FMO janeiro 2020

30/11


2021

Homem da Meia-Noite cancela desfile

A diretoria do Clube de Alegorias Homem da Meia-Noite anunciou, há pouco, a decisão de não realizar desfile presencial no carnaval de 2022, ano em que o gigante de Olinda completa 90 anos de existência. Segundo a agremiação, a decisão foi tomada devido à pandemia de Covid-19.

O governo de Pernambuco ainda não tomou uma decisão sobre a realização de festas públicas na folia do próximo ano. Na quinta (25), o secretário estadual de Saúde, André Longo, afirmou que, a principio, o que pode valer para janeiro e fevereiro é a definição dos eventos limitados a 7,5 mil pessoas com controle vacinal de 100% do público.

"Chegamos à conclusão de que seria uma decisão de alto risco à vida a realização do nosso carnaval presencial. Portanto, pelo bem da vida de todos, resolvemos cancelar uma possível saída presencial da nossa agremiação em 2022", declarou o presidente do Homem da Meia-Noite, Luiz Adolpho.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Jaboatão - Família Acolhedora

30/11


2021

Confira a íntegra do discurso de Bolsonaro na filiação ao PL

Clique no link disponibilizado pelo portal O Antagonista e confira a íntegra do discurso de filiação do presidente Jair Bolsonaro ao Partido Liberal, na manhã de hoje.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Joao

Realmente é falta do que fazer, disponibilizar um link para ouvir mentiras e baboseiras de um acéfalo!


ALEPE - Ações Sociais

30/11


2021

Bolsonaro filia-se ao PL: Seremos uma família

O presidente Jair Bolsonaro filiou-se ao Partido Liberal (PL), na manhã de hoje, durante evento no Complexo Brasil 21, em Brasília. A pedido de Bolsonaro, a cerimônia no auditório foi reservada para pessoas próximas, diretores regionais da sigla, ministros, filhos e amigos.

“Confesso prezado Valdemar [Costa Neto, o presidente do PL], a decisão não foi fácil”, afirmou Bolsonaro. “Uma filiação é como um casamento. Não seremos como marido e mulher, mas seremos como uma família”, disse o chefe do Executivo.

Em seu discurso, Jair Bolsonaro defendeu sua gestão, falou sobre as eleições de 2022 e criticou a esquerda. A congressistas, disse que veio do mesmo meio: “Eu vim do meio de vocês, fiquei 28 anos dentro da Câmara dos Deputados”, disse. “Mas há uma semelhança muito grande entre nós. Ninguém faz nada sozinho”.

“O futuro do Brasil está em nossas mãos. Nós tiramos o Brasil da esquerda”, disse o chefe do Executivo. Ele falou sobre a corrida eleitoral do ano que vem: “Tem mais candidatos né? Do que 2018. Isso é bom para a democracia. Quanto mais candidato melhor”.

O presidente também usou a fala para defender a aprovação do nome de seu indicado ao Supremo Tribunal Federal (STF), André Mendonça, no Senado. A sabatina na CCJ está marcada para amanhã. Jair Bolsonaro também voltou a dizer, sem mencionar nomes, que “alguns extrapolam” na Praça dos Três Poderes.

“Alguns extrapolam aqui na região da Praça dos Três Poderes. Essa pessoa vai ser enquadrada, vai se enquadrando, vai vendo que a maioria somos nós. E nós aqui que temos votos, em especial, é que devemos decidir o destino da nação”, declarou.

“Nós temos um bem que está na nossa frente, que não podemos desprezar, achar que não vai acabar nunca. É um bem que devemos sempre zelar por ele, que é a nossa liberdade”, disse o presidente em seu discurso.

O filho do presidente, Flávio Bolsonaro, também filiou-se ao partido. Ele usou seu discurso para também defender o governo e tecer ataques a Sergio Moro (Podemos), ex-ministro de Bolsonaro que disputará o Planalto em 2022.

*As informações são do portal Poder360


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Joao

Históricos políticos advindos do mesmo berço, o acéfalo e Valdemar Costa Neto!


Cabo - Pavimentação e Drenagem

30/11


2021

Evento em Madri afasta Gilson da filiação de Bolsonaro

Em Madrid, para participar da Assembleia Geral da Organização Mundial do Trabalho, o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, ficou de fora do ato de filiação do presidente Bolsonaro ao PL.

