FMO janeiro 2020

23/01


2013

Orçamento das Copas é apresentado ao Pacto Metropolitano

Virgínia Gonzaga
Da equipe do blog


Representantes dos 14 municípios da Região Metropolitana do Recife (RMR) e Goiana voltaram a se reunir, na tarde desta quarta-feira (23), na Boa Vista, desta vez para discutir ações de infraestrutura para a Copa das Confederações - o terceiro maior evento esportivo do mundo - que será realizada no Brasil em julho deste ano.

Dando seguimento a agenda pré-definida pelo grupo, os emissários do Pacto Metropolitano acompanharam uma apresentação sobre a evolução das obras da Cidade da Copa e receberam instruções do secretário estadual extraordinário da Copa 2014, Ricardo Leitão.

Leitão desmentiu a possibilidade de a Arena virar um ''elefante branco'' garantindo que ''se houver um transporte de qualidade e uma atração interessante as pessoas irão sim se deslocar para São Lourenço''. O custo para as obras da Copa das Confederações gira em torno de R$ 1,3 bilhão. Já o total de despesas até o mundial de 2014 deve totalizar o dobro deste valor, podendo passar dos R$ 2,5 bilhões. O secretário disse ainda que há negociações em curso para que um novo campus da Universidade de Pernambuco seja construído no local.

Além dos representantes titulares, os municípios estão enviando às reuniões secretários de diversos segmentos como Turismo, Planejamento, Obras e Meio Ambiente, com o objetivo de incorporar estas pastas aos conteúdos discutidos nos encontros.

Segundo o secretário de Planejamento e Desenvolvimento Urbano do Recife, Antônio Alexandre, esse segundo momento serviu para posicionar as cidades da RMR sobre os compromissos assumidos pelo Governo do Estado com os dois grandes eventos esportivos a serem realizados em Pernambuco. Alexandre adiantou que um novo encontro dos representantes municipais deverá acontecer no próximo dia 20 de fevereiro, ainda em local indefinido, e contará com a colaboração do secretário executivo de Mobilidade, Flávio Figueiredo e da secretária Desenvolvimento Social e Direitos Humanos do Recife, Ana Suassuna.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Jânio Nunes

E o orçamento para combate aà seca, bem o Orçamento para combate à seca... deixa eu ver... há já sei será em 2014, promessas e mais promessas, blá blábláblábláblá, e o povo que se FFFFFFDDDDDDD!!!!!braZil país rico é país sem CORRUPÇÃO!!!, dessa vez inovei na frase, hehehehe

enoque viana de oliveira filho

O vereador egipciense Flávio Jucá disse uma frase que é uma realidade pura: O SERTÃO NÃO É BRASIL. E o governo federal canta: tô nem aí, tô nem aí...

enoque viana de oliveira filho

O vereador egipciense Flávio Jucá disse uma frase que é uma realidade pura: O SERTÃO NÃO É BRASIL. E o governo federal canta: tô nem aí, tô nem aí...

o povo da de olho

E A SECA MATANDO GADO E GENTE. É DE IDIGNAR QUALQUER CIDADÃO HONRADO. EU DISSE HONRADO. IMORAL E COVARDE.


IPTU Cabo

23/01


2013

Estado terá que indenizar família de preso morto em rebelião

A Justiça condenou o Governo do Estado a pagar R$ 100 mil à família de um detento assassinado durante rebelião no Presídio Aníbal Bruno, no dia 11 de janeiro de 2008. A decisão terminativa é assinada pelo desembargador substituto Humberto Vasconcelos Júnior, integrante da 3ª Câmara de Direito Público do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), que, através de reexame necessário da sentença, confirmou decisão do juiz José Viana Ulisses Filho, que havia determinado a indenização por danos morais.

O Estado alega que a morte foi causada por terceiros e que os agentes prisionais agiram no dever legal. “Se a morte foi causada por agentes estatais ou pelos próprios detentos, pouco importa para eximir a culpa do ente político. O que se verificou foi falta do dever de cuidado, fazendo surgir a responsabilidade civil do Estado pela culpa in vigilando”, afirmou Humberto Vasconcelos Júnior.

Sobre a alegação de que os agentes estatais que invadiram o presídio para conter a referida rebelião agiram no estrito cumprimento do dever legal, o relator registrou que não é motivo que se afaste o encargo civil. “Esse tipo de excludente de ilicitude pode beneficiar apenas e tão somente o agente que efetuou o disparo fatal, afastando a responsabilidade no campo penal, mas não nas demais esferas”, registrou.

