Lula prometeu, será que vai cumprir?

A grande discussão agora é se será possível cumprir a promessa do presidente Lula aos governadores, de ampliar a capacidade de endividamento dos estados.

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, vê grandes dificuldades. Ele aparece hoje nos jornais dizendo que poderá haver impacto de R$ 140 bilhões na dívida pública, o que seria impossível de se suportar.

Na discussão ontem no Senado, ficou claro que a Lei de Responsabilidade Fiscal precisará ser preservada, o que vai dificultar o atendimento das reivindicações dos governadores.

Mas como Lula depende dos estados para aprovar a prorrogação da CPMF, todos podem ter certeza que alguma solução será alcançada. (do blog do ET)

Publicado em: 25/04/2007