O Jornal do Poder

30/03


2012

Presidente do PT fica em cima do muro

 Rivânia Queiroz

Mesmo sem querer assumir publicamente o apoio à pré-candidatura de Maurício Rands, por ser o presidente estadual do PT, o deputado Pedro Eugênio - que começou sua fala na coletiva avisando que não apoia nem Rands, nem o prefeito João da Costa – justificou as razões pelas quais houve um afastamento de sua corrente, a CNB, com o prefeito.

Para tanto, lembrou as eleições passadas, onde a CNB, mesmo se contrapondo a outras ideias, teria respaldado as pretensões de outros grupos, por ter a convicção de que o partido não tinha dono.  “Naquele momento (em 2008) ganhamos a eleição no 1º turno e ao longo dos últimos quatro anos vimos surgir outras divergências que nos dividiram ainda mais. Não vou aqui analisá-las, mas registrá-las, apenas”, considerou Eugênio.

O dirigente estadual acrescentou que tais desarmonias causaram divisões ainda mais profundamente em Recife e em Pernambuco e que o seu trabalho, enquanto condutor do partido, era o de superá-las. “Temos trabalhado incessantemente na busca da unidade. Temos dialogado com Humberto Costa, com os nossos deputados federais, com as nossas direções municipais e nacionais, e feito um trabalho de procura pela convergência”, garantiu.

Quanto às prévias, decisão tomada unanimemente pela direção municipal, justificou que elas estão presentes no estatuto interno e, sendo assim, deveria ocorrer, mas sem colocar a legenda numa situação de ruptura. “A prévia é um instrumento absolutamente democrático, que não se diga que não conseguir acordo de uma convergência, nos coloque no caminho da ruptura interna”.
Ao final de sua fala, o petista avisou que os 33 mil filiados ao PT são independentes. O que significa dizer que não vão seguir sinais emitidos de cima para baixo. “São pessoas que pensam e que seguirão o princípio de preservar o partido e buscar as melhores condições de manter o PT na Prefeitura
”.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Potencial Pesquisa & Informação

30/03


2012

Maurício quer imprimir o modelo da gestão estadual no Recife

 Rivânia Queiroz

Menos petista entre os petistas, Maurício Rands vai imprimir o seu modo de governar, caso vença as prévias internas do partido e seja eleito o prefeito do Recife. Pelo menos foi o que deixou claro, hoje, no primeiro discurso como pré-candidato às eleições municipais. Homem técnico e político do governo Eduardo Campos (PSB), chegou apontando insuficiências na administração do seu próprio partido.

“O nosso diagnóstico aponta no sentido de apresentar uma alternativa para que esse projeto garanta os avanços e possa suprir expectativas e insuficiências que ainda não foram resolvidas”, criticou Rands. O prefeiturável ainda disse que o padrão de gestão atual requer aprimoramentos.

Ele se mostrou capaz de executar uma gestão mais descentralizada e ágil, a exemplo do que acontece no Governo do Estado. Uma gestão capaz de incorporar segmentos e ferramentas modernas. “Estou convicto de que, com minha experiência (de secretário estadual), vamos levar para a Prefeitura (do Recife) um modelo de gestão utilizando ferramentas modernas de monitoramento, de estabelecimento de metas e de cobranças de resultados, que fazem com que aqueles nossos valores, que são muito caros, sejam efetivamente implantados”.

São métodos que precisam ser aprimorados, na avaliação de Rands, para que os valores sejam mais “amplos”, ”profundos” e “velozmente” implantados. “Registramos os avanços do prefeito João da Costa, mas temos a honestidade de dizer que registramos também as necessidades de aprimoramento da condição política e de melhoria dos padrões de gestão”, finalizou.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

jose antonio

sim esqueci a doida chutou a porta do elevador privativo por que ele demorou imagine o que essa indiota nao humilha os subordinados, ela so e boazinha com sarney mandou para a fiscalizaçao nas empresas dele e botou pra fora a delegada da recita para isso ela nao e doida

jose antonio

ideli ganha dinheiro, para liberar compra de lancha pimentel nem se fala,a transposiçao so roubo a refinaria so roubo a hemobras e agora a copa mandaram a s raposas toma conta das galinhas da nojo ver tanta safaseza inpune esta merda nao tem oposiçao e sim copitaçao

jose antonio

esse pt e partido de bandidos mataram celso daniel e querem fazer o mesmo com o coitado do joao da costa, e pensar que estamos sendo presidido por estes pilantras uma doida na presidencia que o chefe da quadrilha empurrou goela a dentro dos brasileiros so roubo ministros todos corrutos agora e ideli

OBSERVAÇÃO

Então quem vai mandar na prefeitura caso essa pateta ganhe sera Eduardo Campos e o PT perderá de vez o poder. Meu voto ele não vai ter nunca mas nem ele nem humberto nem esse pedro eugenio e tao pouco josenildo sinezio trairas do povo.

lino perrelli

Repetir administração (estadual) com gestor diverso é complicado! Se louvado em Humberto Costa, pior ainda, esse não "anda" com as próprias pernas! Não é, e nunca será tração, tracionado sim, sempre!


Banco de Alimentos

30/03


2012

Comissão do Senado aprova a criminalização de jogos de azar

 A comissão de juristas do Senado que discute a reforma do Código Penal aprovou nesta sexta-feira, 30, uma proposta para criminalizar a exploração dos jogos de azar. O anteprojeto de lei vai enquadrar como crime, com pena de um ano a dois anos de prisão, quem explorar a atividade sem a autorização do Estado. Os apostadores não serão submetidos a sanção penal.

Pela atual legislação, o jogo de azar, como o jogo do bicho, é considerado uma contravenção penal, um crime de menor potencial ofensivo. Tanto o explorador como o jogador podem ser enquadrados pela Justiça como contraventores, com penas que chegam a um ano de prisão. (Estadão)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


30/03


2012

Houve falta de diálogo e aglutinação política, diz Humberto

 Rivânia Queiroz

A falta de apoio da CNB à pré-candidatura do prefeito João da Costa e o lançamento de Maurício Rands como oponente do prefeito, em prévias partidárias, teve como base a falta de diálogo com a gestão municipal, pelo menos na visão do senador Humberto Costa. “A gente queria que na gestão tivéssemos um conselho político que fosse capaz de reunir todos os partidos que dão sustentação ao governo, para discutir as políticas de gestão”, queixou-se o senador.

Humberto listou outras sugestões feitas pela CNB ao prefeito João da Costa, que não teriam sido levadas em consideração. Como exemplo, citou a coordenação de governo com todos os partidos, para que dessem contribuição na definição dos rumos da gestão, e a solicitação de mudanças na condução do governo.

“Pedimos ainda que houvesse mais diálogo, mais descentralização, mais autonomia (a CNB) e propusemos também que deveríamos trabalhar para melhorar a gestão administrativa e política. Na primeira, tivemos avanço, mas na política continuamos a esperar a capacidade de aglutinação”.

Humberto colocou como significativo o fato de estarmos a seis meses da eleição e, até agora, nenhum partido da Frente Popular ter declarado publicamente apoio à pré-candidatura do prefeito. “Isso tem que ser objeto de uma reflexão. A unidade política não é uma coisa secundária. Não se pode trabalhar com a estratégia de construir unidade por gravidade, sou eu e quem quiser venha. Não é por aí. A unidade não se constrói dessa forma”, ensinou. Para o senador, a unidade política exige uma proatividade, um movimento de ir atrás, de discutir, de convencer, de construir. “E é isso o sentido maior da pré-candidatura de Rands”, concluiu.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

OBSERVAÇÃO

Como pude dar meu voto um dia a ele?

S. C. B. M.

TIVERAM

S. C. B. M.

MAIS TEVE MUITAS VAIS,NOJENTO.



30/03


2012

CNB mostra força em ato de lançamento de Rands

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Rivânia Queiroz

A corrente Construindo um Novo Brasil (CNB), majoritária no PT, oficializou, nesta manhã, a pré-candidatura do deputado licenciado Maurício Rands. Mostrou força ao reunir petistas históricos e ao mesmo tempo agregar integrantes da gestão municipal. Fizeram parte da mesa dois secretários municipais, o líder do Governo na Câmara Municipal, além de deputados e secretários estaduais.

Foi nesse cenário que o mentor da candidatura de Rands, o senador Humberto Costa, esclareceu os motivos que levaram a CNB alçar Maurício Rands a prefeito do Recife, preterindo a candidatura do prefeito, que naturalmente seria o nome para concorrer ao pleito deste ano. Historiou situações onde a CNB abriu mão de projetos pessoais em detrimento do partidário e disse que há total compromisso do grupo com o futuro do Partido dos Trabalhadores.

“Nossa história dentro do PT tem sido de total compromisso com esse partido. Foi por essa razão que em muitos momentos a nossa corrente expôs seus quadros para o sacrifício político, para disputas que, diante mão, já estavam definidas contra nós, mas que eram importantes para que o partido pudesse firmar suas ideias. Da mesma forma que em vários outros momentos fomos capazes de renunciar e agir com altruísmo para que outros, dentro do partido, que estivessem em melhores condições, pudessem representar o PT em diversas eleições”, argumentou.

Para Humberto, essa passividade pode ter confundido algumas facções internas, que agora aguardavam novamente a mesma postura da CNB. “Não sei se isso foi encarado por alguns como um sinal de fraqueza. Talvez por isso achassem que nossa posição seria a de sempre, a de ceder, de renunciar... Mas a verdade é que fizemos esse gesto por compromisso com o nosso partido”,

O presidente da Empresa Pernambucana de Transporte Intermunicipal, Dilson Peixoto, foi responsável pela abertura do evento no Hotel Jangadeiro, Em boa Viagem. Estiveram presentes também, o presidente estadual do PT, Pedro Eugênio, os secretários Renato L e Gustavo Couto, o ex-secretário Cláudio Ferreira, os deputados Isaltino Nascimento (licenciado) e Sérgio Leite, além de vereadores e lideranças petistas da RMR.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Ariadne Morais Dias

Partido dos Traíras = PT.

OBSERVAÇÃO

caso seja rands com certeza a oposição ganhará.

Tatiana Maria

Isso eh um jogo de xadrez, o prefeito daria um cheque-mate nessa armação do Gov e do próprio PT se acabasse com essa vaidade e apoiasse o João Paulo nas previas!!!

milton tenorio

Trairas é o que são...Pagarão um preço alto, pois Rands é um ilustre desconhecido dos recifenses..Melhor para a Oposição.



30/03


2012

Prévias, uma guerra não republicana

João da Costa que prepare o lombo: as forças do PT que estão contra a sua candidatura e encontraram em Maurício Rands o instrumento da vingança vão adotar uma prática não republicana para impor uma derrota acachapante.

Não é o PT que vai derrotar o prefeito. É o governador Eduardo Campos, que não costuma perder embates dessa natureza e sabe, mais do que ninguém, quais armas irá dispor.

O PT tem 33 mil filiados com direito a voto na capital, mas só devem ir às urnas em 20 de maio, data inicialmente marcada para as prévias, pouco mais de seis mil. Dizem que grande parte desse universo possui cargos de confiança na Prefeitura.

Aparentemente, João da Costa levaria vantagem, porque a leitura mais simplória concluiria que esse pessoal depende do emprego e, portanto, da boa vontade do prefeito. Mas não é bem assim. Na hora do voto, que é secreto, as traições se dão num percentual elevado.

O staff de Rands, que será montado sob a coordenação do governador, que não quer sair derrotado e já deve, a esta altura, ter uma noção por onde começar a atuar na "captação" de votos.

Vai ser uma guerra. Não republicana, repito!


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


30/03


2012

Presidente do PT diz que Lula volta a fazer campanha em abril

O presidente nacional do PT, Rui Falcão, anunciou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que ainda se recupera de um tratamento bem sucedido contra um câncer de laringe, desembarca nas campanhas eleitorias ''em meados de abril''.

''Ele não pode ter uma agenda alucinante […] Em meados de abril ele vai ter condições de viagem'', disse.Segundo o petista, Lula, ''mesmo hospitalizado, não ficou de fora das atividades partidárias''. Mas com sua saúde ainda em recuperação, ele ''vai dosar'' as viagens, mesmo aparecendo em muitas campanhas. O truque será a utilização de um estúdio de gravação, que vai permitir que ele grave depoimentos para muitos postulantes a prefeito em todo o Brasil.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

S. C. B. M.

SE TIVESSE IDO PARA O SUS ESTAVA NA FIA E SÓ DAQUI A UNS 5 MESES PARA O 1°TRATAMENTO,HOJE ESTA CURADO,PELO SUS ESTARIA FUFU.



30/03


2012

João da Costa diz que se Rands ganhar terá seu apoio

"Sou a favor da unidade. Portanto, não posso deixar de apoiar", reagiu o prefeito do Recife, João da Costa, em entrevista, há pouco, ao ser perguntado se apoiaria o seu concorrente Maurício Rands, numa eventual vitória deste nas prévias que o PT fará em maio para escolha do candidato".


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

jose antonio

joao da costa ta com medo de morrer, porque o que estao fazendo com ele e crueldade e ele ainda diz uma coisa desta manda huberto costa e rands se fuder por que sao dois safados covardes nao acredito que o governador esteja por tras disso, pena que essa porra nao tem oposiçao

Tatiana Maria

Se o prefeito João da Costa tivesse uma Atitude honrosa, ele apoiaria o João Paulo nas previas e deixaria o status de traidor e daria um golpe mortal no PT e no PSB.

Juliana Patricia Gomes Pereira

Já que o PT irá fazer prévia.... porque não JOÃO PAULO? Nossa, Maurício Rands fica só como deputado. Na verdade é um absurdo o PT tirar João Paulo das prévias. VOLTA JOÃO PAULO!!!!!!!!!

ALMIR COSTA

Se nós tivessemos imprensa séria, alguém perguntaria a Humberto Costa ou Maurício Rands, como eles classificariam o estilo de Dilma.

EDSON COSTA DE SIQUEIRA

Como disse Billy Blanco na sua canção: "O QUE DÁ PRA RIR DÁ PRA CHORAR, QUESTÃO SÓ DE PESO E DE MEDIDA..."



30/03


2012

João da Costa diz que encara as prévias sem temor

 Afirmando que vai encarar sem temor as prévias no PT, o prefeito João da Costa  disse agora há pouco, em entrevista coletiva, que a prática  não é uma coisa boa para o partido, lembrando que na prévia anterior as consequências foram desastrosas.

O prefeito pregou a necessidade de ser evitado um desgaste mais intenso ao partido. ''''Temos de enfrentar a questão com tranquilidade'''', disse o prefeito, que também fez questão de responder a acusação de que é centralizador, qualificativo dado hoje por integrantes do grupo interno CNB. 

''''Todo esse pessoal, toda essa mobilização aqui é a prova de que o qualificativo não procede'''', disse João da Costa.  Ele disse ainda não temer a prévia, afirmando que tem uma administração com muitos resultados, e capaz de enfrentar e vencer o desafio que terá pela prente.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Francisco Filho

Infelizmente o diretório municipal detêm a maioria pró João da Costa. Oscar Barreto é um defensor ferrenho da candidatura a reeleição do atual prefeito. Portanto, é perda de tempo essas prévias.

ALMIR COSTA

Se nós tivessemos imprensa séria, alguém perguntaria a Humberto Costa ou Maurício Rands, como eles classificariam o estilo de Dilma.

maria jose t.cavalcanti

Se os petista for inteligente, e reipeita as pesquisa, póisos número dizem é João do Povo, o povo quer João Paulo.Deus vai ajudar a trazer aquele que ama as pessoas.É J.Paulo.



30/03


2012

Ex-prefeito de Iguaracy tem contas aprovadas

O Tribunal de Contas do Estado aprovou, ontem, as contas do ex-prefeito de Iguaracy, Francisco Dessoles, referentes ao exercício de 2008. Falta agora o aval da Câmara Municipal, o que é dado como certo.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha