Planalto: Bolsonaro fez procedimento para retirar lesões de pele

Presidente chegou a levantar suspeita de câncer, mas conclusão vai depender de exames; agenda presidencial foi cumprida normalmente nesta quinta-feira.

Presidente Jair Bolsonaro cumprimenta turistas no Palácio da Alvorada Antonio Cruz/Agência Brasil

Por Agência Brasil

 

O presidente Jair Bolsonaro foi submetido a procedimento para retirada de lesões de pele na face e na orelha, informou nesta quinta-feira, 12, o Palácio do Planalto, em nota. A intervenção ocorreu na quarta-feira à tarde, no Hospital da Força Aérea, em Brasília, e incluiu tratamento para lesões no tórax e no antebraço, utilizando técnica de resfriamento.

“Foram realizados alguns procedimentos, como retirada de lesão verrucosa na face e na orelha, além de crioterapia em lesões no tórax e no antebraço, provocadas pelo excesso de exposição solar. O material segue para análise laboratorial, como é de rotina”, informou Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República.

Em conversa com jornalistas ontem a tarde, após retornar do hospital, Bolsonaro chegou a mencionar a suspeita de câncer de pele, mas afirmou estar bem de saúde. Ele manteve a agenda prevista para esta quinta-feira: participou de evento em Palmas (TO), ao lado do governador Mauro Carlesse (PTB), e de de formatura de cadetes do Instituto Militar de Engenharia (IME), no Rio de Janeiro. O retorno a Brasília está previsto para às 23h.

Publicado em: 13/12/2019