Lavareda

04/10


2012

Mais farra: no Congresso se ganha mais que no Planalto

 Os assessores do gabinete da presidente Dilma tem uma remuneração, em média, três vezes inferior à recebida pelo staff do presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS), e em média duas vezes menor que a dos assessores do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP). A discrepância foi constatada em levantamento feito pela Folha a partir de informações recém-divulgadas pela Câmara e pelo Senado.

Na Câmara, os 43 servidores da presidência da Casa recebem, em média, R$ 25,8 mil brutos, pouco abaixo do teto constitucional de R$ 26,7 mil. No Senado, 39 assessores servem Sarney. Eles recebem, em média, R$ 13,3 mil. Já no gabinete pessoal da Presidência 78 servidores têm remuneração média de R$ 6.000. Essa discrepância deve-se ao fato de o gabinete de Dilma ser composto só por comissionados -- não existe concurso para cargos na Presidência -- e pelos seguidos aumentos concedidos pelos parlamentares a servidores.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Lucidio de Figueiredo Galvão Júnior

É sinal que existe mais ladrões no Congresso do que no Palácio.


ALEPE

04/10


2012

Atraso no mensalão mineiro beneficia ex-vice tucano

 O ex-ministro Walfrido dos Mares Guia, presidente do PSB-MG, deverá ser o primeiro réu do chamado mensalão mineiro a se beneficiar, já no mês que vem, da lentidão do processo na Justiça. Ao completar 70 anos em 24 de novembro, o ex-ministro do Turismo e das Relações Institucionais do governo Lula poderá requerer a prescrição dos crimes de peculato e lavagem de dinheiro, pelos quais foi denunciado pelo Ministério Público Federal.

O prazo de prescrição para esses crimes é de 16 anos, mas cai pela metade para o réu que atinge 70 anos. O cálculo do tempo de prescrição é feito da ocorrência do fato denunciado à aceitação da acusação pela Justiça. No caso do mensalão mineiro -ou valerioduto tucano-, o caso ocorreu em 1998 e a denúncia foi apresentada e aceita pela Justiça mineira em 2010, ou seja, 12 anos depois da ocorrência do fato. Como o prazo superou o máximo de oito anos que manteria Mares Guia como réu no processo, ele poderá pedir sua exclusão.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

O Jornal do Poder

04/10


2012

Lula não é Deus, diz Ciro Gomes, ao atacar Marta

 Preocupado com a força política do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na eleição de Fortaleza, o ex-ministro e deputado federal Ciro Gomes (PSB) decidiu partir para o ataque na tentativa de garantir a presença do candidato de seu partido, Roberto Claudio, no segundo turno contra o petista Elmano de Freitas. Ao afirmar que Lula não é “Deus”, Ciro aproveitou para “meter o bico” na eleição paulistana e criticar o ex-presidente por ter se aliado a Paulo Maluf (PP).

Em entrevista ao Estado, Ciro chamou o ex-ministro José Dirceu de “aloprado” e afirmou que o deputado João Paulo Cunha (PT-SP) vai sair direto da presidência da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) para a cadeia.(Estadão)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Abreu no Zap

04/10


2012

Em comício, Lula ataca TVs Globo e Record

O ministro Paulo Bernardo, das Comunicações, deveria prestar atenção ao discurso do ex-presidente Lula ontem à noite no bairro de São Mateus, na zona leste de São Paulo. Ele criticou duramente as tevês Globo e Record pelo cancelamento dos debates com os candidatos à prefeitura da capital paulista:

“É engraçado que todas as campanhas em que o PT estava na frente das pesquisas, tinha debate na Globo, tinha debate na Record. E agora que o Fernando Haddad está doido por um debatezinho na Globo, por um debatezinho na Record, não vai ter debate dessa vez. É uma vergonha. A cidade mais importante do Brasil não ter debate no primeiro turno, isso é uma vergonha”, afirmou.

No comício em apoio a Fernando Haddad, Lula centrou sua crítica na TV Globo, que usou como desculpa para o cancelamento do debate, marcado para quinta-feira (4), a existência de partidos nanicos. “É crime ser pequeno?”, ironizou o ex-presidente. Para ele, a suspensão dos debates visou beneficiar o tucano José Serra e o “azarão” Celso Russomanno, que não têm propostas para a cidade de São Paulo. “As pessoas precisam de televisão para poder ficarem informadas. O dado concreto é que eles não querem que esse moço aqui mostre a competência que ele tem. Essa é a verdade”, concluiu.
 (Do jornal Correio do Brasil - Altamiro Borges)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

enoque viana de oliveira filho

Fernando Haddad tá doido por um debate ou é outra doidice ?

Rodrigo Alvares

Tá aí, finalmente abriu o bocão pra não falar besteira, concordo com ele sobre o cancelamento dos debates.



04/10


2012

Dilma bate duro em Aécio e revida crítica do senador

  • Não saí para ir à praia, para me divertir. Eu saí daqui porque fui perseguida, atacou Dilma. Foto: Ney Rubens/Terra
  • ''Não saí para ir à praia, para me divertir. Eu saí daqui porque fui perseguida'', atacou Dilma - Foto: Ney Rubens/Terra

    A presidente da República Dilma Rousseff durante 20 minutos de um comício do candidato à prefeitura de Belo Horizonte pelo PT, Patrus Ananias, atacou o senador Aécio Neves (PSDB-MG), o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e o candidato à reeleição à Prefeitura de BH, Marcio Lacerda (PSB). A irritação da presidente foi principalmente devido às declarações de Aécio que na segunda-feira, durante evento de campanha de Lacerda, disse que acreditava na vitória do candidato do PSB porque ''a população (de BH) conhece muito melhor do que qualquer estrangeiro que vem aqui às vésperas da eleição dizer vote nesta ou naquela direção.''

    A presidente começou o discurso dizendo que veio até Belo Horizonte ''não para falar mal de ninguém'' e sim para elogiar Patrus Ananias. Mas em seguida Dilma recordou que nasceu, cresceu, estudou e iniciou a luta contra a Ditadura na capital mineira: ''Eu quando saí daqui não saí para passear. Eu não fui passear, não saí para ir à praia, para me divertir. Eu saí daqui porque fui perseguida porque aqui começou, como em todo Brasil um grande, um forte processo de perseguição. Então eu quero dizer para vocês que na minha veia corre o sangue de Minas Gerais'', esbravejou.

     ''''Vou usar aqui uma frase que o presidente Lula gostava muito de usar: nunca antes na história desse país. Pois bem, nunca antes na história desse estado a política foi tão pequena quanto essa praticada por essas pessoas que me chamam de estrangeira,'' disse Dilma ao encerrar a fala para cerca de 5 mil pessoas, segundo o Partido dos Trabalhadores.(Portal Terra)


    Faça Login para comentar


    Email
    Cadastre-se
    Esqueci minha senha

    Comentários

    luiz carlos da silva

    essa não é a praia dda dra. dilma. o que ela sabe é dar esbregue nos subordinados do palacio


    Banco de Alimentos

    04/10


    2012

    Datafolha: Daniel cresce e leva eleição ao 2º turno

     O candidato do PSDB à Prefeitura de Recife, Daniel Coelho, voltou a crescer e estaria no segundo turno com Geraldo Julio (PSB), caso a eleição fosse hoje.

    É o que aponta a nova pesquisa Datafolha, realizada nesta terça (2) e quarta (3), em parceria com a TV Globo. Segundo o levantamento, Geraldo Julio tem 41% das intenções de voto e o tucano, 26%. No levantamento anterior, divulgado há seis dias, o socialista, que é apoiado pelo governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), tinha 42% e Daniel Coelho, 22%.

    O petista Humberto Costa aparece em terceiro lugar, com 16% (tinha 17%), seguido por Mendonça (DEM), que oscilou um ponto para baixo e tem 4%.

    Os candidatos Edna Costa (PPL), Jair Pedro (PSTU) e Roberto Numeriano (PCB) alcançaram 1%. Douglas Sampaio (PRTB) não chegou a 1%. A margem de erro da pesquisa é de três pontos percentuais para mais ou para menos.

    Segundo o Datafolha, Coelho ganhou votos nesse período principalmente entre os eleitores com idade entre 45 e 59 anos, com ensino médio e renda familiar acima de dez salários mínimos.

    O candidato tucano, de 34 anos, faz campanha usando a cor verde de seu ex-partido, o PV, e mantém um discurso de ativista ambiental.

    Pelo critério de votos válidos, que exclui os brancos, nulos e indecisos e é a forma como a Justiça Eleitoral divulga o resultado oficial da eleição, Geraldo Júlio tem 45%, e Coelho atinge 29%.

    SEGUNDO TURNO

    O Datafolha também simulou duas situações de segundo turno, e, em ambas, Geraldo Julio aparece como vencedor, com mais de 50%.

    Contra Humberto Costa, o candidato socialista teria 59% e o petista, 29%. Nessa situação, 53% dos eleitores de Daniel Coelho votariam em Geraldo Julio e 24% em Humberto Costa.

    Na segunda simulação, com a disputa envolvendo Geraldo Julio e Daniel Coelho, o socialista venceria com 52%, ante 37% do tucano.

    Nesse quadro, 48% dos eleitores declarados do petista no primeiro turno afirmaram que votariam no candidato socialista, e 33% dariam seu voto ao tucano.

    O levantamento mostrou ainda que Humberto Costa continua sendo o candidato com o maior percentual de rejeição em Recife.

    Segundo o Datafolha, o petista é rejeitado por 42% dos eleitores. Na pesquisa anterior, esse índice era de 43%.

    Daniel Coelho e Geraldo Julio são os candidatos com menor rejeição. O tucano foi citado por 20% dos entrevistados e o socialista, por 18%.

    Não souberam informar 5%. Outros 4% afirmaram que rejeitam todos os candidatos e 5%, nenhum deles.

    MUDANÇA DE VOTO

    A pesquisa mostra ainda que 79% dos eleitores de Recife estão totalmente decididos a votar, no primeiro turno, no candidato que escolheram. Mas 18% admitiram que ainda podem mudar de opinião. Os 3% restantes não responderam.

    Entre os eleitores de Geraldo Julio, 85% afirmam estar convictos da sua escolha. Esse percentual é de 80% entre os que votam em Daniel Coelho e de 77% entre os que escolheram Humberto Costa.

    Dos eleitores que admitiram a possibilidade de mudar de candidato, 31% citaram o socialista como segunda opção, 22% o tucano e 17% o petista.

    O Datafolha ouviu 1.277 eleitores em Recife. A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco sob o número PE-00216 /2012.  (Folha Online)


    Faça Login para comentar


    Email
    Cadastre-se
    Esqueci minha senha

    Comentários

    joao carlos da silva

    VOTO EM MENDONÇA MAS SE O SEGUNDO TURNO FOR ENTRE DANIEL E GERALDO PINÓQUIO,BONECO DO GOVERNADOR, VOTO EM DANIEL. DANIEL VAI DESMORALIZAR ESSA FALSA ALIANÇA JARBAS/EDUARDO FEITA DE ÚLTIMA HORA PARA ENGANAR O POVO. O RECIFE TEM DONO O DONO É O POVO.

    luiz carlos da silva

    eu tinha muita vontade de votar em humberto mas a vontade passou. ainda bem.

    Ramon De Oliveira Gomes

    Espero que se Daniel ganhar a gente não perca.

    enoque viana de oliveira filho

    Minha família ai em Recife vota DANIEL.

    Maria Anunciada dos Santos

    Dá-lhe Daniel...Oh menino danadinho...VAI GANHAR!!!



    03/10


    2012

    TSE aprova envio de tropas para 268 municípios

     A cinco dias do primeiro turno da eleição municipal, o Tribunal Superior Eleitoral autorizou, até esta terça-feira (2), o envio de tropas federais para reforçar a segurança em 268 cidades de 10 estados, conforme balanço divulgado pelo tribunal e publicado pelo G1. No total, 478 municípios de 11 estados pediram apoio de efetivo das Forças Armadas.

    Até agora, o estado com mais cidades atendidas pelo envio de tropas é o Rio Grande do Norte, que terá presença das Forças Armadas em 112 cidades. O Pará é o segundo estado com mais municípios atendidos pela presença das forças federais (67), seguido pela Amazonas (30), e o Maranhão (27).

    O TSE rejeitou as solicitações de 161 cidades e ainda precisa analisar requerimentos de outras 49. O Piauí, que pediu reforço para 143 cidades –64% dos municípios do estado–, teve o pedido negado. De acordo com o relator do processo, ministro Marco Aurélio Mello, o governador do estado, Wilson Martins, afirmou que as forças de segurança estaduais são suficientes para garantir a segurança durante o pleito.

    O plenário do TSE só se reúne mais uma vez, na próxima quinta (4), antes do primeiro turno das eleições, no domingo (7). O motivo do pedido de reforço nos municípios do estado se deu ao "acirramento" da disputa eleitoral, segundo o TRE local.


    Faça Login para comentar


    Email
    Cadastre-se
    Esqueci minha senha


    03/10


    2012

    Nadegi repudia atitude do vice e o chama de "mentiroso"

     A Coligação Frente Popular de Camaragibe, da candidata Drª  Nadegi  Queiroz, divulgou nota repudiando “de forma veemente as alegações infundadas e mentirosas do seu candidato a vice-prefeito na chapa Reginaldo Albuquerque”, que retirou nesta quarta-feira (3) sua candidatura. Nadegi classificou como uma“atitude covarde com argumentos fantasiosos, num ato orquestrado por uma grande trama na tentativa de prejudicar uma campanha vitoriosa”.

    A candidata descartou a possibilidade de desistir. “Estamos fortes e firmes. Nosso acordo é com o povo de Camaragibe”, destaca. A coligação está aguardando a renuncia formal para “substituí-lo por um homem de verdade”.

    A coligação alega que Reginaldo nunca entrou na campanha, “nunca foi às ruas como candidato. Ele nunca cumpriu seus compromissos de campanha e até sabotou escondendo material de campanha orientado por seu grupo”.  No texto, Reginaldo ainda é acusado de ter negócios, que  “esclarecem  suas ações alinhadas com o atual prefeito”.


    Faça Login para comentar


    Email
    Cadastre-se
    Esqueci minha senha


    03/10


    2012

    Zé Queiroz lamenta acusações de Miriam sobre o IPTU

    O prefeito e candidato à reeleição em Caruaru, José Queiroz (PDT), divulgou nota lamentando a atitude da prefeiturável democrata Miriam Lacerda, que questionou o fato do pedetista ter entrado na justiça para não pagar o IPTU do seu imóvel na avenida Agamenon Magalhães. O assunto foi colocado durante o debate da Rádio Liberdade e Miriam  divulgou um vídeo nas redes sociais para tratar da polêmica. Na gravação, a candidata coloca que o imposto da cidade é um dos mais caros do Nordeste e a redução do mesmo teria sido uma promessa de Queiroz, mas ele teria entrado na justiça para “anular apenas o IPTU dele”. 

    “A Frente Popular de Caruaru lamenta a atitude da oposição, que ao
    invés de discutir propostas para Caruaru, prefere gastar tempo e
    energia com baixarias. Hoje, a campanha de Miriam Lacerda divulgou na acusações internet um vídeo acusando o prefeito e candidato à reeleição, Zé
    Queiroz (PDT), de não pagar IPTU. O cidadão José Queiroz de Lima tem todas as suas contas pessoais em dia. É lastimável ver uma coligação que disputa a prefeitura da mais importante cidade do interior de Pernambuco partir para este tipo de ataque. A população repudia esta política atrasada e que em nada contribui para discutir o futuro dos mais de 315 mil caruaruenses.”


    Faça Login para comentar


    Email
    Cadastre-se
    Esqueci minha senha