Prefeitura do cabo


27/06


2019

Coluna desta quinta na Folha

O moderno Coronel Quelê

Figura lendária, patriarca do clã Coelho, em Petrolina, o empresário Clementino Coelho, mais conhecido como Coronel Quelê, entrou para a história como o pai que mais fez herdeiros na política: Augusto, prefeito de Petrolina; Nilo, governador; Gercino, deputado federal pela Bahia; Oswaldo, deputado federal; Geraldo, deputado estadual e prefeito de Petrolina; José, prefeito e suplente de senador e Paulo, pai do senador Fernando Bezerra Coelho.

Nenhum deles, entretanto, conseguiu reproduzir a façanha do pai. Oswaldo elegeu Guilherme, que está fora da política; José fez Ciro estadual. Os Coelho se esvaziaram depois da morte de Nilo, mas nos tempos atuais quem se encaixa, perfeitamente, ao perfil do Coronel Quelê é, sem dúvida, Fernando Bezerra, que elegeu em tempos tão bicudos três filhos: Miguel, prefeito de Petrolina; Fernando Filho, deputado federal, e Antônio Coelho, o caçula, deputado estadual. É o Coronel Quelê dos novos tempos.

Olho no filho – Não me causou surpresa a nota da viúva do ex-governador Eduardo Campos, Renata Campos, negando que tenha qualquer interesse em ocupar no TCE a vaga aberta com a morte do conselheiro João Campos. Discreta e reservada, Renata prioriza, na verdade, o projeto do seu filho, o deputado federal João Campos, candidato do PSB à sucessão do prefeito Geraldo Júlio.

Toma-lá-dá-cá – Os deputados fisiológicos da base do Governo empancaram, ontem, a votação do parecer sobre a reforma da Previdência. Tudo porque o Planalto prometeu e não cumpriu a liberação de R$ 10 milhões em emendas na fase em comissão e R$ 20 milhões para as suas excelências que votarem favorável no plenário da Câmara, não se sabe quando.

Coringa – O advogado Márcio Stefanni é o coringa do Governo Paulo Câmara. Depois de comandar as secretarias da Fazenda, Planejamento, Desenvolvimento Econômico e Turismo, além de presidir Suape e a AD-Diper, assumiu a diretoria-geral do Prorural. Funcionário de carreira do BNDES, Stefanni morava no Rio quando Eduardo Campos o “sequestrou”.

Se a moda pega – A justiça brasileira é mesmo uma caixinha de surpresas. A de Brasília permitiu, ontem, que o senador Acir Gurgacz (PDT-RO), que cumpre pena em regime aberto por crime contra o sistema financeiro, possa gozar férias num resort da Ilha de Aruba, no Caribe.

Paulista – A sucessão do prefeito de Paulista, Júnior Matuto (PSB), que vive a fase balança, mas não cai, vai entrar para o Livro dos Recordes: já estão no páreo nada menos do que 18 pré-candidatos, mas dizem que Matuto ainda tem amplas chances de emplacar seu herdeiro.

INELEGÍVEL – Em Afogados da Ingazeira foi difundido que o prefeito José Patriota (PSB), presidente da Amupe, poderia disputar a Prefeitura de Tabira. O TSE, entretanto, pôs fim aos prefeitos itinerantes, com jurisprudência ratificada pelo Supremo Tribunal Federa l (STF).

Perguntar não ofende: Os convidados de Bolsonaro para viagens internacionais não são vistoriados?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Pó de Jair se acostumando.

marcos

Bolsonaro continua Presidente . . . Moro continua Ministro ..... .. E lula continua preso Babaca.

Fernandes

Saiu pesquisa Ibope e rejeição ao Bolasterona explode 64%

Fernandes

Dizem que o narcosargento se defendeu dizendo que quem transporta o Bolsonaro pode transportar cocaína que é droga de menor ilicitude.

Fernandes

Vamos ver se na Espanha o sargento denuncia quem estão por trás disso. O Brasil está desmoralizado no mundo todo e com a conivência das FFAA. Triste.


Governo de PE


26/06


2019

Coluna desta quarta na Folha

Supremo ignora o Lula livre

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal fez o seu dever de casa, ontem, impondo uma dupla derrota ao ex-presidente Lula, que requereu em dois habeas corpus a sua soltura. No segundo julgamento, no qual estava em jogo a imparcialidade do ex-juiz e agora ministro da Justiça, Sérgio Moro, Edson Fachin, Celso de Melo e Carmem Lúcia fizeram a maioria do placar de 3 a 2, mantendo o petista na cadeia.

Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski foram de encontro ao que pensa e deseja a sociedade: Lula cumprindo a sua pena até o último dia, sem direito à liberdade nem tampouco a prisão domiciliar. O que ouvi em Brasília, há dez dias, era que o ex-presidente sairia da cela da PF em Curitiba para usar tornozeleira em casa no afrouxamento da sua pena.

Tenho impressão que o Supremo até se inclinou, mas seria um arranhão irreparável na sua imagem. Gato escaldado tem medo de água fria, reza o ditado popular.

Alepe na briga – O presidente da Assembleia, Eriberto Medeiros (PP), foi instigado por um grupo de parlamentares a pleitear para o Legislativo a indicação do sucessor do ex-conselheiro do Tribunal de Contas, João Campos, morto sábado passado. Na leitura do TCE, a vaga pertence ao Executivo, tendo em vista que João foi nomeado pelo ex-governador Eduardo Campos.

Vapt-Vupt – Se depender do Tribunal de Contas, o novo conselheiro sai rápido. Oficio comunicando ao governador Paulo Câmara a vacância do cargo foi entregue, ontem, pessoalmente, pelo presidente da corte, Marcos Loreto. Como a Alepe, que vota a indicação, entra em recesso na próxima sexta-feira, o governador terá pouco tempo para escolher o nome.

Recife fora – Pesquisa do Ministério do Turismo destacou Ipojuca (leia-se Porto de Galinhas) na sexta posição entre os dez destinos do País mais procurados por turistas nacionais e internacionais. Cerca de dois mil agentes de viagens foram ouvidos, mas Recife ficou de fora das mais visitadas. No Nordeste, a liderança coube a Fortaleza, seguida de Maceió e Natal.

Contradição – O voto mais surpreendente da 2ª Turma do Supremo, ontem, no primeiro recurso da defesa de Lula, no qual ele saiu derrotado, foi o voto do ministro Gilmar Mendes. Duas horas antes, deu uma declaração a favor da soltura de Lula, mas só votou a favor no segundo.

Com Lula – No julgamento do segundo habeas corpus, ontem, o ministro Gilmar Mendes, do STF, mostrou de que lado está: com Lula. Propôs à Segunda Turma que concedesse uma medida para que o ex-presidente aguardasse em liberdade o julgamento do habeas corpus.

HERANÇA – A cada despacho que faz com a sua equipe, a prefeita interina de Camaragibe, Nadegi Queiroz (DC), quase desmaia com os desmandos da gestão de Demóstenes Meira (PTB). Na saúde, não poderá fazer nada. Foram encontrados nos cofres apenas R$ 34,00.

Perguntar não ofende: a quem Lula vai recorrer agora para sair do xadrez?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Site Pavão Misterioso: Só pra lembrar: em 2015, quando o brasileiro Marco Acher foi executado na Indonésia por entrar no país com 13 kg de cocaína, o então deputado Jair Bolsonaro parabenizou o fuzilamento e mandou carta de agradecimento às autoridades do país. Seu avião presidencial da FAB acaba agora de carregar 39 kg de cocaína à Espanha…

marcos

Só Lembrado: O sargento traficante voou 1 vez com lula, 4 vezes com Dilma e 16 vezes com Temer. Na primeira com o nosso mito ele é preso. Dá lhe Jair!

marcos

Coitado do lula vai passar mais um inverno em Curitiba.

marcos

Quem saqueou a Petrobras, quebrou o Brasil e deixou 13 milhões de desempregados, lula ou Deltan?

marcos

Quem roubou mais, lula ou Sérgio Cabral?


Detran


25/06


2019

Coluna desta terça na Folha

Até defuntos na reforma de Lula

Nos seus dois mandatos, o ex-presidente Lula não deixou apenas os banqueiros cada vez mais ricos. Outros setores adoraram as diversas farras em sua era. Um dos segmentos mais beneficiados foram os que receberam terras ou recursos públicos do programa de reforma agrária.

Auditoria concluída recentemente pelo Tribunal de Contas da União aponta um oceano de irregularidades na reforma agrária que Lula pregava destinada aos trabalhadores do MST. Foram descobertos 61.965 empresários na lista do programa, 144 mil servidores públicos, 1.017 políticos eleitos, 847 vereadores, 96 deputados estaduais, 69 vice-prefeitos, quatro prefeitos e um senador, todos proibidos por lei de receber qualquer benefício.

Outro dado chocante: 38 mil mortos na mesma relação. Lula praticou a máxima de que reforma agrária tem quer ser ampla, geral e irrestrita. Nunca se viu tamanha maracutaia no campo.

Mais cotados – Passado o momento de impacto da morte do conselheiro João Campos, o governador Paulo Câmara (PSB) se debruça agora no nome que remeterá à Assembleia Legislativa para sucedê-lo. Se escolher um nome do seu coração, o mais cotado é o do secretário de Administração, José Neto. Mas o secretário da Casa Civil, Nilton Mota, também está numa boa cotação.

Petrolina – Ao contrário do que noticiamos, não foi apenas Arcoverde que teve destaque nos telejornais nacionais. Petrolina apareceu bem não apenas na Globo News como também em dois programas do Fantástico, valorizando a produção e equipe da TV-Grande Rio, afiliada da Rede Globo no município. Os festejos de Petrolina bombam. Atraem 80 mil pessoas por noite.

Controvérsia – O hospital de Gravatá divulgou nota na qual o conselheiro João Campos deu entrada na emergência às 23h38 do sábado e morreu à 00h28. Um amigo da família, entretanto, informa que ele morreu no sábado pela manhã, depois de tomar café e se recolher ao quarto. Quando foi levado para o hospital, ainda pela manhã, já havia morrido de um infarto fulminante.

Capitalização – São próximas de zero as chances de o sistema de capitalização ser reincorporado ao texto da Previdência. Também são remotas as possibilidades de recuos nas mudanças para amenizar a transição para servidores privados próximos da aposentadoria.

Degola – Foi traumática no Centrão a decisão de Bolsonaro de tirar Onyx Lorenzoni da articulação política. Horas antes da degola, o ministro era descrito por um importante líder como alguém que, depois de tantos erros, estava acertando, inclusive na relação com Rodrigo Maia.

DECEPÇÃO – As últimas demissões de militares no Governo Bolsonaro criaram um terrível mal-estar nas Forças Armadas. Afinal, os generais demitidos, especialmente Santos Cruz, tinham a admiração e o respeito dos seus pares. O sentimento é de decepção e desalento com o presidente.

Perguntar não ofende: a escolha do substituto do conselheiro João Campos será técnica ou meramente política?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Relaxa senão não encaixa marluxo Taty de camaragibe fascista , eleitor do também Ladrão bolsonaro miliciano.

marcos

STF confirma, lula é Ladrão e deve continuar na cadeia!

Fernandes

Alcolumbre anuncia CPI para apurar fake news nas eleições. Alcolumbre anunciou que vai criar uma comissão de deputados e senadores para investigar fake news (notícias falsas) nas eleições de 2018.

Fernandes

Os milicianos já estão tomando conta dos aviões presidenciais? Um avião da presidência da República foi preso na Espanha carregando drogas. A informação que tenho é que foi encontrada cocaína no avião. Os milicianos já estão tomando conta dos aviões presidenciais?

Fernandes

Glenn na Câmara: Moro usa tática cínica para enganar o público.


Magno coloca pimenta folha


24/06


2019

Coluna desta segunda na Folha

Sementes sagradas do afeto

A morte do conselheiro João Henrique Carneiro Campos, de apenas 49 anos, abalou a sociedade pernambucana. Discreto e reservado, João nasceu numa família de intelectuais: seus pais Renato e Pompeia, o avô Doutor Albino, grande psiquiatra-antropólogo, irmão do lendário jornalista Aníbal Fernandes, o tio escritor Maximiano, as irmãs Malu e Vanja e o cunhado-irmão Roberto Viana.

Mas foi da avó materna não intelectual, Dona Luizinha, a quem mais puxou: o temperamento a um só tempo doce e forte, com devoção fundamentalista à família. Joãozinho, como era chamado, foi marido apaixonado pela esposa, a procuradora Rosana, e pai de extrema dedicação aos filhos Luiza, João Pedro e José Henrique.

Na política, participou exclusivamente por conta do seu primo-irmão, o compadre Eduardo Campos. Deixa um legado que vai continuar vivo nos corações em que plantou as sementes sagradas do afeto.

Coração despedaçado – O economista Roberto Viana era uma das pessoas mais ligadas a João Campos. Tinha com ele uma relação quase de pai-irmão. Se conheceram quando João tinha oito anos de idade. Nutriram uma conexão humana extraordinária, intelectual, estética, familiar, do mais profundo afeto. Viana recebeu a notícia no Oriente Médio e ficou como coração despedaçado.

Fulminante – João Campos estava curtindo o feriadão junino em Gravatá quando começou a se sentir mal no sábado à noite. Ele deu entrada na emergência do hospital Doutor Paulo da Veiga Pessoa com quadro de parada cardiorrespiratória por volta da meia noite. Morreu meia hora depois vítima de infarto. O hospital divulgou uma nota oficial esclarecendo o ocorrido.

Leilão – Os ex-prefeitos Carlos Evandro e Neemias Gonçalves, respectivamente de Serra Talhada e Custódia, não tiveram motivos para descontrair no São João e dançar forró num arraial. Os bens bloqueados pela justiça, em função de irregularidades nas suas gestões, serão leiloados no próximo dia 3, segundo edital já público. Ambos eram donos de latifúndios.

Dor de cabeça – A secretária de Infraestrutura, Fernanda Batista, só colheu tempestades na visita aos trechos esburacados no Sertão do Pajeú. Em Serra Talhada, por exemplo, o vereador José Raimundo disse que ia fechar a estrada até Triunfo, a primeira que ela prometeu, mas não cumpriu.

Arcoverde – A Globo escolheu Arcoverde entre os tradicionais polos do Estado para destacar nacionalmente o São João deste ano. A competente repórter Clarissa Góes produziu para o JN e fez entrada ao vivo até na Globo News. Caruaru, Gravatá e Petrolina roeram as unhas de inveja.

FUNDO DO POÇO – Sem capacidade de gerenciamento, o prefeito de Belo Jardim, Hélio dos Terrenos (PTB), se afoga num buraco financeiro que não se sabe aonde vai parar. Mais uma vez, a cota do FPM do último dia 20 entrou nos cofres com um abate da ordem de R$ 2 milhões.

Perguntar não ofende: O que rola por trás dos cachês milionários pagos aos artistas nacionais importados para o São João nos polos juninos?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

O primeiro passo pra acabar com a corrupção é a justiça deixar de ser corrupta.

Fernandes

The Intercept’ lança Bomba Atômica Moro/Zavascki - CRIME? – Justiça’ em queda. Fim do ex-juiz pode ser surpreendente – Novo vazamento: Moro pediu ajuda a procuradores em disputa com Teori. Moro disse que temia pressões para que sua atuação fosse examinada pelo Conselho Nacional de Justiça.

Fernandes

Vazamento mostra que Dallagnol e Moro eram conjes. O vazamento de trocas de mensagens entre o então juiz Sérgio Moro e o procurador Deltan Dallagnol mostrou que os dois eram conjes. As conversas foram divulgadas pelo site Intercept. Nos chats pelo Telegram, eles trocam ideias sobre o caso e Moro chega a direcionar a investigação.

Fernandes

Ministro Moro e juiz Moro rompem definitivamente. Moro disse que o Caixa 2 não é crime, ao contrário do que dissera antes. Ele chegou a qualificar a prática no passado como algo pior do que o crime. A assessoria do ministro Sérgio Moro confirmou que ele não está falando com o juiz Sérgio Moro.

Fernandes

Bolsonaro provou que não entende de economia e empresta R$ 40 mil a quem tinha um milhão. Bolsonaro, disse que o pagamento de R$ 40 mil de um assessor a sua mulher foi a quitação de um empréstimo. Bolsonaro revelou 14 mil a mais que o divulgado inicialmente. Com o anúncio, o presidente mostrou que realmente não entende de economia: o assessor tinha mais de um milhão.




22/06


2019

Coluna deste sabadão na Folha

Água no chope de Lula

A defesa do ex-presidente Lula, preso há um ano três meses na Polícia Federal de Curitiba, se antepara nos diálogos trocados entre o ex-juiz Sérgio Mouro e integrantes do MPF para anular a sentença pela qual o petista foi condenado no caso do tríplex do Guarujá. O recurso está no STF incluído na pauta da próxima terça-feira.

Mas não é bom os advogados de Lula se animarem com o processo. Ontem mesmo, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, fez um parecer contra a anulação da ação penal. Ela disse que os diálogos vazados entre Moro e Dallagnol não tiveram suas autenticidades confirmadas, além do fato de que o material foi obtido por meio ilegal.

O material publicado pelo site The Intercept Brasil, a que se refere a petição feita pela defesa do ex-presidente, ainda não foi apresentado às autoridades públicas para que sua integridade seja aferida. As chances de Lula ser solto parecem ser próximas a zero.

Cadê o forró? – Não foi apenas Arcoverde que pagou o mico de contratar em pleno São João a cantora Anita. Araripina, que este ano criou uma grade recheada de artistas de renome, também vai de Anita. Nunca se viu na história uma descaracterização tão grande dos festejos juninos. E o pior é que essas estrelas cobram cachês astronômicos e as Prefeituras se curvam, mesmo com tamanha crise.

Grana nova – O deputado Silvio Costa Filho (PRB) traz uma boa notícia para os Estados e Municípios dada pelo ministro da Fazenda, Paulo Guedes: R$ 12 bilhões de um bônus do Pré Sal serão liberados pela União até setembro próximo. O valor será rateado entre os municípios, porque os Estados terão também R$ 12 bilhões da mesma rubrica, no mesmo período.

Investigação – Os desvios em Camaragibe podem chegar a bagatela de R$ 60 milhões. Ontem, um dia após o prefeito Demóstenes Meira ser preso, sua noiva, a cantora Taty Dantas, foi exonerada. Ela respondia pela Secretaria de Assistência Social. A delegada Jéssica Ramos vai investigar se a movimentação financeira da cantora-servidora condiz coma renda dela.

Pernas para o ar – Enquanto o presidente Bolsonaro foi à Marcha para Jesus em São Paulo no feriadão, o vice-presidente Hamilton Mourão, que conspira 24 horas pela degola do capitão, foi visto curtindo a praia de Copacabana, no Rio, ao lado da mulher. Ninguém é de ferro.

São José – O ex-deputado José Marcos está trocando o DEM pelo Avante e deve ser candidato a prefeito de São José do Egito, sua segunda pátria depois de Campina Grande. As pesquisas mostram que hoje ele bateria o prefeito Evandro Valadares (PSB), que anda mal das pernas.

Aos devedores – Gravatá tem mais de 17 mil condomínios e casas de recreio, mas seus usuários não são tão pontuais no pagamento das taxas do IPTU e ITBI. Aproveitando a invasão dos donos de imóveis neste São João, a Prefeitura montou um espaço para regularizar os débitos.

Perguntar não ofende: Quanto a população flutuante de Gravatá deve de taxas obrigatórias ao município?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Glenn: Moro e Dallagnol terão agora que encarar seus próprios crimes.

Fernandes

Moro foi corrupto Essa é a avaliação do desembargador do Tribunal de Justiça de São Paulo Alfredo Attiê, presidente da Academia Paulista de Direito. Para ele, o caso é extremamente grave.

Fernandes

Intercept dará golpe de misericórdia em Moro. A expressão golpe de misericórdia significa um golpe fatal dado no oponente com a intenção de matá-lo para acabar com sua agonia decorrente de ferimento grave durante uma luta.

Fernandes

Em áudio moro diz: será esse imbecil o presidente? Dallagnol responde: infelizmente esta ameba é a nossa única escolha. (O BOZO)

Fernandes

O ódio vem do medo, o medo vem do sentimento de fracasso e inferioridade. Quem agride Lula admite que que não pode vencê-lo.


Prefeitura de Limoeiro


21/06


2019

Coluna desta sexta na Folha

Sem sair das páginas policiais

Camaragibe amanheceu, ontem, sem prefeito. Eleito sob os ventos da mudança, o trabalhista Demóstenes Meira sucedeu ao tucano Jorge Alexandre, que também havia se complicado num processo da Polícia Federal sobre fraudes em licitações para compra de medicamentos. Cidade sem sorte.

Em dois anos e meio, Meira não disse a que veio em Camaragibe. Além da prisão, havia antes se envolvido numa trapalhada com uma cantora brega, secretária de sua gestão, com quem se envolveu afetivamente. Empossada, ontem mesmo, interinamente, a vice-prefeita Nadegi Queiroz (DC) sentou na cadeira de prefeita com uma lupa graduada para tentar enxergar o tamanho do buraco deixado por Meira.

O afastamento do prefeito não é definitivo, porque cabe recurso, mas é bom Nadegi se preparar para descascar um grande abacaxi. E cuidar, urgentemente, de instalar uma auditoria para medir o tamanho do buraco.

Secretários escaparam – Nenhum dos secretários responsáveis pelas licitações fraudulentas em Camaragibe foi preso na operação Harpalo II deflagrada, ontem, no município, culminando com a prisão do prefeito Demóstenes Meira (PTB). Junto com o trabalhista, passaram a ver o sol nascer quadrado dois casais de empresários. A Polícia Civil chegou na casa deles, surpreendentemente, bem cedinho.

Xingamento – Nervosa na condução do depoimento do ministro da Justiça, na última quarta-feira, a presidente da Comissão de Constituição e Justiça do Senado, Simone Tebet (MDB-MS), chamou Sérgio Moro por duas vezes de senador. Percebendo o ato falho, pediu desculpas, mas ficou mal na foto. Dizem que Moro achou que estava sendo xingado.

Politicagem – Em Arcoverde, a oposição, liderada pelo ex-deputado Zeca Cavalcanti (PTB), festejou, ontem, a decisão do Tribunal de Contas do Estado pela rejeição das contas da prefeita Madalena Brito (MDB) referentes ao exercício de 2015. O parecer foi o conselheiro Carlos Porto, endossado pelos conselheiros Dirceu Rodolfo e João Carneiro Campos.

Fora da lei – O presidente da Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural, Fausto Pinato (PP-SP), é um tremendo cara de pau. Desrespeita a Alei Antifumo e as regras do Congresso. Na última quarta-feira foi visto com cigarro aceso em sua sala no Colegiado.

Haja dinheiro – Toda semana o líder do Governo no Senado, Fernando Bezerra (MDB), leva um ministro a Petrolina para despejar dinheiro na gestão do filho, o jovem Miguel Coelho, ainda sem partido. Nunca dantes na história deste Estado se viu algo igual, como diria Lula da Silva.

MEDALHA – O advogado Walber Agra, que comenta todos os dias no Frente a Frente, programa que ancoro pela Rede Nordeste, tendo a Rádio Folha como cabeça de rede, foi escolhido entre os homenageados com a medalha Mérito Acadêmico da Escola Judiciária de Pernambuco.

Perguntar não ofende: Quanto tempo Nadegi ficará no poder em Camaragibe?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

BAND abriu ! Bem-vinda ao lado certo ! Aguardo próxima mídia arrependida !

Fernandes

Le Monde francês. Diz que Brasil de Bolsonaro é uma idiocracia, um reino de idiotas.

Fernandes

Site Pavão Misterioso: Glenn: Moro mentiu e sabe que temos as provas. O que mais ele pode fazer? O jornalista Glenn Greenwald, editor do Intercept, voltou ao twitter para dizer que o ex-juiz Sergio Moro, que fraudou o processo judicial contra o ex-presidente Lula, e agora aparece no topo das redes sociais como mentiroso, não tem saída a não ser se demitir imediatamente do cargo.

Fernandes

Glenn te viu, Glenn te vê.

Fernandes

Fim da linha para Moro. “O melhor que Sérgio Moro deveria fazer, agora, era ir para casa e aproveitar a popularidade (e dinheiro) que ainda tem para contratar bons advogados e montar uma estratégia de defesa, porque o media training deu ruim”, diz Site Pavão Misterioso; “O ex-juiz não tem mais nenhuma condição de continuar ministro, a não ser que se disponha a viver como um zumbi dentro de um governo onde já há zumbis demais.


Banner de Arcoverde


20/06


2019

Coluna desta quinta na Folha

Detonar Moro e soltar Lula

O ministro da Justiça, Sérgio Moro, saiu, ontem, do Senado, onde depôs, do mesmo tamanho que entrou. Não deixou uma só pergunta sem resposta, com exceção das que foram no campo do ataque pessoal, muitas delas sugerindo o seu afastamento do Governo. A oposição foi disposta a desmoralizar o ex-juiz e coordenador da operação Lava Jato.

O que está por trás disso tudo, no entanto, é um jogo diabólico com o único objetivo de fragilizar Moro, colocar a Lava Jato sob suspeita para com isso alcançar o maior de todos os objetivos: a soltura do ex-presidente Lula. Um novo recurso dos seus advogados está na pauta de julgamento do Supremo Tribunal Federal para o próximo dia 25, em Brasília.

Os aliados petistas mais confiantes no descrédito de Moro insistem na tese de que ele agiu com parcialidade para condenar Lula e que prova mais cabal disso teria sido sua decisão de largar a toga para servir ao Governo Bolsonaro.

Contrato suspeito – As licitações em Jaboatão não são tão transparentes como anuncia o prefeito Anderson Ferreira (PL). Tanto que a conselheira Teresa Duere, do Tribunal de Contas, suspendeu um contrato de quase R$ 10 milhões com a empresa Medlife Logística Ltda, para prestar serviços de armazenagem, gestão de estoques e distribuição e logística, além de bens e materiais.

Caixa zerado – O prefeito de Belo Jardim, Hélio dos Terrenos (PTB), mergulhou num inferno astral financeiro: a cota do FPM do último dia 10 chegou zerada e a de ontem com apenas R$ 60 mil. Resta sabe qual o milagre que fará para repassar o duodécimo da Câmara e pagar os servidores, isso sem falar nos fornecedores e nas despesas da chamada Festa das Marocas.

FGTS – O líder do Cidadania na Câmara, Daniel Coelho, deu entrada em um projeto para que o trabalhador tenha direito de sacar, sempre em janeiro, o que tem retido no FGTS. O parlamentar prevê que estejam depositados no FGTS cerca de R$ 400 bilhões. O rendimento desse dinheiro hoje é muito baixo. A correção tem como base a TR (Taxa Referencial) mais 3% ao ano.

Tupanatinga – Os vereadores de Tupanatinga, no Agreste Meridional, aprovaram a criação de uma CPI para investigar as contas irregulares do prefeito Sílvio Roque (PP). As maiores suspeitas recaem nos repasses para educação. Os parlamentares foram quase unânimes: 9 a 2.

FPM – Diferentemente do que informou o deputado Silvio Costa Filho no seu Instagram, o que foi aprovado numa comissão da Câmara foi uma PEC que aumenta em 1% a cota do FPM a ser pago cada 10 de setembro, assim escalonado: 0,25% em 2020 e 2021, 0,50% em 2022 e 1% em 2023.

APROXIMAÇÃO – O presidente da Assembleia, Eriberto Medeiros (PP), deu uma missão ao novo superintendente de Comunicação, ex-deputado Ricardo Costa: aproximar mais ainda o poder do povo. A TV-Alepe, no nascedouro, terá um papel fundamental nessa política inovadora.

Perguntar não ofende: O que Ivete Sangalo, que abriu o São de Petrolina, tem a ver com o autêntico forró?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

O que a ignorância dos Bolsonaros não te permitiu saber: Cuba coopera com Mais Médicos em 65 países.

marcos

Pode chorar mortadela derrotada Democraticamente nas urnas, o choro é livre, agora o nosso mito só sai no final do mandato. Tchau querida!

Fernandes

Em Cuba até cachorros de rua recebem identificação e saúde pagas pelo Estado (isso está por trás da ladainha preconceituosa da direita)

Fernandes

Governo Bolsonaro quer Médicos Cubanos de volta e corre atrás dos que foram expulsos, mas ainda estão no Brasil, chamando-os de colegas e irmãos.

Fernandes

Cuba envia 16 médicos especialistas com suas equipes para atender as vítimas do ciclone em hospitais de campanha montados em Moçambique.




19/06


2019

Coluna desta quarta na Folha

Educação diferenciada do País

Na mesma semana em que lançou o programa Criança Alfabetizada, pelo qual o município será contemplado mediante mudanças no ICMS sócio ambiental, que pode ter aumento escalonado de 3% hoje para 18% em 2025, o governador Paulo Câmara (PSB) caiu de pau na Educação do Governo Bolsonaro.

Em entrevista ao jornalista Roberto D’Ávila, na Globo News, afirmou que, diferente do Governo Federal, Pernambuco tem uma educação referência. Citou que o IDEB obteve uma média 4,0 (dado de 2018), superando a média nacional de 3,5. Disse que o Estado possui a maior rede estadual de educação em tempo integral do País no ensino médio.

Mais de 50% das escolas do ensino médio e mais de 54% dos estudantes que acessaram o 1º ano do ensino médio da rede estadual já são atendidos em tempo integral, superando a meta do Plano Nacional de Educação. Para fechar, o Criança Alfabetizada vai chegar aos 184 municípios.

Herança maldita – O ex-prefeito de Olinda, Renildo Calheiros (PCdoB), deixou uma herança maldita para o sucessor Professor Lupércio (SD): precatórios. Só nos últimos três anos, ele pagou a bagatela de R$ 15 milhões. Lupércio herdou também muitas obras paralisadas e convênios quase desfeitos em Brasília não fosse a boa articulação do líder do SD, deputado Augusto Coutinho.

Energia cara – A Câmara dos Deputados já torrou, só este ano, a bagatela de R$ 90,85 milhões com a Companhia Energética de Brasília, para levar luz gratuita aos gabinetes dos quatro prédios onde despacham suas excelências. E tem deputado que ao encerrar o expediente ainda esquece de desligar as luzes. Tudo bem, a taxa de energia não sai do seu bolso.

Aumento – Prefeitos comemoraram, ontem, a aprovação, na Comissão do Fundeb, do projeto que destina 1% a mais do fundo de educação para o FPM. “Isso é muito importante para o fortalecimento da política municipal”, disse Silvio Costa Filho (PRB), que deixou os prefeitos informados.

Desqualificado – Coordenador do GT da Comissão de Licenciamento da Câmara, o deputado Kim Kataguiri (DEM-SP) reconheceu suas próprias fragilidades na última reunião. “Nós temos muita gente qualificada aqui. O único que não sabe o que está fazendo sou eu”, disparou.

Gesto – A mensagem do presidente Bolsonaro ao Senado autorizando a operação de crédito de US$ 37 milhões para o Governo de Pernambuco, junto ao BID, teve sua tramitação acelerada pelo líder na Casa, Fernando Bezerra Coelho. Demonstrou que não faz oposição a Paulo Câmara.

E O ESTADO? – O ministro da Educação, Abraham Weintraub, passou por Petrolina e celebrou convênios da ordem de R$ 8 milhões com o município e mais quatro cidades do São Francisco, mas para o Governo do Estado nenhum tostão. Hoje que aterrissa em Petrolina é o presidente da CEF.

Perguntar não ofende: Qual a próxima cabeça a rolar no Governo Bolsonaro?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Relaxa senão não encaixa marluxo Taty Bichona de camaragibe fascista , eleitor do também Ladrão bolsonaro miliciano.

marcos

Mas como as mortadelas são homofóbicas, é o tempo todo ofendendo os colegas

Fernandes

EEEEEEEEiiii marluxa Taty Bichona de camaragibe, gosta de kid bengala!

marcos

Oiá boneca analfa, é. Só EXISTE 3 coisas.

marcos

Eita boneca, arrasou.




18/06


2019

Coluna desta terça na Folha

Deputados negam aposentadoria

Citados na relação dos 198 parlamentares que teriam optados pelo regime especial de aposentadoria da Câmara, os deputados da bancada federal de Pernambuco com mais de um mandato, como André de Paula, Augusto Coutinho, Daniel Coelho, Eduardo da Fonte, Fernando Filho, Gonzaga Patriota e Wolney Queiroz explicaram que, em nenhum momento, se anteciparam no pedido de aposentadoria.

Ressaltaram que contribuem desde o primeiro mandato para o Plano de Seguridade Social dos Congressistas, o PSSC, recolhendo R$ 3.713,93 e que não há ilegalidade nisso. A reforma da Previdência proposta por Bolsonaro, no entanto, acaba com a aposentadoria especial para deputados e senadores a que os referidos representantes do Estado estão vinculados.

Os políticos da próxima legislatura passarão a seguir as mesmas regras dos trabalhadores do setor privado, cujo teto de aposentadoria do INSS é de R$ 5.839,45.

Opção de praxe – Já os deputados novatos Fernando Rodolfo, Marilia Arraes, Carlos Veras, Raul Henry e Túlio Gadelha entraram também na lista porque seriam obrigados a fazer opção pela contribuição ao PSSC no cumprimento das exigências de posse. A relação dos 198 parlamentares que não querem abrir mão da aposentadoria especial está no site do jornal Gazeta do Povo, de Curitiba.

Explicação – Líder do Cidadania na Câmara, o deputado Daniel Coelho esclarece que tem feito campanhas intensas pela reforma da Previdência e que por isso mesmo não teria sentido ir às ruas do Recife manifestar contra o texto do Governo. “O que postei nas redes sociais foi um vídeo mostrando a reação da população aos que se manifestavam contra a reforma”, afirmou.

Voto a favor – Já o deputado André de Paula, líder do PSD na Câmara, esclarece que contribui o Plano de Seguridade Social dos Congressistas desde o seu primeiro mandato, em 99. Garante que independente do que a reforma da Previdência possa fazer, como acabar com o regime especial, votará a favor. “Nunca antecipei pedido de aposentadoria e voto pela reforma”, diz.

Atraso – Servidores contratados pela Prefeitura de Belo Jardim denunciam que estão com seus salários atrasados. O prefeito Hélio dos Terrenos (PTB) tem sido um descaso como gestor. Além de endividar o município, agora mata os trabalhadores de fome. Cadê o Ministério Público?

Cubanos – Pelo Consórcio Nordeste, assinado pelos governadores da região, os médicos cubanos podem voltar a atuar nos Estados sem precisar de autorização federal. Segundo o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), a Organização Mundial de Saúde já deu o aval.

MOLEQUE – O senador sergipano Alessandro Vieira (Cidadania) está irado com as pirotecnias do ministro Gilmar Mendes, do STF. “O ministro é um moleque. É fato que precisamos discutir uma lei para o abuso do poder, mas não podemos ser vítimas dos que defendem bandidos”, disse.

Perguntar não ofende: Quando vai parar de chover no Recife?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Rodrigo Maia: Governo Não Tem Agenda E Brasil Está A Caminho Do Colapso Social.

Fernandes

Por 47 votos a 28, o Senado acaba de derrubar o decreto de armas de Bolsonaro. Governo só levando tiro do Congresso.

Fernandes

Intercept: Moro se recusou a investigar FHC e disse que não podia melindrar alguém cujo apoio era importante. Crime de prevaricação.

Fernandes

Deltan diz a Moro:não temos provas quanto ao Triplex. Moro responde: Não se preocupe, faz a denúncia que eu aceito e condeno!

Fernandes

A frustração da direitalha é ver provada a inocência de Lula.




17/06


2019

Coluna desta segunda na Folha

Longe do teto do INSS

A reforma da Previdência acaba com o regime de aposentadoria especial para senadores e deputados federais a partir da próxima legislatura. Por isso, 180 deputados dos 513 já se anteciparam e requereram esse direito. Hoje, com apenas dois mandatos, suas excelências têm o direito à aposentadoria proporcional.

Pelo Plano de Seguridade Social dos Congressistas, eles contribuem mensalmente com R$ 3.713,93, valor correspondente a 11% do salário, que é de R$ 33.763,00. Aprovada a reforma, os políticos da próxima legislatura passarão a seguir as mesmas regras do setor privado, cujo teto de aposentadoria do INSS é de R$ 5.839, 45.

Com apenas seis anos de mandato, senadores e deputados já conseguem uma aposentadoria com valores superiores ao teto do INSS, porque a cada ano o parlamentar tem direito a 1/35 (um trinta e cinco avos) do salário total. Se ele contribuir por 35 anos, se aposenta com R$ 33.763,00.

Quem requereu – Dos 180 deputados que se preocuparam em antecipar o pedido do regime especial de aposentadoria, 13 são de Pernambuco: André de Paula, André Ferreira, Augusto Coutinho, Carlos Veras, Daniel Coelho, Eduardo da Fonte, Fernando Filho, Fernando Rodolfo, Gonzaga Patriota, Marília Arraes, Raul Henry, Túlio Gadelha e Wolney Queiroz. Mais da metade da bancada.

Nas ruas – Na lista dos que pediram aposentadoria especial, o líder do Cidadania na Câmara, Daniel Coelho, foi às ruas, sexta-feira passada, protestar contra a reforma da Previdência. E ainda espalhou vídeos pelas redes sociais com manifestantes queimando pneus na ação criminosa de bloqueamento de estradas e até vias de acessos no centro do Recife.

Mas quem acha? – O prefeito de Jaboatão, Anderson Ferreira (PL), garante que passou a semana passada no município, inclusive acompanhou o dilúvio que caiu na cidade matando uma pessoa e deixando centenas desabrigados. O problema é que ninguém encontra a sua excelência, daí os reclamos dos mais aflitos com os danos gerados pela tempestade.

Morte – Faleceu, ontem, em Afogados da Ingazeira, o ex-presidente da Fetape, Antônio Marques dos Santos. Atuante líder sindical, pai do advogado Carlos Marques, assessor do prefeito José Patriota (PSB), Marques começou carreira como presidente do Sindicato Rural de Afogados.

Na rede – Um trabalhador com processo na justiça em São José do Egito, no Pajeú, encontrou uma forma inusitada de protestar contra a lentidão da juíza Tayna Lima Prado: estendeu uma rede na vaga da garagem da magistrada no Fórum local e ficou deitado à espera da digníssima.

CIDADÃO – Presidente estadual do PSB e secretário de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude, Sileno Guedes vira, hoje, às 18 horas, em sessão especial da Câmara, Cidadão de Olinda. A proposta, aprovada por unanimidade, foi do vereador Algério Nossa Voz, do PSB.

Perguntar não ofende: Como um deputado pode ser contra a Reforma da Previdência optando pelo regime especial da Câmara?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Site Pavão Misterioso: “TEVE CHANCES DE SER UMA BICHA HONRADA, MAS OPTOU PELA HOMOFOBIA”, DIZ JEAN WYLLYS SOBRE CARLOS CARLUXO BOLSONARO.

Fernandes

Site Pavão Misterioso: MORO VAI FUGIR DO ESCÂNDALO POR CINCO DIAS NOS ESTADOS UNIDOS

Fernandes

Moro diz não entregar celular à Polícia Federal por não poder confiar na justiça brasileira.

Fernandes

Site Pavão Misterioso: Sem apontar conversas forjadas, Lava Jato se contradiz ao aventar fraude. Durante os últimos dias, o ministro da Justiça, Sergio Moro, e procuradores da Operação Lava Jato prestaram explicações sobre o vazamento de mensagens de Telegram, algumas contraditórias. Os diálogos entre o ex-juiz e o coordenador da força-tarefa Deltan Dallagnol indicam que o magistrado orientou como o Ministério Público deveria agir em sua estratégia investigativa e de comunicação com a sociedade. Em um deles, Moro disse que só 30% dos crimes da delação da Odebrecht deveriam ser apurados.

Fernandes

Site Pavão Misterioso: Provérbio Oriental. Jamais confie em homem que fala fino.




15/06


2019

Coluna deste sábado na Folha

Servidor em PE recolhe mais caro

Com os Estados e Municípios fora da reforma da Previdência, a pergunta que fica martirizando os servidores públicos em Pernambuco é a seguinte: por que o governador Paulo Câmara e o seu partido o PSB, cuja bancada fechou questão contra, não se debruçaram melhor no texto enviado ao Congresso para apoiar?

Li no relatório aprovado na Comissão Especial da Câmara que a contribuição previdenciária dos servidores estaduais seria de 7,5%. Em Pernambuco, este percentual é de 13% e na Bahia, governada por um petista, 14%. Dá para entender?

Os deputados da base de Câmara na Assembleia estão esperando a posição do líder do Governo, Isaltino Nascimento, mas este tem corrido do assunto como o diabo da cruz, até porque há uma disparidade enorme nos recolhimentos obrigatórios aos fundos previdenciários entre o que propõe a reforma do Governo que tramita no Congresso e o que se pratica no Estado.

Quem bancou? – Um deputado estava num restaurante, ontem, no Recife, quando foi abordado por um senhor lamentando que a sua empregada doméstica não bateu ponto na sua casa alegando que iria receber R$ 30 para participar das manifestações contra a reforma da Previdência e os cortes de verbas para educação. Quem bancou, ela não revelou, mas disse que o ônibus era gratuito.

Crise – A crise da Imprensa em Brasília é séria. A IstoÉ e o Metro já fecharam suas sucursais. O Destak, comprado por um fundo de investimento brasileiro, também vai fechar sua redação. No Rio, a Rádio Globo mandou encerrar os trabalhos de algumas afiliadas para reestruturação, tirando-as do ar. Não deu certo o projeto de levar estrelas da TV, como Maju, para programas diários.

Fantasminha – O prefeito de Jaboatão, Anderson Ferreira (PL), resolveu viajar, não se sabe para onde, justamente na semana em que caiu um dilúvio na cidade resultando numa vítima fatal e uma leva de desabrigados. Como ele fugiu, literalmente, ganhou o apelido de “Fantasminha”. Jaboatão, decididamente, não tem sorte com os seus administradores.

Boquinha – Ligado agora ao líder do Governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho, o ex-deputado federal João Fernando Coutinho está no compasso de espera para uma boquinha no Governo Bolsonaro. Foi indicado para uma diretoria da Codevasf, mas a nomeação enganchou.

Avante – Presidente do Avante em Pernambuco, o advogado Valdemar Oliveira, o Dema, suplente do senador Humberto Costa e irmão do deputado Sebastião Oliveira, já começou a estruturar o partido em todos os municípios do Estado para a disputa das eleições de 2020.

CAMPANHA – Estamos solidários com a campanha para custear as despesas da atleta Thayslane Ferreira, para disputar na Itália o Mundial de Futebol Universitário. Ela precisa da passagem Recife-Porto Alegre. Sua conta na CEF: agência 1433, operação 013, conta 23569-4. Ajude!

Perguntar não ofende: Os deputados estaduais terão coragem de bancar uma reforma da Previdência?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

bolsonaro ainda não esculhambou Glenn Greenwald em entrevista porque não sabe falar o nome dele!

Fernandes

Moro caiu na própria armadilha quando defendeu vazamento de telefonema entre Lula e Dilma no Programa do Bial. O ex-juiz e atual ministro da Justiça Sérgio Moro, durante entrevista para o Programa do Bial, exibida no dia 9 de abril, corroborou com uma tese que se voltaria contra ele mesmo. Apesar de, naquele momento, jamais suspeitar disso, o ministro do presidente bolsonaro (psl), deu a senha para que o atual vazamento das conversas entre ele e o procurador Deltan Dallagnol possa ser usado tanto para incriminá-lo quanto para anular processos da Operação Lava Jato.

Fernandes

Que ironia do destino! Teu herói era o Bandido. E veja só que coisa. No final, era você que tinha bandido de estimação!

Fernandes

Pobre não tem que ter diploma. Tem que consertar fogão e geladeira, disse Bolsonaro. Parabéns aos pobres que votaram nesse traste!

Fernandes

Todo apoio a Glenn Greenward. O Brasil descobrindo a verdade!




14/06


2019

Coluna desta sexta na Folha

Filhos degolam quem querem

Um Governo no qual os filhos metem a colher e reinam não pode ser levado a sério. A queda do general Santos Cruz, da Secretaria de Governo, ontem, dá sequência ao filme da degola que não tem bandidos, só artistas: os próprios filhos de Bolsonaro. Quem não rezar pela cartilha deles, mancomunados pelo ideólogo neoamericano Olavo de Carvalho, dança feio.

Foi assim primeiro com Gustavo Bebianno, da Secretaria-Geral da Presidência, e em seguida Ricardo Veléz, este indicado pelo próprio Olavo. Nas palavras de um colega de governo, Santos Cruz “sempre falou o que pensava ao presidente Jair Bolsonaro, mas nunca foi desleal”.

Há uma disputa também entre os militares e os evangélicos, até agora vencida pela bancada cristã, embora os que vestem farda sejam considerados os mais preparados do Governo. A escolha do substituto de Santos, general Luiz Eduardo, parece ter sido no sentido de evitar atrito com a ala militar do Governo.

De volta – Derrotado duas vezes na corrida pelo Governo do Estado, o ex-senador Armando Monteiro Neto já começou a fazer articulações com vistas a fortalecer o PTB nas eleições do próximo ano. Sua meta é estimular a candidatura a prefeito de pelo menos 60 trabalhistas nas diversas regiões. O PTB ocupa, hoje, 19 prefeituras, entre as quais a de São Lourenço, no Grande Recife.

Algoz – O deputado Daniel Coelho, líder do Cidadania na Câmara, é o algoz dos governadores na reforma da Previdência. É dele a autoria da emenda na Comissão Especial que exclui Estados e Municípios do parecer lido ontem e que será votado na própria instância e depois remetido ao plenário da Câmara dos Deputados. Com um detalhe: ele comemora como uma vitória.

Nem um pio – Relatora das contas do ex-presidente Temer no Tribunal de Contas da União, a ministra Ana Arraes desembarcou, ontem, no Estado, para passar o fim de semana, mas evitou dar declarações sobre o seu trabalho. Seu relatório apresentou oito ressalvas, 26 recomendações e cinco alertas, além de apontar dez distorções nas contas de 2018.

Longa espera – O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, disse a deputados do Nordeste, em almoço na casa do líder do SD na Câmara, Augusto Coutinho, que Bolsonaro só vai nomear os dirigentes dos cargos regionais, como Chesf e BN, depois de aprovada a reforma da Previdência.

Rompimento – O vice-presidente da Câmara de Paulista, Fábio Barros, deixou o PSB, rompeu com o Governo do prefeito Júnior Matuto e engordou a bancada de oposição na Câmara. O distanciamento foi motivado pela pífia gestão, segundo ele, que Matuto vem fazendo.

PETROLINA – O prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, está numa cruzada de aliciamento de partidos para fortalecer seu projeto de reeleição na soma do tempo de televisão. A nova investida é o PSL, do presidente Bolsonaro, dirigido no Estado pelo deputado Luciano Bivar.

Perguntar não ofende: Recife virou o piscinão de Ramos?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Pior que o político corrupto e ladrão é o cabra safado de cidadão que o defende o CLÃ bolsonaro!

marcos

Pior que o político corrupto e ladrão é o cabra safado de cidadão que o defende!

Fernandes

Moro, que apreendeu tablet do neto de Lula, se recusa entregar seu celular para a perícia.

Fernandes

Relaxa senão não encaixa marluxo Taty louca de camaragibe fascista , eleitor do também Ladrão bolsonaro miliciano.

marcos

Lula confessa roubo nos fundos de pensão.




13/06


2019

Coluna desta quinta na Folha

Estados ficam em maus lençóis

O relator da reforma da Previdência na Comissão Especial da Câmara, Samuel Moreira (PSDB-SP), cedeu às pressões dos deputados do Centrão e fez uma maldade com os governadores, deixando Estados e Municípios fora do texto a ser votado na comissão e depois no plenário da Câmara.

Para tentar suavizar o castigo, o relator disse que Estados e Municípios ainda tinham uma brecha, através da apresentação de emendas quando o texto vier a ser apreciado e votado pelos 513 deputados. Se isso não ocorrer, caberão às assembleias legislativas o desafio de fazer o que o Congresso se omitiu.

Custo acreditar, porém, que deputados estaduais tenham coragem cívica para mexer em direitos dos aposentados em ano pré-eleitoral. Do jeito que está, as despesas dos Estados com inativos tendem a ficar administráveis no futuro. Só no ano passado, Pernambuco desembolsou mais de R$ 3 bilhões para cobrir a folha dos inativos.

Olho em 2022 – Em entrevista ao Frente a Frente de ontem, direto de Brasília, a deputada Marília Arraes confirmou que assumiu a vice-liderança do PT na Câmara e que não passa pela sua cabeça entrar na disputa pela Prefeitura do Recife, em 2020. Parece estar mais inclinada e estimulada com o projeto majoritário de 2022, quando tentaria costurar sua candidatura a governadora.

Fórum – O Governo Bolsonaro enviou proposta à Comissão de Orçamento do Congresso garantindo R$ 80 milhões para a construção da sede do Fórum Trabalhista do Recife. O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), chegou a segurar o projeto de lei do Executivo, mas depois remeteu à Comissão. Silvio Costa Filho (PRB) é cotado para relator da matéria.

Trégua – O senador Jarbas Vasconcelos (MDB) rompeu o silêncio, ontem, ocupando a tribuna da Casa para propor uma trégua entre Governo e Congresso nas reformas que o País precisa. Citou a reforma fiscal para adequar os setores econômicos e defendeu em seguida um plano nacional para educação. “Não sou nem azul nem encarnado”, ressaltou, com bom humor.

Empréstimo – O plenário do Senado fez a leitura, ontem, do pedido do líder do Governo, Fernando Bezerra (MDB), para remeter à Comissão de Economia o pedido de empréstimo do Governo de Pernambuco ao BID no valor de U$ 37 milhões. O relator será o cearense Cid Gomes.

Pau no PSB – O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, deu um chega para lá, ontem, nos governadores que pressionaram aliados para os Estados serem incluídos na reforma da Previdência. Ele se queixou do PSB, cuja bancada fechou questão contra, mas não citou Paulo Câmara.

PETROLINA – Vereador da bancada do PSL na Câmara de Petrolina, Gabriel Menezes teve uma longa conversa, ontem, em Brasília, com o deputado Sebastião Oliveira (PL). Saiu do encontro com a promessa de que terá o apoio de Sebá, como é mais conhecido, ao seu projeto de disputar a Prefeitura.

Perguntar não ofende: O que Túlio Gadêlha está fazendo em Brasília como deputado federal?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

A verdade começa a aparecer.

Fernandes

Quem está atacando o INTERCEPT é quem dizia que era cidadão de bem e que não tinha bandido de estimação.

Fernandes

O Brasil é tão surreal que o ministro que ia lançar o pacote anticrime. É um criminoso !

Fernandes

Moro: 452 palestras canceladas em todo o país! Porquê será? Pega fogo cabaré.

Fernandes

“O GOVERNO DO BOLSOMITO, QUE QUER ACABAR COM A CORRUPÇÃO, ACABOU COM A PÁGINA DA TRANSPARÊNCIA QUE O (PT) CRIOU”




12/06


2019

Coluna desta quarta na Folha

Corruptos festejam áudios criminosos

Políticos envolvidos nos mais variados escândalos em Brasília comemoraram os áudios hackeados e postados criminalmente no site The Intercept, com diálogos entre o então juiz Sérgio Moro com integrantes do Ministério Público Federal, entre eles o procurador Dalton Dallagnol, como uma janela aberta para tornar pó a operação Lava Jato.

Para o ministro Luiz Roberto Barroso, do STF, não há nada a celebrar. "A corrupção existe e precisa continuar a ser enfrentada, como vinha sendo. De modo que tenho dificuldade em entender a euforia que tomou os corruptos e seus parceiros”, declarou. Tem razão Barroso.

Em 1.825 dias de investigação, a Lava Jato condenou 242 pessoas. Mais de R$ 2,5 bilhões desviados da Petrobras voltaram aos cofres da estatal. Num total de 13 acordos de leniência com empresas envolvidas está previsto o ressarcimento de mais R$ 13 bilhões. Tudo roubado do contribuinte.

Ligação direta – O senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) mostrou, ontem, mais uma vez, que está de fato em alta no Governo Bolsonaro. Ao se antecipar sua decisão para depor no Senado, o ministro da Justiça, Sérgio Moro, escolheu Bezerra para que levasse aos demais integrantes da Casa a sua firme determinação de ir falar sobre os áudios vazados na CCJ do Senado, no dia 19.

Olho nos cargos – O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, almoçou, ontem, na casa do líder do Solidariedade na Câmara, Augusto Coutinho. Também provou do cardápio o ministro Osmar Terra, da Cidadania. Entre uma garfada e outra, a discussão do start para nomeações dos dirigentes de órgãos federais, como Chesf, Dnocs, Sudene e Hemobrás e outros penduricalhos.

Petrolina – Em entrevista para o Frente a Frente, ontem, direto de Brasília, o deputado Gonzaga Patriota (PSB) disse que ainda não foi sepultado o sonho de disputar a Prefeitura de Petrolina. Reafirmou, entretanto, que tem acordo fechado para apoiar a candidatura do deputado estadual Lucas Ramos, também socialista, que já está em plena campanha.

Estados – Líder do PSD na Câmara, André de Paula bateu palmas para a entrevista do governador Paulo Câmara, na noite de segunda-feira, a Sérgio D`Ávila, na Globo News. “Suas restrições ao texto original da Previdência, como retirar a BPC, os trabalhadores rurais e a constitucionalidade já foram absorvidos e isso não é motivo para os Estados ficarem de fora”, afirmou.

Serrita – O secretário estadual de Turismo, Rodrigo Novaes, esclarece que a realização da 1ª Missa do Vaqueiro no Recife, no próximo domingo, não interfere no tradicional evento que ocorre em Serrita há 20 anos. “Serrita será em julho e conta com o apoio do Estado”, garante.

O MUDO – Não pode ser levada a sério a primeira lista dos parlamentares mais influentes do Congresso trazendo o nome do deputado André Ferreira, líder do PSC na Câmara. Pelo que consta nos registros do painel da Casa, Ferreira nunca abriu a boca na Tribuna. 

Perguntar não ofende: Os novos áudios hackeados pegam ministros do Supremo Tribunal Federal?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Relaxa senão não encaixa marluxo Taty louca de camaragibe fascista , eleitor do também Ladrão bolsonaro miliciano.

marcos

Lula o alcoólatra que faz piadas com o nome de Deus.

marcos

Imprensa internacional publica, Supremo do Brasil tenta soltar presidiário corrupto!

marcos

Boa noite mortadelas do meu Brasil a quantidade de merdas postadas por anemia me Sem comentários!

marcos

Meu Deus mortadela, quanta merda e quanto erro de português. Vai estudar analfa útil!




11/06


2019

Coluna desta terça na Folha

Situação de Moro se complica

Os vazamentos das mensagens trocadas por integrantes do Ministério Público Federal com o então juiz Sérgio Moro, revelando que o agora ministro da Justiça orientou o procurador Dalton Dallagnol a apressar com as investigações envolvendo o ex-presidente Lula, deixaram Moro em maus lençóis. Mais do que isso, arranharam a sua reputação de juiz.

Não cabe a um magistrado a agir de forma parcial, como sugerem as gravações postadas pelo site Intercept e que contribuíram para contaminar o ainda mais conturbado ambiente de Brasília. Dallagnol chega a advertir Moro, num determinado trecho hackeado, ter dúvidas sobre eventuais provas para incriminar Lula. Isso excitou a base Lulista no Congresso Nacional.

Já se fala em medidas e recursos que possam levar a anular a condenação do ex-presidente, mas os mais sensatos acham que para enveredar pelo caminho que o PT almeja existe uma barreira jurídica enorme.

CPI ou CONVOCAÇÃO – Já há no Congresso quem defenda a abertura de uma CPI para investigar os áudios comprometedores do ministro Sérgio Moro. Os líderes governistas, entretanto, entraram em ação ontem mesmo para barrar uma CPI. No lugar, sugerem a convocação do ex-juiz e do procurador Dallagnol para depoimento no plenário da Câmara dos Deputados ou do Senado.

Sensacionalismo – Pelas redes sociais, o ministro Sérgio Moro divulgou uma nota sobre o vazamento dos áudios. Lamentou a invasão de sua privacidade, condenou a não identificação do autor e afirmou: “Nas mensagens que me citam não se vislumbram qualquer anormalidade ou direcionamento da minha atuação enquanto magistrado. São puro sensacionalismo”.

Escândalo – A coluna está de posse do extrato de contrato de aluguel de uma casa de recepções em Caruaru, iniciativa da prefeita de Raquel Lyra (PSDB), pela bagatela de R$ 634 mil. Servirá para realização de exposições, simpósios, palestras, encontros, seminários, cursos, capacitações, feiras, dentre outros eventos da Prefeitura Municipal. Deve ser banhada a ouro.

Magalhães – O líder do Governo Bolsonaro no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB), costuma embarcar para Brasília às segundas-feiras pela manhã. Mas ontem viajou à tarde para atender ao ex-governador Roberto Magalhães, com quem teve uma longa conversa.

O aliciador – O prefeito de Jaboatão, Anderson Ferreira (PR), tenta aliciar para o seu palanque em 2020 o ex-vereador Neco, seu adversário em 2016. Prometeu nomear secretário o vereador Nando Ceres, o que abriria vaga na Câmara para Neco Filho, herdeiro de Neco.

IMPARCIALIDADE – Ainda sobre o vazamento dos áudios envolvendo Sérgio Moro, o deputado Danilo Cabral (PSB) diz que pré-julgamentos precisam de uma apuração rigorosa. E sentencia: O estado democrático de direito pressupõe a essencial imparcialidade da justiça. Ninguém está acima da lei”.

Perguntar não ofende: Quais as novas bombas contra Moro que virão via hackers?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Blog 247: REALE DIZ QUE O MITO MORO CAIU E APONTA SUA SUSPEIÇÃO NA LAVA JATO. O jurista Miguel Reale Jr., um dos autores do processo que resultou no golpe contra Dilma, avalia os estragos da (Vaz) Jato sobre Moro: “a aura de mito do ministro se desfez”: ele qualificou Moro de “juiz conselheiro do MP”

Fernandes

BONNER DEMITE MORO E O CHAMA DE EX-MINISTRO.

Fernandes

Atenção marluxo Taty louca de camaragibe: Já que o STF liberou geral, cuidado quando conversar com seu namorado pois poderá ser gravado e vazado!

Fernandes

Relaxa senão não encaixa marluxo Taty louca de camaragibe fascista , eleitor do também Ladrão bolsonaro miliciano.

marcos

Hacker confirma nos vazamentos que lula é Ladrão. Mas isso todo mundo já sabe.


Coluna do Blog
TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Publicidade
Apoiadores