Lavareda

19/02


2013

PSDB usa mensalão para atacar Dilma em São Paulo

 O presidente nacional do PSDB, deputado Sérgio Guerra (PE), atacou ontem a participação da presidente Dilma Rousseff no evento para comemorar os 10 anos do PT no poder. Em contraposição aos petistas, que evitam falar do mensalão, o tucano fez questão de associar o ato do partido ao escândalo.

''Na quarta-feira a presidente Dilma vai encontrar o José Dirceu e o [ex-presidente] Lula numa grande reunião em São Paulo. Será possível que a presidente da República pode ir para uma reunião com um cara que faz semanas foi condenado pelo Supremo Tribunal Federal?'', disse.

Na divulgação do evento à imprensa, o PT não menciona a participação de Dirceu no ato. Fala apenas da presidente Dilma e de seu antecessor.

Segundo Guerra, um eventual encontro da presidente com o ex-ministro José Dirceu, condenado pelo STF no processo do mensalão, mostraria uma Dilma ''sem respeito às instituições'' e que tem o combate à corrupção apenas como fachada de governo.

''A Dilma tem ou não respeito tem pelas instituições? Ela é ou não é a favor do mensalão? Se ela for lá [no ato do PT] ela é favor do mensalão. Não tem nada dessa história de austeridade. Tudo é falso.''  (Informações da Folha de S.Paulo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

ALEPE

19/02


2013

Lula volta a afirmar Dilma como sua candidata em 2014

 Desde a quarta-feira de cinzas, o ex-presidente Lula tem reafirmado a um pequeno círculo de amigos que não pretende se lançar a candidato em 2014. Pelo contrário, reitera seu apoio à reeleição de Dilma Roussef. Lula afirmou que vai ajudar, sempre que solicitado, a montar qualquer composição política que seja necessária para garantir a continuidade de Dilma no poder.

Por outro lado, o ex-presidente acredita que está em curso uma
campanha direcionada contra a área econômica. O movimento, segundo ele, seria orquestrado por grupos que estão se sentido prejudicados no atual governo, de setores como seguros e petróleo.

Lula não entende o porquê de tanta campanha contra a Petrobras,
empresa cinco vezes maior que a colombiana Ecopetrol, que continua
navegando em águas plácidas. No fim de janeiro, a colombiana superou o valor de mercado da estatal brasileira. A primeira foi cotada em U$ 129, 5 bilhões, enquanto a Petrobras ficou em U$ 126,8 bilhões.(Informações do Jornal do Brasil)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

O Jornal do Poder

19/02


2013

Edir mora em Portugal, mas não podia deixar o Brasil

 Edir Macedo está descumprindo uma ordem expressa em ofício da 2ª Vara Criminal de São Paulo enviado para a Polícia Federal no Aeroporto de Guarulhos. O ofício 1758/2012 enviado em 19 de dezembro para o aeroporto diz que Macedo não poderia se ausentar do país enquanto o processo de lavagem dinheiro estivesse em curso na Justiça paulista. Macedo está morando em Portugal desde 18 de dezembro.

Por sua vez, Amauri Soares foi promovido a diretor da Central Globo
de Programação, mas manteve a missão que desempenha já há quase dois anos — a de aproximar a emissora dos evangélicos.(Lauro Jardim - Veja)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

JOSE PINTO DA SILVA

GRANDES EMPRESARIOS QUE CONTRIBUI COM SERIEDADE PARA O ENGRANDECIMENTO DE NOSSO PAIS. NAO ESTES BANDIDOS SANGUISSUGAS DAS PESSOAS POBRES E MAL INSTRUIDAS SQUE SE ENGANAM COM FACILIDADE E DESTE POVO QUE ESSA RASSA IMUNDA TIRA TANTO DINHEIRO.

JOSE PINTO DA SILVA

E DEIXARAM O BANDIDO FUGIR MAIS ELE TEM PATRIMONIOS NO BRASIL E SO COMFISCAR ESTES PASTORES TODOS TEM AVIOES PARTICULARES E AUTORIZAÇAO PARA EMBARQUE AUTOMATICO SEM PASSAR PELAS POLICIAS FEDERAIS TEM QUE ACABAR COM ISTO EU ACHO QUE ESTES PRIVILEGIOS DEVERIAM SER ESCLUSIVOS PARA ALGUMAS AUTORIDADES E

o povo da de olho

DESMORALIZAÇÃO.....

flavio dos santos consul

ele morava nos estados unidos antes de portugal.


Abreu no Zap

19/02


2013

Lula tenta se reaproximar do movimento sindical

 Ao mesmo tempo em que prepara caravanas e seminários do PT pelo País afora, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva comanda uma reaproximação do partido com o movimento sindical, de olho na
reeleição da presidente Dilma Rousseff no ano que vem. O ex-presidente já recomendou, por exemplo, que tanto o partido comoa presidente fiquem mais atentos às demandas desse setor neste ano.

Lula planeja participar das comemorações de 30º aniversário da Central Única dos Trabalhadores (CUT), ligada ao PT. Ele deve abrir uma plenária da direção nacional da central no próximo dia 27, em São Paulo. Na verdade, o aniversário da central só acontece mesmo em agosto.(Do blog Poder Online - Clarissa Oliveira)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


19/02


2013

Justiça patrocinada: sim ou não

DO BLOG DE HERÓDOTO BARBEIRO

 Amanhã o Conselho Nacional de Justiça vai decidir sobre mais um assunto importante para a magistratura brasileira. Vai dizer se eventos de magistrados podem ser patrocinados por investidores privados. São encontros, seminários, fins de semana em hotéis de luxo com a família, campeonatos esportivos e por aí vai.

As associações dos juízes estão atentas e querem continuar recebendo do patrocínio sob a alegação que não compactuam com qualquer tipo de desvio de finalidade. Em outras palavras, dizem que receber dinheiro de patrocinador não provoca nenhum conflito de interesse, mesmo que ele, amanhã ou depois, venha a ser julgado pelos juízes e desembargadores que patrocinou. Os juízes federais, do trabalho e a Associação dos Magistrados Brasileiros estão atentas à decisão do CNJ.

Essa decisão impacta diretamente a sociedade brasileira que confia que os seus magistrados são isentos e não vendem sentenças nem se deixam intimidar pela pressão do poderio econômico. Por isso está atenta ao que vai decidir o Conselho Nacional de Justiça. Na sua opinião, esses congressos podem ser patrocinados pelas empresas? Provocam ou não conflito de interesse? Comente no R7, no Blog do Barbeiro, que sou eu.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banco de Alimentos

19/02


2013

Contrariando previsões

 A presidente Dilma tem um prazer especial em desmentir e contrariar previsões, em especial quando divulgadas pela mídia. Basta falar que vai reformar o ministério para ela ficar de braços cruzados. Se alguém espalha que determinado auxiliar está fraco, fica forte no dia seguinte. Durante todo o mês de janeiro dizia-se que logo depois da eleição dos novos presidentes da Câmara e do Senado, Dilma promoveria mudanças em sua equipe. Pois fevereiro está terminando e nada, até agora. Falta indicar um ministro para o Supremo Tribunal Federal e especulações variadas ganham os jornais. Pode não ser nenhum dos sete especulados.(Carlos Chagas)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


19/02


2013

No Equador, a mídia grande perde mais uma

DO BLOG DE RICARDO KOTSCHO

 O pessoal que arrisca uma fezinha nas bolsas de apostas em Londres pode anotar uma dica que não tem erro: toda vez que houver eleição na América Latina, é só jogar no candidato que a grande mídia brasileira, autodenominada "imprensa independente", está combatendo.

É incrível como este pessoal gosta de perder eleição. Desta vez, foi
no Equador, onde o "inimigo" Rafael Correa se reelegeu no domingo com 40 pontos de vantagem sobre o adversário mais próximo, o ex-banqueiro Guillermo Lasso.

Em eleições anteriores no Brasil, na Argentina, na Venezuela, na
Bolívia, no Paraguai, no Uruguai, por todo canto, não deu outra. São
os colunistas e blogueiros "independentes" de um lado, e a maioria dos eleitores do outro. O neoliberalismo praticamente foi varrido do mapa da América do Sul nos últimos dez anos e só sobrevive em setores da velha imprensa.

Até os termos empregados para qualificar os candidatos que eles querem derrotar, achando-se ainda capazes de definir uma eleição, são os mesmos: "populistas", "assistencialistas" e "autoritários".

Na festa da vitória em Quito, com uma multidão comemorando na Plaza Grande, em frente ao Palácio do Governo, o vitorioso Rafael Correa foi à forra: "Aqui já não mandam mais os países poderosos, os meios de comunicação. Aqui manda o povo equatoriano".

Lá como cá, a situação é bem semelhante, como o presidente reeleito fez questão de destacar em seu discurso, antecipando uma prioridade do novo mandato.

"A imprensa mercantilista, ligada a grandes grupos de interesse, que
se dedicou a conspirar, é uma das grandes derrotadas desta
eleição.Queremos uma verdadeira comunicação social, e não ser
manipulados por meia dúzia de famílias. Vamos lutar agora, com a
maioria do Congresso Nacional, por uma lei de comunicação que permita uma imprensa mais decente no Equador".

Vamos ver em quem os porta-vozes da nossa grande imprensa vão apostar nas eleições no Vaticano para escolher o sucessor de Bento 16, um dos seus gurus.

