Quer se dar bem com todo mundo

Ministros do STF esperam que o impasse em torno do indulto concedido por Michel Temer seja encerrado na próxima semana.

Já há maioria contra a decisão de Luís Roberto Barroso que barrou o decreto presidencial.

Após a sessão desta quinta (29), a responsabilidade pela prorrogação da indefinição foi colocada sobre os ombros da ministra Rosa Weber.

Weber votou pela validade do indulto de Temer, mas foi contra a derrubada imediata da decisão de Barroso que impede a aplicação do decreto. “Quer ficar bem com todo mundo, dá nisso”, criticou um ministro. (Painel)

Publicado em: 30/11/2018