Em Vitória, Paulo Roberto vai à Justiça contra fake news

A Polícia cumpriu, hoje, um mandado de busca e apreensão em Vitória de Santo Antão, Mata Sul de Pernambuco, para obter provas numa ação judicial movida pelo Ministério Público Estadual, após denúncia do candidato a prefeito Paulo Roberto (foto), do MDB, que alega ter sido atacado por postagens ofensivas.

De acordo com a certidão emitida pela oficiala de Justiça Miriam Ferreira, anexada aos autos do processo, “foi procedida a apreensão do celular que estava em posse de Elysson Pimentel", conhecido como "Acerola”. O mandado foi solicitado pela promotora eleitoral Manuela Xavier Capistrano Lins e cumprido às 8h10 de hoje. A medida faz parte de um processo de calúnia, difamação e injúria na propaganda eleitoral. 

Segundo o advogado Oswaldo Gouveia, Elysson Pimentel “é suspeito da prática de crimes conta a honra, com o objetivo de denegrir a candidatura de Paulo Roberto ao cargo de prefeito deste município” ao divulgar, via aplicativo de mensagens WhatsApp, "um vídeo com informações mentirosas a fim de manchar a imagem do candidato de oposição".

“A ação de hoje demonstra que o Ministério Público e a Justiça Eleitoral estão atentos e combativos às ações de propagação de desinformação e fake News. Esperamos que sirva de exemplo e seja uma ação pedagógica que faça com que outras pessoas pensem duas vezes antes de contribuir com a desinformação”, afirmou o candidato a prefeito Paulo Roberto.

Publicado em: 27/09/2020