FMO janeiro 2020

13/09


2011

Ariano: um salário mínimo a cada quatro minutos

 Lauro Jardim - Veja

Pelas comemorações dos 47 anos, o IPEA contratou o escritor Ariano Suassuna para dar uma palestra amanhã(hoje) à tarde sob o tema Cultura e Desenvolvimento. As duas horas de aula previstas vão ocorrer no auditório do instituto em Brasília.

Suassuna foi contratado sem exigência de licitação por 18 000 reais. Ou seja: 9 000 reais a hora-palestra ou ainda mais de um salário mínimo a cada 4 minutos de fala.

A justificativa: trata-se de “profissional consagrado pela crítica especializada”.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Lauro José de Albuquerque Lins

Pelo que Ariano Suassuna representa, os valores são irrisórios!!!!

Tajmahal Cruz

Considero um exagero o valor a ser pago. Contudo, quem conhece Ariano entende que isso não partiu dele. Tem "gato na tuba" e não entrou sozinho. Certamente querem agradá-lo, fazendo sombra com o chapeu alheio...

Raimundo Eleno dos Santos

Ariano Suassuna já fez tanto por Pernambuco, de graça, que se ele ganhasse o dobro nessa palestra ainda seria barato. Os linguarudos que nada fizeram se ganhar um real ainda é caro. Tenho dito.

Mariana

Ariano já não diz coisa com coisa , está ficando gaga.

Josemar Franscisco

Para o que Ariano representa é muito pouco esse valor. Lula recebe 250/300 mil por quarenta minutos.


Detra maio 2020 CRLV

13/09


2011

A charge do dia

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Abreu e Lima - Maio

13/09


2011

Ministro pagava governanta com dinheiro público

 O ministro do Turismo, Pedro Novais (PMDB), 81, usou dinheiro público para bancar o salário da governanta de seu apartamento em Brasília, informa a Folha de S.Paulo desta terça-feira. O pagamento é irregular: foi feito de 2003 a 2010, quando Novais era deputado federal pelo PMDB do Maranhão. A empregada Doralice Bento de Sousa, 49, recebia como secretária parlamentar na Câmara, nomeada por Novais. Ela não dava expediente no gabinete de Novais nem no escritório político no Estado de origem, precondições para o uso de verbas parlamentares para pagar assessores. Dora fazia tarefas no apartamento de Novais: cozinhava, organizava a casa e chefiava a faxina das diaristas. Uma secretária parlamentar da Câmara ganha de R$ 1.142 a R$ 2.284, dependendo de gratificações.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

roberto lima

Dora preparava a comida do velho .Certamente comprava tb viagra com nossa grana.


Prefeitura do Ipojuca

13/09


2011

Ouça o programa Frente a Frente de ontem

 Se você perdeu o Frente a Frente de ontem, programa que apresento em companhia de Adriano Roberto pela Rede Pernambucana de Rádio, formada por 30 emissoras, tendo como cabeça de rede a Rádio Folha 96,7 FM, no horário das 18 às 19 horas, clique aqui e ouça agora.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


13/09


2011

Meirelles faz as malas

 Engatilhado mais um desfalque no governo Dilma, conforme conta Renata Lo Prete, na nota abaixo, reproduzida de sua coluna de hoje na Folha de S.Paulo:

''''O Planalto dá como praticamente certo o desembarque de Henrique Meirelles do projeto olímpico. O diagnóstico parte do reconhecimento da enorme distância existente entre o que de início foi oferecido ao ex-presidente do BC -um cargo executivo com amplo poder sobre a organização dos Jogos- e o papel que no final lhe coube à frente do conselho da Autoridade Pública Olímpica. O governo sabe que Meirelles recebeu e analisa propostas da Fifa e outras da iniciativa privada. Ele não compareceu a várias reuniões recentes para discutir as atribuições e o orçamento da APO, o que foi entendido pelo palácio como sinal de partida iminente.''''


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banco de Alimentos

13/09


2011

"Não quero peixe pequeno'''', diz irmã da juiza morta

 A prisão preventiva no último domingo (11) de três policiais militares acusados de terem participado do assassinato da juíza Patrícia Acioli não convenceu os familiares da magistrada. Em missa realizada nesta segunda-feira na Igreja da Candelária, no centro do Rio, para marcar o um mês da morte de Acioli, eles cobraram a solução do caso e a prisão dos mandantes do crime. "Não quero saber de peixe pequeno. Esses PMs são culpados porque executaram o crime, mas são peças de xadrez. Quero saber quem mandou matar a minha irmã, quem foi o mandante", disse Márcia Acioli, 44, irmã da magistrada.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Serra Talhada

13/09


2011

Juízes não estão de brincadeira: aumento ou greve

 Sem meias palavras, para gente graúda do governo, Gabriel Wedy, presidente da Associação dos Juízes Federais, e Nelson Calandra, presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros, têm dito que se vier aumento de salário para servidores do Judiciário e do MP, e nada para a magistratura, os homens da toga farão sua primeira greve no Brasil. Segundo eles, hoje há secretários de cartórios com salário de R$ 25 mil, bem acima do que ganha um juiz.(Ricardo Boechat)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

O Jornal do Poder

13/09


2011

Pra Papuda?

 Está saindo nos jornais: ''''Lançado como nova força política no Congresso, o PSD (Partido Social Democrático) já arregimentou pelo menos uma dezena de políticos que enfrentam processos ou são investigados na Justiça.

Pelo menos um em cada cinco congressistas eleitos que se filiarão ao PSD são réus em ações no Supremo Tribunal Federal ou alvos de inquérito nas esferas penal e eleitoral.''''


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Shopping Aragão

13/09


2011

Militares: mais transparência

 Autoridades sanitárias querem que o Ministério da Defesa reveja as condições dos treinamentos militares.

As Forças Armadas em geral só admitem problemas com recrutas quando alguém põe a boca no trombone – ou morre.

Isso dificulta ações de prevenção, dizem os infectologistas.

Apenas em agosto, 65 aspirantes a fuzileiros navais foram internados no Rio de Janeiro, contaminados pelo vírus Influenza B.(Ricardo Boechat)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


13/09


2011

Elle sumiu?

RICARDO BOECHAT

 Figurando no rol das cortes de Justiça mais lentas do Brasil, a de Alagoas faz por merecer o título. Há três anos e quatro meses a 22ª Vara Cível de Maceió não “consegue” achar Fernando Collor para entregar uma citação em ação de execução de alimentos. A ex-mulher do senador, Rosane Malta, tem direito a R$ 250 mil, segundo sentença judicial de 2007.

Aliás...

... por falar em Alagoas, o Estado mais violento do Brasil não aderiu ainda à Campanha do Desarmamento. O número de assassinatos lá, este ano, acaba de superar o total de 2010. Na capital, a taxa bateu 107,1 homicídios para cada grupo de 100 mil habitantes (a média nacional está em 85,3). Também surpreende o fato de o Pará, onde a violência é grande, ter ficado de fora da campanha.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha