Blog do Magno 15 Milhões de Acessos 2

05/06


2008

Oposição ganha eleição no Conselho de Engenharia

O Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura de Pernambuco (Crea) tem um novo presidente. O engenheiro José Mário Cavalcanti, candidato da oposição,  bateu o atual presidente Roberto Muniz. No seu plano de gestão, José Mário irá retomar as atividades do Programa de Acessibilidade, da Fiscalização Preventiva Integrada e da Assessoria de Defesa do Consumidor, compartilhar a gestão e os resultados do Instituto de Qualidade (IQ) com as associações vinculadas ao sistema.

Quer implementar, ainda,  ações que visem a maior interação entre as instituições de ensino e seus respectivos diretórios acadêmicos, interagir de forma mais eficaz com as instituições empresariais, com o objetivo de ampliar as oportunidades de trabalho para os profissionais do sistema e investir em qualificação da fiscalização do exercício legal das profissões vinculadas ao conselho.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

O Jornal do Poder

05/06


2008

OAB: lista dos que querem ser desembargador sai hoje

 O último nome da lista sêxtupla de candidatos que disputam o cargo de desembargador do Tribunal de Justiça do Estado (TJPE) ainda não foi definido pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), seccional de Pernambuco. Ainda faltam ser apurados 30 votos em separado (advogados que pagaram a OAB, mas constam como inadimplentes) distribuídos em cidades do Interior, como é o caso de Petrolina e Caruaru. Devido ao empate técnico registrado até o resultado parcial divulgado ontem, disputam a sexta colocação Flávio Régis e Márcio Jatobá.  Vale ressaltar, que a ordem dos nomes poderá ser invertida, a partir da totalização que será anunciada ainda hoje pela OAB.

A parcial divulgada pela Ordem dos Advogados mostra o primeiro colocado, Edgar Moury Fernandes Neto, com 1.062 votos; Izael Nóbrega, que ficou em segundo lugar, com 1.053; na terceira colocação, Eduardo Sertório, apresenta 927 votos; em quarto lugar, Virgínia Galvão, está com 925; e Rogério Neves Batista, com 781. Flávio Régis teve 611 e Márcio Jatobá aparece com 597 votos.(Folha de Pernambuco)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Abreu no Zap

05/06


2008

Caruaru: Neguinho vê secretariado sumir com arribada

 A debandada dos secretários municipais de Caruaru já começou. Ontem, entraram com o pedido de exoneração os titulares das pastas de Educação (Oscar Capistrano, DEM), Saúde (Ivânia Porto), Serviços Públicos (Adjar Soares/DEM) e Governo (Reginaldo França, PMDB). Os dois primeiros, com a intenção de disputar a Prefeitura contando com o apoio do ex-prefeito Tony Gel (DEM). Adjar Soares precisou se desligar por motivos pessoais.

Os desligamentos foram solicitados ontem porque o prazo para desincompatibilização para quem quer disputar as eleições é de quatro meses antes do dia da votação, 5 de outubro.

A deputada estadual Miriam Lacerda (DEM) admitiu que, devido à divisão dos partidos aliados, a chapa majoritária “será pão com pão”. “Tony já tinha dito que havia esse compromisso com os secretários Oscar Capistrano e Ivânia Porto. Só não sabemos quem será o candidato a prefeito e quem ficará na vice”, despistou. A parlamentar confirmou que o afastamento dos outros auxiliares só se dará no próximo dia 30. “Temos responsabilidade. O São João está chegando e o Executivo não pode ficar esvaziado”, explicou. (Folha de Pernambuco)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


05/06


2008

Propaganda: candidatos abusam e terão lei mais dura

 Está virando rotina. O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) tem provado que está implacável com relação aos pré-candidatos que usam de artifícios para fazer propaganda eleitoral antecipada. Todavia, insistentemente, os políticos vêm infringido a Lei, especialmente, promovendo seus nomes nas inserções partidárias. As multas, consideradas relativamente “leves”, variam entre R$ 21 mil e R$ 53 mil. Como forma de aumentar a rigidez aos infratores, já está a todo vapor uma discussão pela adoção de medidas mais rigorosas. “Não posso adiantar que medidas são essas porque ainda estamos em processo de análise, mas valeriam ainda para esta eleição”, destacou o promotor de Justiça Eduardo Cajueiro.

Ontem Carlos Eduardo Cadoca (PSC) foi, mais uma vez, notificado pelo MPPE por desvirtuamento da finalidade da inserção partidária. Por conta dessa representação, o parlamentar desponta agora como o recordista entre os concorrentes - três, em menos de dois meses. O PSC também foi alvo da representação. Nos outros dois processos, o social-cristão foi condenado a multas nos valores de R$ 29 mil e R$ 53 mil.

O também deputado federal e postulante Raul Henry (PMDB) e sua legenda foram condenados, na última terça-feira, por propaganda eleitoral extemporânea. A punição é referente ao uso do vídeo em benefício do pré-candidato. Esta é a segunda vez que o peemedebista é condenado pelo mesmo motivo. O juiz Paulo Torres decidiu pela pena máxima, R$ 53 mil.(Folha de Pernambuco)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


05/06


2008

Jarbas e Maciel em parecer sobre aumento de vereadores

 A comissão de vereadores da Câmara Municipal do Recife - Josenildo Sinésio (PT), Jurandir Liberal (PT), Gustavo Negromonte (PMDB), Eduardo Marques e Augusto Carreras (PV) - parece ter sensibilizado os senadores pernambucanos na tentativa de barrar ou reduzir o impacto da PEC 333/04. A emenda aprovada pela Câmara Federal daria mais três parlamentares ao Recife, porém reduziria o duodécimo do Legislativo, de 4,5% para 2% da receita do município. Ontem, a PEC chegou para a apreciação da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) e o presidente Marco Maciel (DEM) indicou o senador Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE) para ser o relator.

“Esta é a comissão encarregada de analisar tanto o mérito quanto os pressupostos jurídicos de legalidade e constitucionalidade. Se aprovada na CCJ, a proposta é encaminhada ao plenário do Senado”, afirmou Maciel, ao lembrar que a matéria precisa ser aprovada em dois turnos de votação, por 3/5 dos senadores. O democrata adotou a cautela para responder aos anseios dos vereadores, que desejam um desfecho até 30 de junho, data-limite para as convenções partidárias. “Não pode haver urgência para uma questão constitucional. Não podemos correr com isso, temos que prestar muita atenção aos aspectos técnicos e políticos, mas isso não significa dizer que não vamos ter celeridade nos trabalhos”, alertou.

Recebendo o compromisso de assumir a relatoria da matéria, Jarbas Vasconcelos vai analisar o texto depois de sua viagem de hoje a São Paulo. “Continuo mantendo meu posicionamento de ser contra o aumento das despesas”, reforçou. Jurandir Liberal achou produtiva a interferência “in loco” dos vereadores, mas avisa: “Teremos que conversar mais vezes”. (Folha de Pernambuco)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

S. C. B. M.

PARA QUE MAIS VEREADOR SE O QUE TEM JÁ NÃO FAZEM NADA. DEVERIAM SE PREOCUPAREM COM A SAÚDE NO PAIS QUE É UM DESCASO, CONSULTA MARCADA PARA DAQUI A 6 MESES

LUCIANO DA SILVA OLIVEIRA

Como Socialista e Municipalista, acho que deveria ser ainda maior o número de Vereadores no Brasil, entretanto sou radicalmente contra o número de deputados e senadores.

guilherme alves

Pelo histórico se depender de Marco maciel vaitar aumento de vagas.


Banco de Alimentos

05/06


2008

Reservas florestais crescem, apesar do desmatamento

 Num momento em que o desmatamento avança, o IBGE registrou a ampliação das áreas de reservas florestais, que agora correspondem a 8,3% do território brasileiro -o percentual era de 6,5% em 2003, segundo a publicação ''Indicadores do Desenvolvimento Sustentável'', lançada ontem. Um dos motivos da expansão é o maior número de terras indígenas demarcadas -de 172 em 1992 para 405 em 2006.
Nessas áreas, a preservação das florestas é mais fácil, e o desmatamento não está tão presente. Na esteira também do avanço das terras indígenas, a população nativa subiu de 294,1 mil pessoas em 1991 para 734,1 mil em 2000 -puxada pela maior autodeclaração de índios e descendestes.
Ainda assim, o desmatamento é o principal entrave ao desenvolvimento sustentável do país, avalia o IBGE.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


05/06


2008

Exército cerca TV para prender sargento gay

 A Polícia do Exército prendeu ontem de madrugada o sargento Laci Marinho de Araújo, 36, conhecido como ‘Sargento Cássia Eller’, por deserção. Laci e seu companheiro, o sargento Fernando Alcântara de Figueiredo, 34, participaram em São Paulo do programa Superpop, da Rede TV!, e ficaram na emissora das 23h até as 4h, quando se renderam. Eles alegam ser o primeiro casal homossexual assumido da ativa das Forças Armadas e acusam o Exército de perseguição.

A Força informou, em nota, que Laci estava foragido da Justiça Militar há um ano, quando foi expedida ordem de prisão pelo não-comparecimento, por 30 dias, ao local de trabalho, o que caracteriza deserção.

Fernando, porém, garante que seu companheiro está sendo vítima de um golpe: um ortopedista teria dado parecer de neurologista considerando Laci, que sofre de esclerose múltipla, apto ao serviço. “Com esse laudo forjado, deram alta para o Laci e exigiram que se reapresentasse. Como ele está doente, mandaram prendê-lo por ‘deserção’”, acusa.(O DIA)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Jornao O Poder

05/06


2008

Oposição quer Dilma depondo no Senado novamente

 Coluna de Cláudio Humberto

Orlando Brito
Foto
Senador Arthur Virgílio
                                   

A oposição quer que a ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) seja convocada a depor na Comissão de Infra-Estrutura do Senado para esclarecer as acusações de que estaria envolvida com a facilitação da venda da Varig e da VarigLog, como declarou a ex-diretora da ANAC Denise Abreu. Para o senador Arthur Virgílio (AM), líder tucano no Senado, Dilma precisa ser ouvida. “Há muito tempo que eu advirto que a ministra está transitando por caminhos movediços e ela precisa se explicar'', afirmou o senador. O líder do governo na Casa, senador Romero Jucá (RR), alega que a ministra já deu as explicações necessárias.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

guilherme alves

Parece de quem gosta de terreno movediço é a tucanada. Já houve cratera no metrô, e agora vive pairando o grande rombo da ALSTOM. Sobre esse assunto o vestal Virgílio fica na muda. Isso é que é desonestidade intelectual.



05/06


2008

Denise diz ter provas contra Dilma na maracutaia da Varig

 A ex-diretora da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Denise Abreu, afirmou nesta quarta-feira, 4, ter provas sobre o favorecimento de um fundo americano pela Casa Civil na compra da Varig. Em entrevista à Rádio Eldorado, Denise afirmou esperar agora ''algumas mentiras, algumas inverdades'', que, segundo, ''vão tentar desqualificar a minha fala para fazer com que a população não acredite''.

A possibilidade, porém, não assusta a ex-diretora da Anac. ''Nós estamos preparados para lidar com isso porque não haveria cabimento eu me manifestar se não tivesse absoluta convicção'', afirmou.

Denise afirmou que tem em mãos todo o processo da VarigLog, que mostra a seqüência dos procedimentos da Anac durante o negócio. Ela voltou a falar sobre as reuniões entre membros da agência reguladora e a Casa Civil, que, segundo a ex-diretora, foram comandadas algumas vezes pela própria ministra Dilma Rousseff.

''Ocorriam várias reuniões na Casa Civil, onde os diretores eram chamados (...) e nós éramos indagados sobre todos os procedimentos'' da venda da Varig, disse.

Denise afirmou ainda que desconhece quaisquer tipo de negociações que envolvessem benefícios financeiros àqueles que ajudassem na venda da companhia aérea.

Em entrevista ao Estado publicada nesta quarta-feira, Denise contou que foi pressionada pela ministra Dilma Rousseff e pela secretária-executiva da Casa Civil, Erenice Guerra, a tomar decisões favoráveis à venda da VarigLog e da Varig ao fundo americano Matlin Patterson e a seus sócios brasileiros Marco Antônio Audi, Marcos Haftel e Luiz Gallo.

Com a aprovação da compra da VarigLog pelo fundo Matlin e seus sócios brasileiros, no final de 2006, eles puderam levar a Varig, em leilão, por US$ 24 milhões. Meses mais tarde, a empresa foi revendida à Gol, por US$ 320 milhões.(Portal Estadão).


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha