Caruaru rebate críticas de Alcimar Monteiro
















Ana Rebeca Passos
De Caruaru

Após avaliar as duras declarações de artistas que ficaram de fora da programação oficial do São João 2014, a Fundação de Cultura e Turismo da Prefeitura de Caruaru explicou os motivos da não contratação de alguns cantores. De acordo com a presidente do órgão, Lúcia Félix, o orçamento disponibilizado para os festejos juninos deste ano limita contratações com altos cachês.

"É lamentável não podermos contratar Alcymar Monteiro e Flávio José porque ambos elevaram seus cachês em 50% em relação ao ano passado, de R$ 60 mil para R$ 90 mil. Um aumento desse porte fica além do critério de economia que adotamos para o orçamento do São João de Caruaru", explicou a presidente.

“O cuidado com os custos da festa, por outro lado, possibilitou que a grade dos shows pudesse contemplar 82% de artistas da terra como Azulão, Azulinho, Didi Caruaru, Banda CarúForró, Elifas Júnior, Flor de Mandacaru, Forró da Mídia, Israel Filho, Renilda Cardoso, Petrúcio Amorim, Valdir Santos, Erisson Porto, Forró Quentão, Jailson Rossete e Benil”, completou.

Ainda segundo a gestora, a programação foi trabalhada para atender a todos os públicos. “Os outros 18% que completam a grade incluem artistas regionais e nacionais a exemplo de Alceu Valença, Dorgival Dantas, Camarão, Amazan, Novinho da Paraíba, Josildo Sá, Cristina Amaral, Nando Cordel, Flávio Leandro, Santanna, Maciel Melo, Eliane, Petrúcio Amorim, Geraldinho Lins, Jorge De Altinho, Zé Ramalho, Margareth Menezes, Elba Ramalho, Luan Santana e Jorge e Mateus”, pontuou.

Publicado em: 22/05/2014