Por que o eleitor se comporta assim

COLUNA DE RICARDO BOECHAT

Ricardo Guedes, do Instituto Sensus, atribui a dois fatores as dificuldades de Serra (PSDB) e Haddad (PT), em São Paulo. “A situação está desgastada, e a oposição tem problemas de legitimidade no município. Com isso, as condições estão abertas para o crescimento da 3ª via.” Enquanto Serra exibe alta rejeição, Haddad tem dificuldades de se encaixar no ideal desejado do paulistano. “Em um segundo turno com Russomanno, vão ter de lutar muito.”

Em Belo Horizonte, para Guedes, Patrus Ananias (PT) tem problemas, pois Marcio Lacerda (PSB) ao asfaltar e fazer muitas obras pela cidade  “aumentou o valor patrimonial dos domicílios, gerando voto”. Obras em oposição a programas sociais formam a dicotomia na capital mineira.

No Rio de Janeiro, Eduardo Paes segue firme para a reeleição, devido às “ações no setor de segurança, apoiado pelos governos federal e estadual. Obras, segurança e percepção de boa administração constituem a base de legitimidade do prefeito carioca”, conclui Guedes.

Publicado em: 07/09/2012