FMO janeiro 2020

19/09


2019

A terrível fama de Boa Viagem

Benito Gama foi deputado federal por quatro legislaturas pelo DEM da Bahia. O conheci líder do DEM na Câmara, posição que se revelou um dos mais qualificados e hábeis articuladores do Congresso.

Gama criou uma relação excelente com a Imprensa, uma boa fonte, sempre bem informado. Fez a migração partidária do DEM para o PTB, partido que presidiu em nível nacional. Hoje sem mandato, assessora o presidente do Senado, Davi Alcolumbre. 

Ontem, no Piantas, point da fauna política da corte, Gama me contou um episódio passado no Recife no segundo mandato de Eduardo Campos que ficou na sua memória. 

Participava ele de uma reunião com o então governador tentando impressionar o presidente do Banco Mundial, que havia ido a Pernambuco pela primeira vez e se mostrava disposto a investir mais no Estado.

Em determinado momento, Eduardo, que tinha enorme poder de sedução e persuasão, convidou o ilustre e poderoso visitante americano a tomar um banho de mar na praia de Boa Viagem.

Mas a praia já tinha uma péssima fama nos EUA. E a resposta do presidente do Bird, bem humorada, provocou uma gargalhada geral entre os convidados presentes.

"Mergulhar numa praia, governador, com placas de canto a canto advertindo que um tubarão pode nos comer, Deus me livre".


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Detra maio 2020 CNH

Confira os últimos posts



18/11


2009

Deputados italianos aplaudem voto de Gilmar Mendes

A Câmara dos Deputados da Itália recebeu com aplausos a notícia de que o presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Gilmar Mendes, votou pela extradição do ex-ativista Cesare Battisti, condenado à prisão perpétua em seu país, informou a Folha Online.

A informação foi levada à casa pelo deputado Massimo Corsaro, membro do partido Povo da Liberdade (PDL), o mesmo do premiê Silvio Berlusconi.

Ao serem comunicados, os demais parlamentares aplaudiram longamente a posição da máxima corte do Judiciário brasileiro.

A deputada Olga D''Antona, integrante do opositor Partido Democrata (PD), disse que o sinal verde à extradição representa "uma vitória para a Itália e seu sistema judiciário".


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

magno bravo dantas

A justiça foi feita. A justiça Itáliana não iria julgar e condenar uma pessoa de forma irresponsável. No mais ele é um cidadão italiano e deve voltar a sua pátria.

Paulo Robkstikeare

Parabéns, ao dr. Gilmar!!! Lugar de assssino é na cadeia! (De seu país)

José Roque da Silva neto

Deportar , por que? Manda no lugar de Cesare Batisti o comedor de empregadas!

Raquel Filgueira Cabral

Ainda que muito pequena, mas ainda existe chance que a justiça seja feita.


Abreu e Lima - Maio

18/11


2009

Brasil e Argentina defendem volta de Zelaya ao poder

Os presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Cristina Kirchner, da Argentina, assinaram hoje (18), em Brasília, declaração conjunta em defesa da restituição do presidente deposto de Honduras, Manuel Zelaya. De acordo com Lula e Cristina, os governos brasileiro e argentino não reconhecerão a legitimidade das eleições marcadas para o próximo dia 29, se Zelaya ainda estiver fora do poder, informou a Agência Brasil.

Os dois presidentes também defenderam o fim das hostilidades à Embaixada do Brasil em Honduras, com sede na capital Tegucigalpa, onde Zelaya está abrigado desde setembro.

“Exigimos a pronta restituição do presidente Manuel Zelaya, caso contrário as eleições do dia 29 estarão comprometidas e estará lançado um precedente extremamente perigoso. Este é o consenso de toda a América Latina e Caribe”, afirmou Lula.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

irania Olivia Benicio

Brazil e Argentina no concerto das nações, muito pouco manda! O Inácio e a Cristina nesse ambiente, representam juntos, a mesma importância que tem Hugo Chavéz na China. Ou seja, nenhuma!


Prefeitura do Ipojuca

18/11


2009

DEM corre para reforçar unidade com PSDB

Após as declarações do ex-prefeito do Rio de Janeiro Cesar Maia (DEM) de que o governador de São Paulo, José Serra (PSDB), se comporta no processo pré-eleitoral "como os piores caudilhos", lideranças do DEM correram para reforçar a imagem de união do partido em relação ao PSDB. Senadores e deputados da sigla se reuniram, em almoço na residência do governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda (DEM), com a presença do prefeito paulistano, Gilberto Kassab (DEM), para "gerar uma fotografia de união", como definiu o líder do partido, senador José Agripino Maia (RN), informou a Agência Estado.

"Foi um almoço para gerar uma fotografia, para mostrar a união do partido e deixar claro o seguinte: a manifestação de preferências é aceita, mas não pode ultrapassar os limites da colaboração que o partido tem que oferecer ao PSDB seja quem for o candidato", resumiu o senador potiguar. Ele se referia à opção por Serra ou pelo governador de Minas Gerais, Aécio Neves - os dois presidenciáveis tucanos.

Agripino afirmou ainda que o DEM deve respeitar o tempo do PSDB para escolher o cabeça-de-chapa para as eleições presidenciais do próximo ano. O DEM poderá indicar o candidato a vice-presidente na coligação. "O juiz do tempo é o PSDB. Temos que manter o pacto de unidade do partido, respeitando as preferências, mas sem permitir que a manifestação de preferências interfira na unidade do partido", completou.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

José Roque da Silva neto

Essa boneca sai com cada uma!

guilherme alves

Que atitude "linda" do eterno coadjuvante.



18/11


2009

Armando apresenta carta que pede cautela na valorização do real

O presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI ), Armando Monteiro, apresentou hoje (18), durante o 4o Encontro Nacional da Indústria,  uma carta a ser entregue aos candidatos à Presidência da República nas próximas eleições. Entre as reivindicações, Monteiro chamou atenção para a necessidade de evitar uma excessiva valorização do real, em decorrência da desvalorização do dólar. Segundo ele, não há como o setor exportador ser remunerado com a moeda norte-americana cotada abaixo de R$ 2,30, informou a Agência Brasil.

“Todo mundo sabe que o dólar vai perder força nos próximos anos, em função dos problemas da economia americana e dos deficits fiscais e comerciais”, disse Monteiro. “Até se adotar outra moeda padrão ou um novo arranjo do padrão monetário internacional, os países emergentes poderão sofrer muito porque passam a ser objeto de especulação e de ganhos que se realizam em curto prazo.”

De acordo com ele, há, no Brasil, um agravante, que é o diferencial da taxa de juros doméstica para a taxa de juros externa. “O que acontece é que [o especulador] se financia em operações nos EUA, a juros quase negativos, para se aplicar no Brasil, em função das taxas de juros”, afirmou.
Para Monteiro, é difícil apontar um câmbio ideal porque há setores que importam insumo. "Mas o fato é que não vejo hoje um câmbio que possa ser inferior a R$ 2,30 para que o setor exportador se veja remunerado.”


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banco de Alimentos

18/11


2009

STF decide pela extradição de Battisti

Por 5 votos a 4, o STF (Supremo Tribunal Federal) autorizou nesta quarta-feira a extradição do ex-ativista de esquerda Cesare Battisti para a Itália. O presidente do STF, ministro Gilmar Mendes, foi o último a votar e defendeu a entrega de Battisti ao governo italiano, informou a Folha Online.

"Encaminho meu voto pela extradição", votou Mendes antes de suspender a sessão para intervalo. "Não se pode atribuir aos crimes de sangue cometidos de forma premeditada o mesmo caráter de crime político", disse Mendes em seu voto.

Contrariando a decisão do governo brasileiro, a maioria dos ministros da Suprema Corte entendeu que os quatro assassinatos atribuídos a Battisti pela Itália são hediondos e não políticos, o que não justificaria a concessão de refúgio, que ocorreu em janeiro pelas mãos do ministro Tarso Genro (Justiça).

A decisão do STF, no entanto, não leva Battisti automaticamente para a Itália. Agora, na volta do intervalo, os ministros do STF devem discutir se a competência para a concessão de refúgio político é exclusivamente do Executivo. Ou se a palavra final seria do Judiciário.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

CIENTISTA POLÍTICO

graça adeus que este cara vai embora do brasil pois nao sei como se dar atençao fora da lei que nem brasileiro e so no brasil parece ate que aqi niguem tem o que fazer

Paulo Robkstikeare

Bravo!!!

Raquel Filgueira Cabral

Ainda que muito pequena, mas ainda existe chance que a justiça seja feita.

guilherme alves

Decisão correta. O cidadão, como todos que praticam crimes desse jaez, deve responder pelo mesmo. Volta para a Itália e vai reparar o erro.

adalberto ribeiro

Ativista de esquerda o bicho continua sendo. Terrorista em recesso, sim. E também homicida da pesada. Cadeia nele. A caterva vermelha é contra a extradição por cumplicidade e afinidades ideologicas.


Prefeitura de Serra Talhada

18/11


2009

Lula e Kirchner criam comissão para resolver impasse comercial

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva recebeu no Palácio do Itamaraty nesta quarta-feira (18) a presidente da Argentina, Cristina Kirchner, para discutir acordos comerciais entre os dois países, informou o portal G1.

Segundo Lula, os dois governos decidiram criar um grupo de trabalho formado por integrantes dos ministérios de Relações Exteriores, Fazenda e Desenvolvimento dos dois países que irá se reunir a cada 45 dias com o objetivo de resolver questões relacionadas à relação comercial das duas economias. "Os ministros vão ter que encontrar uma forma de evitar que qualquer problema crie um problema nas relações entre Brasil e Argentina", discursou, Lula.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

O Jornal do Poder

18/11


2009

Surubim debate o futuro da sua cultura

 

 

 

 

 

 

 

 

Estive ontem na cidade de Surubim, a 150 km do Recife, onde participei de um seminário sobre cultura, no qual abordei o tema ''A Internet na formação da cidadania''. Foi um evento promovido pela Prefeitura Municipal, e que contou com a participação de jovens, estudantes, professores e um grupo da terceira idade.

A Conferência Municipal de Cultura também teve a participação de outros palestrantes e servirá para balizar a gestão do prefeito Flávio Nóbrega (PT)para os últimos três anos do seu segundo mandato. (As fotos são de Júnior Finfa)

 

 

 

 

 

 

 

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Shopping Aragão

18/11


2009

PSDB faz inserções na TV vinculando apagão a Dilma

O PSDB levou ao ar ontem, em cadeia nacional de TV, inserção do partido na qual vincula ao apagão a ministra-chefe da Casa Civil e virtual candidata do PT na eleição de 2010, Dilma Rousseff. O filme de 30 segundos exibe duas vezes fotos da petista, enquanto o locutor cita Dilma nominalmente, informou a Agência Estado.

''O apagão de energia alcançou 19 Estados (na verdade, foram 18). Deixou milhões de brasileiros sem água em casa. Adiou cirurgia em hospitais, sacrificou trabalhadores. Parou o trânsito e fragilizou a segurança de milhares de cidades. Até agora ninguém sabe o que aconteceu. Dilma se escondeu. E o governo simplesmente quer encerrar o assunto. E você, até quando vai ficar no escuro?'', diz o locutor. No final, o logo do partido com o slogan: ''PSDB essencial ao País que sonhamos e queremos.''

O comercial, feito pelo mineiro Eduardo Guedes, compõe pacote de dez inserções diárias exibidas em quatro dias, até a próxima semana. Metade é sobre o apagão. As outras inserções serão com os pré-candidatos tucanos, os governadores José Serra (SP) e Aécio Neves (MG).


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Paulo Robkstikeare

A mãe da mentira: "doutora", "caso Lina", mãe do emPACado e outras mentirinhas agora também é a mãe do apagão. Parabéns, mamãe!

José Egnaldo Pereira

O termo apagão foi cunhado para descrever a situação em 2001 pra 2002 em que o consumo de energia era maior que a produção.Desse modo, dizer que o que houve na terça passada foi apagão,se ref ou é ignorante ou mal intensionado.Na verdade,o que houve foi um blecaute.Se não devemos corrigir o Aurélio

ricardo antonio ribeiro de carvalho

É apagão, mesmo. Este é um governo obscuro... O fim do tunel ,tá chegando... Não adiantar acender uma vela para Deus e outra para o diabo...

guilherme alves

Como verdadeiro pinóquio, os tucanos esquecem o real apagão que propiciaram ao país. Com a imposição de um racionamento aos seus moradores. Agora, os tucanos, como FHC, são bons em prole fora do matrimonio.

ADERBAL TENORIO DE AZEVEDO

Foram umas 30 inserções em cada canal, ontem a noite. Goebels tinha razão, e está fazendo escola no PSDB. A mentira repetida, etc...etc...etc...



18/11


2009

STF retoma julgamento de extradição do italiano Battisti

O STF (Supremo Tribunal Federal) retomou hoje o julgamento do pedido de extradição feito pela Itália do ex-ativista italiano Cesare Battisti. Preso no Brasil desde 2007, Battisti é condenado à prisão perpétua na Itália por quatro assassinatos cometidos na década de 1970. Ele nega os crimes, informou a Folha Online.

A sessão começou com um protesto de pessoas que pediam liberdade para Battisti. No Brasil, ele recebeu refúgio político do governo em janeiro deste ano. Após uma série de críticas ao Brasil, a Itália pediu ao STF que Battisti fosse extraditado.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


18/11


2009

CCT aprova convite a Dilma e Lobão para esclarecer apagão

A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, e o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, estão entre os convidados para uma audiência pública que discutirá as causas do apagão ocorrido no país no último dia 10, cuja realização foi aprovada nesta quarta-feira (18) pela Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT). Apresentado pelo senador Roberto Cavalcanti (PRB-PB), o requerimento foi aprovado depois de mais de uma hora de debate, após muita polêmica, informou a Agência Senado.

Segundo o requerimento, serão ouvidos na audiência, além dos dois ministros, 18 outros convidados, entre os quais o presidente do Tribunal de Contas da União, Ubiratan Aguiar, e o diretor-geral brasileiro de Itaipu Binacional, Jorge Miguel Samek. A audiência, de acordo com o requerimento, será realizada em conjunto com as comissões de Serviços de Infraestrutura (CI) e de Assuntos Econômicos (CAE).

Além dos vinte convidados sugeridos por Cavalcanti, porém, também deverá ser chamada a participar da audiência a presidente da Fundação Cacique Cobra Coral, Adelaide Scritori. A inclusão da nova convidada, que causou grande polêmica entre os senadores, foi solicitada pelo líder do PSDB, Arthur Virgílio (AM).


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Paulo Robkstikeare

PT Partido das trevas!



18/11


2009

Novo filho de FHC com cozinheira foi antecipado aqui

A notícia de que ex-presidente Fernando Henrique Cardoso teve um filho com uma empregada doméstica, publicada hoje no site do jornalista Cláudio Humberto, não é nenhuma novidade. Em 1 de maio de 2008, o jornalista Márcio Accioly, em artigo postado neste blog, já sabia da traição a dona Ruth,conforme está em destaque no texto que volto a reproduzir.

"O ex-presidente FHC (1995-2003), que perde todas as boas oportunidades para ficar calado, deitou falação na última quarta-feira (30) a respeito da possibilidade de um terceiro mandato para o presidente Dom Luiz Inácio (PT-SP).

Sua ex-excelência declarou textualmente que caso o presidente se decida pelo terceiro mandato, “ficará muito desmoralizado”. Tal colocação, partindo de uma das mais desmoralizadas figuras da República, até que faz sentido.

Quando se encontrava no Palácio do Planalto, FHC esteve envolvido numa série de vergonhosos escândalos, mas a todos conseguiu abafar contando sempre com a natural pusilanimidade de boa parte dos congressistas. De forma que não deveria falar de ninguém que suborne a quem quer que seja.

Sem contar o filho que teve com a jornalista Mirian Dutra (Rede Globo), além de um outro com a cozinheira do então senador Ney Suassuna (PMDB-PB), foram intermináveis os escândalos que notabilizaram sua gestão. Caracterizada justamente pela acusação de compra de votos parlamentares para a emenda da reeleição.

Na época da aprovação da emenda (1997), as denúncias de compra de votos levaram dois deputados federais do Acre a renunciar aos mandatos: João Maia e Ronivon Santiago. Eles confessaram, sem saber que estavam sendo gravados, detalhes da negociação intermediada pelo então presidente da Câmara, Luís Eduardo Magalhães (BA) e pelo deputado federal Pauderney Avelino (AM).

Mas isso ainda não é tudo: sem sobressair a entrega desvairada do território nacional (foi no seu “governo” a criação da Reserva Indígena Raposa/Serra do Sol, em Roraima) e a tentativa de doação da Base de Lançamento de Alcântara, no Maranhão, FHC defendeu, ainda, o terceiro mandato para Alberto Fujimori, no Peru.

FHC dizia que Fujimori, hoje preso em seu país, era um “estadista”. De maneira que, com tais políticos e “líderes” brasileiros vale sempre a máxima: “Faça o que digo, mas não o que faço”.

Vamos torcer para que sua ex-excelência esteja mesmo muito mudado. A prova maior seria assumir os filhos fora do casamento e um relato detalhado de como pagou a pensão alimentícia do menino Tomás, que mandou com a mãe para Barcelona, Espanha. Existe forte suspeita de que foi tudo com cartão corporativo.

Está nesse imbróglio a raiz brasileira de todos os males sociais. Tudo se confunde: nos desmandos e mentiras. No saco de gatos em que está transformada nossa política administrativa, não há a quem defender.

Mudam-se apenas os nomes e, na maioria das vezes, nem isso. É só verificar que as figuras mais importantes da gestão FHC continuaram com a passagem do PSDB para o PT. Henrique Meirelles, por exemplo, elegeu-se deputado federal pelo PSDB de Goiás, renunciou ao mandato e foi cuidar do Banco Central.

Não há como investigar ou apurar crimes permanentemente cometidos, pois muitas vezes investigados e investigadores se confundem numas e noutras posições. A impunidade é geral. Difícil encontrar quem queira cortar o próprio rabo. Por conta disso é que se observa a geração de nossa maior crise: a da falta de presídios. Não se toma a menor providência. As autoridades parecem receosas de construir penitenciárias, já que correm o risco de se tornar inquilinos.

Sem propostas, bandeiras ou intenção que não seja a de se locupletar pura e simplesmente, vivem de declarações ocas e vazias, como as proferidas por FHC.

Márcio Accioly
accioly@tba.com.br


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

milton tenorio pinto junior

Marcio está mistirando pessoal com politico....quem nunca pulou a cerca Marcio..deixa de hipocrisia meu velho!

Paulo Robkstikeare

Acho que deve sair na revista Contigo esse caso do EfêGagá...Imprensa séria não perde tempo com falsa moral petralha...Lulla, apagão ético!

Juscelino Pereira da Silva

QUANDO É QUE ESSE ASSUNTO VAI VIRAR PAUTA JORNALISTICA DA GRANDE MÍDIA HEIN? SERÁ QUE VÃO FALAR POR SEMANAS?OS PROGRAMAS DE FOFOCAS VÃO BOMBAR O ASSUNTO?A INTERNET DA DANDO UM SHOW DE INFORMAÇÃO,DEMOCRACIA,LIBERDADE DE VERDADE!

jose carlos da silva

Por tudo isso e muito mais, o lula mesmo sendo grande mentiroso e falastrão continua sendo o maior presimente desta zorra. UM PAÍS DE TOLOS. Saravá!

roberto lima

O filho com a jornalista ele mandou para o trinitty college na inglaterra e o filho com a cozinheira ele despachou para a senzala. Que crápula!



18/11


2009

Presidente assistirá ao filme sobre sua vida dia 28

Bem-humorado, o presidente Lula brincou hoje com o fato de ser alvo das atenções e comentários por causa do filme Lula, o Filho do Brasil. Ele deu a entender que, aos 30 anos de idade, era mais bonito do que o ator que o interpreta na produção. O presidente disse que ainda não assistiu ao filme, dirigido por Fábio Barreto, mas irá vê-lo no dia 28, informou a Agência Brasil.

“Ontem estava em casa com duas Marisas e uma ex-mulher”, afirmou, referindo-se à primeira-dama, Marisa Letícia, e às atrizes Juliana Baroni, que faz o papel de Marisa no filme, e Cléo Pires, que interpretou a primeira mulher do presidente, que morreu durante o parto.

Perguntado se o ator Ruy Ricardo Dias seria mais bonito do que ele, o presidente reagiu: “É porque vocês não me conheceram quando eu tinha 30 anos”. Depois, soltou uma gargalhada.

O filme de Barreto é baseado no livro de mesmo nome escrito pela jornalista Denise Paraná e conta a história de Lula desde seu nascimento até a morte de sua mãe, depois relata sua fase como líder sindical, quando foi preso durante a ditadura.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Paulo Robkstikeare

Dizem quando a pessoa está morrendo assiste a um filme da vida: mensalão, perseguição "aszelite", uso eleitoral do pobres...enfim, o apagão ético.



18/11


2009

Presidente da Câmara some para não empossar novo prefeito

Aliado do prefeito cassado de Paudalho, Fernando Moreira (PTB), o presidente da Câmara, José Dinda (PDT), sumiu da cidade para não dar posse ao prefeito Eufrasio Gouveia (PMDB), o segundo mais votado nas eleições passadas. Gouveia só pode ser empossado após o presidente da Câmara receber o comunicado oficial do juiz Fernando Menezes, que ontem cassou Moreira com base em processo de abuso do poder econômico na campanha.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

roberto lima

Muda so os ratos. Sai um e entra outro, talvez pior.

raphael de assis jacinto

isso é um absurdo, esse presidente da câmara de vereadores deveria ser preso por desobediência, já que o Juiz determinou a posse do novo prefeito, cade o cumprimento da Lei no nosso estado? providências TRE.



18/11


2009

Apagão: Sarney minimiza disputa política

O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-MA) minimizou a disputa política em que se transformou o blecaute ocorrido na semana passada em 18 estados. Para ele, há “um alargamento da discussão”, em que se tenta trazer a discussão ao campo político. Sarney acrescentou que, a partir do momento em que o governo apresentar os dados técnicos sobre o problema, o debate se esgotará. As informações são da Agência Brasil.

Ele considera esse tipo de disputa política normal e um fato que não se pode evitar. “Faz parte do jogo democrático e é isso que alimenta a democracia”, completou.

Sarney, entretanto, evitou qualquer comentário sobre a iniciativa da oposição de incluir no requerimento do líder do governo, Romero Jucá (PMDB-RR), o convite à fundação esotérica Cacique Cobra Coral, especializada em previsões, para falar sobre o blecaute. Perguntado sobre sua opinião, o presidente do Senado se esquivou: “[Eu acho] a mesma que você acha.”


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

jose carlos da silva

Pode não ter moral, mas um alto salário e poder, invejado por muitíssimos brasileiros, com certeza TEM DE SOBRA.

jorge cordeiro da silva neto

ESSE CANALHA DESSE ZÉ SARNENTO, NÃO TEM MORAL NEM DIGNIDADE PARA OPINAR POR MAIS NADA, NESSE PAÍS SEM ORDEM NEM PROGRESSO.



18/11


2009

Governo prepara lote de maldades para trabalhador

 Carlos Chagas

Circula nos corredores do Congresso que o palácio do Planalto aproveitará a consolidação das leis sociais para impor mais uma maldade. Seria permitido às empresas parcelar em doze vezes o décimo terceiro salário e as férias remuneradas. Com o passar dos anos, esses dois benefícios desapareceriam, dada a queda permanente do poder aquisitivo dos salários.

 

Perde tempo quem acreditar que PT, PMDB e penduricalhos se oporiam à malandragem. Muito menos o PSDB e o DEM. Acontece com os partidos o mesmo verificado entre os governantes: unem-se contra o povo...


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

jose carlos da silva

De serra abaixo/minha dilma minha vida/lula há 80%,dudu maravilha,mucio aos montes...E MUITO MAIS BABOSEIRAS. Mudar prá que? "Cada povo tem o desgoverno que merece" Avante tchê!

roberto lima

Um congresso de bandidos e ladrões somado a um povo desinformado e semi analfabeto dá nisso. "Pintam o sete" com a pobre gente.

emmanuel soares

VAMOS PROCURAR SABER QUAIS SERÃO OS CONGRECISTAS QUE IRÃO VOTAR A FAVOR DESTE PROJETO DE LEI. PRA DERRUBARMOS ELES ANO QUE VEM !! VAMOS A LUTA COMPANHEIROS.

jorge cordeiro da silva neto

TEMOS QUE DAR O TROCO NAS PRÓXIMAS ELEIÇÕES, NÃO PODEMOS ESQUECER O QUE ESTÃO FAZENDO CONOSCO.

Raquel Filgueira Cabral

Isso não pode acontecer. Quem fizer jamais será perdoado. É um absurdo...



18/11


2009

Costa anuncia antecipação salarial e pagamento do 13º

O prefeito do Recife, João da Costa, anunciou hoje,o calendário da antecipação salarial dos meses de novembro e de dezembro, e do pagamento do 13º salário dos servidores municipais. A folha salarial de novembro estará disponível aos servidores no próximo dia 25; o décimo será pago no dia 9 de dezembro, em parcela única; e a folha de dezembro no dia 22/12, antes do Natal. A estimativa é que a soma das folhas de novembro, dezembro e do 13º possibilite um incremento de R$ 180 milhões na economia local.
 
A medida beneficiará 34 mil e 700 funcionários das administrações direta e indireta, aposentados e pensionistas. De acordo com a o secretário de Administração e Gestão de Pessoas, Fernando Nunes, as folhas de novembro e dezembro representam cerca de 140 milhões da economia municipal, enquanto que a folha do 13º gira em torno de R$ 40 milhões.
 
Calendário:
Pagamento de novembro – 25 de novembro
Pagamento de décimo terceiro – 9 de dezembro
Pagamento dezembro – 22 de dezembro


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

jorge cordeiro da silva neto

ESSE É O MELHOR PREFEITO QUE O RECIFE JÁ TEVE, DA-LHE JOÃO, NÃO TEM PRA NINGUÉM.


Coluna do Blog
TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Publicidade
Apoiadores