FMO janeiro 2020

03/12


2011

Guerra aberta entre eduardistas e cidistas em Brasília

 

 
DO BLOG PODER ONLINE
A guerra interna no PSB entre o ex-candidato à Presidência Ciro Gomes e o governador de Pernambuco, Eduardo Campos, que preside a legenda, não poderia ficar de fora do Congresso Nacional do partido, que se iniciou ontem.

Aliados de Campos — que são dissidentes no Ceará de Ciro e seu irmão, o governador Cid Gomes — penduraram as faixas acima no auditório Petrônio Portela, do Senado, onde se realiza o evento.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

JORGE GUERREIRO

Êita que o Rei DUDU PRECATÓRIO está passando por cima de TUDO e de TODOS, quer ser PRESIDENTE DA REPÚBLICA a todo custo, até 2014 muitas LAMAS vão rolar por baixo da ponte.


Prefeitura de Serra Talhada

03/12


2011

Ciro Gomes vaiado em evento de seu próprio partido

Ex-candidato à Presidência, ex-ministro e ex-deputado federal, Ciro Gomes foi vaiado ontem no Congresso Nacional do PSB, em Brasília. Militantes exibiram faixa pedindo ''a volta da democracia do PSB no Ceará'', Estado de Ciro, segundo informa a Folha de S.Paulo deste sábado. Mesmo assim, ele não descarta concorrer pela terceira vez ao Planalto. ''''Quem já foi duas vezes [candidato] não pode andar mentindo dizendo que não quer ser'''', disse. O racha no partido sobre uma candidatura própria em 2014 ficou evidente.

Coordenado pelo presidente afastado do PSB do Ceará, Sérgio Novais, o grupo de dissidentes contra o governador Cid Gomes e seu irmão Ciro foi obrigado a retirar faixas de protesto, penduradas próximo ao palanque do auditório onde acontece o congresso nacional do partido. Apesar disso, continuaram distribuindo panfletos contra o ”golpe e autoritarismo” da família Ferreira Gomes no Ceará.

Eduardo mudo

Apesar de falar que o desentendimento com o presidente do PSB e governador de Pernambuco, Eduardo Campos, estava superado, Ciro ironizou o fato de o colega querer ser candidato: ''''Tem todos os dotes para isso, falta só a estrada que eu tenho''''. Já Campos desconversou ao ser questionado sobre o tema.

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

JORGE GUERREIRO

A AMBIÇÃO pelo poder vai acabar com essa ESQUERDA MENTIROSA. Fora BANDIDOS!!!


Abreu e Lima - Prefeitura - Abreunozap

03/12


2011

Relatora cobra de Dilma respeito ao jogo democrático

A conselheira da Comissão de Ética Pública, Marília Muricy, durante Xllº Seminário Ètica na Gestão Ètica, Politica e Verdade Foto: Givaldo Barbosa / O Globo

(Da Folha de S.Paulo - Breno Costa)

Autora do relatório de seis páginas que concluiu que o ministro Carlos Lupi deve ser exonerado, a professora da Faculdade de Direito da Universidade Federal da Bahia Marília Muricy, cobra da presidente Dilma respeito às ''regras do jogo democrático''.

A recomendação pela exoneração de Lupi foi decidida unanimemente pela Comissão de Ética da Presidência da República, anteontem.

Folha - A sra. produziu um relatório duro a respeito da conduta do ministro e, no entanto, a presidente, pelo menos ainda, não seguiu a decisão da comissão.

Marília Muricy - Eu não chamaria meu relatório de duro, eu o chamaria de preciso e rigorosamente fundamentado na legislação ética.

O relatório é baseado em matérias de jornal e revistas. Isso não afeta a precisão dele?

Absolutamente não. É preciso que a sociedade compreenda que os juízos éticos são diferentes das razões jurídicas. Não se trata de nenhum tribunal de exceção.

A sra. considera que o seu relatório foi precipitado?

Não. O que aconteceu é que o ministro Lupi apresentou, em sua defesa, alegações vazias de qualquer elemento comprobatório. Não requereu em nenhum momento produção de provas e não apresentou testemunhas.

O que diferencia esse caso de processos mais demorados, como os de Antonio Palocci e Erenice Guerra?

Nos casos anteriores, houve requerimento de apresentação de provas. Isso foi solicitado pelos investigados.

Como relatora, a sra. não achou que seria interessante pedir dados complementares aos órgãos de controle?

Não, porque nós não estamos aplicando ao ministro nenhuma sanção de exoneração. Nós só sugerimos.

E o que a sra. espera que a presidente faça?

Eu espero que ela aja como sempre agiu, observando as regras do jogo democrático.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banco de Alimentos

03/12


2011

Dilma tem independência e pulso para fazer o que quer?

A rearrumação do governo Dilma em janeiro revelará sua capacidade de fazer valer suas vontades ou de render-se às pressões. Além de trocar ministros ineficientes, como Ana de Hollanda, Dilma deseja diminuir o número de ministérios de 38 para trinta. Mas o lobby contrário dos partidos é monumental.

Ela quer também mudar o presidente da Petrobras, que não quer sair de onde está nem amarrado. Nesse caso, Dilma esbarra em Lula, padrinho de José Sergio Gabrielli.(Lauro Jardim - VEJA)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


03/12


2011

Dilma dá a senha em Caracas: deleta Lupi segunda-feira

 Ao dizer em Caracas que não é "propriamente romântica", em resposta a jornalistas que lhe perguntavam sobre Carlos Lupi, Dilma Rousseff deu a senha: o ministro do Trabalho dificilmente passará da próxima segunda-feira, primeiro dia de expediente presidencial na volta da viagem à Venezuela. Uma vez confirmado o afastamento, o mais provável será adotar uma solução provisória, com a nomeação do número dois da pasta, Paulo Roberto dos Santos Pinto. O Planalto está particularmente incomodado com a versão de que Dilma teria se tornado refém de Lupi, dada a demora em resolver a situação. (Renata Lo Prete - Folha de S.Paulo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

O Jornal do Poder

03/12


2011

Dá o troco: Brasil agora é só queixão

 O governo brasileiro dá sinais visíveis de que está com a OEA entalada na garganta.

O embaixador Ruy Casaes pouco frequenta os eventos da organização, mandou um policial federal no mês passado a uma reunião de ministros de Segurança Pública das Américas e deixa atrasar as contribuições à organização – a dívida ronda US$ 6 milhões.

Sem grana, a OEA teve que se virar na última semana para garantir o salário de dezembro de seus 500 funcionários.(Ricardo Boechat)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


03/12


2011

Não dá pra continuar!!!

Aguardava-se para anteontem a sugestão de Dilma Rousseff para que Carlos Lupi entregasse o ministério do Trabalho. A viagem da presidente à Venezuela poderá ter protelado o inevitável, ainda que nas próximas horas, mesmo sem recomendações, o ministro possa ter caído em si e precipitado a exoneração “a pedido”. O fato é que não dá mais para Lupi continuar, menos por viagens em jatinhos de donos de ONGs fajutas ou cargos acumulados ilegalmente, mais por falsos contratos celebrados com correligionários do PDT. A Comissão de Ética Pública da presidência da República não deixou alternativa quando propôs a Dilma a demissão do ministro. Mantê-lo tornou-se inaceitável.  (Carlos Chagas)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


03/12


2011

Cid Gomes filmado propondo ''''um rolo'''' a construtoras

Durante a confraternização anual da Cooperativa de Construção Civil do Ceará (Coopercon-CE), o governador do Ceará, Cid Gomes (PSB), foi gravado em vídeo negociando os espaços desapropriados do metrô de Fortaleza com donos de grandes construtoras. O diálogo é constrangedor. Nele, Cid Gomes propõe ''um rolo'' com os empreiteiros.

 
CLAUDIO HUMBERTO


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


03/12


2011

Dilma e o "eu te amo" de Lupi: "Não sou romântica"

 A presidente Dilma Rousseff disse nesta sexta, em Caracas, na Venezuela, que não é ''propriamente uma adolescente, eu diria também, uma romântica'', ao ser indagada durante entrevista se a declaração do ministro Carlos Lupi no mês passado, na Câmara, dificultava a decisão sobre o futuro dele no cargo. Lupi afirmou: “Presidente, desculpe se eu fui agressivo, não foi minha intenção, eu te amo''. O ministro justificava outra declaração, dada dias antes, de que só deixaria o cargo ''abatido a bala''.

''Eu tenho 63 anos de idade, uma filha com 34 anos, um neto de 1 ano e 2 meses. Eu não sou propriamente uma adolescente, eu diria também, uma romântica. Eu acho que a vida ensina a gente e eu acho que a gente tem que respeitar as pessoas. Mas eu faço análises muito objetivas'', declarou a presidente, que viajou para a Venezuela para participar de reunião de cúpula de líderes da América Latina. Ela tem retorno ao Brasil previsto para este sábado.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


03/12


2011

O Brasil como ele é

CARLOS BRICKMANN

Não cometa, caro leitor, a injustiça de pensar que todos os problemas estão no Governo Federal. Estão no Judiciário, onde os juízes do Trabalho consideram baixo o salário de R$ 21 mil mensais e entram em greve (prejudicam o patrão? Não: prejudicam o público, que já espera longamente pelos julgamentos); está em Prefeituras espalhadas em todo o país, onde prefeitos são presos sob acusações de corrupção e abuso de poder econômico; estão nos Estados. Hoje, dez governadores de Estado correm risco de cassação, por abuso de poder econômico nas campanhas eleitorais (fora estes, três já foram cassados). Considerando-se que o país tem 27 Estados, é uma belíssima porcentagem.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha