Faculdade de Medicina de Olinda

22/07


2018

Alckmin sofre a primeira chantagem do centrão

Josias de Souza

Menos de 24 horas depois de celebrar um acordo pré-nupcial com o centrão, Geraldo Alckmin se deu conta de que um matrimônio político, quando se baseia apenas no interesse, transforma-se rapidamente em patrimônio. Percebeu que, para o deputado Paulinho da Força, proprietário do Solidariedade, um dos partidos do grupo, a fidelidade conjugal só é possível a três. A união com Alckmin ainda nem foi sacramentada e Paulinho já acena para Ciro Gomes.

Conforme já noticiado aqui, Paulinho, um cacique da Força Sindical, combinara com sua tribo que condicionaria o apoio a Alckmin à volta do imposto sindical, que obriga trabalhadores a entregarem um dia de labuta para os sindicatos. Na quinta-feira, após reunião do alto comando do centrão com o candidato tucano, informou-se que Alckmin concordara em incluir na sua agenda a criação de nova fonte de renda para as arcas sindicais.

Nesta sexta-feira, em nota veiculada no Twitter, Alckmin levou o pé atrás: “Ao contrário do que está circulando nas redes, não vamos revogar nenhum dos principais pontos da reforma trabalhista. Não há plano de trazer de volta a contribuição sindical.”

Antes mesmo da veiculação da mensagem do candidato, Paulinho já havia sinalizado para o staff de Ciro, com quem parecia fechado dois dias antes, a intenção de trair Alckmin. Como de hábito, impôs uma condição: entregaria os segundos de propaganda do Solidariedade a Ciro desde que o PSB e o PCdoB fizessem o mesmo.

Do lado de Ciro, o aceno de Paulinho foi recebido com desconfiança. Um dos operadores políticos de Alckmin chamou de chantagem a tentativa de adultério pré-nupcial de Paulinho

Quem observa o vaivém da política percebe o seguinte: das várias maneiras de se atingir o desastre nesse ramo, a incoerência é a mais rápida; a solidão, a mais inofensiva; e a aliança com o centrão, a mais cara.


Email

Governo de PE

Confira os últimos posts

16/09


2019

Líder do PSB atua por solução em Normandia

A decisão judicial de reintegrar aos antigos donos 15 hectares de terra onde se localiza o Assentamento Normandia, em Caruaru, mobilizou deputados federais e estaduais, além de lideranças ligadas à Igreja Católica e ao Movimento dos Sem Terra (MST), que administra a área. O grupo esteve, na manhã de hoje, com o presidente do Tribunal Regional Federal da 5ª Região, Vladimir Carvalho.

Na área funcionam, hoje, o Centro de Formação Paulo Freire, onde são realizados cursos em várias atividades para assentados, e três agroindústrias. O conjunto inclui creche, cozinha, telecentro, auditório para 800 pessoas, Casa da Juventude e uma Academia das Cidades. Os assentados também exercem forte atividade de produção de frutas e verduras. A reintegração de posse imediata foi exigida pelo Incra em razão do trânsito em julgado da ação em favor daquela autarquia e aceita pelo juiz federal da 24ª Vara Federal de Caruaru.

Para o deputado Tadeu Alencar, líder do PSB na Câmara, ação transcende uma simples decisão judicial em razão do quadro político que o País atravessa. E ocorre, segundo ele, em um momento em que o governo atinge de forma dura os conselhos e movimentos sociais, tratados como inimigos pelo atual governo.

“Essa decisão, não fora esse contexto, talvez fosse objeto de uma reunião do juiz, do Ministério Público, do Incra, dos componentes da ação. Mas é muito mais que isto. O nosso esforço, aqui, é, dentro desse contexto novo, de grande repercussão social e de um governo avesso ao diálogo com a sociedade, tentar construir uma saída razoável para esta situação”, pontuou o líder socialista.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se

Governo de PE

16/09


2019

Conselho de Ética instaura processo contra Glauber Braga

O Conselho de Ética da Câmara deverá instaurar na quarta-feira processo do PSL contra o deputado do PSOL Glauber Braga, que chamou Sergio Moro de “juiz ladrão” quando o hoje ministro da Justiça esteve na Casa para tratar do episódio das mensagens roubadas. A informação é do site O Antagonista.

“O representado escolheu fugir do debate, quebrando suas regras e invadindo o domínio da pura violência moral, em fase da qual não há respostas racionais, mas a simples escolha entre o silêncio e a contraofensiva”, diz trecho da representação.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se

Prefeitura do cabo

16/09


2019

Deputado promove Seminário de Valorização da Vida

O deputado estadual William Brigido (Republicanos) realiza, amanhã, a abertura do primeiro do Seminário de Valorização da Vida, Prevenção e Posvenção do Suicídio. O evento começa às 8h da manhã e será realizado no Auditório Sérgio Guerra, na Assembleia Legislativa de Pernambuco.

“Setembro é o mês da conscientização sobre a importância da prevenção ao suicídio, por isso, estamos promovendo um amplo debate com psicanalistas, psicólogos, estudantes e a sociedade organizada. O objetivo é buscar alternativas urgentes para reverter o número crescente de suicídios em nosso estado”, explicou o deputado.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde, o suicídio é a quarta principal causa de morte de jovens com idades entre 15 a 29 anos, mas temos números alarmantes entre médicos, enfermeiros, idosos, agricultores e policiais. O Centro de Valorização da Vida (CVV) atua na prevenção ao suicídio por meio de apoio emocional às pessoas em situação de risco.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se


16/09


2019

Geraldo defende etanol brasileiro no Fórum Nordeste

Lideranças políticas, empresários e setores da sociedade civil ligados ao setor sucroalcooleiro e a causa da energia limpa se reuniram, hoje, para o Fórum Nordeste 2019 – os desafios e oportunidades nos setores de biocombustíveis e energias limpas. O prefeito Geraldo Julio participou da abertura desta que é a 11ª edição do evento e destacou a importância do momento para a defesa do etanol brasileiro.

“O mundo inteiro está debatendo a questão das mudanças climáticas e a necessidade de diminuir o uso de combustíveis fósseis. O uso de etanol, por exemplo, reduz em 70% as emissões de carbono, por isso ela deve ser valorizada aqui no Brasil, para que a gente possa cada vez mais usar os combustíveis renováveis e diminuir as emissões. O planeta já disse ‘basta’ há muito tempo”, destacou o prefeito Geraldo.

O prefeito, que é presidente para a América do Sul do ICLEI – Rede de Governos Locais Pela Sustentabilidade, organização ligada à ONU, colocou a instituição à disposição do Fórum para levar uma pauta tirada do evento para a Conferência Nacional do Clima, que acontece no Recife de 6 a 8 de novembro, como preparação para COP 25, no Chile.

O governador Paulo Câmara também destacou a relevância do debate "É uma honra nosso Estado sediar este encontro. Tenho consciência da relevância e urgência de todos esses temas sensíveis”, afirmou. “Esperamos que as discussões de hoje possam criar uma agenda que olhe os aspectos atuais voltados para o meio ambiente, mas que também dialoguem para a melhoria da produtividade e da geração de emprego, isso é fundamental. O Brasil precisa retomar o crescimento e com isso gerar emprego e renda para a população”, pontuou o governador.

Pernambuco é um dos principais produtores de etanol no Brasil. De acordo com o Sindicato da Indústria do Açúcar e do Álcool em Pernambuco (Sindaçúcar-PE), a produção de etanol na safra 2018/2019 aumentou em quase 35% em relação a 2017/2018, o que corresponde a 59% da colheita. Para este ano, a projeção para o estado, é de 420 milhões de litros de etanol para a safra 2019-2020. Em Pernambuco, das 12,5 milhões de toneladas de cana de açúcar estimadas para a próxima safra, serão produzidos 430 milhões de litros de etanol e 800 mil toneladas serão empregadas na produção de açúcar.

Representantes da iniciativa privada e pública, especialistas e autoridades participaram do Fórum. Além do prefeito Geraldo Julio e do governador, o evento recebeu o diretor-geral da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e biocombustíveis, Décio Oddone, Eduardo Sampaio, secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Helvio Guerra, secretário-adjunto de Planejamento e Desenvolvimento Energético do Ministério de Minas e Energia e Efraim Morais, secretário de Desenvolvimento da Agricultura e Pesca da Paraíba, foram algumas das autoridades presentes no evento.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se

Prefeitura de Abreu e Lima

16/09


2019

Obrigado, Dom Dino!

Mário Flávio

A noite deste domingo foi marcada por pura emoção. Foi praticamente a despedida oficial do Bispo de Caruaru, Dom Bernardinho Marchiò, da Diocese de Caruaru. Na noite dedicada à Nossa Senhora das Dores, o nosso Bispo não conteve as lágrimas ao se despedir de uma multidão de fiéis, que acompanharam a missa em reverência à mãe de todas as dores.

Acredito que antes de passar a mensagem aos católicos que estavam nesse momento de homenagem também para ele, Dom Dino teve um filme passando na sua cabeça. Desde aquele dia que chegou na cidade, em 2003, quando o município aguardava um substituto para Dom Costa. Foram 16 anos de servidão à igreja, fazendo o que Jesus pediu: espalhar as boas novas.

Com ele, a Diocese de Caruaru cresceu e muitos padres foram ordenados, além da ampliação do seminário, criação do Rios de Água Viva e um trabalho voltado para a recuperação de pessoas na Fazenda Esperança.

Durante todo esse tempo, Dom Dino ainda participou ativamente de debates sobre a cidade e toda região. Lembro bem dele em caminhadas pela paz, seminário sobre segurança pública e ações envolvendo o meio ambiente. Saiu do comum e cobrou dos políticos, por exemplo, ações enérgicas e que todos deixassem as vaidades de lado para trazer o que há de melhor para a população, principalmente os mais carentes. Também esteve em discussões ecumênicas, sempre com muito respeito às demais crenças e com um olhar especial para as minorias.

Conheci um pouco também da pessoa. Foram poucos momentos, mas agradáveis e sempre um homem preocupado em fazer o bem. Sem falar do delicioso queijo que ele dividiu com a gente lá na Casa do Bisbo. Brinquei que só vi daqueles em desenho animado e queria guardar de lembrança. Ainda bem que ele não deixou e provei aquele queijo de sabor único.

Mas iguarias italianas à parte, a relação de Dom Dino com a cidade de Caruaru é tão forte que ele após a “aposentadoria” resolveu ficar por aqui. Poderia ir para qualquer outro lugar, até mesmo voltar para a sua Itália, de onde saiu há 40 anos para se dedicar ao legado de Cristo em terras tupiniquins. Porém dizem que quem bebe da água de Caruaru não tem vontade de deixar essa terra.

Me permitam aqui a audácia de falar em nome dos caruaruenses. Será uma honra para nós termos o senhor por aqui. Com certeza estará sempre participando das discussões e também presente na vida de cada um. Cidadão daqui ele já é, essa honraria já foi dada pelo Poder Legislativo, então será muito bom ter a sua convivência.

Ao novo Bispo, Dom José Ruy Gonçalves Lopes, que assume no próximo sábado (21), a cidade o espera de portas abertas e com certeza o acolherá tão bem quanto o fez com Bernardino Marchiò. As nossas expetativas são as melhores possíveis.

No mais só tenho a agradecer. Estava bem afastado da fé e graças a algumas das conversas que tive com ele, que tem o Dom, literalmente, da palavra, consegui ser uma pessoa melhor. Por todos os fatos citados acima, só me resta agradecer e ter a audácia, mais uma vez, de falar em nome do povo de Caruaru: muito obrigado, Dom Dino!


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se

Magno coloca pimenta folha

16/09


2019

Os três erros, a nota que bombou a coluna

Quando eleito em 2002, Lula pediu conselhos a Sarney. Com mais de 50 anos de poder, a velha raposa respondeu que presidente da República não precisa de conselhos, mas arriscou. “Existem três cargos que não se pode errar: diretor da PF, secretário da RF e procurador-geral da República”. Tempos depois, Lula desabafou para Sarney: “Aquela nossa conversa não me sai da cabeça. Errei nos três”.

O mesmo pode se aplicar, sem dúvida, a Bolsonaro hoje.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se

Prefeitura de Limoeiro

16/09


2019

Paulo: Questão ambiental é uma das mais importantes

O governador Paulo Câmara participou, hoje, da abertura da 11ª edição do Fórum Nordeste, no Arcádia Paço Alfândega, no Recife. O evento reúne, anualmente, representantes do setor sucroalcooleiro, com o objetivo de discutir os desafios e oportunidades no setor de biocombustíveis e energias limpas. A iniciativa é promovida pelo Grupo EQM e pelo Sindicato da Indústria do Açúcar e do Álcool de Pernambuco (Sindaçúcar-PE). No evento, o governador destacou a preocupação da sua gestão com o meio ambiente e as mudanças climáticas.

“Ao lado da educação, a questão ambiental é a agenda que assume mais relevância em Pernambuco. Independentemente de razões econômicas ou ideológicas, priorizar o meio ambiente diz respeito, acima de tudo, à necessidade de preservarmos nossa existência neste planeta e de garantirmos um lugar seguro e agradável para os nossos descendentes”, afirmou Paulo Câmara.

O governador destacou ainda o trabalho que vem sendo realizado no Estado em parceria com as cooperativas do setor. “Temos em Pernambuco uma câmara discutindo permanentemente ações que podem melhorar a produtividade no setor da cana de açúcar e do álcool. Além disso, estamos constantemente realizando discussões importantes com as cooperativas, em um ambiente muito saudável, sempre buscando planejar melhor a geração de emprego e renda na Zona da Mata pernambucana”, finalizou.

“Estamos hoje aqui para dar continuidade a esse debate tão qualificado, que já acontece há 11 anos. A discussão é sobre o futuro do planeta e sobre a importância de substituir os combustíveis fósseis pelos biocombustíveis, principalmente pelo etanol brasileiro. Se alguém um dia pensou que a indústria sucroalcooleira não era a indústria do futuro, estamos mostrando o contrário, promovendo esse encontro de hoje”, afirmou o prefeito de Recife, Geraldo Júlio.

Presidente do Grupo EQM, o empresário Eduardo de Queiroz Monteiro ressaltou a atuação do Governo de Pernambuco no constante auxílio ao desenvolvimento do setor. “Apostamos que daqui surjam luzes e diretrizes que possam guiar a nossa valorosa bancada nordestina e brasileira do setor. Gostaria de agradecer ao governador Paulo Câmara, que nunca nos faltou na política fiscal e na presença de reestruturação de arranjos produtivos importantes de Pernambuco, como na Usina Cruangi (Coaf) e na Pumaty (Agrocan)”, disse Monteiro.

Estiveram presentes ao evento vários parlamentares federais e estaduais; o secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Eduardo Sampaio; o secretário-adjunto de Desenvolvimento e Planejamento Energético do Ministério de Minas e Energia, Aldo Guerra; o secretário de Desenvolvimento da Agricultura e da Pesca, Efraim Morais; o diretor-geral da Agência Nacional de Petróleo e Gás, Décio Oddone; o presidente do Sindaçucar-PE, Renato Cunha; e o presidente da Associação de Fornecedores de Cana, Alexandre Andrade Lima.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se

Banner de Arcoverde

16/09


2019

Caruaru avança na educação inclusiva

A educação inclusiva está cada vez mais presente nas escolas de Caruaru, no Agreste. Salas com equipamentos especializados, profissionais capacitados e materiais especiais ajudam as crianças daquele município a terem uma educação de qualidade. Clique no vídeo e confira os avanços da educação em Caruaru.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se


16/09


2019

Parlamentares prestigiam o Fórum Nordeste 2019

A 11ª edição do Fórum do Nordeste, realizada hoje, no Arcádia Paço Alfândega, no Bairro do Recife, aproximou o empresariado do setor sucroalcooleiro com diversos parlamentares pernambucanos, de diferentes orientações ideológicas. Os deputados federais Luciano Bivar (PSL), João Campos (PSB), Silvio Costa Filho (Republicanos), Fernando Monteiro (PP), Augusto Coutinho (SD), Raul Henry (MDB) marcaram presença no evento, que também foi prestigiado pelo governador Paulo Câmara (PSB), pelo prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB) e pelo líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB).

Além dos parlamentares pernambucanos, o Fórum também contou com a presença do deputado federal Arnaldo Jardim (Cidadania-SP), coordenador da Frente Parlamentar pela Valorização do Setor Sucroenergético e do deputado alagoano Isnaldo Bulhões (MDB). Para o presidente nacional do PSL, Luciano Bivar, o evento é uma oportunidade para desenvolver a economia da região. "Essa iniciativa da Folha de de Pernambuco já é uma tradição. É fundamental para nossa região porque é a base de nossa economia. É até histórico. São esses fatores bioenergéticos pelos quais estamos sempre brigando para o desenvolvimento do país. O Nordeste é muito propício para isso por conta de suas condições climáticas. Eu acho que esse Fórum aqui hoje faz parte do calendário nacional para que a gente possa não só levantar os problemas, mas apresentar as soluções", disse.

Por sua vez, João Campos abordou uma preocupação do setor, também externada na abertura do evento pelo presidente do Sindaçúcar, Renato Cunha. "Esse evento é muito importante não só para Pernambuco, mas para todo o Nordeste. Discutir os desafios da produção de energia da nossa região e a indústria sucroalcooleira num momento desafiador. Não só pela crise que o Brasil passa, mas a gente viu decisões recentes, por exemplo, a ampliação da importação do álcool dos EUA o que pode impactar diretamente no emprego, tendo em vista que estamos começando agora um período de safra e de colheita onde grande parte da população nordestina vai ter oportunidade de trabalho e pode sofrer diante disso. E um ambiente como esse permite que o setor produtivo da região esteja em sintonia com os atores políticos, seja do executivo ou do legislativo, para construir as soluções que visam o melhor para o Estado e para o Nordeste", destacou João Campos.

O senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) destacou a importância do evento promovido pelo grupo EQM com apoio do Sindaçucar. "O setor sucroalcooleiro é um importante segmento econômico e responsável por milhares de empregos e eu sempre faço questão de prestigiar o Fórum Nordeste. Esse ano uma pauta importante. Pernambuco e o Nordeste será responsável nos próximos 10 anos por mais de 80% de energia eólica, solar e biomassa e o setor sucroalcooleiro tem muito a ver com isso. Então vamos ver aqui ouvir as contribuições, indicações e sugestões para a formulação de políticas públicas, sobretudo do governo federal e dos governos estaduais para que através da energia alternativa a gente possa ter uma matriz de sustentabilidade no nosso paós e, ao mesmo tempo, ampliar a lucratividade e a competitividade do setor sucroalcooleiro do Nordeste", comentou.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se


16/09


2019

Governo apoia Gilmar Mendes: CPI é inconstitucional

O governo encampou o argumento usado pelo ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), para impedir a instauração da CPI da Lava Toga.

Na entrevista que concedeu ao UOL e à Folha de S. Paulo, publicada neste domingo, o ministro disse que a CPI será barrada pelo Supremo porque o Senado não tem atribuição constitucional para investigar ministros da Corte.

O líder do governo no Senado, Fernando Bezerra (MDB-PE), declarou ao blog do Tales Faria que concorda com Gilmar. "Sou contra a iniciativa de instalação da CPI. Tenho a compreensão de que o Senado não tem prerrogativa constitucional para investigar atos do STF ou de qualquer um dos seus membros”. Clique aqui e confira a matéria na íntegra.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se

Comentários

paulo julio da silva

resumindo. ladrão defendendo ladrão.




Warning: PHP Startup: Unable to load dynamic library '/opt/cpanel/ea-php56/root/usr/lib64/php/modules/mcrypt.so' - /opt/cpanel/ea-php56/root/usr/lib64/php/modules/mcrypt.so: cannot open shared object file: No such file or directory in Unknown on line 0