PF ameaça greve caso governo não cumpra acordo

Funcionários da PF confirmaram na quinta-feira, em assembléias realizadas em todo o país, uma paralisação de 24 horas no dia 28, em protesto contra o não cumprimento de um acordo salarial por parte do governo. Os policiais também marcaram manifestação para dia 18 de abril, em Brasília. Se, até lá, o governo não cumprir o acordo, eles ameaçam entrar em greve por tempo indeterminado.

O ministro da Justiça, Tarso Genro, pediu ao ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, que retome as negociações com a categoria.

"Se o governo não voltar pelo menos a negociar, vamos parar no Pan", ameaçou o presidente do Sindicato dos Delegados da Polícia Federal de São Paulo, Amaury Portugal.

 

(Do Pernambuco.com)

Publicado em: 23/03/2007