Blog do Magno 15 Milhões de Acessos

29/05


2008

Garotinho denunciado: formação de quadrilha armada

 A operação Segurança Pública S/A, desencadeada nesta quinta-feira pela Polícia Federal, prendeu em flagrante o deputado estadual Álvaro Lins, ex-chefe da Polícia Civil do Rio. Lins foi preso no apartamento onde mora, em Copacabana. Ele é acusado de lavagem de dinheiro, formação de quadrilha armada, corrupção passiva e facilitação ao contrabando. Já o ex-governador Garotinho, foi denunciado pelo crime de formação de quadrilha armada.

Agentes da PF cumpriram mandados de busca e apreensão na casa do ex-governador Anthony Garotinho, em Campos, no bairro da Lapa e em Laranjeiras, no Rio. Os policiais deixaram a residência em Campos levando um laptop que estaria no escritório de Garotinho.


Segundo o Ministério Público Federal, os acusados forjaram uma organização criminosa que usou a estrutura da Polícia Civil do Rio de Janeiro para praticar lavagem de dinheiro, facilitação de contrabando e corrupção.


Também com mandados de prisão, os delegados Ricardo Halack, ex-chefe da Polícia Civil, e Luiz Carlos dos Santos e o policial Helio Machado, o Helinho, não foram encontrados. A PF informou que eles serão considerados foragidos se não se apresentarem até a meia-note desta quinta.(Agência Globo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Virgulino Ferreira Lampião

ESSE GAROTINHO É UM BANDIDINHO,LOBO EM PELE CORDEIRO,PREGA E NÃO VIVE IGUAL A MUITOS A MACEDO,CRIVELA,MARQUINHOS,PR COLLINS,AIRINHO,MARCOS ANTONIO,JOTA NETO,

guilherme alves

Isso não é invenção da PF. Garotinho não é pastor e vive pregando para o povo de Deus. Como pode? Homem tão probo e cumpridor das coisas da Bíblia ser acusado dessa forma.


O Jornal do Poder

29/05


2008

Speck ataca acusadores: ''''Não têm hombridade''''

 O ex-prefeito de Paulista, Antônio Speck considerou a atitude da Prefeitura de  Paulista de responder críticas a atual admistração com ataques a ele, como “golpe sujo e baixo”, e devolvendo o ataque ao prefeito Yves Ribeiro..

“Ele não tem é hombridade de mostrar o que fez no Governo dele e fica com esse tipo de denúncia vazia. Pegamos uma prefeitura em estado deplorável e deixamos tudo saneado. Houve um problema na Emsurb, sim. Tanto que nós a extinguimos quando tomamos conhecimento. Demitimos a diretoria e instauramos inquérito administrativo. A Justiça está procurando os culpados. Mas não podemos ser imputados a uma denúncia que não temos nada haver”, defendeu-se. (Com informações da Folha de Pernambuco)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Rui Cocri da Costa Junior

LADRÃO!!!! PAULISTA ESTÁ CHEIA DE VOCÊ SPECK!! ESTAMOS CHEIOS DE SUAS "GAVETADAS DE PANO"!!!!


Abreu no Zap

29/05


2008

Prefeitura responde críticas com ataque a Speck

Ao responder as denúncias do vereador Jorge Rocha (PPS), sobre a divulgação no Diário Oficial de um frigorífico que “pavimentaria” ruas, a Prefeitura de Paulista aproveitou para atacar o desafeto e adversário político Antônio Speck (PTB). A resposta e as críticas foram encabeçadas pelo secretário de Assuntos Jurídicos, Nelson Bandeira, que atribuiu a “contratação” da empresa de alimentícios a um erro de digitação. “Isso se resolve com uma errata”, resumiu. Mas o foco pretendido pelo jurista era a divulgação de um relatório elaborado pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE). “O relatório mostra um esquema de corrupção de quinta categoria envolvendo sócios e parentes de Speck”, atacou.

De acordo com Nelson Bandeira, a documentação remete-se à gestão da Empresa de Obras e Serviços Urbanos (Emsurb) e relata atos ilícitos de 2001 a 2003. Segundo ele, alguns dos crimes citados no relatório são fraude de licitação, falsidade ideológica, falsidade documental e estelionato. “O dano não foi só para o município, foi para o Estado e União”, explicou. O prejuízo total seria acima de R$ 2,8 milhões.(Folha de Pernambuco)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

janio da silva martins

quem ja assistiu eese filme.eu ja ,e nao gostei.



29/05


2008

Lá se foi o pastor Isaac

O prefeito de Abreu e Lima, Flávio Gadelha (PMDB), decretou luto oficial por três dias pelo falecimento, na madrugada de hoje, do pastor Isaac Martins Rodrigues, de parada cardiorespiratória. Ele era um dos líderes da Assembléia de Deus mais conhecido do Norte/Nordeste. Presidente de honra da Igreja, foi responsável pela construção de um dos maiores templos de Pernambuco localizado em Abreu e Lima, RMR. Na política, ele teve forte influência na primeira eleição do então deputado federal Salatiel Carvalho.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

janio da silva martins

no momento em que mais precisamos de pessoas com principios vai embora um com essas qualidades, meu pesar.



29/05


2008

Moraes assume Conselho e já breca processo de Paulinho

 Na contramão da rapidez da Mesa da Câmara em pedir processo de cassação do deputado Paulo Pereira da Silva (PDT-SP), o novo presidente do Conselho de Ética, Sérgio Moraes (PTB-RS), disse que vai precisar de até 15 dias para poder dar seguimento ao processo. "Em até 15 dias, se estiver seguro, tranqüilo, vou tomar o passo seguinte", declarou. "Somente depois disso é que vou designar um relator, se for necessário."

O tempo que Moraes usará para analisar as duas representações contra Paulinho pode levar o julgamento para o segundo semestre, quando a Câmara já estará em recesso branco por causa das eleições. Como certos prazos do processo são contados por sessões na Casa, a decisão pode demorar ainda mais.(O Estado de S.Paulo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banco de Alimentos

29/05


2008

Presidente do Conselho de Ética tem três processos

 Deputado federal de primeiro mandato e pouquíssimo conhecido na Casa, o gaúcho Sérgio Moraes (PTB) assume o comando do Conselho de Ética respondendo a três processos na Justiça, frutos da época em que foi prefeito em Santa Cruz do Sul. Ao enumerar os processos, ele fez questão de minimizar o fato e afirmou que será absolvido em todos eles.

— Lá na minha terra tem um ditado: cachorro que não tem pulga ou teve ou vai ter. Quem não tem defeitos? Os processos não são contraditórios (com o cargo de presidente do Conselho de Ética). Sou ético, não me dobro e serei absolvido — afirmou Moraes.(Correio Braziliense)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


29/05


2008

PEC dos vereadores pode valer para eleições deste ano

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Carlos Ayres Britto, disse ontem que a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que altera o número de vereadores, aprovada em primeiro turno pelo Plenário da Câmara dos Deputados, pode valer para as eleições de 2008 se for aprovada antes do início do processo eleitoral, ou seja, até o dia 30 de junho, que é o prazo final para a realização das convenções partidárias.

O ministro não quis se pronunciar sobre o teor da Proposta que, se aprovada pelo Congresso Nacional, modifica entendimento fixado na Resolução 21.702/04 do TSE sobre o quantitativo de vereadores. “A Constituição impõe limites numéricos. Eu não sei, não posso dizer se essa lei esta se situando dentro desses limites. Aguardemos, porque a matéria poderá vir aqui ao Supremo como questionamento,  contenda, em concreto, ou  Adin e eu não posso antecipar julgamento”, esclareceu Britto.

O texto da PEC, aprovado por 419 votos a 8 e com 3 abstenções, foi fruto de uma emenda relatada pelo deputado federal Vitor Penido (DEM-MG) à PEC 333/04, de autoria do deputado Pompeo de Mattos (PDT-RS).

É a seguinte a íntegra da entrevista do ministro Carlos Ayres Britto:

Pergunta: Sobre a PEC que altera o número de vereadores e que foi aprovada, como o senhor vê isso ?

O que eu posso dizer é que no TSE já se respondeu uma consulta sobre o assunto e a resposta foi a seguinte: em se tratando de emenda à Constituição, o número de vereadores pode experimentar mudança, sem ofensa ao artigo 16 da Constituição. O artigo 16 vale para lei, ‘não se pode alterar o processo eleitoral se não respeitado o princípio da anualidade’. Ou seja, a lei entra em vigor imediatamente mas só produz os seus efeitos um ano depois de editada. Mas, como é uma emenda, não é lei, o TSE já assentou que é possível sim alterar. Agora eu não quero é me pronunciar quanto à validade material da emenda, porque a Constituição estabelece um princípio de proporcionalidade entre o número de habitantes do município e respectivos vereadores. A Constituição impõe limites numéricos. Eu não sei, não posso dizer se essa lei está se situando dentro dos limites. Aguardemos, porque a matéria poderá vir aqui ao Supremo, como questionamento,  contenda, em concreto, ou Adin e eu não posso antecipar julgamento.

Pergunta: Agora então poderiam ser feitas mudanças das regras durante o jogo por PEC?

Isso. O artigo 16, que é um artigo de fixidez, de estabilidade em matéria processual eleitoral, não estaria ofendido. Porque não é a lei que está alterando o processo eleitoral, é uma emenda constitucional, que tem um status normativo superior ao da lei, é hierarquicamente superior.( Do site do TSE)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Tajmahal Cruz

Por falar na emenda dos vereadores, o ilustre deputado federal Silvio Costa, no dia da votação, estava de "flozô" ali na Assembleia Legislativa.Não parecia preocupado com essa votação...


Jornao O Poder

29/05


2008

Filho de Sílvio Pessoa assume presidência do PMDB

O advogado Sílvio Pessoa Júnior, procurador da Assembléia Legislativa de Pernambuco, assume, amanhã, a presidência do diretório municipal do PMDB no Recife. O ato será por volta das 11 horas na sede do partido. O cargo estava vago e a escolha de Sílvio foi consensual, com o respaldo, inclusive, do vereador Liberato Costa Júnior, o Velho Liba, que detinha o controle da comissão provisória.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


29/05


2008

Preso deputado ex-chefe de Polícia Civil de Garotinho

 O deputado estadual e ex-chefe da Polícia Civil do Rio Álvaro Lins (PMDB-RJ) foi preso em flagrante pela PF (Polícia Federal), na manhã desta quinta-feira, durante operação feita por força de mandados expedidos pelo TRF (Tribunal Regional Federal) da 2ª Região. Outras seis pessoas supostamente ligadas a Lins devem ser presas nesta operação batizada de Segurança Pública S/A.

O TRF, segundo a PF, além de expedir mandados, também aceitou uma denúncia contra o ex-governador do Rio Anthony Garotinho (PMDB) por formação de quadrilha armada.

Por telefone, a reportagem tentou entrar em contato com os assessores de imprensa de Lins e de Garotinho por volta das 9h, sem sucesso.

Lins comandou a Polícia Civil do Rio nos governos de Garotinho e da mulher dele, Rosinha. O atual deputado estadual é investigado desde 2006 suspeito de ter protegido os contraventores Rogério Andrade e Fernando Iggnácio na guerra pelo controle de caça-níqueis. De acordo com a PF, o mandado de prisão executado era por lavagem de dinheiro, formação de quadrilha armada, corrupção passiva e facilitação ao contrabando.

Durante o dia deverão ser cumpridos, ao todo, 16 mandados de busca e apreensão.

Os trabalhos desta quinta, ainda de acordo com a PF, são desdobramentos da operação Gladiador realizada em 2006. Naquela ocasião, 28 bingos do Rio foram fechados e 4.800 máquinas caça-níqueis foram apreendidas.

Na época da campanha para deputado, Lins enfrentou acusações de uso irregular de carros oficiais, armas e agentes do Estado para sua segurança. Houve suspeitas de que ele tivesse prometido contratar ''excedentes aprovados em concurso da Polícia Civil, em troca de votos. (Portal G1)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Severino Isidoro Fernandes Guedes

É claro que o governo Lula tem lá os seus defeitos. Mas uma coisa é certa: em governo algum a PF teve tanta liberdade de ação o quanto agora para prender corruptos graduados. Nunca o MP atuou tanto em defesa da ética e da moralidade. Ainda estamos longe disso tudo, mas o processo já se iniciou.

janio da silva martins

maudito nos homens que confiamos nos otros homens. E nisso que da.