Sopranor 5

28/08


2015

80% do dinheiro de Dirceu não passou por contas

Laudo da Polícia Federal aponta que 80% dos rendimentos declarados pelo ex-ministro José Dirceu não transitaram por suas contas bancárias e que, dos R$ 4 milhões que ele declarou ter obtido como rendimento dos serviços de consultor na JD Assessoria e Consultoria, apenas R$ 1 milhão passou por suas contas analisadas.

"Totalizando-se, no período analisado (2005 a 2013), a movimentação financeira esperada, obtém-se o montante de R$ 7.083.213,17, enquanto que a movimentação financeira efetiva alcança somente o montante de R$ 1.449.242,32", registra o Laudo de Exame Financeiro 1742/2015, da Polícia Federal. "Ou seja, a maior parte dos rendimentos declarados por José Dirceu de Oliveira e Silva não transitou por conta corrente."

O laudo é de 20 de agosto e foi realizado pelos peritos criminais federais Fábio da Silva Salvador e Ivan Roberto Ferreira Pinto, a pedido do delegado Mário Adriano Anselmo. O documento foi anexado nesta quinta-feira, ao inquérito que tem Dirceu e o irmão como alvos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se


28/08


2015

Se for necessário, serei candidato em 2018, diz Lula

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou, na manhã de hoje, que, se for preciso, poderá disputar a Presidência da República em 2018. Esta é a primeira vez que ele falou publicamente sobre a possibilidade de se candidatar.

"Não posso dizer que sou, nem que não sou [candidato]. Sinceramente, espero que tenha outras pessoas para serem candidatas. Agora, uma coisa pode ficar certa. Se a oposição pensa que vai ganhar, que não vai ter disputa e que o PT está acabado, ela pode ficar certa do seguinte: se for necessário, eu vou para a disputa e vou trabalhar para que a oposição não ganhe as eleições", afirmou Lula em entrevista à Rádio Itatiaia, de Belo Horizonte, na cidade de Montes Claros (417 km de Belo Horizonte).

Ontem, o ex-presidente participou de evento na cidade mineira que serviu de estreia para as viagens que ele fará pelo país para tentar melhorar a imagem do PT.

A fala de Lula se deu após questionamento sobre a possibilidade de impeachment da presidente Dilma Rousseff. Segundo Lula, a oposição tem de "esperar 2018", aludindo à próxima eleição para a Presidência da República.

"A oposição tem que ter paciência neste país. Eu perdi três eleições, voltava para casa. Eu não ficava xingando as pessoas. Eu não ficava falando palavrão. Eu ia para casa me preparar. Como diria o [Leonel] Brizola [1922-2004], se estive vivo, eu ia para casa lamber minhas feridas, ou seja, para me preparar para a outra eleição. Foi assim que eu fiz durante 12 anos. A oposição precisa parar de resmungar, tem de parar de xingar a presidenta, ela tem que torcer para que esse país melhore", afirmou.

O ex-mandatário afirmou ainda que a população do Brasil não "aceita golpe'.

"Ninguém quer mais golpe neste país. Quem quiser ser candidato à Presidência da República que espere 2018, dispute democraticamente e vê se ganha as eleições", afirmou.

Lula ainda alfinetou a oposição ao afirmar que ela nunca "fez nada por esse país" e que governava apenas para "um terço da população".

Ele disse não acreditar na interrupção do mandato de Dilma antes do término dele.

"Não acredito em impeachment da presidente Dilma. Acredito que as dificuldades que nós estamos passando agora serão vencidas na medida que a economia comece a se recuperar e os programas anunciados pela presidenta Dilma comecem a dar resultado', disse Lula.

Lula também defendeu a Petrobras e as investigações que versam sobre corrupção nas esferas públicas do governo. Ele afirmou que as administrações petistas permitiram a criação de instrumentos para a investigação dos casos de corrupção.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se

Comentários

suricato

NÃO FANFARRÃO MENTIROSO VÇ. É DESNECESSÁRIO !!!!!!!! voce já causou um mal enorme ao país.vá vestir seu pijama numa penitenciária.Fora lula, fora dilama , fora PT. desapareçam deixe-nos em paz!!!!!


Hapvida (novo)

28/08


2015

Moro: o que muda o País é o fortalecimento das instituições

O juiz federal Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava Jato, traçou um paralelo entre a investigação brasileira e a Operação Mãos Limpas, na Itália, que desbaratou um esquema de corrupção envolvendo políticos e figuras importantes do governo italiano. "Com tudo que ocorreu (na Itália), muitas oportunidades foram perdidas e isso é uma lição (para o Brasil) com aparecimento de casos de corrupção na administração pública", disse Moro, em palestra em São Paulo.

"O que muda um País é o fortalecimento de suas instituições, não podemos ter uma fé cega no futuro", disse o juiz, ao citar que usualmente é abordado por pessoas que o questionam se ele vai ajudar a mudar o Brasil.

Ao citar a Mãos Limpas, Moro disse que um dado assustador é que 40% dos casos não chegaram a julgamento. "Isso é preocupante porque o nosso sistema judiciário se assemelha ao modelo italiano, que é extremamente lento." E afirmou que o impacto maior da Mãos Limpas foi nos anos 1992 a 1994, e, depois, houve uma reação do poder político que diminuiu as conquistas obtidas, incluindo uma lei de anistia, denominada "lei que salva corrupto".

Moro começou sua palestra falando de lavagem de dinheiro, numa abordagem mais técnica, e depois falou sobre corrupção, traçando o paralelo com a Operação Mãos Limpas, na Itália. Naquele país, a operação ganhou este nome por causa da colaboração de um detido que acabou revelando o mega-esquema de corrupção.

"Falam que exagero na prisão preventiva", disse o juiz, citando que, em Milão, o saldo da Operação Mãos Limpas resultou em 800 detenções preventivas. "Ou seja, eu ainda tenho um bom saldo", brincou, arrancando risos da plateia no auditório do Ministério Público Federal de São Paulo. E emendou: "Estou brincando."


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se

TCE

28/08


2015

Cientista político francês faz palestra no Recife

O professor de Ciência Política da Universidade de Paris/Sorbonne e brasilianista, Stéphane Monclaire, palestra no Recife, dias 1º e 2 de setembro. Autor de três livros que falam sobre questões políticas brasileiras, o professor já prepara mais outros três sobre a mesma temática.

A programação de Monclaire no Recife será intensa. No dia 1º, às 9h, o professor estará no Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe), na Ilha do Leite, para falar sobre a transição democrática, o processo constituinte, as políticas públicas, as crises políticas e as competições eleitorais no Brasil a convidados. Já no dia 2, às 14h, Stéphane Monclaire conversa com alunos da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) sobre "Nação brasileira, futebol e suas implicações políticas".

No dia 3, o cientista político segue para São Paulo, onde grava o programa Ponto a Ponto, da Band News, comandado pela jornalista Mônica Bergamo e o sociólogo Antônio Lavareda.

Stéphane Monclaire é professor de Ciência Política da Universidade de Paris/Sorbonne, brasilianista, estudioso do Brasil e consultor, desde 2003, do Ministério de Política Externa da França sobre as questões brasileiras. Inclusive, foi uma das 100 autoridades (intelectuais, juristas, empresário, políticos e profissionais de diversas áreas) entrevistadas pela VEJA, em 2013, sobre os 25 anos da Constituição de 1988. Na lista, ele foi o único brasilianista.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se

Comentários

adalberto ribeiro

Este cientista politico francês deve ser afilhado de The Gaulle



28/08


2015

Teixeira ironiza Queiroz: "Te abraça com Jorge"

Do publicitário e marqueteiro Marcelo Teixeira sobre as especulações de que o prefeito de Caruaru, José Queiroz (PDT), estaria propenso a apoiar no PSB a candidatura do vice-prefeito Jorge Gomes ou da ex-deputada Laura Gomes, e não da deputada Raquel Lyra: “Se o prefeito Queiroz acha que Jorge ou Laura representam a solução mais adequada para defender a continuidade da sua gestão não tem o que se discutir: leva eles para casa, Queiroz! Vai que a dupla é tua! Transfere para o PDT, que é mais seguro e está em tempo. Quem tem um produto eleitoral garantido não deixa para os outros. Repito: vai que é tua. Leva para casa!”


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se

Comentários

adalberto ribeiro

Baixou a cotação do locutor Ze Queiroz na feira de Caruaru. Ele está colhendo o que plantou na feira das vaidades. O tempo das bonanças entrou em contagem regressivas. O ingrato locutor Queiroz caminha pra o isolamento


Celson Melo

28/08


2015

Paulo destaca modelo de gestão pernambucano

Educação, Saúde, Segurança e Economia. Essas foram as quatro áreas destacadas pelo governador Paulo Câmara durante sua apresentação sobre o modelo de gestão pública implantado pelo ex-governador Eduardo Campos em Pernambuco e que hoje tem continuidade na sua administração. Paulo foi um dos palestrantes do seminário "Reforma Gerencial 20+20”, promovido pela Escola de Administração de Empresas de São Paulo (FGV/EAESP), com apoio do governo britânico.

O objetivo do encontro – iniciado ontem – é fazer o balanço da difusão das ideias do Plano Diretor da Reforma do Aparelho do Estado e debater propostas para a gestão pública brasileira nos próximos 20 anos. “Tivemos 30 anos de conquistas fundamentais, com a consolidação da democracia, a estabilidade econômica, o combate à desigualdade e, agora, precisamos assegurar a qualidade dos serviços públicos prestados à população”, disse Paulo.

Para o governador, as instituições públicas precisam trabalhar com qualidade e eficiência em benefício, principalmente, daqueles que mais precisam do serviço público. Paulo defendeu o modelo de planejamento que tem como ponto de partida o Todos por Pernambuco, que, neste ano de 2015, ouviu cerca de 17 mil pessoas em todas as regiões do Estado e coletou 16 mil propostas. “Assim, fica muito claro o quê o Governo tem de fazer em cada região”, argumentou.

O governador de Pernambuco fez um paralelo sobre a situação atual do Brasil e defendeu a necessidade do gestor público de ter “a capacidade de ouvir e de dizer a verdade”. “É isso que está faltando no Brasil atualmente”.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se


28/08


2015

Alepe discutirá cortes na segunda

Da Folha de Pernambuco

O deputado estadual e quarto secretário da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), Romário Dias (PTB), confirmou, ontem, a intenção da Mesa Diretora em cortar 245 cargos comissionados – sendo, a princípio, uma redução de cinco cargos por gabinete de cada um dos 49 deputados. O petebista afirmou, no entanto, que na reunião da Mesa Diretora com os parlamentares que ocupam cargos de liderança na Casa, marcada para a próxima segunda-feira, poderão ser feitas mudanças na proposta original.

O primeiro secretário da Casa, Diogo Moraes (PSB), responsável pelas finanças da Assembleia, informou que ele só falará oficialmente sobre o assunto após a reunião. Deputados da bancada de oposição e de governo da Alepe demonstraram ser favoráveis a medida, mesmo envolvendo a possibilidade de reduzir o quantitativo de seus cargos comissionados. O vice-líder do governo na Casa, Lucas Ramos (PSB), disse que é uma medida “prudente”. Já o líder da oposição Silvio Costa Filho (PTB) disse considera os cortes como “naturais”, mas que a redução de pessoal “não pode afetar o trabalho institucional da Casa”.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se

Comentários

Adilson

Cadê o Estado que crescia mais que o Brasil????


Petrolinaq

28/08


2015

Economia encolhe 1,9% no 2º trimestre

A economia brasileira encolheu 1,9% segundo trimestre deste ano em relação ao trimestre anterior, e 2,6% em relação ao segundo trimestre de 2014, segundo os dados do PIB (Produto Interno Bruto). Os dados foram divulgados, hoje, pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Nos três primeiros meses do ano, a economia brasileira já havia diminuído 0,2%. O segundo trimestre seguido de recuo mostra que o Brasil está em recessão técnica. Já havia ocorrido recessão técnica no ano passado, com resultados negativos do PIB no primeiro e no segundo trimestres.

O IBGE também revisou para baixo o PIB do primeiro trimestre deste ano (de -0,2% para -0,7%) e do último trimestre de 2014 (de +0,3% para 0%). Ou seja, o desempenho da economia foi pior do que havia sido divulgado anteriormente.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se

Comentários

Adilson

Enquanto o mundo cresce o Brasil tá pior que em 2002. Ainda por cima vem o presidente do Banco Itau e diz que a situação da economia não é tão ruim quanto dizem, que a crise é só política. Esse Itaú num entende nada de economia. Também, num lê os comentarista do Blog do Magno.

RENAN

ACONTECE SÔNIA QUE AINDA TEM MEIA DÚZIA DE IDIOTAS QUE DEFENDEM ISSO TUDO, ACHA QUE TÁ TUDO BEM, UNS BABACAS QUE SÓ SABEM VIVER DE PASSADO E ESQUECEM QUE O PRESENTE TÁ SENDO UMA TORMENTA PARA OS BRASILEIROS!!! SÃO UNS PELEGOS QUE VIVEM DE BOLSA ESMOLA E NÃO FAZEM NADA DE ÚTIL PRA NAÇÃO, APENAS DEFENDER A RAÇA PODRE EM TROCA DE UMAS MIGALHAS, GENTE SEM DIGNIDADE E SEM MORAL!!!

sonia

O Brasil está numa baita recessão com uma inflação, beirando 2 dígitos. Foi muita roubalheira e incompetência. Era mensalão, petrolão e outras lambanças... Não tem quem aguente !!!

RENAN

NEMIA, TAPURU, ISSO É O QUE? COMENTA, MARGINAL, CRIA CORAGEM! FALA UMA VEZ NA VIDA COM CORAGEM!!! O PT QUEBROU O BRASIL! DEIXA DE SER BABACA IDIOTA, SEU PARASITA! COMENTE ESSA MATÉRIA, SEU CANALHA!



28/08


2015

Humberto faz giro pelo Agreste

O líder do PT no Senado, Humberto Costa, realiza viagem pelo Agreste do Estado nesta sexta-feira. O senador vai visitar as cidades de Lajedo, Bom Conselho e Santa Cruz do Capibaribe. Entre as atividades previstas, estão a inauguração de casas, conversa com lideranças políticas e a participação em uma audiência pública.

A agenda do senador começa por reuniões no município de Lajedo com lideranças políticas locais e visita ao prefeito Rossini Blesmany. Após Lajedo, Humberto segue para Bom Conselho, onde participa da entrega de 147 casas do programa Minha Casa, Minha Vida, que terá a participação, por videoconferência, da presidenta Dilma Rousseff. A presidenta fará, simultaneamente, a entrega de 2.700 imóveis para mais três estados (Ceará, Tocantins e Pará).

De Bom Conselho, Humberto parte para Santa Cruz do Capibaribe onde participa de audiência pública sobre a "crise da água no município". O evento acontece na Câmara de Vereadores da cidade e reunirá diversas lideranças da região.

O giro pelo Agreste faz parte de uma série de visitas que o senador tem feito pelo Interior do Estado. Segundo Humberto, as agendas têm como objetivo divulgar as ações do governo federal e aproximar a população da pauta nacional. “Em tempos de crise, o diálogo é fundamental. E é isso o que a gente está fazendo: conversando com a população, ouvindo as demandas e buscando novas soluções para velhos problemas”, afirmou o senador.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se

Comentários

Enildo H. de Queiroz

E depois disso tudo, apoiará a CPMF, aliás com novo nome mas, com a velha intenção de \"botar\" mais dinheiro no caixa, para continuar a gastança; e a população se ferrando!

LUIZ MAIA

Anibal Bruno é bem ali!


Naipes

28/08


2015

Minha cidade é linda

Vicência, na Zona da Mata pernambucana, a 87 km do Recife, é destacada neste quadro de hoje em foto de arquivo deste blog. Na imagem, a Matriz de Sant’Ana que, em julho de 2015, completou 136 anos.

O povoamento de Vicência começou com a construção de uma capela próxima à residência da proprietária Vicência Barbosa de Melo. Por força da Lei Provincial 1.448, de 5 de junho de 1879 a povoação foi elevada à categoria de Freguesia.

Em 11 de setembro de 1928 a localidade foi elevada à categoria de cidade, através da Lei Estadual 1931. Ficou constituído o município de Vicência com os distritos de Vicência e Angélicas, desmembrado do município de Nazaré. Sua emancipação ficou determinada, na mesma Lei, em seu artigo 15, parágrafo único, para o dia 1 de janeiro de 1929.

As principais atividades econômicas de Vicência são a agroindústria, com destaque para a Usina Laranjeiras, maior empregadora do município e a agricultura, com destaque para a banana.

Há vários engenhos históricos em Vicência, em destaque estão o Engenho Jundiá, e o Engenho Poço Comprido, remanescente do século XVIII, entre outros, que têm contribuição indubitável na construção da história de Pernambuco.

Vicência também conta com muitos pontos de intensa beleza natural, inclusive com várias cachoeiras e lindas matas, especialmente ao longo do cimo da serra, sendo local muito apropriado para a prática do ecoturismo, tanto que várias empresas e entidades educacionais têm nesta cidade um de seus pontos mais procurados. Faça uma foto bonita da sua cidade e nos envie para postagem neste quadro pelo e-mail magno@blogdomagno.com.br.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se

Vila Fest
Coluna do Blog
TV - Blog do Magno
Publicidade
Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Programa Frente a Frente
Apoiadores