Enfim, apareceu a Margarida

Sumida da mídia e dos principais debates envolvendo a sociedade com a pandemia do coronavírus, que tem levado o Estado a uma quase liderança no ranking do horror da mortandade, a deputada-delegada Gleide Ângelo, do PSB que compra respiradores para porcos enquanto o povo morre sem assistência, deu o ar da graça ontem. Caiu um raio de luz e sabedoria à cabeça, em meio ao clima de consternação com a morte do garoto Miguel, nas torres gêmeas, e apresentou um projeto proibindo crianças desacompanhadas em elevadores.

Publicado em: 05/06/2020