Governo de PE

18/08


2019

De mim mesmo

Jair Bolsonaro tem disparado entre seus ministros vídeos nos quais ele é ovacionado nas viagens que tem feito.

A prática recente chamou a atenção de seus auxiliares.

A amigos, o apresentador Luciano Huck disse ter toda a documentação para comprovar que seu jatinho está em situação regular, legal.

Não vai, no entanto, responder às declarações de Jair Bolsonaro. Não quer ficar batendo boca com o presidente.

No 0800. O ministro de Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, está pedindo imagens de satélites de países parceiros que obtenham dados sobre a Amazônia. Quer de graça. Sem verba, é uma alternativa à contratação de empresas para monitor o desmate. (Coluna do Estadão)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Faculdade de Medicina de Olinda

Confira os últimos posts



20/09


2019

Senador roraimense entre os melhores

Por Márcio Accioly

Nem sempre os marinheiros de primeira viagem dependem da passagem de longos anos para alcançarem o rumo certo. No primeiro ano de seu primeiro mandato, como senador de Roraima, Mecias de Jesus (Republicanos), ficou entre os dez melhores daquela Casa, escolhido em votação que o colocou em sexto lugar.

O prêmio foi criado pelo site jornalístico “Congresso em Foco” há 12 anos. Ele tem como finalidade “distinguir os melhores parlamentares do Congresso Nacional e estimular a sociedade a acompanhar seus representantes de modo ativo, assim como a participar plenamente da vida política”. Em 2019, aconteceu a 12ª edição.

A escolha de Mecias de Jesus levou em conta o seu eficiente papel em defesa de Roraima, sempre apresentando propostas e projetos que têm como objetivo a melhoria de condições de sua população. O senador tem sido apresentado como “revelação positiva ”, especialmente por suas iniciativas e cobranças junto ao governo federal.

No Palácio do Planalto, a escolha do representante roraimense entre os primeiros colocados não surpreendeu a quem o conhece. Funcionários de alto escalão sabem de sua insistência, buscando saídas para os grandes problemas vividos pelo estado, especialmente com relação à crise de refugiados venezuelanos e a questão energética.

Dois Projetos de Decreto Legislativo – PDL –, estão situados entre os mais relevantes de autoria de Mecias de Jesus: os de números 25 e 28. O primeiro exclui, da Área Indígena Waimiri/Atroari, o leito da BR 174, no estado de Roraima. Já o segundo exclui, da Terra Indígena São Marcos, a área urbana da sede do município de Pacaraima.

Todos são unânimes em afirmar que são iniciativas dessa natureza, voltadas para a remoção de entraves que impedem o desenvolvimento pleno de Roraima, as bases de sustentação que levaram Mecias de Jesus a ser reconhecido como um dos melhores senadores do país, neste seu primeiro mandato.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Governo de PE

20/09


2019

Morre Gilberto Marques, articulista do blog

O advogado criminalista Gilberto Marques, 64 anos, faleceu, hoje, no Recife, vítima de um infarto. De acordo com a família, ele passou mal por volta das 8h e foi socorrido para o Hospital Português, onde chegou ao local com uma parada cardíaca. O enterro está previsto para hoje, no Cemitério Morada da Paz. O horário ainda será confirmado pela família. Ele deixou cinco filhos. O advogado era divorciado e morava sozinho na Avenida Boa Viagem. Gilberto também era colunista deste blog.

Gilberto Marques atuou em vários casos de repercussão a exemplo do Escândalo da Mandioca, que resultou na morte do procurador Pedro Jorge de Melo e Silva. Também atuou no caso de Serrambi e na chacina de Salgueiro. Em um dos seus últimos casos, fez a defesa de Edvan Luiz, suspeito de matar a fisioterapeuta Tássia Mirella Sena, em 2017.

Mas foi o Escândalo da Mandioca o caso que mais marcou a vida dele, Em outubro de 2017 ele chegou a escrever um artigo com o título: Pedro Jorge não morreu.

Em alguns dos trechos escreveu:

"O processo teve grande espaço na mídia. A repercussão, surpreendente, correu o mundo. O martírio de Pedro Jorge, até hoje, sensibiliza e convoca enorme contingente de pessoas. Ficou claro na exibição do documentário dirigido por Ana Cláudia Dolores e Cláudia Holder. O MPF da 5ª Região e a Universidade Católica ressuscitaram o tema. A estreia, em 27 de março, lotou o cinema São Luiz. Cerca de mil pessoas, a maioria jovem, aplaudiu a película de pé. No dia 12 de outubro, completaram-se 34 anos da condenação. Pedro Jorge não morreu. Ele se dividiu em milhares de pedaços. De cada pedaço, há de nascer um Pedro inteiro para continuar sua luta pela justiça. Justiça sem mártir, sem herói".


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


20/09


2019

Felipe marca posição contra fundo eleitoral

Depois de contrariar o PSB e bater boca com o presidente Carlos Siqueira, que revelou ter ele recebido R$ 1,3 milhão do partido na campanha de 2018, o deputado Felipe Carreras postou, agora, em seu Instagram, que votará contra o fundo eleitoral. Só uma perguntinha: quem vai financiar sua reeleição?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


20/09


2019

Bolsonaro passa por avaliação médica

O presidente Jair Bolsonaro passou por uma avaliação médica, na manhã de hoje, no hospital DF Star, em Brasília.

Bolsonaro se recupera de uma cirurgia para corrigir uma hérnia, realizada no último dia 8 em São Paulo. Foi o quarto procedimento cirúrgico desde que ele sofreu uma facada no abdômen durante a campanha eleitoral de 2018.

O médico Antonio Luiz Macedo, responsável pela cirurgia de Bolsonaro em São Paulo, chegou ao hospital em Brasília por volta das 8h40, antes do presidente. Bolsonaro chegou ao hospital por volta das 9h10. Após a avaliação médica, o porta-voz da Presidência, Otávio do Rêgo Barros, deverá fazer uma declaração à imprensa.

A avaliação médica desta sexta foi a primeira desde o retorno de Bolsonaro a Brasília, na segunda-feira (16). Por recomendação médica, o presidente concentrou encontros com ministros, auxiliares e parlamentares no Palácio da Alvorada nos últimos dias.

O resultado das análises desta sexta ajudará a definir se Bolsonaro terá condições de viajar na próxima segunda (23) para Nova Iorque, onde tem a previsão de fazer o discurso de abertura da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidos (ONU).

O presidente já adiantou que pretende reforçar diante de diplomatas e chefes de estado e governo a soberania do Brasil e as ações de preservação ambiental, o que envolve a floresta amazônica.
No mês passado, a alta das queimadas na floresta gerou um crise diplomática com países europeus, em especial com a França.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Abreu e Lima

20/09


2019

Olinda me recebe como cidadão

Está confirmada para a próxima segunda-feira, às 19 horas, no plenário da Câmara, a entrega do meu título de cidadão olindense. O mundo abriu as portas do ventre da minha mãe Margarida, uma flor, em Afogados da Ingazeira, mas fui adotado por diversas cidades, entre elas Recife.

Agora chegou a vez de Olinda, por onde o Brasil começou e a independência se consolidou. Fico feliz e extremamente honrado com a homenagem, iniciativa do vereador Vlademir Labanca (PTC), com a anuência dos demais 16 vereadores.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Magno coloca pimenta folha

20/09


2019

Sudene vai realizar consulta pública na Agrinordeste

A Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste realizou o diagnóstico produtivo, econômico e de políticas públicas para o setor agropecuário e agroindustrial da sua área de atuação, constatando as atuais políticas públicas que interferem no setor e as potencialidades e entraves deste mercado. O Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste (PRDNE) elaborado pela instituição também contempla diretrizes e ações voltadas para o setor.

Agora a Sudene quer ouvir a sociedade, que pode contribuir com a sugestão de ações que possam incorporar esse trabalho. Os interessados devem acessar o site da Sudene (www.sudene.gov.br) e seguir as orientações contidas na página. A agropecuária é uma das principais atividades da economia brasileira, sendo a produção do campo responsável por 5 a 7% do PIB nacional. A contribuição para o PIB chega próximo de 26% quando se agregam as etapas anteriores e posteriores ao campo. O Nordeste, com uma população superior a 50 milhões de habitantes, possui 20% do território brasileiro onde vivem 29% da população do país. Cabe destacar, que na região residem 23,5% da população urbana do Brasil e 46% de sua população é rural.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Limoeiro

20/09


2019

ONU atenta a Bolsonaro

Em seu artigo no Estadão, hoje, Fernando Gabeira observa que os discursos de presidentes brasileiros na abertura da Assembleia Geral da ONU costumam ser ouvidos com desinteresse protocolar, mas com Jair Bolsonaro será diferente. “Em termos diplomáticos, Bolsonaro tem dito barbaridades, se consideramos que fala pelo País. Zombou da mulher de Macron, ironizou a Alemanha, criticou a Noruega e defendeu a ditadura de Augusto Pinochet. Pesa contra ele, também, sua desconfiança da ONU e de instrumentos internacionais, incluídos os que trabalham com as mudanças climáticas”, lembra o articulista.

Ele lembra que o conceito de soberania está em debate no mundo todo, não só no Brasil. “Bolsonaro já é uma espécie de vilão na imprensa internacional. Trabalhou para isso e parece não se importar muito com as consequências para a imagem do Brasil. Afinal, os estrangeiros não votam”.

Gabeira aponta que um caminho virtuoso seria reconhecer como legítimo o interesse internacional pela Amazônia e se abrir à cooperação. “Não há contradição entre cooperação multilateral e soberania, desde que os objetivos sejam idênticos: manter a floresta em pé, recompor parte dela, explorar seus recursos de forma sustentável, melhorar as condições de 28 milhões de pessoas em nove Estados do País”.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


20/09


2019

Empresa sueca investe no Brasil

Por Gilson Machado Neto*

Estive com o CEO da empresa sueca SF Marina, Michael Sigvardsson, maior empresa de construção de Marinas Ecologicamente corretas do mundo, que apresenta soluções sustentáveis para marinas em rios e oceanos. A empresa já fabricou mais de 1.500 marinas e está presente em mais de 50 Países. Cada marina tem garantia de duração por 50 anos.

Ao final do encontro, ele me confessou que a empresa está pronta para se instalar no Brasil, acreditando no novo momento do nosso Governo e o estímulo ao Setor Náutico por nós tão difundido.

O investimento inicial será em torno de 1 milhão de euros, com um grande potencial de geração de emprego. Cada barco ancorado em uma marina gera 7 empregos diretos e indiretos. Lá eles só usam barco 2 a 3 meses por ano. Segundo ele, temos o maior potencial do mundo.

*Presidente da Embratur


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


20/09


2019

Fim de semana palestrando

Cheguei, ontem, de Brasília, onde tive uma semana agitada, mas super produtiva. Depois de morar por 15 anos na corte, estabeleci a rotina de mergulhar nos seus bastidores num intervalo de 15 dias a cada mês. Vale o esforço. A notícia quando não brota em Brasília culmina por lá.

Adiantei três fatos importantes: a divisão do PT nacional em relação à pré-candidatura de Marília Arraes a Prefeitura do Recife, através de uma belíssima entrevista com o deputado José Guimarães (CE), líder das Minorias na Câmara dos Deputados. 

De lá, informei, também em primeira mão, que o Diário de Pernambuco trocou de comando acionário, saindo das mãos dos irmãos Rands para o empresário Carlos Frederico Vital, ex-chefe da segurança do empresário e deputado Luciano Bivar, presidente nacional do PSL.

Com isso, o jornal sai de uma linha editorial de esquerda, servindo ao socialismo do PSB, para se atrelar ao Governo Bolsonaro. É o primeiro veículo histórico do País a fazer igual travessia. Apesar de atravessar turbulências financeiras, o velho DP, onde comecei minha trajetória profissional, é quase bicentenário, grife de mais antigo em circulação na América Latina.

Por fim, em meio ao agitado dia de ontem, quando cobri a operação da Polícia Federal no gabinete do líder do Governo, Fernando Bezerra Coelho (MDB), em buscas de documentos que pudessem comprovar contratos irregulares quando ministro da Integração, antecipei, em furo nacional, que, ontem mesmo, o ministro Sérgio Moro iria a Pernambuco em avião da FAB com FBC cumprir agenda em Paulista, região metropolitana de Recife.

O fim de semana vai ser para transmitir experiências. Amanhã, no Cabo, participo de um seminário destinado a estudantes de Jornalismo. Falo sobre a praga das fake news, as notícias falsas que contaminam o descontrolado território online da informação.

No domingo, estarei em Surubim. A convite da jornalista Maluma Marques, do Jornal Terra da Gente, falo para integrantes da Associação de Jornalistas e Escritores do Brasil sobre literatura jornalística. Vai ser no auditório do Reserve Hotel, por volta das 9 horas.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


20/09


2019

Novas regras eleitorais: veto pode gerar crise

Bolsonaro pode abrir crise com Congresso se vetar novas regras eleitorais, dizem parlamentares.

Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

Blog da Andréia Sadi

 

A cúpula do Congresso Nacional acompanha com lupa os movimentos do presidente Jair Bolsonaro em relação ao projeto que estabelece novas regras eleitorais. Parlamentares ouvidos pelo blog avaliam que, se Bolsonaro vetar trechos considerados essenciais, poderá abrir uma crise com o Poder Legislativo.

Entre outros pontos, a proposta cria um fundo eleitoral sem valor definido para financiar as campanhas do ano que vem.

Para alguns parlamentares, o presidente até pode vetar um trecho ou outro do projeto sem grandes consequências para os trabalhos com o Legislativo. Mas há preocupação com um eventual veto ao ponto tido como fundamental: justamente o que trata do fundo.

Deputados e senadores ouvidos pelos blog repetem que já tiveram o desgaste de se "expor" em nome da "sobrevivência política", votando a favor do fundo mesmo à revelia da opinião pública e apesar da crise nas contas públicas.

Diante disso, esses parlamentares argumentam que, se Bolsonaro vetar a criação do fundo, como defendem alguns aliados, terão de lidar com um segundo desgaste: derrubar o veto mesmo diante da possibilidade de novas críticas surgirem.

Nos bastidores, o argumento é o de que a eleição do ano que vem envolve mais candidatos, vai ser maior e, portanto, precisa de mais recursos.

Para valer em 2020, a lei precisa ser sancionada por Bolsonaro até 4 de outubro. Inicialmente, os líderes partidários chegaram a anunciar um acordo para manter o fundo com o mesmo montante da eleição de 2018 (R$ 1,7 bilhão), mas caberá à Comissão do Orçamento fixar o valor.

Confira a íntegra aqui: Bolsonaro pode abrir crise com Congresso se vetar novas ...


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


20/09


2019

Flávio Bolsonaro irritado com o governador do RJ

Irritação de Flávio Bolsonaro com Witzel tem componente pessoal.

Foto: Wilson Witzel e Flávio Bolsonaro - Fonte: O DIA

Folha de S. Paulo - Painel
Por Daniela Lima

 

A irritação de Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) com Wilson Witzel (PSC) tem componente pessoal. A advogada Natália Nicolau, filha do juiz Flávio Nicolau, que quebrou o sigilo bancário e fiscal do senador, é assessora da Casa Civil do governador do Rio. Sua nomeação, no entanto, ocorreu dias antes de o magistrado se tornar responsável pelo caso via sorteio eletrônico.

“Antes de 15 de abril [data da nomeação da filha] eu ainda não era o juiz da causa”, diz Nicolau. No Palácio Guanabara, cogitou-se até a exoneração da advogada quando chegou a informação de que seu pai assumiria o caso. Mas a ideia foi descartada.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


20/09


2019

Salas de cinema do Recife recusam filme do MBL

Salas de cinema do Recife recusam exibição de filme do MBL sobre impeachment.

Folha de S. Paulo - Painel
Por Daniela Lima

 

Apoiadores do MBL no Recife tentaram exibir em salas de cinema o documentário do movimento sobre o impeachment de Dilma Rousseff (PT), “Não Vai Ter Golpe”. Receberam resposta negativa após revelarem qual seria o filme.

 rede UCI respondeu não poder alugar a sala por não ser “atividade autorizada em nosso contrato de locação”. Já no Cinemark, um funcionário afirmou que a rede não exibe filmeário ss políticos. A empresa, no entanto, declara que nenhum funcioneu recusou o pedido.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


20/09


2019

Thaméa Danelon não comandará Lava Jato no DF

Thaméa Danelon não deve mais ser nomeada para chefiar força-tarefa da Lava Jato em Brasília. Plano mudou após mensagens revelarem procuradora atuando pelo impeachment do ministro Gilmar Mendes.

Foto/fonte: Brasil247

Folha de S. Paulo - Por Mônica Bergamo

 

A procuradora Thaméa Danelon não deve mais ser nomeada para chefiar a força-tarefa da Lava Jato que atua na PGR (Procuradoria-Geral a República), em Brasília.

Ela já tinha conversado sobre a possibilidade com Augusto Aras, indicado por Jair Bolsonaro para comandar a PGR.

Aras se mostrou simpático à ideia —mas o plano mudou com a divulgação de mensagens obtidas pelo site The Intercept Brasil que mostraram Thaméa atuando pelo impeachment do ministro Gilmar Mendes, do STF (Supremo Tribunal Federal).

Magistrados da corte passaram a ver a eventual nomeação dela como um desrespeito —Thaméa não assumiu a autoria da peça, mas sim redigiu o texto a pedido de um advogado, Modesto Carvalhosa.

O procurador Deltan Dallagnol também estaria com os dias contados na coordenação da Lava Jato em Curitiba –a queda dele, no entanto, ainda não é tida como certa.

Aras estaria dando sinais trocados sobre a retirada de Deltan do cargo. O procurador goza de prestígio entre os colegas e retirá-lo da Lava Jato geraria desgaste.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


20/09


2019

Bolão: vencedores doarão para o Lula Livre

Vencedores do bolão da Mega-Sena vão fazer doações para a Vigília Lula Livre.

Foto/fonte: Brasil247

Folha de S. Paulo - Painel
Por Daniela Lima

 

Me dá um dinheiro aí Vencedores do bolão da liderança do PT na Câmara pretendem fazer doações para a Vigília Lula Livre, em Curitiba. O dinheiro da Mega-Sena, no entanto, não deve ser usado pelos novos milionários para viver de renda. A maior parte diz que não vai largar o emprego.

Em meio a piadas e memes, quem não participou do bolão tenta encarar a situação com bom humor. “Paciência. Tem que trabalhar a cabeça para prevalecer a alegria pela sorte da galera”, afirma Rogério Tomaz, coordenador da comunicação da liderança do PT e um dos que não ficaram ricos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


20/09


2019

Meirelles: prédio de R$ 1,2 bi causará aperto no TJ

Prédio de R$ 1,2 bi do TJ de SP deve gerar aperto para tribunal, diz Meirelles. Assunto também provoca polêmica entre integrantes da corte e o presidente, Manoel Pereira Calças.

Foto: Gustavo Raniere/MF - 5.9.17- Fonte: IG

Folha de S. Paulo - Painel S.A.

Por Renata Cunha

 

O projeto do Tribunal de Justiça de São Paulo para construção de um novo edifício que vai abrigar os gabinetes dos magistrados na capital e custará R$ 1,2 bilhão tem sido observado com ressalvas por Henrique Meirelles (foto). Atual secretário da Fazenda do estado, Meirelles, que é um perseguidor histórico do equilíbrio das contas de governos, ressalva que o órgão judiciário tem sua independência orçamentária, mas prevê que a iniciativa vai provocar aperto no tribunal

Desequilíbrio “Eles decidiram fazer esse investimento, que vai ser uma alocação de recursos do Judiciário. Não é algo decidido pelo executivo. Vai gerar, certamente, um aperto dentro do próprio judiciário”, diz Meirelles.

O assunto provoca polêmica entre os integrantes da corte e o presidente, Manoel Pereira Calças, mas também é mal visto no governo. Só o projeto executivo envolve mais de R$ 25 milhões. Prevê 30 elevadores e até heliponto para o edifício dos gabinetes dos desembargadores.

“A situação fiscal de São Paulo é equilibrada. Não é dramática como a de outros estados, mas não há recursos liberados para investimentos, a não ser essencialmente prioritários”, diz Meirelles


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Coluna do Blog
TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Publicidade
Apoiadores