Os bastidores do poder e da
política em primeira mão

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE Jaboatão orientação
Coluna 11.04.2022 00:00

Coluna da segunda-feira

Por Magno Martins, edição de Ítala Alves compartilhamentos

Terceira via: agora vai? 

Até então, faltando apenas seis meses para as eleições, a chamada terceira via na corrida presidencial ainda não disse a que veio. Nem Ciro Gomes (PDT), o mais conhecido de todos que se apresentam para tentar quebrar a polarização Lula X Bolsonaro, consegue passar dos seis pontos nas pesquisas de intenção de voto. 

A última tentativa vem de uma união ainda não confirmada, na prática, por três grandes gigantes - MDB, União Brasil, PSDB e Cidadania. Em 18 de maio, pretendem lançar o candidato único. Os critérios estão sendo discutidos para escolher um nome de consenso. A última semana foi repleta de reuniões em Brasília dos presidentes dos partidos. Já ficaram definidos dois critérios aceitos pelas siglas envolvidas na discussão de candidatura única do grupo: intenção de votos e número de votos nas últimas eleições.

Entre os pré-candidatos, João Doria é o nome do PSDB, e Simone Tebet, do MDB. O União Brasil irá anunciar o seu na próxima quinta-feira. O presidente do partido, Luciano Bivar, é quem tem mais chances de ser escolhido. Sérgio Moro, que deixou o Podemos e filiou-se ao União Brasil e disse, depois de desistir da pré-candidatura, que ainda era pré-candidato, corre por fora. 

No novo partido, no entanto, seu nome tem pouco apelo entre os dirigentes. Na sexta-feira passada, o prefeito de Salvador, Bruno Reis (União Brasil), declarou apoio a Doria na corrida eleitoral. Ele é aliado político de ACM Neto, candidato ao Governo da Bahia.  O grupo de Doria avalia que conta com um trunfo para crescer nas pesquisas até a data da escolha do candidato: os spots nacionais do partido irão ao ar de 26 de abril a 10 de maio. 

O ex-governador será a estrela principal nas propagandas nacionais e nos Estados sem candidato ao Governo. Doria deu início na semana que passou a trabalhar ao menos um dia por semana em Brasília. Seu escritório político foi montado dentro da sede do PSDB. E o slogan deste momento da campanha foi escolhido: “O Brasil tem jeito. O jeito é Doria”. 

O ex-governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, não aparece até o momento nos cálculos do grupo. Motivo: não é pré-candidato. Tebet disse ao lado do gaúcho que Doria é o pré-candidato tucano. O vice será escolhido só depois, e nenhum nome está descartado. As atuais pré-candidaturas não contam para esse cálculo.

Novo presidente - O empresário e investidor Jorge Paulo Lemann deu declarações afirmando que o Brasil terá “um novo presidente”. “Temos uma eleição em andamento no Brasil e nós teremos um novo presidente. Meu objetivo básico é tentar melhorar a educação. Estamos preparando um novo kit de como melhorar a educação no Brasil, que é o que eu acho que o Brasil mais precisa”, afirmou Lemann, o brasileiro mais rico do mundo, segundo ranking da Forbes, com fortuna avaliada em US$ 16,2 bilhões (R$ 76,1 bilhões). É dono da cervejaria Ambev, das marcas Brahma e Skol, além de sócio da 3G Capital.

Indecisão de Bivar - Presidente nacional do União Brasil, o deputado Luciano Bivar não sabe o que quer nas eleições deste ano. Na semana passada, no estresse do esgotamento do prazo para troca de partido, disse que seria candidato a deputado federal, mais uma vez, e criou um clima de constrangimento sugerindo o sacrifício de um dos dois candidatos que disputam na sua legenda - Fernando Filho ou Mendonça Filho. Um ou outro queria que fosse abrigado em outra sigla, porque na UB só dois são eleitos. Ontem, segundo o site Poder360, seu nome está cotado para presidente pela terceira via. 

No muro - Embora filiado ao PL, ocupando a função de segundo-vice-presidente do diretório estadual, o prefeito do Cabo, Keko do Armazém, ainda não declarou seu apoio ao pré-candidato liberal a governador, Anderson Ferreira. Continua em cima do muro, já prometeu o céu a Miguel Coelho e o paraíso a Raquel Lyra. Ontem, recebeu o pré-candidato do PSB, Coronel Danulo, mas saiu do encontro no mesmo lugar em que se encontra: em cima do muro. 

