No túnel do tempo

Jânio Quadros foi eleito presidente em 1960, renunciando no mesmo ano, deixando uma carta em que atribuía sua desistência a "forças terríveis".

Jânio, que já tinha Restabelecido relações diplomáticas e comerciais com a Rússia e a China, algo impensável dentro do plano geopolítico brasileiro de então, causou ainda mais polêmica ao condecorar o guerrilheiro Che Guevara.

Foto do arquivo do blog. Se você tem uma foto histórica e deseja vê-la postada neste quadro nos envie: blogdomagno.redacao@gmail.com.

Publicado em: 30/08/2012