Jaboatão

31/10


2006

Equipe de transição ocupará prédio do Banco do Brasil

O coordenador da equipe de transição do governador eleito de Pernambuco, Eduardo Campos, João Lyra Neto (PDT), visitou há pouco, em companhia do vereador Danilo Cabral, também da equipe, e de Sileno Guedes, diretor do Metrorec, as instalações da sede do Banco do Brasil, no bairro do Recife, local onde funcionará o Comitê de Transição. A área cedida pelo Banco do Brasil abrange todo o sexto andar. “A estrutura é maravilhosa, perfeita, do jeito que estávamos querendo”, disse João Lyra ao deixar a sede do Banco do Brasil.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

PREF DE OLINDA DESAFIOS DA PANDEMIA 21

31/10


2006

RJ: Rosinha diz que espera governo de continuidade

Depois de mais de duas horas de conversa com o governador eleito Sérgio Cabral Filho (PMDB), a governadora Rosinha Garotinho, do mesmo partido, disse hoje que espera um governo “de continuidade do desenvolvimento do Rio de Janeiro”. Ao ser questionada sobre a intenção de Cabral de reduzir de 30 para 15 o número de secretarias estaduais, Rosinha respondeu: “cada um tem sua forma de governar”.

Cabral, que manteve uma certa distância de Rosinha e de seu marido Anthony durante a campanha, não quis comentar a expectativa de continuidade da administração. O governador eleito disse que a redução da máquina pública será feita “com calma”, depois que a equipe de transição estudar todos os dados da administração estadual.

Cabral já deixou o Palácio Laranjeiras e embarcará para Brasília onde terá uma reunião com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no final da tarde. O governador eleito visitou Rosinha Garotinho acompanhado da mulher, Adriana, e do vice-governador eleito, Luiz Fernando Pezão.  As informações são do Correio Web.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Ipojuca 2021

31/10


2006

Eduardo se reúne com Lula em Brasília

O governador eleito de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), já está no Palácio da Alvorada, residência oficial do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em Brasília, onde almoça com o presidente reeleito. A repórter do blog na capital federal, Ana Silveira, acompanha a visita de Eduardo a Lula.

Ele chegou de carro ao Palácio, mas não parou para conversar com os jornalistas que aguardavam a sua chegada na entrada. De dentro do carro, fez apenas um sinal do ''V'' da vitória e prometeu conversar com os jornalistas na saída do encontro.

Eduardo teve o privilégio de ser o primeiro governador eleito neste domingo a ser recebido por Lula. Mais tarde, ainda nesta terça-feira, o presidente terá um encontro com Sérgio Cabral (PMDB), eleito governador do Rio de Janeiro.

O encontro foi um convite do próprio presidente, que deseja articular o novo governo com apoio da maioria dos governadores eleitos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

José Hermano Couto Sampaio Júnior

O Governador eleito pertence ao PSB caro Magno.


Petrolina abril 2021

31/10


2006

PPS pede expulsão de Blairo Maggi

Na reunião da executiva nacional do PPS, que ocorre desde a manhã desta terça-feira em Brasília, foi autorizada a abertura de processo no Conselho de Ética que pede a expulsão do governador reeleito do Mato Grosso, Blairo Maggi, do partido.

Filiado ao PPS, Maggi deu apoio e fez campanha para o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no segundo turno. O PPS, conforme havia sido oficializado pelo presidente nacional do partido, deputado Roberto Freire (PE), resolveu dar apoio ao candidato do PSDB à Presidência, Geraldo Alckmin.

Com a abertura do processo, o governador terá de apresentar defesa dentro do prazo de 30 dias. Já o processo deve ser finalizado em 60 dias. As informações são da  Folha Online.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

milton tenorio pinto junior

..... nessa eleição enterrou de vez a sua história política!

milton tenorio pinto junior

O suplente e aspirante a golpista Roberto Freire está com seus dias contados na política.É só uma questão de tempo.O seu padrinho Jarbas só é Senador,não tem mais Secretária para a turma do seu partido.Acabou Roberto,o povo de pernambuco não entra mais na sua conversa.A sua participação...........

presidente do povo, ele que colocá-lo prá, fora, pois bem, quem não deveria quere ficar mais nesse partido despersonalizado é o Blairo, partido não falta para ele ir, e se ele quiser, nos do PSB o receberemos de braços abertos.

Eita, o Ditador Roberto Freire, tá botando prá lascar, será que sempre teve essa cara e conseguiu nos enganar, todo esse tempo. Quando entendeu apoiar Jarbas e a direita, não respeitou os filiados nem os companheiros, para pegar essa suplência de senador. Agora, quando um Homem sério, apoia o

José Hermano Couto Sampaio Júnior

Só em pensar que já votei no Sr. Roberto Freire, ô se arrependimento matasse.



31/10


2006

Sérgio Guerra: "Não vamos comer prato feito em 2008"

Numa conversa, há pouco, com o signatário deste blog, o senador Sérgio Guerra (PSDB-PE), que coordenou a campanha presidencial do tucano Geraldo Alckmin, admitiu disputar à Prefeitura do Recife, em 2008. “Não afasto a hipótese, embora não esteja nos meus planos”, afirmou. Enfatizou que o PSDB não ficará a reboque de outros partidos. “Não estamos dispostos a comer prato feito”, ironizou, provavelmente numa alusão ao deputado Raul Henry (PMDB), que está de olho na Prefeitura.

 

Sobre o futuro da aliança jarbista em Pernambuco, derrotada pelo governador eleito Eduardo Campos, Guerra disse que está incorreta a leitura de que ela acabou. “Estamos vivendo o momento em que a aliança está mais precisando ser mantida”. Por que acabar se precisamos de mais unidade a partir de agora? ’, pergunta.

 

E acrescenta que o senador eleito Jarbas Vasconcelos (PMDB) continuará sendo o principal elo de sustentação da aliança. “Jarbas é, e sempre será, o meu líder. Ele foi um dos grandes vitoriosos destas eleições, recebendo uma votação consagradora”, observou.

 

Quanto à postura que o PSDB assumirá frente ao Governo Eduardo Campos, o senador tucano afirmou que será de oposição. “Mas, não vou tratar Eduardo como trataria um governo do PT”, assinalou. Guerra confirmou o ingresso de três deputados estaduais eleitos na legenda tucana – Ricardo Teobaldo (PMDB), Claudiano Martins (PMDB) e Lourival Simões. Com isso, o PSDB passa a ter nove deputados na Assembléia Legislativa.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Seu líder só não, nobre senador, ele é tudo, pois hoje és senador por causa dele. E pelo conceito político que seu partido tem em Pernambuco, não adianta deixar a bajulança não, pois, esse partido não tem competência para seguir carreira solo.

Severino Isidoro Fernandes Guedes

Para acabar com esse troca-troca de partidos e com esses adesistas de ocasião se faz necessária urgente uma reforma político-eleitoral. O problema é que todos os políticos e partidos se dizem a favor da boca pra fora, mas na hora "H" continuam a dar aval a essa esculhambação anti-democrática.

Severino Isidoro Fernandes Guedes

Os adesistas de ocasião que migraram do PSB para os partidos da base jarbista vão voltar em sua quase maioria para a base política de Eduardo, que ao meu ver não deveria deixá-los se filiar ao PSB, mas sim a alguma legenda de aluguel ou alternativa, porque o PSB não merece esses vira-casacas.

Severino Isidoro Fernandes Guedes

É uma santa ingenuidade acreditar que essa aliança conservadora ( PMDB-PFL-PSDB) permanecerá intacta no estado. Os interesses são muito divergentes. Ademais como dizia Agamenon Magalhães o maior partido de PE é o governador do Estado. O PSB, infelizmente, vai inchar.

Ana B. Holanda

Sérgio Guerra é sonso. Todo mundo sabe que ele não estava nem ai para a eleição de Mendonça. Depois vem falar em prato-feito.... na verdade Sérgio guerra é um come quieto.Acho até que já está pensando em aderir .. Vamos verse logo mais ele não estará junto com Eduardo Campos.


ALEPE

31/10


2006

Bush parabeniza Lula e pede mesmo ''know how''

O ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, informou nesta terça-feira que o presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, telefonou para o presidente reeleito Luiz Inácio Lula da Silva para dar os parabéns pela vitória e brincou ao dizer que: "Sua vitória foi espetacular. Você precisa me dar um pouco do seu ''know how'' (experiência) porque estou precisando no momento".

Bush convidou ainda Lula para fazer uma visita aos EUA. Segundo Amorim, o telefonema do presidente americano foi ''caloroso''.

Lula também recebeu os parabéns do primeiro-ministro da Inglaterra, Tony Blair, a quem convidou para fazer uma visita ao Brasil, já que, segundo Celso Amorim, os países têm boas relações comerciais e devem continuar trabalhando para aprimorá-las. As informações são do portal G1.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Paulin de Caruaru.

É só implantar o "bag family".

Severino Isidoro Fernandes Guedes

Lula deveria procurar coisas mais interessantes para fazer do que estar dando ouvido aos salamaleques deste deplorável senhor da guerra, repudiado por toda a humanidade.

Ana B. Holanda

Quem te viu quem te ver, Bom mesmo é ver Lula contente, contente porque o presidente dos Estados UNidos lhe parebeniza. E faz questão de divulgar. caso contrário quem saberia? para quem achava os estados UNidos o mal do mundo tempos atrás. Enfim Lula é uma outra pessoa, não?


Bandeirantes 2021

31/10


2006

Dossiê: parte dos dólares saiu da Vicatur

A Polícia Federal em Mato Grosso confirmou nesta terça-feira que US$ 109,8 mil dos US$ 248,8 mil que seriam utilizados na compra de um dossiê pelo PT contra políticos tucanos saíram da casa de câmbio Vicatur, no município de Nova Iguaçu (RJ), na Baixada Fluminense.

Segundo a PF, a instituição investiga outras casas de câmbio para tentar identificar de onde saiu o restante dos dólares.

A Polícia Federal deve começar nesta semana a indiciar os envolvidos --Gedimar Pereira Passos, advogado e ex-policial federal; Valdebran Padilha da Silva, filiado ao PT do Mato Grosso; o ex-petista Hamilton Lacerda, ex-assessor da campanha de Aloizio Mercadante ao governo de São Paulo; além de Oswaldo Bargas, que integrava a campanha do presidente Luiz Inácio Lula da Silva; Jorge Lorenzetti, analista de mídia e risco do PT e churrasqueiro do presidente; e Expedito Veloso, ex-diretor do Banco do Brasil-- com o escândalo da compra do dossiê.

O indiciamento de Freud Godoy, ex-assessor especial de Lula, ainda não está certo. O delegado Diógenes Curado Filho, responsável pela investigação, ainda estaria analisando os crimes supostamente cometidos pelos acusados. As informações são da Folha Online.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

guilherme alves

A nação precisar saber do conteúdo desse famoso dossiê. Só se fala em dossiê e não temos ciência do nele continha. Que tabu é esse? O que tão escondendo da população? A mídia tem obrigação de informar o que contém esse famoso dossiê.


Serra Talhada 2021

31/10


2006

Eduardo sela a paz de inimigos históricos em Arcoverde

Eduardo Campos (PSB), eleito governador de Pernambuco, tem conseguido operar milagres na política interiorana. Na festa da vitória em Arcoverde, a 250 km do Recife, ontem, por exemplo, os grupos da ex-prefeita Rosa Barros e do ex-deputado Israel Guerra, que vivem se digladiando, foram vistos desfilando juntos, em carro aberto.

 

Mas, diferente de Rosa, que tem tido uma postura discreta, Israel já deu entrevistas em emissoras do município anunciando que será o manda-chuva local, passando por ele, assim, consequentemente, a indicação dos cargos de segundo escalão no município.

 

Não se sabe, no entanto, que tratamento o governador eleito dará ao prefeito Zeca Cavalcanti, que apoiou Mendonça Filho (PFL), mas fez vistas grossas ao alinhamento de secretários e assessores da sua equipe ao palanque do socialista. Que, diga-se de passagem, não foram poucos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

milton tenorio pinto junior

Ana,que surpresa!Melhorou da lapada?

Ana B. Holanda

EDuardo campos, o Grande. Vamos esperar para ver essa história. O tempo dirá. Tô rezando para que tudo saia bem....


Anuncie Aqui - Blog do Magno

31/10


2006

Carrero dever ser diretor da revista Multicultural

O escritor Raimundo Carrero deve ser indicado pelo seu guru Ariano Suassuna para o cargo de diretor da Revista Continente Multicultural, editada pela Companhia Editora de Pernambuco. Discípulo fiel de Ariano, Carrero já teria sido convidado e estaria cuidando apenas de montar sua própria equipe para editar a revista. ''Padrinho'' intelectual do governador eleito Eduardo Campos, Ariano deverá funcionar como uma espécie de secretário sem pasta para assuntos artísticos e culturais.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Ricardo José Amorim Campos

poxa. ja que pelo visto nos proximos 4 anos o foco será a cultura popular, será que seu eu escrever um cordel sobre "o reino encantado de lula; o retorno do rei sebastiao" a revista publicaria?

Ana B. Holanda

E o primeiro número da Continente vai ser um estouro. Sobre Ariano, o Cantor das Multidões.... Ai, ai...

roberto lima

Começou o acerto de contas!. O escritor merecia coisa melhor ou melhor seria ficar em casa escrevendo seus livros.!

adriano da mota silveira

com ariano na cultura o governo so vai patrocinar folhetos de cordel, cantador de embolada, rebeca, maracatu, reco-reco, banda de pifanos, bacamarteiros, zabumba, mestre salustiano, tonheta, cantador de feira e quinteto violado que ninguem aguenta mais

LUIZ MESQUITA

A campanha já acabou! Mas O APERREIO CONTINUA NÉ ANA?????kkkkkkkkkk!!!!!!!!!



31/10


2006

Sócios da Vicatur negam que conhecem petistas

Sócios da Vicatur Câmbio e Turismo Limitada, os empresários Fernando Manoel Ribas Soares e Sirley da Silva Chaves disseram ao delegado Diógenes Curado, da PF, que não conhecem ninguém do PT e que jamais negociaram dólares com representantes do partido. A empresa é apontada pela PF como origem de parte do R$ 1,7 milhão com que petistas pretendiam comprar o dossiê dos Vedoin com acusação contra dirigentes do PSDB.

Da agência, de Nova Iguaçu (RJ), saíram os dólares de parte da quantia a ser paga pelo dossiê, segundo a investigação presidida por Curado, delegado em Cuiabá.

Durante os interrogatórios, realizados no Rio, Curado perguntou aos sócios da agência se conheciam o prefeito de Nova Iguaçu, Lindberg Faria (PT).

Ribas Soares e Sirley Chaves negaram que conheçam o prefeito pessoalmente. Também negaram que tenham mantido contato com assessores do prefeito. Lindberg é cotado no PT do Estado do Rio como provável candidato a governador em 2010. As informações são da Folha Online.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha