FMO janeiro 2020

21/09


2007

Senador baiano do DEM carlista adere ao governo Lula

(Do Blog do Noblat)

 O senador César Borges (BA) acaba de anunciar em Salvador que deixará o DEM e irá para o PR - partido de Valdemar Costa Neto (aquele mensaleiro que renunciou ao mandato de deputado para escapar da cassação). É mais um senador que Lula ganha às vésperas da votação ali da prorrogação da CPMF.

O que Borges alegou para trocar de partido: a mudança de nome para DEM, que antes se chamava PFL, e a condução do DEM na Bahia pelo ex-governador Paulo Souto.

Borges admite que poderá apoiar também o governo Jacques Wagner (PT).

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Raimundo Eleno dos Santos

Quem? Eu ou Camões?

Paulo Kigrer

Trata-se de um punheteiro versejador...

Raimundo Eleno dos Santos

Do mal ficam as mágoas na lembrança, E do bem, se algum houve, as saudades. O tempo cobre o chão de verde manto, Que já coberto foi de neve fria, E enfim converte em choro o doce canto. E, afora este mudar-se cada dia, Outra mudança faz de mor espanto: Que não se muda já como soía.

Raimundo Eleno dos Santos

Luiz de Camões Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades, Muda-se o ser, muda-se a confiança; Todo o mundo é composto de mudança, Tomando sempre novas qualidades. Continuamente vemos novidades, Diferentes em tudo da esperança; Do mal ficam as mágoas na lembrança, E do bem, se algum houve, as saudade

Paulo Kigrer

O que tem que ser analisado é o comportamento acanalhado de homens "públicos" que só enxergam seus próprios interesses. Não existe essa bússola moral, ou imoral, existe sim, o descompromisso de quem se arvora representante de algo ou alguém, não honrar o dito e afirmado. O resto é ... resto!!!


IPTU Cabo

21/09


2007

Governo abre o cofre e distribui cargos pela CPMF

 O governo deflagrou uma guerra por cargos na base aliada durante a votação da emenda constitucional que prorroga a CPMF até 2011. As diretorias do Banco do Nordeste (BNB) e da Companhia Docas de São Paulo (Codesp), que administra o porto de Santos, foram substituídas esta semana, enquanto no plenário da Câmara a emenda era aprovada em primeiro turno. As mudanças foram precedidas de feroz disputa entre os aliados do governo. Enquanto alguns governistas saíram ganhando com nomeações, outros perderam com demissões e com o não atendimento de seus pleitos.

O Palácio do Planalto abriu o cofre nos três dias que antecederam a votação, em primeiro turno, da prorrogação da CPMF na Câmara. Em apenas três dias esta semana, entre 17 e 19 de setembro, o governo pagou R$ 47,2 milhões em emendas deste ano. Esse valor corresponde a 27% do total pago até agora em 2007, que é de R$ 175,5 milhões em emendas. Considerando o pagamento de restos a pagar do ano passado, o valor liberado nesses três dias é ainda maior e atinge a marca de R$ 68,8 milhões, segundo dados do Sistema Integrado de Administração Financeira (Siafi) do Governo Federal.  Até então, durante o mês de setembro não havia sido pago um único centavo em emendas — houve apenas empenhos. (Informações de O Globo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

guilherme alves

Nenhuma novidade nessa notícia, prática secular do parlamento e do executivo brasileiros.


Governo de PE - Decimo Terceiro

21/09


2007

Mensaleiro tucano de MG será denunciado ao STF

 O senador Eduardo Azeredo (PSDB-MG), ex-governador de Minas, vai encabeçar a lista de políticos a serem denunciados ao Supremo Tribunal Federal (STF), nos próximos dias, pelo procurador-geral da República, Antonio Fernando de Souza, por envolvimento com o mensalão mineiro. Azeredo é apontado em inquérito da Polícia Federal como mentor e principal beneficiário do esquema de arrecadação ilegal de recursos nas eleições de 1998, quando ele disputou - e perdeu para Itamar Franco - a reeleição ao governo.

Segundo o relatório da PF, a coligação de Azeredo, que tinha como vice o ex-deputado Clésio Andrade, do PFL (atual DEM), promoveu um derrame de dinheiro ilegal na campanha, por meio de caixa 2. A coligação só declarou à Justiça Eleitoral R$ 8,55 milhões, dos mais de R$ 80 milhões gastos na campanha, sem contar os R$ 20 milhões que ficou devendo.

Em número de candidatos beneficiados com recursos do mensalão mineiro, o PT ficou em primeiro lugar, com 35 nomes, mais que a soma de PSDB (13) e PFL (14). Até para o PMDB, partido do adversário Itamar, a coligação mandou R$ 200 mil para cooptar a candidatura de Antônio do Vale a deputado. Entre os candidatos tucanos, o segundo mais aquinhoado foi o atual governador, Aécio Neves(PSDB), que recebeu R$ 110 mil. Uma vez eleito deputado federal, Aécio veio a se tornar presidente da Câmara.

Azeredo disse ontem que tem a expectativa de receber do procurador-geral o mesmo tratamento dispensado ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva, na denúncia do mensalão. (Informações de O Estado de S.Paulo.)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Paulo Kigrer

Há muito que já deveria ter se dado "descarga" neste indecente bolo fecal mineiro que é o Azeredo!

guilherme alves

No país da hipocrisia se notícia assim: " Mensalão mineiro" . Nesse caso, coloca-se todo politico mineiro no balaio, quando era para ser " Mensalão Tucano". Quando foi do outro, bom deixa isso para lá.

guilherme alves

No país da hipocrisia se notícia assim: " Mensalão mineiro" . Nesse caso, coloca-se todo politico mineiro no balaio, quando era para ser " Mensalão Tucano". Quando foi do outro, bom deixa isso para lá.

Raimundo Eleno dos Santos

Onde andarão os defensores do PSDB e de FHC, e de Aécio Never?


acolher

21/09


2007

Eleição 2008: "País será canteiro de obras", diz Dilma

 A ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) disse ontem à Folha que o Brasil vai se transformar num ''canteiro de obras públicas e privadas'' no próximo ano, de eleições municipais, ao contestar a análise de que o PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) ainda não está num ritmo adequado.

Segundo Dilma, o PAC está amadurecendo e mudando a cultura do país. ''Até pouco tempo, a questão era segurar o gasto público, fazer o maior superávit primário possível, isso criou uma série de entraves que estão sendo desmontados agora'', disse, após divulgação de balanço do PAC, ressaltando, porém, a importância de uma política fiscal responsável. (Informações da Foha de S.Paulo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Paulo Kigrer

Brasil: país de fulgarantes celebridades mediocres. Está Dilma é disso o melhor exemplo!!!



21/09


2007

A estética de Magalhães

(Da Coluna Painel - Folha de S.Paulo)

Na manhã de ontem, deputados discutiam na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara um projeto de lei que regulamenta a profissão de cabeleireiros e manicures.
Depois de alguns discursos contrários à idéia, sob o argumento de que ela estabeleceria reserva de mercado, Flávio Dino (PC do B-MA) resolveu tomar a palavra. O parlamentar, que já foi juiz, iniciou uma longa digressão técnica. Como ele não dava sinais de acabar, o colega Roberto Magalhães (DEM-PE) pediu um aparte:
- Concordo inteiramente com Vossa Excelência. São profissionais essenciais para a sociedade. Basta que me imaginem com o cabelo do senador Wellington Salgado!


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Cúpula Hemisférica

21/09


2007

João Paulo firma posição no PT para comandar sucessão

 A possibilidade de João Paulo ingressar em uma tendência do PT já começa a abrir portas para o prefeito do Recife. Até a Unidade na Luta, liderada por Humberto Costa, está disposta a receber o correligionário. “Se ele decidir se vincular a nós será uma honra”, disse Humberto, com quem João Paulo coleciona atritos. No entanto, o caminho para a UL não deve ser o trilhado pelo prefeito. Humberto viu com naturalidade o desejo de João Paulo ingressar no grupo Mensagem ao Partido. A mesma opinião é compartilhada pelo vice-presidente estadual do PT, Múcio Magalhães, da corrente Articulação de Esquerda (AE).

(Folha de Pernambuco)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Paulo Kigrer

Vai dar pena assistir João Lindu Paulo se lamuriando e querendo continuar sendo "importante"... tadinho do prefeitinho João Lindu Paulo... muito agradaria vê-lo no próximo baile municipal fantasiado de "Sonho Findo, Desejo Frustrado João da Costa Fudido e Eu Lascado"


Prefeitura de Serra Talhada

21/09


2007

Grupo quer imitar Estado e banir nepotismo da Alepe

 Após dois dias de fortes embates no plenário, a paz prevaleceu na Assembléia Legislativa de Pernambuco (Alepe), ontem. Mas a polêmica na Casa deve continuar, já que um grupo de deputados está discutindo a votação de um projeto antinepotismo para a própria Alepe, idéia que deve desagradar ao presidente da Casa, Guilherne Uchoa (PDT), defensor da prática nepotista. As articulações estão sendo feitas pelos parlamentares Terezinha Nunes (PSDB), Teresa Leitão (PT), Sílvio Costa Filho (PMN) e André Campos (PT). A proposta, porém, só será levada à Mesa Diretora se obtiver o apoio da maioria dos pares.

(Folha de Pernambuco)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Limoeiro

21/09


2007

PTB continua seu ritmo trator e filia mais seis prefeitos

 Faltando menos de duas semanas para encerrar o prazo para filiações partidárias, o PTB anuncia a entrada de mais seis prefeitos do Interior na legenda. Com as novas adesões, os petebistas alcançam a marca de 39 prefeitos filiados. Os ingressos na sigla ocorrerão a partir de hoje até domingo, quando o presidente estadual do PTB, deputado federal Armando Monteiro Neto, cumprirá uma agenda extensa em dez cidades, onde também serão filiados ex-prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e lideranças locais.

Os prefeitos que se filiarão ao partido são Jadiel Braga (São Caetano/PMDB), Reinaldo Santos (Lagoa dos Gatos/PMDB), Tereza Cristina (Tracunhaém/ DEM), Pedro Barbosa (São João/PMDB), Eraldo Paes (Alagoinha/DEM) e Adalberto Cavalcanti (Afrânio/PSDC). A grande maioria é oriunda de partidos da antiga União por Pernambuco.

(Folha de Pernambuco)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Tajmahal Cruz

Certamente voce quis dizer da EXTINTA União por Pernambuco. O último que sair, por favor, apague a luz. Agora essa corrida dos prefeitos, é nefasta ao equilibrio das forças que devam existir no Estado. Acho até uma certa canalhice nessas atituddes.


Banner de Arcoverde

21/09


2007

Petistas ameaçam debandar em massa no Estado

 Grande parte da tendência Coletivo Florestan Fernandes, do PT, reúne-se hoje, às 19h, no Sindicato dos Bancários para definir a possibilidade de um novo rumo político. O grupo era liderado em Pernambuco pelo deputado federal Paulo Rubem Santiago, que se desfiliou recentemente do partido. De acordo com o coordenador da vertente petista no Estado, Reginaldo Magalhães, o encontro poderá desencadear uma saída em massa de militantes.

“Temos pessoas que querem sair, pessoas que querem ficar no partido mais um pouco e esperar a definição de Paulo Rubem para depois tomar a decisão. Mas achamos que o PT se afastou das bandeiras históricas de luta, por isso, terminamos ficando isolados dentro do partido. Não foi Paulo Rubem que saiu. O PT, de certa forma, o colocou para fora”, criticou.

(Folha de Pernambuco)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


20/09


2007

Lula: prestígio é o mesmo, mas chega de impostos

 Divulgou-se nesta quinta-feira (20) a última rodada da pesquisa CNI/Ibope. Os dados revelam que o prestígio de Lula manteve-se praticamente inalterado nos últimos três meses. O índice de aprovação do governo era de 50% em junho. Agora, 48% consideram a atual gestão ótima ou boa. A variação de dois pontos percentuais está dentro da margem de erro da pesquisa.

 

Por encomenda da Confederação Nacional da Indústria, o Ibope ouviu 2.002 eleitores em todo país. Expressivos 60% disseram confiar em Lula. Em junho, a taxa de confiança no presidente era praticamente a mesma: 61%.

 

A pesquisa revela também que o brasileiro anda de saco cheio dos impostos: 85% dos entrevistados concordaram com a assertiva de que os impostos são altos demais se considerada a qualidade dos serviços públicos. Para 57%, a CPMF é parte do problema, na medida em que ajuda a adensar o fardo de tributos.

 

Ou seja: apesar de Renan Calheiros, um político que chegou à cadeira de presidente do Senado ajudado pelos empurrõezinhos do Planalto, a despeito da fúria coletora do fisco e não obstante os esforços para renovar a CPMF até 2011, Lula continua nas nuvens. A continuar assim, chegará a 2010 como um eleitor ultra qualificado. Embalado, Lula discursou, nesta quinta, contra o pessimismo.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Raimundo Eleno dos Santos

O Blog deveria reescrever o que diz a imprensa: que a aprovação positiva de Lula em bom,regular e ótimo está em 80% dos entrevistados.É mais correto.Agora somou bom e ótimo em 48%e regular ficou de fora, ou seja considerado à parte. Querendo dizer a imprensa que Lula tem a aprovação de menos de 50%

Sérgio J. Cadena Bandeira de Melo

SEMPTR QUE TEM ESCANDULOS NO GO., SAI PESQUISA, E O RESULTADO É FAVORAVIL A QUEM ? AO ético DO coverno. ENROL ENROA ENROL; ACREDITA ! BRSI DE TOLLOS.



20/09


2007

Se tem dono por que está vendendo?

Carlos Chagas - Blog dos Blogs

 Pleno de orgulho cívico, o presidente Lula declarou em Manaus "que a Amazônia tem dono", referindo-se à cobiça internacional sobre a região.

Palmas para ele, por defender a soberania nacional, mas tem um problema: se somos donos da Amazônia, e se pretendemos preservá-la, por que o governo está vendendo a floresta?

Por projeto de lei proposto por Fernando Henrique Cardoso e aprovado no Congresso depois da posse do Lula, qualquer estrangeiro pode arrendar por 40 anos, renováveis por mais 40, glebas amazônicas do tamanho do estado de Sergipe, com licença para explorar madeira e sem licença, mas tanto faz, para exportar espécies variadas da flora, além de prospectar todo tipo de minerais nobres.

Tempos atrás, em entrevista à imprensa, um bilionário europeu já proprietário de parte da Amazônia recomendou a outros colegas que comprassem o quanto pudessem, pois era "um bom negócio".

Bom negócio para quem, cara pálida?

Mudaram de tática, os governos e as multinacionais interessados em dominar a Amazônia. Antes, conforme se pronunciaram François Mitterand, Felipe Gonzales, Margareth Tatcher, Al Gore, Gorbachev e até, last but not least, George W. Bush, a palavra de ordem era internacionalizar a floresta, sob a alegação de constituir-se em pulmão do mundo e outras bobagens. Naqueles idos, até os heróis de desenhos animados e de histórias em quadrinhos frequentavam a Amazônia, sempre lutando contra fazendeiros e policiais brasileiros que mais pareciam bandidos mexicanos. Do Super-Homem à Mulher Maravilha, eles apareciam providencialmente para resgatar criancinhas e tribus indígenas da escravidão e da truculência dos brasileiros. O plano era fazer a cabeça das novas gerações para quando "internacionalizassem" a Amazônia ou reconhecessem como "nações" indígenas as tribus vivendo sob a proteção do nosso poder público.

Como mandar os "marines" saltarem de pára-quedas pode ser um risco igual ao enfrentado no Vietnam, partiram para a invasão branca, muito mais barata e facilitada por nós. Multiplicaram o número de ONGs fajutas, interessadas em proteger as árvores e os índios, amplamente financiadas conforme o mesmo objetivo. É possível que nem o Incra nem a Abin disponham de informações a respeito da quantidade de pedaços da Amazônia já alienados aos estrangeiros. Do PT, não se tem notícia de sequer uma iniciativa em favor de nossa soberania. Muito menos da chamada grande imprensa, onde até determinados veículos funcionam a favor da alienação. Apesar de tudo, a Amazônia tem dono...


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Raimundo Eleno dos Santos

Rachel de Queiroz escreveu sobre o tema: "ATÉ TU CARA PÁLIDA" O texto escrito há mais de 20 anos é atualíssimo. Pena que não sei onde reecontrá-lo. Faz um favor Magno, encontre-o e o reedite.



20/09


2007

Chávez critica atraso nas obras da refinaria de Suape

 O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, desembarcou nesta quinta-feira, 20, em Manaus disposto a ter uma conversa dura com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre o acordo entre a Petrobras e a PDVSA para a construção da refinaria Abreu de Lima, em Pernambuco.

Ao ser questionado sobre a informação de que a PDVSA estaria pleiteando ficar com 60% do controle acionário da refinaria Abreu Lima, Chávez reagiu: ''Isso é uma mentira. O que você está repetindo é uma mentira''. A pretensão da PdVSA foi, no entanto, confirmada pelo Itamaraty e pala Petrobras.

Chávez afirmou ainda estar chateado e que lhe dá pena o atraso nas obras da refinaria. Reclamou ainda que desde a cerimônia de colocação da pedra fundamental já se passaram dois anos. O atraso, na sua opinião, se deve à burocracia do governo brasileiro e da Petrobras.

Ele lembrou que há dois anos, em Manaus, havia conversado com Lula que se ambos os países não vencessem a burocracia, não haveria integração na América do sul. ''Eu estou encarregado da minha parte. A Venezuela está pronta (para a construção da refinaria) há tempos'', disse. (Informações do portal Estadão)

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Sérgio J. Cadena Bandeira de Melo

A FOTO REVELA ,NOS DOIS UNIDOS ENGANAMOS MELHOR.

Paulo Kigrer

Se um pulha já é de bastante incomodo, imagine dois pulhas juntos e dizendo merdas para povos imbecilizados ouvirem... Inácio e Chavez "lideres" de rebanhos é de se presumir o quanto de ovelha não vai se fuder nesta empreitada, são dois enganadores...

magno bravo dantas

QUEM ESTÁ MENTINDO?? HUGO OU LULA? BRASIL OU VENEZUELA? SÓ O TEMPO DIRÁ.



20/09


2007

Eleições em Poção foram suspensas pelo TSE

Marcadas para o dia 30 de setembro, as eleições para prefeito do município de Poção, no Agreste do estado, foram suspensas.
 
A decisão foi do ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Marcelo Ribeiro, que concedeu uma liminar favorável a um mandato de segurança impetrado pela Câmara de Vereadores do município, determinando a suspensão.

A data havia sido definida pelo Tribunal Regional Eleitoral em agosto deste ano e ainda cabe recurso sobre a decisão.

CASSAÇÃO
O impasse na prefeitura de Poção existe desde julho de 2005, quando o prefeito Geraldo da Silva Andrade (PDT) e o vice, Ivo Vandarque da Silva tiveram os mandatos cassados.

Os três foram acusados de abuso de poder econômico por terem comprado votos durante a campanha eleitoral de 2004, distribuindo carne e material de construção aos eleitores.                  (Informações do portal pe360graus)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


20/09


2007

Governo boliviano sequëstra bens da Queiroz Galvão

 O governo boliviano, por meio de uma decisão judicial, determinou nesta quinta-feira o seqüestro de bens em um canteiro de obras da construtura brasileira Queiroz Galvão naquele país. No final do mês passado, a Bolívia rescindiu um contrato de construção com a Queiroz Galvão de uma estrada no sul do país, alegando má qualidade da obra, e declarou que executará uma garantia de US$ 13,8 milhões contra a empresa.

A construtura negou as informações e informou que vai recorrer à Justiça boliviana contra a decisão para pedir ressarcimento por perdas e danos. A companhia também estuda recorrer à arbitragem de um organismo internacional. O advogado da Queiroz Galvão, Alberto Sogayar, informou que a garantia será paga pelo banco, mas que vai recorrer e, se ganhar, o governo terá de devolver os valores.

Na ação de hoje, segundo a assessoria de imprensa da construtora, funcionários do governo boliviano fizeram uma lista de todos os bens que estão no canteiro de obras e informação sobre a proibição de movimentação dos bens, como venda e retirada do país. Por meio de nota, a Queiroz Galvão afirmou que ''repudia e lamenta'' os atos de seqüestro de bens em seus canteiros de obras e o constrangimento de que foi vítima na Bolívia.

''Assim como ocorreu com outros grupos empresariais brasileiros, a Queiroz Galvão tem sido alvo de campanha difamatória com o intuito de criar atmosfera propícia ao descumprimento de compromissos assumidos de boa-fé por administrações e instituições públicas bolivianas'', diz ainda o texto.

O contrato para a construção de uma estrada de 433 km ligando os Departamentos (Estados) de Tarija e Potosí, no sul da Bolívia, foi assinado em 2003 pelo governo do ex-presidente boliviano Carlos Mesa e custou US$ 198 milhões, dos quais US$ 120 milhões financiados pelo Proex (Programa de Financiamento às Exportações do Banco do Brasil) e o resto pela CAF (Corporação Andina de Fomento). (Informações da Folha Online)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Sérgio J. Cadena Bandeira de Melo

NORMANDO LEITE CAVALCANTE , SÃO FARINHA DO MESMO SACO; AMARGA NÃO DA PRA COMER

Normando Leite Cavalcante

Isto é uma pouca vergonha, esse índio sacana afanando emprezas brasileiros e o Lula chamando esse nojento de companheiro. E, ainda, uma obra financiada com dinheiro do BB, enquanto as nossas estradas continuam esburacadas.

Paulo Kigrer

que o Inácio não dispõe "o" dele, mas sim o dos outros, que somos todos... é bom ir se preparando que vem fumo grosso por ai...

Paulo Kigrer

O índio não quer só apito não, quer também otros "buraquitos" mais... só

Raimundo Eleno dos Santos

pODE SER QUE eVO mORALES TEM RAZÃO. aS ESTRADAS DO bRASIL CONSTRUIDAS PELA qUEIROZ GALVÃO ESTÃO ESBURACADAS.



20/09


2007

Moraes: "Maior exemplo de nepotismo é o governador"

Inspirado na ironia, o deputado Antônio Moraes (PSDB) foi enfático, nesta quinta-feira, ao comentar na Assembléia Legislativa a votação da lei antinepotismo proposta pelo governador Eduardo Campos (PSB).

"O pior caso de nepotismo do Estado é do próprio governador", disse, numa alusão ao ex-governador Miguel Arraes, avô de Eduardo, e que estimulou o quanto pôde a carreira política do neto e herdeiro político. No terceiro governo de Arraes, o atual governador foi secretário de Governo e, depois, da Fazenda.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Paulo Kigrer

Discordo! Antônio Moraes não é cretino, embora tenha sido "beneficiado" no governo Arraes... entretanto, se o epíteto para o Moraes for de imbecil, conte com minha assinatura!

Raimundo Eleno dos Santos

Esse Antonio Moraes é um cretino de carteirinha. Está cuspindo no prato que comeu:No terceiro governo Miguel Arraes, assumiu a Secretário de Segurança Pública. Hoje ele fala mal do neto do seu benfeitor. Só porque está no PSDB.

Fabio Leite Macedo

O sujo falando do mal lavado,dudu não é exemplo para ninguém



20/09


2007

Ninguém falou em OAB na Assembléia

Depois da chuva de denúncias, protestos e vaias e acusações de possíveis irregularidades administrativas na atual da gestão da Ordem dos Advogados do Brasil, secção Pernambuco, que envolveriam o presidente Jayme Asfora, o deputado Antônio Moraes (PSDB) estranhou o silêncio absoluto em torno do tema na tarde desta quinta-feira na Assembléia Legislativa.

"Eu acho que há muita hipocrisia (em torno do assunto). Acho que Terezinha Nunes tem que fazer uma audiência pública com os ex-funcionários da OAB-PE na Comissão de Cidadania", ironizou.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Coluna do Blog
TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Publicidade
Apoiadores