Delirar é preciso

MONTANHAS DA JAQUEIRA – Delirar é preciso. Anistiado e glorificado como herói nacional, o futuro ex quase ministro plenipotenciário, guru da seita vermelha, foi enviado para a Venezuela pelo ex quase futuro presidente Radar em missão de apoio à ditadura do terrorista Nicolas Maduro na Venezuela.  

O BNDES, o Itamaraty e a Petrobras foram colocados à disposição de Maduro para manter a ditadura com mão de ferro, prender o presidente proclamado Guaidó e dar uma camada de pau nos opositores. Condenado em primeira instância, o ex juiz Sergio Moro tá preso. Dilma Roussef foi nomeada ministra da Economia para aumentar o desemprego, que por sinal só existe na cabeça da oposição, segundo Lula. – Ainda bem que estou delirando.  

A mega hiper super realização deste novo governo do Capitão Marvel foi derrotar a seita vermelha e começar o desmonte da mega  super herança nefasta da camarilha vermelha e seus aliados.

Deve ser repetido mil vezes: o Brazil pulou uma fogueira do  tamanho do meio do mundo. Ainda assim o ovo e os ovários das serpentes vermelhas, deletérios por natureza, infestaram milhões de cabeças e de tripas neste País. Ao menos 10 por cento da humanidade navega na faixa da insanidade, dizem as ciências.

Os gafanhotos, zero 01, zero 02 e zero 03, estão brigando? Bobagem. Isto sai na diurese. Os generais, almirantes, brigadeiros e seus recrutas operam os controles remotos. O guru Olavo é um doido desvairado? O remédio para um doido é botar outro doido na portaria. Os gurus da seita vermelha, o próprio, a desvairada Chui, os desvairados zoólogos da libertação eram doidos para tocar fogo neste Brazil e faziam vista grossa para a corrupção.    

Olhai os lírios dos campos, olhai o desmantelo vermelho do MST! Cadê a valentia dos stalinistas Boulos e Stedile? Os pneus já estão carecas de saber que o exército vermelho baixou a crista.

As glândulas mamárias da Lei Rouanet murcharam. A mundiça vermelha vai fazer um surubão politicamente correto para protestar contra o desmame.

Camarilha vermelha, c’est fini! Oh glória! Aleluia aleluia!  

Publicado em: 13/05/2019