Marun: Temer deve sancionar aumento do STF

O ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun (MDB), afirmou, hoje, que o presidente Michel Temer deve sancionar o reajuste aprovado ontem pelo Senado de 16,38% no salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal.

Marun (foto) destacou que o aumento está condicionado ao fim do auxílio-moradia para compensar a elevação do salário aos cofres públicos. O presidente do STF, Dias Toffoli, adiantou ao blog que vai conversar com o ministro Luiz Fux para adiantar o julgamento do fim do auxílio-moradia no plenário da Corte.

Publicado em: 08/11/2018