

Bateu quadrado na cúpula do Ministério da Economia o fato de o ministro Onyx Lorenzoni (Casa Civil) ter pregado que um técnico ligado à própria Receita assuma a chefia do órgão no lugar de Marcos Cintra.

Integrantes da equipe econômica acham difícil que um membro da Receita proponha texto eficiente de reforma tributária. A análise é que não seria de interesse dos servidores simplificar a cobrança de impostos —assim, perderiam poder. Se o novo chefe do fisco tiver de ser do órgão, dizem, que não seja corporativista.

Publicado em: 17/09/2019