Mensalão: manobra de mensaleiro é frustrada no STF

 O presidente do Supremo Tribunal Federal, Cezar Peluso, negou pedido do publicitário Marcos Valério para que o ministro Joaquim Barbosa fosse afastado da relatoria do processo do mensalão. Réu na ação penal que tramita na Suprema Corte, Valério argumentou que o magistrado deveria ser declarado impedido de julgar o caso por já ter se pronunciado sobre o mérito de uma das acusações, referente à lavagem de dinheiro.

Peluso disse não, e o duro juiz Barbosa continua relatando o processo, o que não deve ser bom sinal para os envolvidos.

Publicado em: 16/09/2011