Blog do Magno 15 Milhões de Acessos

14/01


2021

Carreras reafirma voto em Arthur Lira

Em entrevista ao Frente a Frente, programa ancorado por este blogueiro, que vai ao ar das 18h às 19h, o deputado federal Felipe Carreras (PSB) reafirmou o seu voto no candidato do Centrão à Presidência da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP/AL).

Já reincidente no partido, com a decisão de votar a favor da Reforma da Previdência, o deputado argumentou que a legenda não fechou questão em relação a votação, porque este é um assunto de natureza exclusiva do parlamento e que cabe a cada deputado julgar qual o candidato mais preparado e mais comprometido com os avanços da Câmara. “Embora seja uma eleição secreta, o meu voto em Lira já é público e aberto”, disse o pessebista.

Felipe também confirmou que haverá, além do voto dele, outras dissidências dentro da bancada de 30 deputados do PSB. Para saber mais detalhes, ouça a entrevista.

No Recife, o programa é transmitido pela Hits 103,1 FM, emissora que encabeça a Rede Nordeste de Rádio. Se você deseja ouvir pela Internet, duas opções: navegando pelo blog clique no botão Rádio ou baixe o aplicativo da Rede Nordeste de Rádio na Play Store.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


14/01


2021

Mirandiba autoriza compra de 2 mil testes rápidos

Ciente de que a testagem em massa da população é uma das maneiras mais eficazes de impedir a proliferação do novo coronavírus (Covid-19), o prefeito de Mirandiba, Evaldo Bezerra, autorizou a compra de 2 mil testes rápidos com o intuito de identificar a presença do vírus no maior número possível de pessoas que apresentarem sintomas da doença.

Importante destacar que outros países seguiram esta orientação da Organização Mundial da Saúde e, a título de exemplo, a Coreia do Sul, país que chegou a concentrar o segundo maior número de casos de Covid-19, conseguiu conter a doença a partir de uma campanha expressiva para identificar cidadãos infectados pelo vírus.

O prefeito relatou que, a partir de um relevante diálogo com a secretária de saúde do município e após análise da melhor forma de enfrentamento enquanto a vacina não chega, o método de identificação em massa será o meio utilizado momentaneamente para impedir que o vírus prolifere na cidade.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

O Jornal do Poder

14/01


2021

Voo para buscar vacinas tem saída adiada para amanhã

O voo da companhia aérea Azul com destino à Índia, para onde decola com a missão de retornar ao Brasil com dois milhões de doses da vacina contra o novo coronavírus da AstraZeneca/Universidade de Oxford (Reino Unido), teve sua saída adiada para amanhã.

Segundo a Azul, "devido a questões logísticas internacionais", o voo partirá amanhã do Aeroporto Internacional do Recife-Guararapes, às 23h (horário de Brasília), direto para o Aeroporto de Mumbai, na Índia.

Anteriormente, o voo da Azul estava programado para sair hoje, às 13h, do Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), com destino a Recife. De lá, após escala, a aeronave partiria direto para a Índia – ou seja, ainda hoje.

A saída de Campinas para Recife na tarde de hoje ainda está mantida, segundo a Azul. "[A aeronave] deve chegar à capital pernambucana à noite, pernoitando no Aeroporto dos Guararapes", completou a companhia em nota.

Na previsão anterior da Azul, o voo voltaria da Índia e aterrissaria no Aeroporto Internacional do Galeão, no Rio de Janeiro, às 15h do próximo sábado (16). Ainda não se sabe qual a nova estimativa da companhia para o retorno.

De acordo com a Azul, o modelo Airbus A330neo, o maior avião da frota da companhia, será utilizado para trazer as vacinas da Índia, onde foram produzidas pelo Instituto Serum. A estimativa é que a carga tenha 15 toneladas.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Abreu no Zap

14/01


2021

Oxigênio acaba em hospitais de Manaus

Manaus vive novamente uma situação grave, com fim do oxigênio em algumas instituições médicas, segundo relatos divulgados na Folha de S. Paulo. A situação é dramática na capital do Amazonas, que também viveu uma primeira onda forte de covid-19 e volta a se ver em meio a uma crescente de casos.

"Estão relatando efusivamente que o oxigênio acabou em instituições como o Hospital Universitário Getúlio Vargas e serviços de pronto atendimento, como o SPA José de Jesus Lins de Albuquerque", diz o pesquisador Jesem Orellana, da Fiocruz Amazônia. "Acabou o oxigênio e os hospitais viraram câmaras de asfixia. Os pacientes que conseguirem sobreviver, além de tudo, devem ficar com sequelas cerebrais permanentes", acrescenta.

Sylvio Puga, reitor da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), instituição que administra o hospital Universitário Getúlio Vargas, e outros profissionais de saúde da cidade confirmaram a situação. 

No hospital, uma profissional de saúde disse em meio a lágrimas que os pacientes estão sendo "ambuzados" – recebendo o oxigênio de forma manual, pois os respiradores não têm mais oxigênio. Ela detalhou que cada profissional consegue ambuzar um paciente por um máximo de 20 minutos, tendo depois que passar o lugar a outro técnico, numa rotina arriscada e cansativa.

Segundo Sylvio Puga, por falta de oxigênio os pacientes estão sendo atendidos com ventiladores mecânicos, que precisam de apoio de uma pessoa para funcionar. 

O aumento de vagas no hospital foi um dos anúncios feitos pelo ministro Eduardo Pazuello, que passou 3 dias na capital do Amazonas para testemunhar a situação. Mesmo assim não há vagas para todos. Muitos pacientes que não conseguem uma vaga vão para casa e familiares buscam reabastecer cilindros de oxigênio alugados, nem sempre com sucesso. 

Pelo menos 30 pacientes com covid-19 que estão internados no HUGV serão transferidos para o Hospital Universitário de Teresina, no Piauí, ainda hoje.

Na terça, o presidente Jair Bolsonaro responsabilizou o prefeito de Manaus e o governo do Amazonas por "deixar acabar" o oxigênio para os pacientes com covid-19.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


14/01


2021

OAB já tem candidato da oposição

Em almoço, há pouco, com este blogueiro, o advogado Almir Reis, jovem, mas já com 14 anos de estrada advocatícia, comunicou que aceitou o convite de um amplo grupo dissidente do atual comando da OAB Pernambuco, para disputar a presidência da instituição. A eleição está marcada para novembro deste ano, mas inspirado no velho adágio de quem é coxo parte cedo, Almir já está em plena articulação. 

Almir Reis tem especialização em matéria previdenciária. É, diga-se de passagem, um dos mais gabaritados e respeitados advogados da área no País, com atuação no eixo Recife- Brasília-São Paulo. Articulado e respeitado, nos próximos dias começa um agendão de pré-campanha pelo Interior, a partir do Sertão do Pajeú.

Neste encontro, que contou também com a presença do advogado Emílio Duarte, especialista em legislação eleitoral, e o vice-prefeito do Cabo, José de Arimatéia, Almir anunciou que dentre as suas metas a mais importante será reduzir o valor da anuidade paga pelo advogado. O associado paga hoje mais de R$ 800 e por isso a inadimplência é altíssima.

Se vier a ser eleito, Almir Reis porá abaixo um grupo que está há 15 anos dando as cartas na OAB sem apresentar nenhum tipo de avanço em matérias de interesse direto da categoria.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banco de Alimentos

14/01


2021

Murilo Galdino é o novo secretário de Articulação Política da PB

A edição do Diário Oficial do Estado da Paraíba de hoje, trouxe a nomeação do ex-vereador de Campina Grande, Murilo Galdino, irmão do presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, o deputado Adriano Galdino (PSB), como secretário de Articulação Política do Estado.

Murilo Galdino vai atuar no lugar do deputado Jutay Menezes (Republicanos), que retornou para a Assembleia Legislativa da Paraíba após renúncia de Nabor Wanderlei que foi eleito prefeito de Patos.

Murillo Galdino foi vereador de Campina Grande entre 2012 e 2016, atualmente ocupava como executivo na mesma secretaria e é presidente municipal do Cidadania na cidade de Cabedelo.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


14/01


2021

Silvio e prefeita anunciam R$ 4,3 milhões para Ipojuca

O deputado federal Silvio Costa Filho (Republicanos) visitou o município de Ipojuca, na Região Metropolitana do Recife, hoje, para participar de uma reunião com a prefeita Célia Sales (PTB). Na ocasião, o parlamentar anunciou que viabilizou, ao lado do deputado federal Ricardo Teobaldo (Podemos), junto ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e ao Ministério da Educação, R$ 4,3 milhões para a construção de uma escola com 12 salas e uma quadra coberta no distrito de Nossa Senhora do Ó.

"Construímos uma relação de amizade com a prefeita Célia Sales, uma mulher trabalhadora e preocupada com a necessidade dos moradores de Ipojuca. Temos conversado constantemente e Célia tem nos falado sobre os pontos que podemos contribuir para o desenvolvimento do município. Sou pedagogo e sei da importância de investir na educação. Por isso, destinamos uma escola de 12 salas para a cidade. Ao lado do deputado federal Ricardo Teobaldo (Podemos) e do deputado estadual Romero Sales Filho (PTB), vamos trabalhar, junto ao Governo Federal, para viabilizar investimentos para a cidade", destacou Silvio.

O encontro contou ainda com a presença da vice-prefeita, Patrícia Alves (Podemos) e da equipe de secretários municipais. A prefeita agradeceu o apoio do parlamentar e afirmou que os ipojucanos são gratos a ele por toda a atenção que tem dado ao município. "Saiba, deputado, que a admiração é recíproca e que esta ajuda chegou na hora certa. A viabilização desta escola, que ficará próxima ao conjunto habitacional que vamos entregar em breve, já vai garantir vagas também para as crianças do Loteamento Canoas”, afirmou a prefeita Célia Sales.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Jornao O Poder

14/01


2021

Ex-prefeito pede que BB de São José não seja fechado

Romério Guimarães, ex-prefeito de São José do Egito, solicitou ajuda ao deputado federal Eduardo da Fonte (PP) para que a agência do Banco do Brasil no município não fosse fechada. O pedido do ex-gestor acontece no momento em que o Banco do Brasil decidiu por encerrar suas atividades em várias agências espalhadas pelo país.

Dudu da Fonte solicitou ao presidente da República, Jair Bolsonaro, a suspensão do fechamento das agências do Banco do Brasil como parte do plano estratégico da instituição financeira. O parlamentar destaca que o banco registra lucro e tem papel social sobretudo em cidades do interior.

“O Banco do Brasil tem importante função social e econômica. É através da implantação de uma agência do banco que o desenvolvimento chega em muitos municípios pequenos. O fechamento dessas agências é um desfavor ao povo brasileiro” afirma Eduardo da Fonte.

O documento, que também foi enviado ao ministro da Economia e ao presidente do Banco do Brasil, destaca a missão social da instituição e defende a manutenção do emprego dos funcionários.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


14/01


2021

Mulher relata sumiço de bebê no Hospital Dom Malan

Uma denúncia envolvendo o Hospital Dom Malan, em Petrolina, no Sertão pernambucano, viralizou nas redes sociais. Em vídeo, uma mulher, que se identifica apenas como Patrícia, relata que passou por uma cesárea na unidade de saúde, no último dia 27 de outubro. Ela afirma que estava grávida de uma menina, mas que, após o parto, funcionários do hospital a apresentaram rapidamente um garoto, que veio a óbito poucas horas depois.

“A menina nasceu à 1h16m. Durante o parto, possivelmente, eles levaram a minha filha para uma outra sala e, em seguida, me trouxeram um menino totalmente desfigurado. Ele tinha problemas graves de mau formação visíveis: tinha o abdômen muito alto, o fígado era grande e a língua maior do que a boca, uma cor pálida, estranha e problemas graves de respiração, no coração e estava sem cordão umbilical”, declarou.

Segundo Patrícia, o marido e a mãe, que a acompanhava, foram impedidos de entrar no Dom Malan. Só depois, a mãe foi informada de que o bebê faleceu.

Patrícia explica que passou por diversas consultas e exames, que atestavam a espera de uma menina saudável. No oitavo mês de gestação, entrou em trabalho de parto e procurou uma maternidade de Juazeiro, na Bahia, até que houve a decisão de transferi-la para o Hospital Dom Malan.

Ela conclui o vídeo fazendo um apelo a autoridades: “Peço às autoridades, em especial ao Ministério Público de Petrolina, Pernambuco, que entre em providência a respeito desse caso e me ajude a encontrar as respostas sobre o possível paradeiro da minha bebê, Liziane. Peço às autoridades que me deem a oportunidade de fazer o teste de DNA com o menino morto recebido.”

O Blog procurou a Promotoria de Justiça e Cidadania de Petrolina, mas não obteve resposta até o fechamento desta matéria. O Hospital Dom Malan também foi contactado e se pronunciou por meio de nota:

Nota de Esclarecimento - Hospital Dom Malan

O Hospital Dom Malan informa que segue rígidos protocolos de segurança do paciente e orientações do Ministério da Saúde, inclusive, para este período de pandemia - que reduziu o fluxo de pessoas dentro da unidade materno-infantil.

O caso já está nas mãos da justiça e com os advogados. O hospital reafirma, neste momento, o compromisso com a família de prestar todos os esclarecimentos necessários para elucidação do ocorrido.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha