Governo quer criar poupança para estudantes carentes

O governo estuda a criação de uma conta-poupança, nos moldes do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), para beneficiar jovens carentes que concluírem o ensino médio. De acordo com o projeto, cada estudante receberia R$ 15 por mês, mas o dinheiro só poderá ser sacado depois da formatura.

O ministro do Desenvolvimento Social, Patrus Ananias, disse à imprensa que o objetivo da medida é estimular os jovens a completar o terceiro ano do segundo grau. O projeto ainda não tem data para sair do papel. ''A proposta em estudo é alimentar essa conta com depósitos mensais até a conclusão dos estudos. Quando o jovem concluir a oitava série do primeiro grau, ou o terceiro ano do segundo grau, ele teria um pecúlio para prosseguir os estudos ou para montar um pequeno negócio'', explicou Patrus. (Informações do Congresso em Foco)

Publicado em: 23/03/2007