"Estamos no Conselho Executivo que se reunirá hoje em Madri. Ontem, tivemos reunião com o Secretário Geral, Zurab, e o com o chanceler da França on-line, pois ele está em Moscou. Na quinta, será a votação do escritório da OMT no Brasil", justifica Gilson.

Segundo ele, a criação do escritório foi problemática. "Pense num parto! Corremos o risco de perder por questões de ordem trabalhista. A ONU não aceita os moldes da CLT para seus funcionários. Estamos tentando resolver. O dia de hoje e o de amanhã serão cruciais para o Brasil", disse.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Joao

Os lambe-botas que lá estavam gravam para o lambe mor!



30/11


2021

Miguel cancela Réveillon e carnaval de Petrolina

Por conta do crescimento do número de casos e surgimento de novas variantes do coronavírus, o prefeito Miguel Coelho decidiu cancelar a realização do Réveillon e do carnaval de Petrolina. O anúncio foi divulgado em uma entrevista ao programa Nossa Voz, hoje.

Segundo Miguel, já havia um planejamento para a preparação da tradicional festa de fim de ano. A decisão, porém, foi suspender os shows e realizar apenas a queima de fogos de artifício na Orla de Petrolina. O carnaval também será cancelado, permitindo-se somente eventos privados com limite de público e protocolos de higiene conforme os critérios determinados pela Secretaria de Saúde do Estado.

O prefeito explicou ainda que a difícil decisão foi amadurecida nas últimas semanas após a confirmação de uma nova variante do coronavírus, e seguindo orientação da Organização Mundial de Saúde e de pesquisadores brasileiros. Miguel acrescentou ainda que eventos de grande porte só poderão voltar a ocorrer com a população imunizada com as duas doses. “Estamos fazendo também um alerta para as pessoas que não estão se vacinando. Todo mundo precisa se vacinar senão essa pandemia continuará se estendendo e colocando em risco as vidas das pessoas. Portanto, pensando na saúde da população, decidimos cancelar o Réveillon e o carnaval”, explicou Miguel.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Petrolina outubro 2021

30/11


2021

Só filho e ministro Rogério se filiam com Bolsonaro

No ato de filiação do presidente Bolsonaro ao PL, encerrado, há pouco, em Brasília, ingressaram na legenda apenas o filho senador Flávio Bolsonaro e o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho. Outros ministros, senadores e deputados irão se filiar mais adiante, sobretudo na janela a ser aberta em abril para quem tem mandato parlamentar.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Sindicontas

30/11


2021

Acompanhe ao vivo a filiação de Bolsonaro


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Ipojuca - Novembro

30/11


2021

O burburinho político

Enquanto o presidente Bolsonaro não chega, na área reservada para os jornalistas, no Centro de Convenções Brasil 21, o que chama mesmo a atenção é a movimentação nos bastidores. Políticos aliados de Bolsonaro chegam fazendo prognósticos otimistas quanto ao seu futuro partidário com o seu casamento celebrado hoje com o PL.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Joao

É muito lambe-botas!


Caruaru - Feira da Sulanca

30/11


2021

Blog transmitirá ao vivo a filiação de Bolsonaro ao PL

Marcada para começar às 10h30, este blog transmitirá, ao vivo, a filiação do presidente Jair Bolsonaro ao PL. O ato acontece em Brasília e conta com a presença de apoiadores do presidente e representantes do partido de todo o País. A transmissão acontecerá através deste link no YouTube: https://youtu.be/s2lPfUO60YM


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Arcoverde novembro 2021

30/11


2021

Entrada de Bolsonaro no PL provoca cisão no Centrão

O aumento da presença do PL no governo, consequência do ingresso do presidente na legenda, já provoca reclamações de outras siglas do Centrão. Ligado a Igreja Universal do Reino de Deus, o Republicanos, por exemplo, abriu diálogo com o ex-juiz da Lava Jato Sérgio Moro, presidenciável do Podemos. Os sinais de insatisfação foram recebidos pelo Planalto.

Terceiro maior partido da Câmara, com 43 deputados, o PL teve um fundo eleitoral de R$ 117,6 milhões em 2020 para financiar campanhas e um fundo partidário de R$ 45,7 milhões, no mesmo ano. Com a saída de Flávio Bolsonaro do Patriota – partido onde ficou apenas seis meses – e a migração para o PL, a legenda passará a ter cinco senadores.

Conhecido por apoiar o Governo, seja de direita ou de esquerda, o PL tem no Palácio do Planalto a ministra da Secretaria de Governo, Flávia Arruda. Ex-deputado que comanda o partido, Costa Neto é muito cortejado para a formação de alianças, a despeito de ter ficado quase um ano preso após condenação por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no mensalão. 

Nos dois governos do então presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), hoje o principal adversário de Bolsonaro na eleição de 2022, o PL era a legenda do vice, José Alencar – morto em 2011. No Palácio do Planalto, o plano é reforçar os palanques nos Estados, lançando ministros como candidatos a governos estaduais e a cadeiras no Senado, Casa na qual a base aliada está cada vez mais enfraquecida. 

O ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, abre a lista e também vai se filiar hoje ao PL, ao lado de Marinho, presidente e do senador Flávio Bolsonaro (RJ), que deixa o Patriota. Além de Marinho, outros quatro ministros de Bolsonaro migrarão para o PL, mas em outra etapa. Tarcísio de Freitas (Infraestrutura) deve disputar a sucessão do governador João Doria, em São Paulo, e Onyx Lorenzoni (Trabalho e Previdência) vai concorrer ao governo do Rio Grande do Sul.

Os ministros Marcelo Queiroga (Saúde), que estuda concorrer ao governo da Paraíba, e Gilson Machado (Turismo), que planeja se candidatar ao Senado ou a cadeira do governador Paulo Câmara, em Pernambuco, também negociam a entrada no PL.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Joao

É muita pretensão do sanfoneiro lambe-botas!


Serra Talhada 2021

30/11


2021

Jornalistas acompanharão filiação de Bolsonaro por telão

Embora super organizado, com credenciamento e outras coisitas, o ato de filiação do presidente Bolsonaro ao PL, que acontece daqui a pouco, em Brasília, dá o tom do tratamento do Governo à Imprensa: os jornalistas não terão acesso ao plenário do Centro de Convenções do empresarial Brasil 21. Terão que acompanhar por um telão numa sala ao lado do plenário. Há um batalhão de jornalistas credenciados do País inteiro e até do Exterior.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

SESC - Férias de Janeiro

30/11


2021

Em peso, até com Anderson, PL recebe Bolsonaro

Na filiação do presidente Bolsonaro ao Partido Liberal, ato marcado para às 10h30, no Centro de Convenções do Brasil 21, todos os 27 dirigentes estaduais da legenda devem estar presentes, inclusive o pernambucano Anderson Ferreira, que no Estado anda de braços dados com o PSDB, partido que faz implacável oposição ao Governo.

Deputados e senadores próximos ao presidente também devem comparecer. O ex-senador Magno Malta (ES), que é do partido e evangélico, também estará presente e quer realizar uma “bênção” durante o evento. A ministra da Secretaria de Governo, Flávia Arruda, e o ex-governador José Roberto Arruda, ambos filiados ao PL, também devem comparecer.

O vice-presidente da Câmara dos Deputados, Marcelo Ramos (PL-AM), ficará ausente. Ele tem feito oposição à entrada de Bolsonaro no partido, destoando da maior parte da legenda, e provavelmente deixará a sigla. No início de novembro, já havia declarado sua insatisfação. O presidente do PL, Valdemar Costa Neto, estaria preparando uma “saída amigável” para Marcelo Ramos.

Em carta, ele diria que o parlamentar teria justa causa para deixar o partido e que o PL não iria atrás de seu mandato na Justiça. A preocupação maior seria com a própria Justiça Eleitoral. Segundo a analista de política Renata Agostini, os liberais receberão o presidente hoje no evento com o slogan “O PL recebe o nosso presidente de braços abertos”. O ato deve contar com mais de mil pessoas, boa parte exclusivamente políticos.

Há a expectativa de que estejam presentes os ministros que devem seguir Bolsonaro na ida ao partido, como o de Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, e o da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas. Ciro Nogueira, presidente do PP e atual ministro da Casa Civil, estará presente e o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), também é esperado.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Bandeirantes novembro 2021

30/11


2021

Coluna da terça-feira

Chico é insubstituível

No ápice da maior crise financeira da sua história, a TV-Globo abriu mão, ontem, do talento do jornalista Chico José, a cara do Nordeste no canal da poderosa. Antes de Chico, exemplo de talento, competência e qualidade no jornalismo, a Globo já havia rompido contrato com o jornalista José Raimundo, que atuou por muito tempo na Bahia.

Uma dupla que enchia de orgulho os nordestinos, craques, reverenciados por todos que apreciam a escola do bom jornalismo. “Nada representa mais Chico José do que sua identificação com o Nordeste. É um apaixonado. Durante 10 anos, fez coberturas da seca e da miséria que assolavam o sertão nordestino. Em 2008, percorreu seis capitais para mostrar, ao vivo, o São João no Jornal Nacional. Por 15 anos, ao lado de Beatriz Castro, apresentou e fez reportagens no programa local de meio ambiente Nordeste Viver e Preservar”, escreveu o jornalista Ali Kamel, diretor-geral de Jornalismo da Globo.

Para acrescentar: “Recebeu vários prêmios, inúmeras homenagens e títulos – entre eles o de Cidadão Pernambucano. Convidado para ser correspondente internacional, nunca quis. Costuma dizer que não troca o Nordeste por nenhum outro lugar do mundo. Mas tem no currículo reportagens feitas em todos os continentes. Tem um jeito único de fazer reportagem: envolvente, cativante, leva o espectador para onde ele está. Com palavras precisas, com cenas que marcam”.

Sobre a saída de Chico, Kamel explicou: “Há três anos, começamos a conversar mais detidamente sobre este movimento que se conclui hoje. Primeiramente, deixou o dia a dia para se dedicar aos projetos que tinha no Globo Repórter. Para a nossa alegria e satisfação do público, fez o que planejou. Em outubro, partiu para o Atol das Rocas, período mais propício para realizar a reportagem há muito sonhada. O resultado, como sempre, superou todas as melhores expectativas. Ao dar o ponto final no texto, ao pronunciar as últimas palavras do programa, encerrou com chave de ouro esses 46 anos de Globo. O resultado vai ao ar em 25 de março do ano que vem. Como planejado”.

E assim concluiu: “Eu agradeço ao Chico José, cearense do Crato, cidadão de Pernambuco, jornalista do Brasil, por todo o legado que nos deixa e por tudo o que fez pelo nosso jornalismo. Em meu nome, no nome da Globo e no de seus colegas”. Que me perdoe Ali Kamel, Chico abre uma lacuna na Globo que nos deixa órfão. Chico é insubstituível. Foi um príncipe do jornalismo, um dos repórteres mais admiráveis no País. Sua escrita tinha luminosidade, sua voz encantamento.

Chico, por fim, foi da escola de Gabriel Garcia Márquez, que entendia do ofício assim: “O jornalismo é uma paixão insaciável que só se pode digerir e humanizar mediante a confrontação descarnada com a realidade. Quem não sofreu essa servidão que se alimenta dos imprevistos da vida, não pode imaginá-la. Quem não viveu a palpitação sobrenatural da notícia, o orgasmo do furo, a demolição moral do fracasso, não pode sequer conceber o que são”.

Popularidade – Kamel esteve no Recife e saiu impressionado com a popularidade de Chico José. “Eu o conheci pessoalmente ao chegar à Globo, numa visita que fiz ao Recife. Depois dos afazeres na redação, aceitei o convite dele para almoçar. Andando pelas ruas, pude comprovar o quanto é querido, tratado como família pelos pernambucanos, carinho puro, que ele retribui. Uma conversa com ele nunca é curta e é sempre prazerosa. Num de nossos encontros mais recentes, tínhamos uma agenda breve, mas quando nos despedimos já havia se passado uma hora. Conversamos sobre a profissão, o fazer jornalístico, a vida. Chico é um baú de boas histórias e um observador agudo. Jô Mazarollo me disse dele: “Adora contar histórias. As histórias das reportagens e as histórias que surgem enquanto está fazendo as reportagens”.

Só falta Recife – O prefeito João Campos (PSB) não terá como promover festas de fim de ano. A prefeitura de Salvador confirmou, ontem, que não terá festa de Réveillon neste ano no município. Além da cidade, o governo do Ceará já havia anunciado, sexta-feira passada, que estariam proibidos grandes eventos de Réveillon no Estado. Já a prefeitura de Belo Horizonte disse que “não planejou comemoração de Réveillon para a virada de ano”. Cidades como São Paulo e Rio de Janeiro continuam com suas programações de festa de fim de ano. E aí, João? Vai manter?

Decisão sensata – Segundo o prefeito da capital baiana, Bruno Reis (DEM), mesmo com o avanço da vacinação, o cenário de incertezas no momento por causa da pandemia levou à conclusão de que não há como realizar o Festival da Virada Salvador este ano com segurança sanitária para as pessoas. O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), também justificou que a decisão de não realizar grandes festas de Réveillon é de “absoluta prudência, responsabilidade e respeito de forma prioritária à vida dos nossos irmãos e irmãs cearenses. Estamos vencendo essa pandemia e não descansaremos enquanto não vacinarmos todos os cearenses”, afirmou.

Ceará não relaxa – O prefeito de Fortaleza, José Sarto (PDT), se manifestou em sua página no Twitter sobre a festa de Réveillon na capital cearense. “A Prefeitura não fará o evento público neste ano. Até chegamos a considerar a possibilidade de realizar nossa tradicional festa da virada, se a situação permitisse. Mas não podemos relaxar, sob pena de colocarmos todo trabalho feito até aqui a perder. O cenário internacional é preocupante. E estamos em alerta”, disse Sarto. Bruno Reis disse que Salvador tem 91% de pessoas vacinadas acima de 12 anos com a 1ª dose e 81% com segunda dose acima de 18 anos. No Ceará, 74% dos maiores de 12 anos receberam duas doses da vacina e 87,4%, a 1ª dose.

Meirelles na economia – O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou que Henrique Meirelles (PSD) integrará a equipe econômica de sua campanha para as eleições de 2022. Doria é pré-candidato de seu partido à Presidência da República. O anúncio foi feito, ontem, em entrevista a jornalistas na sede do PSDB-SP, na capital paulista. No sábado passado, Doria ganhou as prévias tucanas que decidiram o nome da sigla para 2022. O time econômico de Doria terá três mulheres e três homens. O anúncio do grupo completo será feito até o final da próxima semana. “Desses integrantes, Henrique Meirelles fará parte. Foi convidado e já aceitou”, disse.

CURTAS

SEM INTERVALO – O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga afirmou, ontem, que a variante Ômicron do coronavírus, descoberta na África do Sul, não será diferente de outras já identificadas. O titular da pasta federal disse que a vacinação é a melhor estratégia contra a covid-19, mas descartou antecipar o intervalo entre a 2ª dose e o reforço, hoje estipulado em cinco meses.

SELEÇÃO – A Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes abriu, ontem, as inscrições para uma seleção simplificada com 211 vagas para profissionais de níveis fundamental, médio e superior. O cadastro deve ser feito pela internet até o dia 20 de dezembro. Os salários variam entre R$ 1.100 e R$ 5 mil, segundo o edital, disponível no site da organizadora do certame. Há vagas reservadas para pessoas com deficiência.

Perguntar não ofende: Ao afirmar que com Anderson no PL não haverá aliança com Raquel, João Lyra externou uma posição sua ou da filha também?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Pousada da Paixão

29/11


2021

Anderson na filiação de Bolsonaro

Presidente estadual do PL, mas no plano estadual alinhado com o PSDB da prefeita de Caruaru, Raquel Lyra, o prefeito de Jaboatão, Anderson Ferreira, estará amanhã na filiação do presidente Bolsonaro ao partido. Com isso, ele sinaliza que pode ficar no palanque de Bolsonaro em Pernambuco, desfazendo a aliança prévia com a tucana.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Joao

Claro que estará, nenhum lambe-botas faltará, inclusive blogs e blogueiros!



29/11


2021

Lyra: Com Bolsonaro no PL, Aliança entre Raquel e Anderson fica inviável

Em entrevista à CBN Caruaru, hoje, o ex-governador João Lyra Neto falou sobre as possíveis composições para as eleições de 2022 e o impacto da entrada de Bolsonaro no PL na relação entre Raquel Lyra (PSDB), prefeita de Caruaru e pré-candidata ao Governo do Estado, e Anderson Ferreira (PL), prefeito de Jaboatão dos Guararapes. As informações são do blog Pernambuco Urgente.

Em relação à entrada de Jair Bolsonaro no PL, o ex-governador vê esse cenário como um fato importante, declarando haver uma impossibilidade política de continuação da aliança entre o PSDB e o PL, constatando que deverá ocorrer um outro alinhamento político com outros partidos que já declararam apoio ao Movimento Levanta Pernambuco. “Fica inviável, se Anderson continuar no partido, ele terá que votar em Bolsonaro. Raquel terá que fazer um novo alinhamento político para 2022”, disse Lyra.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha