Lula empossa ministros e diz que Marta sofre preconceito

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva falou na cerimônia de posse dos novos ministros do Turismo, Marta Suplicy, da Agricultura, Reinhold Stephanes, e das Relações Institucionais, Walfrido dos Mares Guia que as mudanças no Ministério reforçam seu desejo de coalizão. Num dos momentos mais quentes do discurso, Lula disse que Marta foi vítima de preconceito.

''Uma das razões pelas quais a Marta não ganhou as eleições foi porque ela foi vítima de um preconceito. Ela traiu a classe dela, porque ela resolveu fazer uma política para os pobres que jamais foi feita naquela cidade'', disse Lula.

Sobre a mudança ministerial, Lula justificou-se: ''Quando tomei posse disse que não precisava mudar ministério, pois eu estava com um time que havia acabado de ganhar o jogo. Entretanto, depois das eleições começamos a estabelecer uma nova perspectiva na política nacional na busca da construção de uma coalizão política'', disse o presidente. ''Uma coalizão que pudesse mostrar que é possível fazer política com P maiúsculo e construir um País pensando nos próximos 20 anos e não somente nos próximos quatro anos'', afirmou.

Lula disse que o País vive um momento histórico na economia brasileira, com tantos fatores positivos combinando entre si. ''O Brasil poucas vezes na sua história teve uma situação privilegiada como a que estamos tendo.''  As informações são do portal Terra.

Publicado em: 23/03/2007