Exceção pernambucana - Deu no site Metrópoles: "Após a filiação dos ex-ministros Tarcísio de Freitas e Damares Alves ao partido, o Republicanos já dá como certo seu apoio formal à reeleição de Jair Bolsonaro. A cúpula da legenda, no entanto, já admite que abrirá “exceção” em ao menos um estado brasileiro para seus filiados apoiarem o ex-presidente Lula (PT): em Pernambuco.No Estado, o Republicanos é comandado pelo deputado Silvio Costa Filho, que já declarou voto no petista. Ele é filho do ex-deputado Silvio Costa, que chegou a ocupar a vice-liderança do governo Dilma Rousseff na Câmara". 

Recife miserê - O pré-candidato do União Brasil ao Governo do Estado, Miguel Coelho, tem batido duro no Governo do PSB, especialmente depois que Recife apareceu como a terceira capital mais pobre do País. "A Região Metropolitana do Recife tem uma das piores médias de renda do Brasil. A nossa proposta é ter um programa social, além dos que já existem, mas um programa guarda-chuva, perene, de 12 meses, e o ponto de entrada será a renda das famílias. Até porque, hoje, de acordo com o IBGE, você tem uma média no Recife de pouco mais de R$ 100,00 nas classes mais vulneráveis e mais pobres do nosso estado. Com R$ 100,00, a pessoa não consegue sequer garantir a comida, o mínimo”, disse o pré-candidato em sabatina na rádio CBN Recife. 

CURTAS

DOIS PESOS, DUAS MEDIDAS - Em Afogados da Ingazeira, só a enfermeira que aplicou a vacina da covid para adultos em crianças, um grupo de 41 alunos em duas escolas, foi punida. Se ela errou, o secretário municipal de Saúde errou muito mais, mas não levou sequer um puxão de orelha do prefeito.

REAÇÕES FORTES - Ao invés de tomar a dose da Pfizer pediátrica, as crianças tomaram a dose da Janssen, vacina destinada para os adultos. O erro começou a ser investigado após alguns pais de alunos procurarem unidades de saúde com os filhos passando mal. Seis crianças apresentaram reações mais fortes como náusea, vômitos e febre. Uma delas chegou a ficar internada com febre alta, mas recebeu alta após ser medicada.

Perguntar não ofende: Por que só Bolsonaro não faz o menor esforço para conhecer o drama da Paixão em Nova Jerusalém? 

compartilhamentos

Últimos posts

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE Petrolina - São João
Brasil 25.06.2022 17:00

Bolsonaro investe no discurso do bem contra o mal na Marcha para Jesus

Por Magno Martins, edição de Ítala Alves compartilhamentos

Em evento da Marcha para Jesus, neste sábado, em Balneário Camboriú, em Santa Catarina, o presidente Jair Bolsonaro disse que ao formar os ministérios para o seu governo, “fez o contrário” do que gestões anteriores fizeram em Brasília, mesmo sob pressão. A justificativa para tal atitude, segundo ele, foi a “lealdade” ao povo. As informações são do Correio Braziliense.

“Não é fácil, um milagre a minha sobrevivência, porque não dizer quase um milagre uma eleição. Depois, também, formar um ministério com pressões as mais variadas possíveis para que Brasília continuasse como sempre esteve ao longo das últimas décadas, fizemos ao contrário. Apostamos porque sempre devi lealdade ao povo que está na minha frente”, declarou para uma multidão de aproximadamente 50 mil participantes, que o ovacionaram com gritos de "mito".

...



compartilhamentos
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE Ipojuca - Maio 2022
Brasil 25.06.2022 16:15

Ministro do STF é tachado de mentiroso em evento no Reino Unido

Por Magno Martins, edição de Ítala Alves compartilhamentos

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso afirmou, hoje, que o Brasil se tornou um “país de ofensas” após ser interrompido em um evento no Reino Unido, quando defendia o processo eleitoral brasileiro. As informações são da CNN Brasil.

Barroso dizia que, quando presidiu o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) entre 2020 e 2022, precisou “oferecer resistência aos ataques contra a democracia e impedir esse abominável retrocesso que seria a volta do voto impresso com contagem pública manual, que sempre foi o caminho da fraude no Brasil”.

...



compartilhamentos
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE Caruaru - Junho 2022
Brasil 25.06.2022 16:00

Estratégia de reeleição de Bolsonaro se impõe e estados já sabem que vão perder receitas de ICMS até no STF

Por Magno Martins, edição de Ítala Alves compartilhamentos

A sabedoria popular ensina que contra fatos não há argumentos. E a política é a arte de transformar fatos em narrativas. Vale para o Governo como para quem está na oposição. As informações são do colunista Fernando Castilho, do Jornal do Commercio.

Os estados sabem agora que a decisão de confrontar o governo na questão do ICMS - quando ainda poderiam articular uma negociação assim que os preços do barril do petróleo explodiram e começaram a turbinar as receitas dos estados - foi um equívoco, embora sempre seja muito difícil fechar acordos com Jair Bolsonaro.

...



compartilhamentos
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE Cabo - Unidade de Saúde da Família
Pernambuco 25.06.2022 15:30

Rodrigo garante coordenar e estar à frente da campanha de Raquel em Caruaru

Por Magno Martins, edição de Ítala Alves compartilhamentos

Ele tem 40 anos e menos de três meses como gestor de uma das maiores cidades do interior pernambucano. Formado em administração/marketing, o prefeito de Caruaru, Rodrigo Pinheiro (PSDB), vem mostrando garras de leonino. Nos festejos juninos, recebeu em seu camarote, no Pátio de Eventos, todos os pré-candidatos ao Governo de Pernambuco. Os adversários elogiaram a acolhida e observaram a inquietação do jovem. As informações são da Folha de Pernambuco.

A aliada e ex-prefeita, também pré-candidata ao Governo, Raquel Lyra, chegou a se irritar e achar estar perdendo espaço. Nos bastidores, todos desconfiam que, solteiro e sem filhos, o prefeito esteja aproveitando para consolidar seu projeto político e construir sem amarras um caminho para reeleição, em 2024. Com o mesmo prazer de praticar exercícios, comer massas e reunir amigos (alguns que guarda da infância), garante coordenar e estar à frente da campanha de Raquel. Tem gente pagando para ver.

...



compartilhamentos
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE Arcoverde - São João 2022
Brasil 25.06.2022 15:10

Casal de idosos é morto a facadas num prédio de luxo no Rio

Por Magno Martins, edição de Ítala Alves compartilhamentos

Um casal de idosos foi morto a facadas na madrugada de hoje em um condomínio no Jardim Botânico, Zona Sul do Rio. De acordo com as primeiras informações da Divisão de Homicídios, que investiga o caso, suspeito do crime, que é oficial da Marinha, seria namorado do filho do casal e teria atacado as vítimas supostamente motivado por ciúmes. As informações são do G1/RJ.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o pedido de socorro foi feito pouco depois da meia noite e atendido pelo Quartel do Humaitá. Ao chegarem no local, um apartamento na Rua Pio Corrêa, os bombeiros encontraram os idosos já mortos e um homem inconsciente, apontado pela polícia como suspeito do crime.

...



compartilhamentos
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE Toritama
Brasil 25.06.2022 15:00

Impeachment, a dúvida da oposição se vale a pena ou não nesse momento

Por Magno Martins, edição de Ítala Alves compartilhamentos

O escândalo da gravação que joga responsabilidade para cima de Jair Bolsonaro, no caso do ex-ministro Milton Ribeiro (Educação), não foi celebrado com salva de fogos pela oposição. Não na devida dimensão do episódio. Hoje, com as redes sociais, é fácil medir o alcance de um fato e sua repercussão. As informações são do Blog do Noblat.

Em outros tempos, o PT, por exemplo, já estava na rua com a campanha “Fora, Bolsonaro” mais ruidosa do que nunca. Por muito menos, o partido fez isso com Fernando Henrique Cardoso (FHC). Os tucanos não esquecem jamais do “Fora, FHC”.

...



compartilhamentos
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE Serra Talhada 2021
Brasil 25.06.2022 14:30

Minha história com Gonzaguinha

Por Magno Martins, edição de Ítala Alves compartilhamentos

*Por Irineu Tamanini

O então presidente Fernando Collor visitou no dia 3 de abril de 1991 a cidade de Juazeiro do Norte, no Ceará. Valter Lima, da Rádio Nacional viajou dois dias antes no escalão precursor da Presidência da República para transmitir, direto da terra de Padre Cícero, o programa “Revista Nacional”.

...



compartilhamentos
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE Belo Jardim 2 - Abril
Brasil 25.06.2022 14:00

PF alegou falta de recursos para transferir Milton Ribeiro, mas dispõe de três jatos

Por Magno Martins, edição de Ítala Alves compartilhamentos

A Polícia Federal tem três jatos da Embraer, mas alegou que não tinha recursos para transportar o ex-ministro da Educação Milton Ribeiro, na quarta-feira passada, data de sua prisão. Apesar de haver uma ordem judicial para que Ribeiro fosse transferido de Santos (SP), onde reside, até Brasília, a PF manteve o ex-ministro em São Paulo. As informações são do Estadão.

O descumprimento da ordem judicial foi citado pelo delegado Bruno Calandrini, que preside o inquérito sobre a existência de um gabinete paralelo no Ministério da Educação operado por Ribeiro e dois pastores, como indicação de interferência na investigação.

...



compartilhamentos
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE Bandeirantes Maio 2022