Qualquer um que ganhar, eles poderão se considerar vitoriosos. Afinal, ao contrário do que acontece na América Latina -- onde, por sinal,vive quase a metade dos católicos do mundo -- no conclave formam maioria absolutíssima os cardeais conservadores, todos eles nomeados por Bento 16 e João Paulo 2º.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

flavio dos santos consul

um pais que sequer tem moeda propria. Usa o dolar. Domingo ainda passou na tv reportagem sobre a inflacao no pais. Quanto a imprensa, experimente falar mal do correa no equador.



18/02


2013

Cajá: "Blogueira é mentirosa e está a serviço dos EUA"

Em entrevista ao programa Frente a Frente, ancorado por este blogueiro, o ex-líder do MR-8 em Pernambuco na década de 70, Edval Nunes, o Cajá, assumiu a autoria do protesto contra Yaoni Sánchez. Disse que o ato foi representado por um comitê formado por mais de 30 unidades que prestam solidariedade ao governo cubano.

Questionou o posicionamento da Imprensa que, segundo ele, insiste em promover ao posto de líder a pessoa de Yaoni, a quem acusa de manter estreitas ligações com o governo americano, um comportamento que em sua análise é visto como uma tentativa de difamação das conquistas atreladas ao movimento de 1959.

Cajá sai em defesa do líder cubano e afirma que Castro não matou, "ao contrário, salvou várias vidas humanas". O caso de Yaoni Sánchez obteve repercussão internacional após a imprensa mundial notificar suas tentativas de deixar os limites de Cuba para dar seguimento aos seus compromissos pessoais e profissionais.

Defensora dos direitos humanos e da liberdade de expressão, Yaoni atacava constantemente a ditatura de Fidel e, por isso, lhe foi imposto o veto de deixar aquele país. Cajá refuta o posicionamento da blogueira e levanta a acusação de que Yaoni estaria a serviço do governo americano.

"A maior prova [de que ela trabalha para os Estados Unidos] é ela própria. Ela chegou aqui e quem a recepcionou foi o consulado dos Estados Unidos e, ao que me consta, ela é cubana, não é norte-americana. Ela não faz outra coisa além de falar mal de Cuba e falar bem dos Estados Unidos", disse.

Quando confrontado sobre o que defendeu em outrora e o que articulou quando da chegada da jornalista cubana em solo recifense, Cajá se esquivou e atacou o trabalho exercido pela blogueira. Ele disse que quando esteve em contato com Yaoni perguntou sobre a perseguição policial relatada por ela em seus textos e pediu para que ela lhe mostrasse os policiais que a estavam perseguindo.

Pediu para ver as marcas de tortura que a escritora disse carregar consigo, o que foi lhe foi negado pela escritora.

Cajá refere-se à Yaoni Sánchez como uma "mentirosa", a quem a imprensa insiste em edificar como mártir e que, em sua opinião, trata-se apenas de uma militante pró-capitalismo a serviço do governo americano.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

João Helio Beserra Guerra

Quero que em sã consciência Cajá afirme se a librdade que existia na ditadura militar no Brasil foi maior do que a existente em Coba, no governo militar o cidadão tinha um pouco de liberdade de ir e vir e ele lutou tanto por esse direito.

Lucidio de Figueiredo Galvão Júnior

COITADINHA DA FRUTA !!!!

Arnaldo Amaral

O Edval carece de assistência psiquiátrica. Que tal um spa na Coréia do Norte ?

PAULO ROBERTO C. MORAIS

Esse Cajá parou no tempo e no espaço, para ele a guerra fria não acabou, o muro de berlim ainda está de pé e os mensaleiros do PT são inocentes. VAI TE CATAR CAJÁ!

Emanuel Gonzaga Cursino Leite

Acredito que o cajá seja beneficiário do salário anistia. Quem leu a revista Veja desta semana,tomou conhecimento da articulação da Embaixada de Cuba junto a pessoas do Governo Brasileiro para denegrir a imagem da Yoani, como também tumultuar sua estada no nosso país.



18/02


2013

Feriados em 2013 podem gerar rombo de R$ 42,2 bi

Os feriados deste ano vão causar um prejuízo à indústria nacional da ordem de R$ 42,2 bilhões. É o que mostra estudo divulgado nesta segunda-feira (18) pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan).

O gerente de estudos econômicos da entidade, Guilherme Mercês, disse que apesar de elevado, o valor é quase 20% menor que o apurado no ano passado. “Isso dá ideia do tamanho do prejuízo que os feriados podem causar à atividade produtiva”, disse o economista.

Mercês ressaltou ainda que dos 12 feriados nacionais oficiais, oito ocorrerão em dias de semana - serão dois a menos que em 2012. Em relação aos feriados estaduais, dos 39 previstos, 24 cairão em dias úteis.

Apenas seis Estados (Minas Gerais, Santa Catarina, Pernambuco, Maranhão, Tocantins e Roraima) não terão feriado estadual em dia de semana. Nesses lugares, os prejuízos causados pelos oito feriados nacionais em dias úteis poderão atingir 3,2% do PIB industrial.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha