Brasil 200 vai ao STF defender liberdade econômica

Grupo de Flávio Rocha vai ao STF defender MP da LIberdade econômica. PDT pediu que Supremo suspenda a medida.

Sobrinho e sucessor de Rocha, Gabriel Kanner (esquerda) irá ao STF em prol do governo Foto: Reprodução

Época - Guilherme Amado

 

O Brasil 200, movimento de empresários como Flávio Rocha e Luciano Hang, pedirá ao STF para participar de um caso que questiona a medida provisória da liberdade econômica.

O grupo defende a medida do governo.

Gabriel Kanner, sobrinho de Rocha e atual presidente do grupo, protocolará na segunda-feira um pedido para entrar como amicus curiae em um processo movido pelo PDT contra a tramitação da MP.

O PDT escreveu ao Supremo que a MP pode ferir "de morte" os interesses do Brasil. Kanner rebateu:

"Quem está ferindo de morte os interesses nacionais é o PDT. A medida provisória é fundamental para retomar a economia".

Publicado em: 23/06/2019