FMO janeiro 2020

23/04


2013

Líder do PSB critica Cid Gomes por antecipar debate eleitoral
















Líder do PSB no Senado, Rodrigo Rollemberg (DF) criticou nesta terça-feira (23) a iniciativa do governador do Ceará, Cid Gomes, de enviar à Executiva Nacional do PSB um ofício em que pede a antecipação do debate interno sobre a possível candidatura à Presidência da República, em 2014, do governador Eduardo Campos (PSB).

Eduardo não assume ser candidato, mas vem se movimentando nos bastidores nos últimos meses sinalizando a possibilidade de concorrer no próximo ano. "O PSB não tem por que e não irá se definir sobre a candidatura à presidência nesse momento. Até porque seria ilegal", disse Rollemberg.

No discurso, o líder do PSB lembrou que na disputa pela Presidência da República de 2010, o partido tomou a decisão de aderir à campanha de Dilma Rousseff (PT) apenas no dia 27 de abril, após consultar as direções regionais. "Entendo a excitação do governador Cid Gomes, mas alerto que essas posturas não servem ao PSB e muito menos à presidente Dilma. Quero registrar que a forma exagerada, extemporânea, diante de crítica inclusive ao PSB tem deixado incomodados, constrangidos, irritados, até mesmo aqueles que dentro do partido admitem apoiar a presidente Dilma", afirmou o senador.

As declarações de Rollemberg ocorrem um dia após Cid Gomes convocar a Executiva Estadual do Ceará para um encontro no qual foi aprovado o envio de um documento ao comando nacional do PSB em que pede que seja antecipada a discussão de 2014. Junto com o irmão Ciro Gomes, Cid faz coro pela permanência do partido na base aliada e manutenção do apoio à reeleição da presidente Dilma Rousseff.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Detra maio 2020 CRLV

23/04


2013

Sérgio Leite nega saída do PT

“Em resposta à nota publicada neste blog, eu, Sérgio Leite, deputado estadual do PT, tenho a declarar:

Em nenhum momento foi cogitada qualquer possibilidade de minha saída do PT, um partido que ajudei a construir em Pernambuco. Em toda a minha trajetória, como sindicalista, vereador, deputado, nunca abri mão de minhas convicções.

Estou unido aos petistas de verdade de Paulista, ao PT estadual e nacional. Tivemos mais de 50 mil votos e, aqueles que não querem respeitar a decisão dos eleitores de Paulista, que confiaram no modo petista de governar e acreditam na nossa oposição para continuar lutando por uma política séria na cidade, é que devem se afastar da legenda e se explicar à população.

O PT não pode se unir a um prefeito com o maior volume de processos eleitorais já registrado na história da cidade, com diversas irregularidades, como abuso de poder econômico, uso de máquina pública, campanha antecipada e tantas outros.”


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Abreu e Lima - Maio

23/04


2013

Lula integra time de colunistas do The New York Times













O Instituto Lula informou nesta terça-feira (23) que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) fechou contrato com o The New York Times e terá uma coluna mensal distribuída pela agência de notícias do jornal norte-americano. Segundo a assessoria do ex-presidente, os textos assinados por Lula serão distribuídos pelo serviço de notícias do periódico, mas não serão necessariamente publicados na versão impressa do jornal.

O contrato com o New York Times foi fechado na noite de ontem (22), nos Estados Unidos, quando Lula se reuniu com Michael Greenspon, diretor-geral do serviço de notícias da companhia. A duração do contrato não foi informada.

A "estreia" de Lula como articulista do serviço de notícias do jornal americano deve ocorrer em junho, mas ainda não há confirmação sobre a data da publicação do primeiro artigo. "A coluna tratará de política e economia internacional, e de iniciativas para o combate à fome e à miséria no mundo", informou o Instituto Lula, em comunicado.

Lula já havia colaborado com o periódico norte-americano, que cedeu espaço para um artigo escrito pelo ex-presidente sobre a morte de Hugo Chávez. O texto traduzido do português para o inglês foi publicado no dia sete de março. Na ocasião, a assessoria de imprensa do Instituto Lula informou que o ex-presidente negociava com o The New York Times para se tornar colunista mensal da agência de artigos do jornal.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Severino Isidoro Fernandes Guedes

Lula é o maior político e homem público que esse país conseguiu produzir nos últimos 50 anos. Pode-se não gostar dele ou de seu partido, mas ele governou para a maioria e é reconhecido como Estadista global por sua luta por justiça social e redução das desigualdades. Só a big house não vê isso.

adilson jose da silva

Esses Americanos são,realmente,uns gozadores.O "cara" que nunca leu um livro na vida vai escrever sôbre o que? na certa são lições sôbre ética e moralidade pública,escritas por Zé Dirceu e assinadas por ele. KKKKKK.Os pelegos PTralhas acreditam que a coisa é séria.

antonio carlos cisniros sampaio

o que e que Lula sabe escrever que pena deste jornal

Bartolomeu Lopes

Os colunistas da Veja, Estadão, Folha de São Paulo, O Globo, blogueiros do PIG, dessa vez, vão cortar os pulsos. Como diz o Barack Obama, o cara é o cara. O mundo o admira. O resto... o resto morra de inveja. É isso.

mauro silva

Assim vai dar música:O Lula de Garanhuns é um sucesso,cuidado com o disco voador.Salve Lula !


Prefeitura do Ipojuca

23/04


2013

Fazenda explica retenção de milho no Sertão

"Em resposta à matéria "Sertão: fiscais da Fazenda impedem acesso do milho ao criador", a Secretaria da Fazenda de Pernambuco informa que as carretas em questão já foram liberadas.

A Sefaz ressalta que a mercadoria passou pelos procedimentos normais de fiscalização no Posto Fiscal do Ibó, sendo liberada ao término do trabalho."


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

o povo da de olho

É ASSIM QUE SE COMBATE A SECA? IMORAL



23/04


2013

Senadores divergem sobre alíquota única para ICMS















A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) se reúne amanhã (24), às 11h30, para votar o projeto de resolução do Senado que trata da unificação das alíquotas do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). O parecer do relator do projeto, senador Delcídio Amaral (PT-MS), estabelece alíquota de 7% na venda de produtos industrializados pelas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste; 4% aos Estados do Sul e Sudeste; e 12% à Zona Franca de Manaus (AM), áreas de livre comércio e venda de gás natural.

Os senadores cearenses Inácio Arruda (PCdoB) e Eunício Oliveira (PMDB) defenderam seu Estado de origem. “A Grendene, que saiu do Rio Grande do Sul emprega, em Sobral, 25 mil pessoas e, no Ceará, mais de 30 mil”, disse Arruda, ao acrescentar que, da forma como está o parecer, pretende votar contra. Já o senador Eunício Oliveira defendeu que incentivos fiscais porventura concedidos a um Estado, pelo Governo Federal, possam valer para todos.

Ricardo Ferraço (PMDB-ES) defendeu que a alíquota de 7% do ICMS seja estendida ao comércio. O Espírito Santo, apesar de ser do Sudeste, será beneficiado pela alíquota mantida às regiões menos desenvolvidas. Lúcia Vânia (PSDB-GO) ressaltou que seu Estado tem um “grande polo têxtil e calçadista” que precisa ser convalidado juntamente com o setor industrial. Para ela, não adianta querer tratar isoladamente da chamada guerra fiscal sem uma ampla reforma tributária.

Já o senador Álvaro Dias (PSDB-PR) destacou que é inconcebível tentar estabelecer uma política de unificação do ICMS com “um Estado brigando com o outro”. Segundo ele, caso o projeto de resolução seja aprovado no Congresso, o Paraná sofrerá perdas na área de informática, principalmente, e disse que as alíquotas diferenciadas manterão a guerra fiscal.

Eduardo Suplicy (PT-SP) disse que as alíquotas de 7% de ICMS aos Estados do Norte, Nordeste, Centro-Oeste e 12% à Zona Franca de Manaus e operações de compra de gás natural “são fortes”. O petista apresentou emenda para resgatar a proposta do governo de arrecadação de 4% a todos os Estados a partir de 2021.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banco de Alimentos

23/04


2013

Em nota, Amupe reitera críticas ao Governo Federal

“NOTA PÚBLICA

As medidas recentemente anunciadas pelo Governo Federal são importantes, mas insuficientes para amenizar os graves impactos na economia dos municípios causados pela seca e pela queda nos repasses do Fundo de Participação dos Municípios – FPM. O acelerado ritmo de desenvolvimento que vivenciava o Nordeste foi fortemente afetado em sua linha ascendente.
 
Infelizmente, o Fundo de Participação dos Municípios (FPM) vem se reduzindo a cada dia. Segundo dados da CNM – Confederação Nacional dos Municípios, a segunda parcela do mês de abril é 48% inferior ao valor estimado pela Receita Federal.
 
Todos nós temos responsabilidades e delas não poderemos fugir. Só a junção de forças dos entes federativos na busca de soluções conjuntas tornará possível uma solução para a crise instalada.
 
No próximo dia 30, durante reunião da Confederação Nacional dos Municípios, em Maceió, os Presidentes das Associações Municipalistas Estaduais, definirão estratégias para uma grande mobilização nas capitais do Nordeste, no próximo dia 13 de Maio, com a paralisação dos serviços das Prefeituras Municipais. Antes, no dia 29, Prefeitos Pernambucanos reúnem-se em assembleia na AMUPE, para debater a seca e a queda nos repasses do FPM.
 
No mês de Maio, a CNM realiza uma grande mobilização no Congresso Nacional, tendo em vista a responsabilidade dessa instituição nas obrigações que sobrecarregam os municípios, com a aprovação de leis que criam despesas para os municípios sem indicar as devidas fontes de financiamento.
 
Nesse momento, que beira a convulsão social, conclamamos a todos os que tem responsabilidade para com o problema – União, Estados, Municípios, Congresso Nacional e Assembleias Legislativas – a juntarem forças na busca de soluções emergenciais e estruturadoras para fazer frente a mais grave crise que já se abateu sobre a economia dos municípios Brasileiros e suas populações.

ASSOCIAÇÃO MUNICIPALISTA DE PERNAMBUCO – AMUPE”


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

JOSE PINTO DA SILVA

DE TUDO QUE FISERAM CONTRA OS NOSSOS IRMAOS E SEMELHANTE DO SERTAO AO CAIS E UMA PENA QUE ARRAES NAO VOLTA MAIS SENAO MORERIA DE NOVO DE VERGONHA.DO QUE O NETO VEM FAZENDO NA POLITICA EM PERNAMBUCO E NO BRASIL AS ALINHANÇAS MEDIOCRE E MAL ASANHADAS

JOSE PINTO DA SILVA

PARA FAZER ALGARRASA A INTENÇAO DELE ERA FAZER ALGAZARA EM FORTALESA MAIS LA CORTARAM A LINGUA DELE ESTE POVINHO PENSA QUE NOSA SOMOS BESTA E NAO CONHECEMOS A VERDADE OLHA GENTE ATE A FOTOGRAFIA DELE QUE ESTA POSTADA NESTA MATERIA TIRARAM PORQUE ESTA COM VERGONHA SERA QUE ELES TEM VERGONHA DEPOS DE

JOSE PINTO DA SILVA

APARECEU DAS PREFEITURAS ELES NAO TINHA A QUEM CONDENAR VAMOS CONDENAR OS BESTAS DO GOVERNO FEDERAL QUE TANTO FEZ E AINDA FAZ POR PERNAMBUCO FOI UMA TREMENDA TRAIÇAO VEJAM SO GENTE EU NUNCA HAVIA FALAR O NOME DESTE PREFEITO PATRIOTA FALAM POR AI QUE ELE E UM LAMBE BOTAS DO CORONE DUDU FOI PARA AMUPE

JOSE PINTO DA SILVA

NAO E SO O DEDO NAO AMIGO E O CORPO INTEIRO A MAIS DE 6 ANOS QUE O GOVERNO FEDERAL MANDA RECURSOS PARA PERNAMBUCO MAIS INFELISMENTER DEPOIS DAS ELEIÇOES MUNICIPAIS E QUANDO O GOVERNADOR JOGOU A TOALHA SUJA NAS COSTAS DO PTISTAS COMEÇOU A FALAR MAL DO GOVERNO FEDERAL DEPOIS DE TODA SUJEIRA QUE

felipe julio i c souza

Eu gostaria que alguem me apontasse uma grande obra em PERNAMBUCO que nao tenha o dedo do GOVERNO FEDERAL.


Prefeitura de Serra Talhada

23/04


2013

Alepe aprova projetos em defesa do consumidor
















A presidente da Comissão de Constituição, Legislação e Justiça (CCLJ) da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), deputada Raquel Lyra (PSB), destacou na manhã desta terça-feira (23), dois projetos de lei que beneficiam o consumidor pernambucano, aprovados pela CCLJ.

Um deles, o Projeto de Lei Ordinária nº 1350/2013, de autoria do deputado José Humberto Cavalcanti (PTB), que dispõe sobre o cadastro de compra, venda e troca de cabo de cobre, alumínio, baterias e transformadores para reciclagem no Estado.

Já o Projeto nº 1362/2013, do deputado Gustavo Negromonte (PMDB), obriga as operadoras de plano de saúde a avisar previamente aos consumidores o descredenciamento de hospitais e médicos no âmbito do Estado de Pernambuco.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

O Jornal do Poder

23/04


2013

Prefeitos de Brejinho e Itapetim sofrem acidente

Foi registrado no início da manhã desta terça-feira (23), na PE-275, no trecho que liga o distrito de Albuquerque Né ao município de Sertânia, no Sertão do Estado, um acidente envolvendo os prefeitos de Brejinho e Itapetim – José Vanderley (PSB) e Arquimedes Machado (PSB), respectivamente – e o ex-prefeito de Itapetim, Adelmo Moura.

Segundo informações de um blog local, o automóvel do modelo Hilux, de propriedade da Prefeitura de Brejinho, capotou devido à pista escorregadia. Os políticos foram encaminhados para o Hospital Municipal de Sertânia. Adelmo Moura sofreu uma forte pancada na clavícula direita e está sendo medicado. Os prefeitos de Brejinho e Itapetim nada sofreram, assim como o motorista do veículo identificado como Caio.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Shopping Aragão

23/04


2013

Oposição quer acesso à sindicância sobre Rose Noronha













O PSDB e a MD (Mobilização Democrática) pediram acesso ao relatório da sindicância que foi aberta pelo Governo Federal para apurar a conduta da ex-chefe do escritório da Presidência da República em São Paulo, Rosemary Noronha. Rose é uma das investigadas pela operação Porto Seguro, da Polícia Federal, sobre um esquema de venda de pareceres e tráfico de influência no governo.

O Líder do PSDB na Câmara, Carlos Sampaio (SP), protocolou nesta terça-feira (23) um requerimento solicitando a cópia do inteiro teor do processo e do relatório final produzido pela Comissão de Sindicância Administrativa, que investigou o caso em 2012.

''Pelo que se conhece até agora, Rosemary é um caso clássico da apropriação da coisa pública para fins particulares. E o fez pela proximidade que tinha com o ex-presidente Lula. Se não houver esclarecimentos à sociedade, que foi quem pagou por tudo o que Rosemary desfrutou, e punição, ficará evidente que o governo consentiu ou, então, que está protegendo os personagens envolvidos'', disse Sampaio no requerimento.

Sampaio também disse achar curioso o fato de o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ainda não ter dado explicações sobre a conduta da ex-chefe do escritório da Presidência em São Paulo, desde a Operação Porto Seguro, da Polícia Federal, em novembro, que revelou o envolvimento de Rosemary num suposto esquema de venda de pareceres técnicos. ''O ex-presidente Lula, que gosta de dar sua opinião sobre assuntos do governo, ainda não disse ao país se sabia ou não do que sua ex-auxiliar fazia e se concordava com a situação'', disse.

No domingo (21), o líder da MD, deputado Rubens Bueno (PR), disse que também irá pedir à Casa Civil a cópia da sindicância mantida sob sigilo pela CGU (Controladoria Geral da União).

''Acredito que isso é importante para que seja desvendado e esmiuçado o modus operandi da quadrilha que se instalou no seio do governo. Não é possível que um relatório sugerindo a abertura de um processo disciplinar administrativo contra um servidor público seja mantido em segredo para evitar instabilidade institucional. O que o governo está querendo esconder?'', questionou Bueno.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

o povo da de olho

SAUDADE DAS FORÇAS ARMADAS DE OUTRORA......

Mariana

Os jornais vivem postando as altas roubalheiras, mais nunca dar em nada. Agora se fosse um ladrão de galinha !

marcos

ESTÁ PROVADO ROSEMARY TINHA CASO COM LULA .E A DONA MARISA? COMO O MARIDO, NÃO SABIA DE NADA!!

LUIZ MAIA

Notícias deste tipo fortalece a tese de que é preciso a urgente intervenção das Forças Armadas para moralizar este país.

LUIZ MAIA

Notícias deste tipo fortalece a tese de que é preciso a urgente intervenção das Forças Armadas para moralizar este país.



23/04


2013

Humberto e Lossio rebatem críticas de Patriota

















O prefeito Julio Lossio (PMDB) e o senador Humberto Costa (PT) aproveitaram uma coletiva de imprensa, realizada no fim da tarde de ontem (22), em Petrolina, para responder às críticas do deputado federal Gonzaga Patriota (PSB), que recentemente  atacou o Governo Federal. Lossio lamentou que o governo do parlamentar tenha facilidade para mudar de opinião e deixou claro que o governador Eduardo Campos (PSB) ficou devendo um grande pleito para resolver a questão hídrica da região.

Em seu pronunciamento, o peemedebista ressaltou que o PSB conseguiu tudo o que quis e que foi solicitado junto a Lula e a presidente Dilma Rousseff. “Antes de tudo, Gonzaga devia dizer qual foi o pedido que o governador fez ao presidente Lula ou a Dilma, de obra hídrica aqui para o semiárido, qual foi o projeto que ele apresentou, de longo prazo, que não foi atendido. Se ele tivesse lutado pelo Canal do Sertão, como lutou pelos investimentos na região metropolitana, ele teria conseguido, porque não há um pleito de Eduardo que não tenha sido atendido”, alfinetou Lossio.

Quem também não poupou comentários foi o senador Humberto Costa (PT), que saiu em defesa dos seus correligionários. “Qualquer parlamentar de Pernambuco que ataque o governo Dilma está sendo profundamente injusto. Se há um Estado nesse país que foi beneficiado com as ações tanto do governo Lula, quanto de Dilma, foi o nosso. Isso gera inclusive ciúmes em outros Estados e entre outros governadores”, disparou.

Por fim, Lossio fez questão de rebater as cobranças de Patriota e disse que o governador Eduardo Campos ficou devendo um pleito para resolver a questão hídrica, mas que o problema seria discutido. “Nós estamos organizando um encontro para falar do Canal do Sertão. Queremos sensibilizar a presidente Dilma, mostrando que nós queremos sim ter algo a longo prazo voltado para nossa região”, finalizou.

Com informações de Taísa Alencar (Vale em Pauta).


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

gmagalhaes40@gmail.com

corrigindo corpo.

gmagalhaes40@gmail.com

as criticas em uma democracia são como a dor no coprpo humano. não são desejadas. mas o que seria dele se não fosse a dor.


Coluna do Blog
TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Publicidade
Apoiadores