Busca


Coluna do Blog
Vergonha em Caruaru


Destaques
Armando e João Paulo lançam projeto Pernambuco 14
Falcão reúne petistas para discutir situação de Vargas
Paulo Rubem enaltece ações do governo Julio Lossio
Lula: "A construção do Brasil é mérito do povo"
Cabo concede reajuste de 9% para servidores municipais
Senado sabatina candidatos a ministro do TCU
OAB-PE leva "Observatório da Justiça" para o Agreste
Dilma sanciona Marco Civil da Internet
Blogueiro repercute apoio de prefeitos do PTB a Câmara
PSDB descarta substituição de Pimenta da Veiga


Opinião


Dilma: de sinal amarelo para vermelho - Maurício Costa Romão
























TwitterTwitterRádio do MagnoRSS

30
10/13
''Eduardo não sabe onde está se metendo'', avisa Lula

 O ex-presidente Lula da Silva criticou os presidenciáveis
Eduardo Campos, do PSB, e Aécio Neves, do PSDB, em almoço com a bancada do bloco PTB-PR-PSC no Senado, relata Felipe Patury, na sua coluna da ÉPOCA. De acordo com um senador presente ao encontro -- diz o colunista -,Lula disse que Eduardo Campos não sabe onde está se metendo. Segundo esse relato, Lula apontou o fato de Marina Silva, que ingressou no PSB junto com seu partido, o Rede, ter uma pontuação nas pesquisas eleitorais superior à de Campos e Aécio.

'A sombra de Marina é muito maior que o candidato Eduardo, assim como a de (José) Serra (ex-governador tucano de Sâo Paulo) é maior do que a de Aécio', disse Lula, segundo o relato.

'Aí, um gaiato disse: a sua [sombra] também é maior do que a da (presidente) Dilma (Rousseff)', contou o senador.

Lula descartou a volta: 'Eu já fui.'

Em seguida, relatou o senador, Lula completou o raciocínio, mudando o tom:

'Mas estou bem. Se me encherem o saco, voltou em 2018.'

  Escrito por Magno Martins, às 05h56
 
Comentários Comentários (1) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  


Copyright Magno Martins. 2011. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.