O Estado ainda pode recorrer da decisão através de recurso de agravo no prazo de dez dias, a contar da data de publicação da decisão (23/01/2013).

Crédito: JC Online.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

o povo da de olho

AGORA ME RESPONDAM COM SABEDORIA: E SE MORRER UM POLICIAL MILITAR? A FAMILIA RECEBERÁ INDENIZÇAO OU SO CONTAS PARA PAGAR?

o povo da de olho

AGORA É SO SE PREPARAR PARA MAIS REBELIÃO........E SAIR PARA A INDENIZAÇÃO GORDA.

JORGE GUERREIRO

Correção:...bandido bom...

JORGE GUERREIRO

Isso é BRASIL!!! Uma JUSTIÇA que DEFENDE BANDIDO, e pune o ESTADO por agir para MORALIZAR a segurança. Banido bom é bandido MORTO. Que o diga JAIR BOLSONARO, o GRANDE deputado.


Governo de PE - Decimo Terceiro

23/01


2013

Dilma recebe líderes da União Europeia em Brasília


















A presidente Dilma Rousseff receberá nesta quinta-feira (24), no Palácio do Planalto, os presidentes da Comissão Europeia e do Conselho Europeu para a 6ª Cúpula Brasil-União Europeia. Os líderes deverão tratar de cooperação científica e tecnológica, segundo o Itamaraty, além de debaterem temas relacionados à crise econômica e à segurança no Oriente Médio e na África.

Segundo o G1, representarão a União Europeia (EU) o presidente da Comissão Europeia, o português Durão Barroso, e o presidente do Conselho Europeu, o belga Herman Van Rompuy. A Comissão e o Conselho são órgãos da União Europeia.

Além dos temas de interesse global, o Itamaraty informou que deverão estar na pauta discussões sobre o G20 (grupo que reúne as 20 economias mais ricas do mundo) e assuntos de cooperação entre blocos regionais.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

acolher

23/01


2013

CNJ quer traçar perfil socioeconômico do judiciário

 






No começo de fevereiro, o plenário do Conselho Nacional de Justiça vai votar uma proposta para a realização de um Censo do Poder Judiciário. A expectativa é que o pedido seja aprovado e o levantamento seja iniciado ainda no mês de fevereiro, tendo como primeiro ponto de pesquisa a Justiça de Minas Gerais.

O Censo traçará pela primeira vez o perfil socioeconômico de juízes, desembargadores e demais servidores do Judiciário. Também haverá no questionário um quesito sobre a etnia do entrevistado, o que permitirá que seja feito um mapa racial da Justiça brasileira.

Segundo o Radar Online, uma vez iniciado o Censo, o CNJ vai tentar concluí-lo em 120 dias.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


23/01


2013

Marco Maia pleiteia cargo para manter-se no alto escalão














A poucos dias de deixar a Presidência da Câmara para voltar ao “baixo clero”, o deputado Marco Maia (PT-RS) pede a ajuda de aliados para persuadir a presidente Dilma Rousseff (PT) a oferecer-lhe um ministério, a liderança do governo ou a presidência de uma estatal.

Maia acha que tem “crédito” junto à presidente Dilma, mas de acordo com o jornalista Claudio Humberto, o petista é visto pelo Palácio do Planalto como um político menor, que importunava com ameaças caso seus pedidos não fossem atendidos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Diego da Silva Araújo

Um completo politiqueiro que nunca deveria ter existido na política brasileira. Um canalha que só se ocupa em levar vantagem e atender suas vaidades sem qualquer escrúpulo. É a face da nojeira política brasileira e nunca teve a importância, sequer a competência para merecer o cargo que ora ocupa!

JANDILSON DE ALBUQUERQUE CORDEIRO

Esse Ai, foi pior de que SEVERINO CAVALCENTI, pra ser pior do que BIU, é ser ruim demais,ele nunca deveria ter saido dolugar que estava, foi VERGONHOSO,


Cúpula Hemisférica

23/01


2013

Planalto preocupado com baixa credibilidade econômica

Mesmo diante de um início de ano turbulento na articulação política do governo, o que mais preocupa o Palácio do Planalto hoje é a condução da economia em 2013. Interlocutores diretos da presidente Dilma Rousseff (PT) não escondem mais o temor com o derretimento da credibilidade da equipe econômica.

A constatação no núcleo palaciano é de que é preciso reconquistar a confiança do mercado – e principalmente dos investidores – na economia brasileira. Por esta avaliação, o governo está assustado como o cenário mudou no curto prazo de um ano.

Segundo o Blog do Camarotti, a própria presidente teria ficado surpreendida com a reação negativa de economistas com a realização da manobra contábil para atingir o superávit primário. A tese, defendida por integrantes da equipe econômica, tinha como objetivo manter a todo custo o compromisso de fazer a economia para pagar juros da dívida pública e, com isso, tentar manter sua trajetória de queda.

O Planalto sabe que o primeiro trimestre será crítico para a economia. Isso porque a pressão inflacionária em março deve superar a casa dos 6% para o período dos últimos 12 meses. Resultado: haverá uma expectativa do mercado pela retomada no aumento da taxa de juros seguida pelo segundo teste, entre abril e maio, que é quando a procura – ou a ausência dela – à Petrobras irá ditar como anda a confiança do setor para com o Governo Federal.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Serra Talhada

23/01


2013

Eduardo cria Empresa Pernambucana de Comunicação

Em cerimônia realizada ontem (22) na Sala de Monitoramento do Centro de Convenções, o governador Eduardo Campos (PSB) assinou o decreto que institui a criação da Empresa Pernambucana de Comunicação (EPC) e que aprovao estatuto social da empresa e nomeia a sua nova direção.

A criação da EPC é fruto da articulação da sociedade civil e dos movimentos que debatem e discutem a comunicação em Pernambuco, que, com o apoio da máquina estadual, iniciou, em 2009, o processo de reformulação da TV Pernambuco, a partir da realização de seminários abertos à população e que culminou na nomeação de um Grupo de Trabalho, que assumiu a gestão provisória da TV. O articulador cultural Roger de Renor, que liderou o grupo, hoje assume a direção de produção e programação.

A gestão da recém-criada EPC também já tem nomeados o publicitário Guido Bianchi, que assume como diretor-presidente, e o jornalista e professor universitário Paulo Fradique, na vice-presidência. Os nomeados assumem um mandato de duração de quatro anos, vigentes a partir da assinatura do decreto.

De Brasília, o diretor-geral da Empresa Brasil de Comunicação, Eduardo Castro, afirmou que é importante notar que a participação popular que culminou na implantação da EBC, agora, com suas devidas especificidades, está motivando a luta por empresas de comunicação públicas estaduais. ''A criação da EPC não é apenas mais um canal, mas uma mostra da consolidação do campo da comunicação pública'', afirmou o diretor.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Edson Moraes de Oliveira

Nos bastidores o comentário é que Roger está feito cachorro que caiu da mudança. Mas quem realmente comanda a comunicação aqui no Estado? A EPC existe mesmo? E o Detelpe/TVPE é só para o Roger de Renor assinar?

Edson Moraes de Oliveira

Roger de Renor será o diretor de Conteúdo e Programação da empresa, mas ainda foi não nomeado. Ele, Roger, continua assinando como gerente geral do Detelpe/TVPE, que será incorporado a EPC. Confuso, não?

Edson Moraes de Oliveira

Sem entender Desde 22 de janeiro de 2013 que foi assinado o Decreto que regulamenta a EPC - Empresa Pernambuco de Comunicação. Foram nomeados o Guido Bianchi(presidente) e PauloFradique(vice.presidente), ficando os outros quatro cargos de diretores sem preenchimento.

Edson Moraes de Oliveira

Sem entender Desde 22 de janeiro de 2013 que foi assinado o Decreto que regulamenta a EPC - Empresa Pernambuco de Comunicação. Foram nomeados o Guido Bianchi(presidente) e Paulo Fradique(vice.presidente), ficando os outros quatro cargos de diretores sem preenchimento. Roger de Renor será o diretor d

roberto lima

Um factóide para animar a galera ($$$).


Prefeitura de Limoeiro

23/01


2013

Gravatá: Armando reafirma apoio à gestão de Martiniano

O prefeito Bruno Martiniano (PTB) recebeu na manhã de hoje (23), em seu gabinete, a visita do Senador Armando Monteiro Neto (PTB), que esteve em Gravatá para reafirmar seu apoio ao correligionário e tomar conhecimento da real situação do município. Além do senador, participaram do encontro os deputados Silvio Costa (PTB), Bruno Rodrigues (PP) e Zé Humberto (PTB), além de vereadores e secretários municipais.

O prefeito agradeceu à visita da comitiva e abordou assuntos como a atual situação administrativa da cidade e a importância do projeto que prevê a construção de um centro de treinamento para Copa de 2014 na cidade. Armando sugeriu a elaboração de uma agenda de prioridades, elencando os assuntos que são competentes aos senadores e aos deputados.

“Essa agenda vai nos ajudar a trabalhar de forma organizada e prioritária, manifestando assim nosso comprometimento com este município. [...] A cidade tem múltiplas vocações e o turismo é uma delas, mas também pode aspirar novas realidades de crescimento como a matriz industrial de Pernambuco”, declarou o senador.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banner de Arcoverde

23/01


2013

PSDB nega apoio à candidatura de Randolfe

Randolfe Rodrigues (PSOL) segue firme na disputa pela Presidência do Senado. Resta saber até quando, pois uma parcela significativa da oposição sequer cogita a possibilidade de apoiá-lo.

De acordo com o Radar Online, esse é o caso de boa parte do PSDB: os tucanos não esquecem a postura combativa de Randolfe na CPI do Cachoeira, quando trabalhou ativamente pelo pedido de indiciamento de governador de Goiás, Marconi Perillo. Para quem não lembra, Randolfe integrou o colegiado em uma vaga cedida pelo tucanato.

Outro episódio entalado na goela da bancada foi o desentendimento com Aloysio Nunes Ferreira: Randolfe chegou a afirmar que sua assinatura foi falsificada por assessores de Aloysio.

Em suma, o PSDB fará o que puder por Pedro Taques.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


23/01


2013

Primavera: segundo colocado toma posse na Câmara
















Enfrentando dias tensos desde o fim do ano passado, quando o prefeito eleito, Pão com Ovo (PRTB), foi enquadrado na Lei da Ficha Limpa, o município de Primavera, na Mata Sul do Estado, vivenciou o ápice do seu acirramento político na última terça-feira (22). Segundo colocado na disputa, o ex-prefeito Galego do Gás (PR) tomou posse em uma Câmara Municipal praticamente vazia - apenas quatro vereadores que o apoiam deram o ar da graça. O maior contingente foi formado por policiais do Grupo de Apoio Tático Itinerante (Gati), chamados para conter os ânimos da militância que tomava conta da principal avenida da cidade.

A confusão começou por volta das 10h da manhã de ontem, com o corte do fornecimento de energia elétrica em todo município. Rômulo César Peixoto, conhecido pela curiosa alcunha de Pão com Ovo, estava trabalhando normalmente na sede da prefeitura quando foi surpreendido com chegada de Adeíldo Gouveia da Silva, o Galego do Gás. Nas mãos, a decisão do juiz da 31ª Zona Eleitoral, Márcio Araújo dos Santos, autorizando o republicano a ser empossado. Já nomeado prefeito de Primavera, Galego do Gás seguiu para a sede da prefeitura disposto a sentar na cadeira do rival.

A vice de Pão com Ovo, Tânia Barros, sustenta que a posse é ilegal, uma vez que, pela Lei Orgânica Municipal, ela somente pode ser concedida pelo presidente da Câmara de Vereadores, que estava ausente da cidade em virtude do recesso parlamentar. “Isso foi uma manobra para querer nos tirar da prefeitura antes desse processo terminar. Vamos recorrer da decisão quantas vezes for possível”, assegurou Tânia.

 














Em sua defesa, Galego do Gás assegura que respeitou o desejo da população e está voltando à prefeitura devido a um erro do seu adversário. Irritados com a posse em condições que afirmam ser questionáveis, aliados de Pão com Ovo acusam Galego de ter cortado a energia na manhã dessa terça. “Quando eu cheguei para tomar posse a Câmara estava sem energia. Não fui eu e nem ninguém a meu mando. Só se foram eles, para evitar a minha posse”, rebate.

Pão com Ovo alega que nas 42 cidades do Brasil que tiveram problemas com prefeitos enquadrados após a aplicação da Lei da Ficha Limpa, com exceção da vizinha Água Preta, todos os municípios irão realizar nova eleição. O desembargador Roberto Morais comparou, em sua decisão, os casos das duas cidades e destacou em sua decisão que Pão com Ovo não obteve mais de 50% dos votos, uma vez que na contagem do percentual considerou também os votos brancos e nulos.

O mesmo argumento foi utilizado em Água Preta, onde Armando Souto (PDT) foi cassado e assumiu o segundo colocado, Eduardo Coutinho (PSB), uma vez que o primeiro não tinha 50% mais um voto, como determina a legislação eleitoral. “O desembargador não pode contar votos brancos e nulos. Isso é inconstitucional. Apenas os votos válidos é que são computados num caso como esse”, destaca Tânia Barros.

Com informações do Jornal do Commercio.
Fotos: Clemilsom Campos


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha