Principal
Entrevistas
Regras
Fale com Magno
Coluna da Folha
Coluna do Fatorama
Coluna do Blog
Opinião
Endereço do Blog




Destaques

>> Rebaixamento da Petrobras é 'manobra', diz Rui Falcão

>> Marina pede votos para Aécio; Dilma apoia continuidade

>> Agenda dos candidatos à Presidência da República

>> Curta a fanpage do blog para ir ao Portal de Gravatá

>> Blog do Magno com novas redes sociais

>> A charge do dia

>> Governo banca ato com Dilma em Petrolina

>> Coluna da quinta-feira

>> Pró Aécio: Marco Zero tucanou ontem à noite

>> FHC: ''Ambição faz Dilma dizer coisas em que não crê''





PR sob o signo da trairagem - José Adalberto Ribeiro


Cadastre-se para relizar seus comentários e receber notícias do Blog em seu e-mail




Conheça mais sobre Magno Martins


  


23/10/2014
Rebaixamento da Petrobras é 'manobra', diz Rui Falcão

O presidente do PT, Rui Falcão, classificou como "manobra de conteúdo eleitoral" a decisão da agência de classificação de risco Moody's que rebaixou a nota de crédito da Petrobras por preocupações com o endividamento e o caixa negativo da empresa.

"Precisava de mais dois rebaixamentos de nota para ter um efeito prático", ironizou Falcão em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo. "Acho que é mais uma investida, uma tentativa político-eleitoral, como nós já vimos outras vezes fazerem estas agências de risco, cuja reputação, desde a queda do Lehman Brothers, precisa ser avaliada", atacou o petista.

Falcão condenou, ainda, o que chamou de "interferência indevida" do jornal britânico Financial Times, que publicou matéria em defesa da candidatura do tucano Aécio Neves, e sobre as sucessivas quedas na Bolsa de Valores, aliadas à alta do dólar, sempre que a candidata do PT à reeleição, Dilma Rousseff, sobe nas pesquisas, avisou: "Tem muita gente ganhando dinheiro com manipulação de pesquisas".



Escrito por Magno Martins, às 11h20

Comentários (0) | Enviar essa matéria por e-mail | Imprimir | Topo

23/10/2014
Marina pede votos para Aécio; Dilma apoia continuidade

A ex-candidata à Presidência Marina Silva (PSB) pediu no programa eleitoral de Aécio Neves (PSDB) no rádio desta quinta-feira que as pessoas não se deixem enganar por “acusações sem fundamento” da adversária Dilma Rousseff (PT). O programa do tucano foi dedicado a pedir votos, sem um tema específico, assim como o da petista, que afirmou que “nenhum governante consegue fazer tudo em quatro anos”.

Os locutores do programa de Dilma pediram que as pessoas conversem com amigos para lembrar “o quanto o Brasil mudou nos últimos doze anos”. “Lembre que o Brasil pela primeira vez em nossa história saiu do mapa da fome. E você não vai querer trocar o certo pelo duvidoso, né?”, disseram.

Dilma criticou Aécio por não apresentar “propostas concretas” para beneficiar a população. “No máximo, fala que vai fazer o que eu já estou fazendo, ou promete continuar os programas que eu e Lula criamos. Quando eu apresento uma proposta nova, ele pergunta por que não fiz antes. Todo mundo sabe que nenhum governante consegue fazer tudo em quatro anos”, ressaltou a presidente, frisando a necessidade da continuidade. “Meu compromisso é aperfeiçoar o que está funcionando bem, corrigir o que ainda não está bom e fazer o que precisa ser feito.”

A propaganda tucana também foi dedicada a pedir votos e continuou usando os apoios de Marina e de Renata Campos, viúva do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos. “Domingo é o dia em que a gente pode mudar de verdade o Brasil, com seu voto. Estamos diante da volta da inflação, que corrói o salário dos trabalhadores”, disse Marina, acrescentando que Dilma “espalha o medo, parte para ataques pessoais, porque assim evita expor problemas do seu governo”.



Escrito por Magno Martins, às 11h00

Comentários (0) | Enviar essa matéria por e-mail | Imprimir | Topo

23/10/2014
Agenda dos candidatos à Presidência da República

Aécio Neves (PSDB)

Rio de Janeiro

15h- Visita a dom Orani Tempesta - Mitra Arquiepiscopal do Rio de Janeiro – Rua da Glória, 446, Catete. O encontro é fechado à imprensa

16h- Entrevista Coletiva - Comitê Político – Rua João de Barros, 18 (esquina com Bartolomeu Mitre) – Leblon

Dilma Rousseff  (PT)
 
Agenda não divulgada



Escrito por Magno Martins, às 10h30

Comentários (1) | Enviar essa matéria por e-mail | Imprimir | Topo

23/10/2014
Curta a fanpage do blog para ir ao Portal de Gravatá


Uma boa notícia para os nossos leitores pela passagem dos oito anos do blog: estamos sorteando mais um final de semana no Hotel Portal de Gravatá, localizado no Km 82 da BR 232. Considerado o quinto melhor Hotel fazenda do Brasil e o melhor do Nordeste, o Portal dispõe de uma excelente infraestrutura de lazer. Para concorrer, você precisa apenas curtir a pagina deste blog no Facebook (https://www.facebook.com/pages/Blog-do-Magno/770009916353404?sk=timeline) e compartilhar a postagem da promoção em modo público.

O sorteio, dá direito a hospedagem para um casal, de sexta a domingo, com café da manhã incluso e será feito ao vivo, na próxima segunda-feira (27/10), durante o programa Frente a Frente.



Escrito por Magno Martins, às 10h15

Comentários (0) | Enviar essa matéria por e-mail | Imprimir | Topo

23/10/2014
Blog do Magno com novas redes sociais


O Blog do Magno está com uma nova Fanpage (https://www.facebook.com/pages/Blog-do-Magno), curta nossa página e fique por dentro das notícias da política local, nacional e internacional.

Siga-nos no Twitter (https://twitter.com/blogdomagno) e no Instagram (http://instagram.com/blogdomagno)! O nosso e-mail para envio de pautas e sugestões é o: blogdomagno.redacao@gmail.com.



Escrito por Magno Martins, às 10h05

Comentários (0) | Enviar essa matéria por e-mail | Imprimir | Topo

23/10/2014
A charge do dia


Escrito por Magno Martins, às 10h00

Comentários (1) | Enviar essa matéria por e-mail | Imprimir | Topo

23/10/2014
Governo banca ato com Dilma em Petrolina

Veja neste vídeo, enviado por uma leitora em Petrolina, como foi abusivo o uso da máquina federal para colocar 30 mil trabalhadores no ato de campanha com Dilma, terça-feira passada em Petrolina, no alto Sertão do São Francisco. Ônibus luxuosos, pagos com o dinheiro do contribuinte, foram deslocados de várias regiões e de outros estados. E o que se diz por lá é que a farra foi completa, com direito a hotel, comida e bebida de graça.



Escrito por Magno Martins, às 09h50

Comentários (13) | Enviar essa matéria por e-mail | Imprimir | Topo

23/10/2014
Coluna da quinta-feira

    Para inglês ver

Faltando quatro dias para as eleições, dois ministros enviados pela presidente Dilma estiveram, ontem, em Floresta, fazendo proselitismo eleitoral em torno da Transposição. Com a intenção de “vender” a ideia de que a obra é uma realidade, forçaram um teste artificial de bombeamento de um dos canais.

Tudo foi devidamente cronometrado para produzir efeito político e eleitoral. De Brasília, o Ministério da Integração, que não está nem aí para a mídia regional, pautou a Imprensa para acompanhar o “circo” e ainda ligou para diversos blogueiros do Nordeste para checar o recebimento do material (vídeo, imagens e texto).

Dilma, candidata à reeleição, fez de tudo para acompanhar o “falso teste”, mas na semana passada, quando ainda passava pela sua cabeça chegar lá com uma equipe da sua propaganda eleitoral, trabalhadores rurais fizeram um protesto, sob a alegação de que o bombeamento, mesmo para um teste, iria retirar 1% do lago de Itaparica, que está com sua capacidade hídrica comprometida.

As imagens geradas passaram a ser exploradas ontem mesmo na propaganda eleitoral, tudo, repito, para passar a ideia de que a Transposição é uma realidade. Mas não é. Ontem mesmo, trabalhadores contratados pela Mendes Júnior para o trecho entre Cabrobó e Penaforte (CE) paralisaram suas atividades, porque a empreiteira não está pagando as empresas terceirizadas.

Só uma empresa de alimentação está com uma pendência de R$ 2 milhões, que já entrou para o sexto mês. Sem poder oferecer uma refeição de qualidade, como determina a legislação trabalhista, passou a servir cuscuz, macarrão e ovo no almoço e jantar, enquanto para o café da manhã disponibiliza apenas pão com margarina.

A mesma empreiteira, responsável por aquele lote, chegou a promover a demissão de 400 trabalhadores na semana passada, mas teve que suspender depois de pressões do Governo, para não prejudicar a reeleição de Dilma. As cenas que o caro leitor passará a ver a partir de agora, que vão “encantar” pela forma cinematográfica, são apenas produtos de uma exploração em período eleitoral.

Programada para sair do papel em 2010, a Transposição anda capenga, sem previsão de conclusão. O valor da construção saltou de R$ 4,7 bilhões para R$ 8,2 bilhões entre compensações ambientais, desapropriações e despesas com mão de obra.

Apenas em licitações, o TCU identificou sobrepreço de R$ 876 milhões, além de R$ 248 milhões em aditivos acima do limite estipulado por lei. O TCU deu o primeiro alerta ainda em 2005, quando o tribunal fiscalizou os primeiros editais de concorrência para elaboração do projeto, execução e supervisão das obras, que foram “cancelados em decorrência do sobrepreço detectado da ordem de R$ 400 milhões”.

REALIDADE Enquanto o Governo monta o circo da Transposição, muitos moradores dos municípios do semiárido nordestino nem sequer têm água nas torneiras; usam a água distribuída por caminhões-pipa, de poços particulares ou públicos (a maioria com água salobra) ou da chuva (quando chove). Em Pernambuco, o Exército não consegue atender a demanda por carros pipas com o agravamento da estiagem.

Vai pegar fogo! O tom agressivo e até violento em certos momentos da campanha presidencial criou um ambiente de acerto de contas no pós-eleitoral. O caso Petrobras ganhou pernas próprias. Seu desfecho deve afetar um Congresso marcado pela pulverização e pela divisão dos partidos, e criar obstáculos à governabilidade do País.

Reação sertaneja– O prefeito de Cabrobó, Auricélio Torres (PSB), disse que ficou indignado com o ato açodado do Governo de “testar” o bombeamento da Transposição. “Nunca vi tamanha cara de pau e um ato tão eleitoreiro. A obra não é uma realidade como Dilma quer mostrar. Falo como convicção, pois Cabrobó é a base de alimentação do sistema”, afirmou.

Renata no guia– Aécio Neves exibiu, ontem, o depoimento de Renata Campos, viúva do ex-governador Eduardo Campos. No vídeo, ela diz que seria preciso fazer 'um novo caminho para chegar a um novo Brasil”. E acrescenta: “Hoje, temos duas possibilidades, que é continuar como estamos ou trilhar um caminho de mudanças'.

Vigília tucana O prefeito de Jaboatão, Elias Gomes (PSDB), promove, a partir das 18 horas de hoje, uma vigília batizada de “Acorda, Brasil”, pela eleição do tucano Aécio Neves. O local escolhido, o Monte dos Guararapes, onde foi travada a Batalha dos Guararapes, exalta, segundo ele, o sentimento de mudança manifestado pelos brasileiros.

CURTAS

GUERRA 1– O doleiro Youssef nega que tenha trabalhado para tucanos e a defesa defende uma acareação entre os dois alvos da Lava Jato. O empresário Leonardo Meirelles é acusado de ser testa de ferro do doleiro nas indústrias farmacêuticas Labogen.

GUERRA 2 - 'Meu cliente afirma peremptoriamente que nunca falou com Sérgio Guerra, nunca teve negócio com ele e nunca trabalhou para o PSDB', afirmou o criminalista Antônio Bastos, que defende o doleiro. 'Estamos pedindo uma impugnação do depoimento do Leonardo e uma acareação entre eles', acrescentou.

Perguntar não ofende: Por que Lula está destilando tanto ódio?

'Melhor é o pobre que anda na sua integridade do que o perverso de lábios e tolo'. (Provérbios 19-1)



Escrito por Magno Martins, às 06h00

Comentários (22) | Enviar essa matéria por e-mail | Imprimir | Topo

23/10/2014
Pró Aécio: Marco Zero tucanou ontem à noite

 (Foto: Bruno Campos/Folha de Pernambuco)

Do Diario de Pernambuco – Sávio Gabriel

Um dia após ter participado de três atos em Pernambuco, a presidente e candidata à reeleição Dilma Rousseff (PT) foi alvo de duras críticas de lideranças do PSDB estadual e do prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB). Na noite de ontem, milhares de pessoas se reuniram no Marco Zero, onde participaram de um ato de apoio à candidatura de Aécio Neves (PSDB) organizado por uma rede social em sete cidades do país. Nos discursos, sobraram alfinetadas referentes aos escândalos envolvendo a Petrobras e à queda nos repasses do governo federal ao Estado.

GERALDO PARTE PRA CIMA

“Acabou o tempo do governo que virou as costas para o povo, que mentiu e que não entregou nada do que prometeu”, disparou Geraldo Julio, acusando o PT de ter acabado com a Petrobras para sustentar a base de apoio no Congresso Nacional. “Se eles já tinham que sair antes da campanha, agora, depois da campanha suja que fizeram, é que têm que sair mesmo”, disse, emendando com um grito de guerra. - “Tira Dilma de lá” - que o prefeito repetiu por onze vezes, sendo acompanhado pelas pessoas presentes.

Já o governador eleito Paulo Câmara (PSB) e o senador eleito Fernando Bezerra Coelho (PSB) adotaram um tom mais ameno. Optaram por um discurso na linha da mudança que a candidatura de Aécio representa no cenário nacional. “Pernambuco demonstrou claramente que quer que o país ande num caminho diferente, que volte a crescer, que combata a inflação”, destacou Câmara, finalizando seu discurso com um pedido. “Vamos fazer o que Eduardo Campos nos pediu. Não vamos desistir do Brasil, e isso significa votar em Aécio Neves”.

HOJE TEM MAIS

O prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Elias Gomes(PSDB), também não poupou críticas ao governo federal. “Quando achamos que os escândalos vão cessar, que a eles (ao PT) foi imposto um limite, eis que o mensalão passa a ser um anãozinho da corrupção, porque o ‘petralão’ veio para demonstrar que a corrupção não tem limites nesse governo”, disparou, referindo-se ao esquema de pagamento de propina na Petrobras.

O ato também contou com a presença dos deputados federais eleitos Daniel Coelho e Betinho Gomes, ambos do PSDB, do presidente estadual da sigla, Bruno Araújo, entre outras lideranças. Hoje, às 16h, haverá
uma caminhada pró-Aécio no Centro, com saída da praça Maciel Pinheiro.



Escrito por Magno Martins, às 05h58

Comentários (6) | Enviar essa matéria por e-mail | Imprimir | Topo

23/10/2014
FHC: ''Ambição faz Dilma dizer coisas em que não crê''

Na reta final da disputa pela Presidência, o ex-presidente tucano Fernando Henrique Cardoso critica o “excesso de ambição pelo poder” de Dilma Rousseff.

'Ela não pode acreditar no que está dizendo. É verdade que fizemos a estabilização, que iniciamos os programas sociais. Dizer que não, para ganhar a eleição, me entristece', afirmou.

Em entrevista à “Folha de S. Paulo”, ele culpa o “bombardeio” do PT pela queda no desempenho do presidenciável Aécio Neves e elogia sua 'lealdade' ao defender seu governo (1995-2002), algo que José Serra e Geraldo Alckmin não fizeram nas eleições anteriores.

Quanto às declarações de Lula, que comparou o PSDB a nazistas, ele resgatou entrevista que o ex-presidente petista deu à Playboy em 1979 dizendo que tinha admiração pelo Hitler: “Vou chamar o Lula de nazista por isso? Ele é inconsequente, diz qualquer coisa”

Leia mais aí. (Entrevista na íntegra)



Escrito por Magno Martins, às 05h56

Comentários (6) | Enviar essa matéria por e-mail | Imprimir | Topo

23/10/2014
Receita: notícia ruim, só depois do segundo turno

Segundo a Receita, decisão não foi influenciada por cenário eleitoral. Membros do órgão estão em reunião de planejamento até sexta-feira

Receitas extraordinárias têm turbinado a arrecadação de tributos federais do governo

Receitas extraordinárias têm turbinado a arrecadação de tributos federais do governo (Beatriz Albuquerque/VEJA)

Veja

O anúncio da arrecadação de impostos e contribuições federais referente ao mês de setembro será feito pelo Ministério da Fazenda apenas na semana que vem, após as eleições. A previsão é de que os dados, que não devem vir favoráveis, sejam divulgados na próxima quarta-feira, dia 29. O resultado é tradicionalmente divulgado mais cedo, mas, mesmo assim, a Receita nega que a decisão tenha relação com a realização do segundo turno no próximo domingo.

De acordo com a assessoria de imprensa da Receita Federal, o subsecretários e superintendentes do órgão estão em um workshop de planejamento até a próxima sexta-feira, o que dificulta a apresentação dos números antes dessa data. Ainda conforme o Fisco, este evento estava marcado desde o início do ano.



Escrito por Magno Martins, às 05h54

Comentários (0) | Enviar essa matéria por e-mail | Imprimir | Topo

23/10/2014
Arruda desmente apoio a Dilma e confirma a Aécio

 Após a divulgação de fotos em que o ex-governador José Roberto Arruda (PR-DF) estaria apoiando a reeleição da presidente Dilma Rousseff, o ex-candidato ao Palácio do Buriti gravou um vídeo para desmentir a notícia. “Nós temos uma posição de votar no Aécio para presidente. Temos essa posição desde sempre, quando o Aécio estava lá em último lugar nas pesquisas”, diz Arruda, ao alfinetar diretamente o candidato a governador Rodrigo Rollemberg (PSB-DF).

A informação é de Mel Bleil Gallo, no blog Poder Online, completando a colunista que Arruda agradece, entretanto, o apoio de parte do eleitorado petista ao candidato Jofran Frejat (PR-DF) e diz estar “feliz com o clima de elegância e tranquilidade” nas eleições do Distrito Federal. Frejat assumiu a disputa após a impugnação de Arruda pela Lei da Ficha Limpa, por sua condenação no esquema conhecido como mensalão do DEM, revelado pelo iG em 2009.

Veja vídeo abaixo




Escrito por Magno Martins, às 05h50

Comentários (1) | Enviar essa matéria por e-mail | Imprimir | Topo

23/10/2014
Abstenção aterroriza petistas

 O presidente do PT, Rui Falcão, teve reunião com o presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), Dias Toffoli, para falar sobre a abstenção nas eleições, revela Mônica Bergamo, na Folha de S.Paulo desta quinta-feira. O partido teme que o fenômeno faça Dilma Rousseff perder votos na urna, comprometendo uma eleição que, segundo as pesquisas, será bem apertada.

Diz a colunista que Falcão apresentou ofício pedindo que o TSE garanta o cumprimento da lei 6.091/74, que prevê que a Justiça Eleitoral garanta transporte a eleitores de áreas rurais.

''Toffoli está analisando o pedido. "Não se pode imputar à Justiça Eleitoral a abstenção. Ela já organiza esse transporte, conforme previsto em lei", diz ele.''



Escrito por Magno Martins, às 05h40

Comentários (1) | Enviar essa matéria por e-mail | Imprimir | Topo

23/10/2014
Faz escola: Lula bate após linha da cintura de Aécio
 Lula faz escola com os ataques pessoais a Aécio. Panfleto distribuído por petistas em São Paulo chama o tucano de 'playboy' e diz que ele, se eleito, vai 'retirar direitos' e 'reduzir o salário mínimo'.  O texto é de Misa Boito, candidata derrotada a deputada estadual. Ela nega exagero. 'Playboy não é ofensa pessoal. É qualificação', diz a petista, sem revelar a tiragem do material.

O PT também começou a espalhar santinhos lembrando que Aécio teve a carteira de motorista apreendida e recusou o teste do bafômetro em blitz da Lei Seca, em 2011. Neste caso, o tucano reconhece que errou e diz que se arrependeu.(Bernardo Mello Franco - Folha de S.Paulo)



Escrito por Magno Martins, às 05h30

Comentários (3) | Enviar essa matéria por e-mail | Imprimir | Topo

23/10/2014
Segredo das urnas: 'Vai ter que ser assim', diz Toffoli
 Por cerca de meia hora, os sete ministros e alguns técnicos do Tribunal Superior Eleitoral deverão guardar em segredo o nome de quem governará o Brasil a partir de 2015. O presidente da corte, Dias Toffoli, (foto)estima que o resultado da eleição será definido por volta das 19h30 de domingo. No entanto, a informação só poderá ser divulgada às 20h, quando as urnas do Acre estiverem fechadas. "Eu não gostaria, mas vai ter que ser assim", diz o ministro. Ele promete que não haverá vazamentos. A informação é de Bernardo Mello Franco, na Folha de S.Paulo de hoje.

Dias Toffoli -- continua o colunista -- diz que a proibição de ataques na propaganda também pode melhorar o nível dos debates na TV. Ele critica o encontro do SBT, marcado pela troca de acusações entre Dilma Rousseff e Aécio Neves.

"Os dois, como candidatos a presidente, deveriam se recusar a obedecer os marqueteiros. Em sã consciência, nenhum dos dois diria o que foi dito", reprova o presidente do TSE.



Escrito por Magno Martins, às 05h20

Comentários (0) | Enviar essa matéria por e-mail | Imprimir | Topo

23/10/2014
Com todas as armas:Dilmistas atacam, aecistas respondem

 Dilma gravou ontem, no Rio, uma fala para seu último programa de TV, que vai ao ar sexta. Ela deve encerrar a campanha reforçando o pedido para que o eleitor compare o país de hoje com o da era tucana.

Depois de levar ao ar o depoimento de Marina Silva, Aécio continuará a terceirizar sua defesa dos ataques do PT. Hoje Zezé di Camargo vai à TV dizer que o tucano, se eleito, não acabará com o Bolsa Família.

O senador eleito Romário (PSB-RJ) acusará os dilmistas de 'jogo sujo' para tentar levar essas eleições 'na marra': 'Fizeram com o Eduardo [Campos], com a Marina [Silva], e agora estão fazendo com o Aécio'. (Folha de S.Paulo - Bernardo Mello Franco)



Escrito por Magno Martins, às 05h06

Comentários (0) | Enviar essa matéria por e-mail | Imprimir | Topo

23/10/2014
PT: delator faz tesoureiro deixar 'boquinha' no governo

 O secretário de Finanças do PT, João Vaccari Neto, disse ao comando do partido que pretende aproveitar a próxima reunião do Conselho de Adrministração da usina de Itaipu para pedir sua substituição no órgão, informa Clarissa Oliveira, no blog Poder Online.

O fato de Vaccari ocupar um assento no conselho da imprensa virou munição para a campanha do tucano Aécio Neves, que se apoiou na repercussão das menções ao tesoureiro petista nos depoimentos do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, sobre o suposto esquema de propina que funcionava na estatal. O mandato de Vaccari terminaria no fim do ano.



Escrito por Magno Martins, às 04h40

Comentários (0) | Enviar essa matéria por e-mail | Imprimir | Topo

23/10/2014
Roseana não passa o poder ao inimigo. Vai renunciar

A governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB), deve renunciar ao mandato no início de novembro. O que se diz no círculo próximo à peemedebista é que ela não tem a menor intenção de passar diretamente a faixa ao governador eleito e ex-presidente da Empresa Brasileira de Turismo (Embratur) Flávio Dino. Nos bastidores, diz-se que ela ficaria “extremamente constrangida” em ser obrigada a fazer a transmissão a um político da oposição.

Se Roseana seguir adiante com os planos, quem deve assumir o governo nesta reta final é o presidente da Assembleia Legislativa, Arnaldo Melo (PMDB). Um detalhe: Melo era candidato a vice-governador de Edison Lobão Filho (PMDB) e ficará sem mandato na próxima legislatura. Caso Melo assuma, após menos de dois meses de mandato, ele terá direito a uma aposentadoria vitalícia de aproximadamente R$ 25 mil.  (Blog Poder Online - Clarissa Oliveira)



Escrito por Magno Martins, às 04h00

Comentários (0) | Enviar essa matéria por e-mail | Imprimir | Topo

23/10/2014
Para quem quer que vença, um país conflagrado

 O futuro presidente vai assumir um país conflagrado, avalia Ilimar Franco, na sua coluna do jornal O Globo. Segundo o colunista, o nível do embate deixará traumas e sequelas, diz político da oposição. E, por isso, a luta política vai se manter em alta temperatura. Está se criando ambiente de acerto de contas. O caso Petrobras ganhou pernas próprias. Seu desfecho deve afetar um Congresso marcado pela pulverização e pela divisão dos partidos, e criar obstáculos à governabilidade do país.

A propósito, a previsão é que o debate de sexta-feira, na TV Globo, entre a presidente Dilma e Aécio Neves será um meio-termo entre a agressividade no SBT e a moderação na Record. Não se prevê que os candidatos façam manobras arriscadas



Escrito por Magno Martins, às 03h20

Comentários (1) | Enviar essa matéria por e-mail | Imprimir | Topo

23/10/2014
Na TV, ela está melhor do que ele

O Datafolha mais recente é a comprovação do protagonismo de João Santana nesta eleição presidencial. A pesquisa revela que o otimismo do brasileiro com a economia melhorou. Em relação à inflação, por exemplo,  o dado é impressionante: desde 2007, nunca tantos brasileiros acharam que a inflação vai parar de subir ou mesmo cair.

Não resta dúvida de que foram os programas criados por João Santana para Dilma Rousseff que (douraram a pílula e) levaram tal otimismo ao eleitor.

Os programas de Dilma na TV e no rádio são superiores aos feitos pela equipe de Aécio Neves. No primeiro turno, muita gente ainda queria tapar o sol com a peneira, argumentando que Aécio tinha menos da metade do tempo destinado ao PT.

Os programas e comerciais de Santana são mais eficientes não só para desconstruir, como já se viu, mas também para construir – isso é pouco ressaltado.

Essa batalha a Dilma já ganhou: a da comunicação na TV e no rádio.

Aécio Neves pode vencer a eleição. Mas se o conseguir terá sido apesar do seu programa de rádio e TV.(Lauro Jardim - Veja)



Escrito por Magno Martins, às 02h40

Comentários (0) | Enviar essa matéria por e-mail | Imprimir | Topo



Copyright Magno Martins. 2006. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.