Lavareda

27/02


2013

Wagner atua no meio-campo da candidatura de Eduardo

 Presença diária na Folha de S.Paulo e outros jornalões do sul, a candidatura presidencial do governador Eduardo Campos está presente também, e mais uma vez, hoje, na coluna de Vera Magalhães da Folha:

''''Sem pedir para que Eduardo Campos desista de ser candidato a presidente, Jaques Wagner (PT-BA) se colocou ''à disposição'' do colega para conversar, durante jantar que varou a madrugada de ontem em Recife (PE).

Defensor do apoio a Dilma Rousseff em 2014, Cid Gomes (CE) disse ontem à presidente que não se impressione com gestos do PSB pró-Eduardo Campos no Congresso. Para ele, os líderes Beto Albuquerque (RS) e Rodrigo Rollemberg (DF) querem ver o ''circo pegar fogo''''.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Emanuel Gonzaga Cursino Leite

Se os petistas acham que estão fazendo um ótimo governo, porque esta preocupação com Eduardo Campos? Eles sabem que estão gastando o resto bom que FHC construiu. Em suma estão desconstruindo nosso país.


ALEPE

27/02


2013

Brasil: pirâmide da impunidade

 É de 11% a possibilidade de um boletim de ocorrência virar inquérito
policial no Brasil e alguém ser punido.

A população já tinha essa sensação, mas a realidade veio à tona com o “Perfil das Instituições
de Segurança Pública em 2011”,
que o Ministério da Justiça acaba de publicar.

Na ponta do lápis, dos dez milhões 229 mil BOs preenchidos, apenas um milhão 176 mil resultou em inquérito. Este volume, por sua vez, pode não acabar em processo criminal.(Ricardo Boechat - ISTOÉ)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Jânio Nunes

em outras palavars AQUI NO BRASIL O CRIME COMPENSSA, é tanto que os BANDIDOS do MENSALÃO estão todos soltos, braZil, país rico é país sem CORRUPÇÃO!!!!!

o povo da de olho

POR FALAR NISSO, CADE OS CONDENADOS DO MENSALÃO? JA ESTÃO NA CADEIA OU FOI SO DE FAZ DE CONTA. O POVO TA DE OLHO.


O Jornal do Poder

27/02


2013

Jornal inglês chama Tiririca de palhaço que perdeu o riso

Deputado federal campeão de votos, o palhaço Tiririca (PR-SP) estampou nesta terça-feira (26) a página principal da versão online do jornal britânico “Financial Times”, um dos periódicos mais prestigiados do mundo. Intitulada de “Palhaço político do Brasil perde seu sorriso”, a reportagem resgata a trajetória do humorista brasileiro e sua imersão no cenário político, nos últimos dois anos. Segundo a publicação, Tiririca se decepcionou com a política e, desde que foi eleito, “perdeu seu sorriso”.

O site do jornal relembra que os slogans da campanha eleitoral do comediante “deliberadamente” satirizavam a política brasileira. No mais famoso deles, Tiririca confessava que não sabia o que fazia um deputado, porém, dizia que se votassem nele ele iria descobrir e contaria aos eleitores. “Você passa dias inteiros fazendo nada, só aguardando para votar alguma coisa enquanto as pessoas discutem e discutem”, ressaltou o palhaço.(Portal nG1 - Fabiano Costa)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Jânio Nunes

mas, o Dep. federal Tiririca falou que vai sair mesmo da política, e eu acho que vai ser um PALHAÇO a menos na política nacional, lembrando que o tiririca é um artista circense, braZil, país rico é país sem CORRUPÇÃO!!!

enoque viana de oliveira filho

Inglaterra vai cuidar na tua economia que tá lá prá baixo.kkkkkkkk Panhaços são vocês. E BEM PANHAÇOS...

Lêda Rivas

Pudera! É difícil para ele competir com seus pares na Câmara.


Abreu no Zap

27/02


2013

Yoani diz que com internet livre no Brasil viu coisas novas

 Ao se despedir do Brasil, a blogueira cubana Yoani Sánchez escreveu em seu Twitter que com o acesso livre à internet ela pode conhecer coisas novas sobre o seu país. “Tantas mentiras, tanto silêncio, tantas distorções na história que me ensinaram e, de repente, é possível pular tudo isso com um clique”, tuitou, sem explicar quais foram suas descobertas.

“Essa deve ser a razão pela qual a internet é tão controlada (em
Cuba)”. Yoani também escreveu que o saldo da sua visita foi positivo, apesar das diversas manifestações contrárias à visita da blogueira. ela também alfinetou a ausência de manifestantes no Rio de Janeiro.

“Não se manifesta no Rio de Janeiro O que aconteceu? Deixaram de pagar a passagem? Minha hipótese é que atos de intolerância contra mim falha como estratégia, geraram mais solidariedade do que rejeição, mais abraços que gritos”, tuitou.(Do blog Poder Online)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


27/02


2013

Pagando a conta

 Doar dinheiro para a campanha eleitoral é uma coisa (que envolve até aaposta na vitória do candidato); doar dinheiro depois da  campanha, já com o vitorioso no cargo, é outra coisa. O aroma que se desprende de doações feitas a quem tem condições de retribuí-las é definitivamenteoutro. E acaba de acontecer: o Diretório  Municipal do PT de São Paulo promoveu jantar no luxuoso restaurante Leopolldo, cobrando R$ 10 mil por pessoa.

O objetivo foi pagar parte da dívida da campanha de Fernando Haddad à Prefeitura paulistana. "Tivemos a felicidade de
obter ajuda para saldar a dívida", diz o homem de finanças do p artido,Alfredo Alves Cavalcanti, "Alfredinho". 

E quem doou? Segredo: Alfredinho prometeu só revelar os nomes à
Justiça Eleitoral. "Vamos manter a ética", disse. O gasto oficial da
campanha de Haddad é de R$ 67,9 milhões. Antes da eleição, tinham sido levantados R$ 42 milhões.

Com o prefeito já no posto, o resto chega mais fácil.(Carlos Brickmann)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

o povo da de olho

SIMPLESMENTE I M O R A L.


Banco de Alimentos

27/02


2013

O meu Brasil lindo e trigueiro

CARLOS BRICKMANN

 A Polícia ocupou o gabinete do presidente do Senado, Renan Calheiros,do PMDB alagoano, neste início de semana. Vários delegados passaram ali um bom tempo. Mas nada de conclusões precipitadas, caro leitor ingênuo.

Estamos no Brasil! Os delegados representavam a Associação dos Delegados de Polícia, Adepol, e foram ao gabinete de Renan entregar-lhe um prêmio: a Medalha Romeu Tuma, ''por suas ações de fortalecimento da segurança pública nacional''.

Quando o caro leitor parar de rir, preste atenção às linhas seguintes:

A Comissão de Ética da Câmara Distrital de Brasília bem que tentou,
mas a lei não permitiu que Agaciel Maia se tornasse o seu presidente.

Como Agaciel já é vice-presidente da Câmara Distrital, não poderia
ocupar simultaneamente a presidência da Comissão de Ética, como era desejo de seus pares.

Agaciel Maia, lembre-se, foi por 14 anos o diretor-geral do Senado,
homem de confiança de Sarney. Foram coisas de Agaciel os atos secretos -- nomeações de parentes e funcionários-fantasmas, concessões de vantagens, tudo sem a divulgação obrigatória no Diário Oficial; sua mansão, avaliada em R$ 5 milhões, não declarada à Receita; o quarto subterrâneo secreto, no Senado, onde havia um famoso sofá todo manchado.

Agaciel é alvo de diversos processos movidos pelo Ministério Público. E lhe cobram a devolução do pagamento de contratos firmados sem licitação.

Mas não estranhe, caro leitor: se há cara-dura para existir Comissão
de Ética na Câmara Distrital, é pena que Agaciel não possa comandá-la.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


26/02


2013

Ex-advogada da campanha de Dilma vira ministra do TSE

A advogada Luciana Lossio, 38, tomou posse na noite desta terça-feira (26) como titular do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), numa concorrida cerimônia repleta de deputados e senadores _ muitos deles ex-clientes da nova ministra, segundo a Folhaonline.

Em outubro de 2011, a presidente Dilma Rousseff, para quem a nova ministra titular advogou na campanha eleitoral, nomeou Luciana como substituta. Luciana foi a primeira mulher a ocupar uma cadeira da corte eleitoral destinada a advogados. Agora, Dilma a nomeou como juíza titular.

Ela substitui o advogado Arnaldo Versiani, que deixou o TSE em novembro do ano passado depois de cumprir dois mandatos.

Sérgio Lima/Folhapress
Luciana Lóssio durante cerimônia em que foi empossada ministra do TSE
Luciana Lóssio durante cerimônia em que foi empossada ministra do TSE

Como advogada, Lossio fez carreira atuando não apenas no TSE, como também no STJ (Superior Tribunal de Justiça) e no STF (Supremo Tribunal Federal). Além de Dilma, ela advogou para políticos como o ex-governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda, a governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB), e o deputado federal Sandro Mabel (PMDB-GO), que, com ajuda de Luciana, conseguiu se desfiliar do PR sem perder o mandato.

Como titular da corte eleitoral, Luciana promete "dar o melhor" de si. "A Justiça Eleitoral brasileira é exemplar, um paradigma para o mundo", disse nesta terça, logo após a cerimônia de posse.

Na fila de cumprimentos estavam políticos de diferentes partidos como os senadores José Sarney (PMDB-AP), Agripino Maia (DEM-RN) e Renan Calheiros (PMDB-AL), atual presidente do Senado, e juristas como o ex-procurador-geral da República Antonio Fernando de Souza.

COMISSÃO DE ÉTICA

Também cumprimentou a nova ministra titular o advogado-geral da União, Luís Inácio Adams, que precisou responder questionamentos da Comissão de Ética Pública da Presidência da República sobre sua conduta num esquema de corrupção deflagrado na Operação Porto Seguro, da Polícia Federal.

Um dia depois de encaminhar seus esclarecimentos, Adams disse nesta terça que não se surpreendeu com o pedido de informação dos conselheiros. Adams classificou a solicitação de informações como "normal". "Cumpriram sua função", disse o ministro.

Sindicância da própria AGU apontou "evidentes indícios" de irregularidades contra Adams na apuração sobre o suposto envolvimento de funcionários do órgão no esquema de tráfico de influência e corrupção inicialmente investigado pela PF. No entanto, como a Folha revelou, a corregedoria da AGU decidiu arquivar o relatório que apontava "atuação/omissão irregular" de Adams.

Diante desses fatos, a Comissão de Ética decidiu pedir informações a Adams na segunda-feira (25).

A resposta do ministro foi dada no mesmo dia. No documento, a AGU lembra que a polícia em nenhum momento encontrou indícios contra Adams. Informa ainda que encaminhou os dados referentes à Porto Seguro para órgãos como a PF, o Ministério Público Federal e a Controladoria Geral da União.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


26/02


2013

Prefeito do Recife abre debate com a oposição

O prefeito do Recife, Geraldo Júlio (PSB), abre, amanhã, às 11 horas, o seu gabinete para receber, pela primeira vez, os vereadores da bancada de oposição. Sob a liderança da tucana Aline Mariano, estarão com o socialista mais três parlamentares - Raul Jungmann(PPS), André Régis (PSDB) e Prsicila Krause (DEM). Em pauta, sugestões do bloco oposicionista aos problemas mais graves que travam a cidade na área de mobilidade e no campo social.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


26/02


2013

Desemprego sobe, mas ainda é o menor desde 2003

Diante da saída de trabalhadores temporários do mercado de trabalho, a taxa de desemprego subiu para 5,4% em janeiro --havia sido de 4,6% em dezembro, a mais baixa da série história do IBGE, iniciada em março de 2002. Os dados são da Pesquisa Mensal de Emprego do instituto e foram divulgados nesta terça-feira, segundo a Folhaonline.

O desemprego cresce tradicionalmente em janeiro quando muitas pessoas voltam a procurar uma vaga após as festas de final de ano, quando a busca é reduzida. Além disso, empregados temporários são dispensados, principalmente no comércio.

A taxa de janeiro deste ano, porém, é a mais baixa para o mês em dez anos. O primeiro resultado do IBGE para janeiro é de 2003, já que esta série foi iniciada em março de 2002. Em 2012, o percentual havia ficado em 5,5%.

Com esse cenário, o número de pessoas ocupadas cresceu 1,2% em janeiro na comparação com igual mês de 2012 e caiu 1,2% em relação a dezembro. De dezembro para janeiro, 293 mil trabalhadores perderam seus empregos.

Já o total de desocupados subiu 17,2% de dezembro para janeiro, o que corresponde a 195 mil desempregados à procura de trabalho. Na comparação com mesmo mês do ano passado, houve alta de 1,4% ou 18 mil desempregados a mais nas seis regiões metropolitanas onde a pesquisa é realizada.

Para Cimar Azeredo Pereira, gerente da Pesquisa Mensal de Emprego do IBGE, a taxa de desemprego em janeiro seguiu seu padrão sazonal e subiu em janeiro na esteira da retomada da busca por trabalho e da dispensa de trabalhadores temporários.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha