Ipojuca

18/05


2018

PSDB acha que Moro será implacável com Richa

Josias de Souza

O PSDB precisa se benzer. Na definição de um integrante da cúpula da legenda, “os tucanos já não chupam picolé com receio de engasgar com o palito.” Na penúltima urucubaca que se abateu sobre o ninho, um processo que corria contra o ex-governador paranaense Beto Richa no STJ foi transferido para Sergio Moro. Avalia-se que o juiz da Lava Jato será implacável com Richa. É o primeiro tucano que lhe cai sobre a mesa. E a impressão dos colegas do encrencado é a de que Moro aproveitará a oportunidade para demonstrar que não é seletivo.

As investigações contra Richa desceram para a 13ª Vara Federal de Curitiba porque ele perdeu o foro especial do STJ ao abdicar do governo paranaense para disputar uma cadeira no Senado. Apura-se a suspeita de que a Odebrecht transferiu R$ 2,5 milhões do seu departamento de propina para uma caixa eleitoral clandestina de Richa na campanha de 2014. Fez isso em troca de favorecimento na concorrência para a duplicação de uma rodovia estadual. A empreiteira levou o contrato. Mas a obra não saiu do projeto.

Richa nega o malfeito. E se esforça para fugir de Moro. Em recurso ao STJ, ele sustenta que seu processo deve ser apreciado pela Justiça Eleitoral. O último tucano premiado com esse truque foi Geraldo Alckmin, cujo processo desceu do STJ para a Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo. Mas o refresco durou pouco, pois o Ministério Público estadual transformou o repasse de R$ 10,3 milhões da Odebrecht para Alckmin num inquérito sobre improbidade administrativa.

A virada da maré também começou a levar processos contra Aécio Neves do aconchego do Supremo para a incógnita da primeira instância em Minas Gerais. O movimento empurra Aécio para fora da urna de 2018. Noutra evidência de que já não é automática a blindagem que vinha como milagre, a água de Eduardo Azeredo, que virou vinho durante 15 anos, está na bica de virar vinagre. Ex-presidente da legenda, o protagonista do chamado mensalão mineiro do PSDB está a um passo da cadeia.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Quentura

Lula virou santo. Lula ideia Nacional.

marcos

Cadeia nesse bandido Moro.


Versão Sertão do Araripe

18/05


2018

Joesley e um ano do grampo: Nunca mais serei o mesmo

Primeiro aniversário de delação

Michel Temer foi pragmático. Nesta quinta (17), um ano depois da divulgação do grampo de Joesley Batista que encurralou seu governo, o presidente se limitou a criticar a cobertura da imprensa. Coube a um auxiliar resumir a sensação geral com um comentário seco: “Sobrevivemos”. O empresário, recluso desde que passou de delator a investigado, fez um desabafo. A um amigo, disse que viveu “um ano de dor e transformação”. “Descobri que nunca mais vou ser o mesmo”, arrematou.

 Advogados que tentam manter de pé a colaboração da JBS, revelada pelo jornal “O Globo”, acham que a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, deve esperar o fim da apuração sobre a conduta de Marcello Miller para ampliar a pressão pela rescisão do acordo dos Batistas.

Um dos argumentos da defesa para segurar a delação foi o de que, como nem a Procuradoria havia fechado um juízo sobre a prática de crime por parte de Miller, seria precipitado cancelar o trato judicial. O ex-procurador abandonou a carreira para atuar para a JBS.  (Folha Painel – Daniela Lima)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Versão Sertão do Moxotó

18/05


2018

Alckmin garante que Temer não será candidato

'Agora que você não tem o titular candidato, todo mundo acha que é a sua vez', afirmou o tucano.

Thais Bilenky – Folhade S.Paulo

Em palestra a alunos do Insper, nesta quinta-feira (17), o pré-candidato a presidente Geraldo Alckmin (PSDB) afirmou que o presidente Michel Temer (MDB) não tentará se reeleger.

O tucano disse que a multiplicidade de candidaturas nesta eleição se deve também ao fato de o titular não ser candidato. 

 “Sempre o incumbente é o favorito”, disse. “Até a Dilma foi reeleita, você vê que vantagem impressionante [que é disputar já no cargo]”, disse, para risos da plateia. 

“Quando o titular é candidato, ninguém quer desafiá-lo. Agora que você não tem o titular candidato, todo mundo acha que é a sua vez, ‘tenho chance’”, afirmou o tucano.

O presidente disse nesta quinta que ainda está refletindo se disputará, mas o ex-ministro Henrique Meirelles (MDB) se movimenta para viabilizar sua própria candidatura. 

Sua vantagem é que ele está disposto a arcar com a campanha, liberando os recursos partidários para outros candidatos. Com isso Meirelles recolhe simpatia de deputados federais do MDB.

A fala de Alckmin vem em momento de novo afastamento entre ele e Temer, depois de um ensaio de aproximação. Há alguns dias, os dois se falaram por telefone e ficaram de conversar pessoalmente, mas Temer reclamou da forma como ele foi citado por tucanos ligados a Alckmin.

O ex-governador de São Paulo, que patina nas pesquisas de intenção de voto e teve a rejeição ampliada, segundo levantamento da CNT, pediu aos estudantes que não se impressionem com isso. Argumentou que a população não está ainda antenada nas eleições.

“Posso errar, mas tenho convicção de que vamos estar no segundo turno”, disse.

Questionado por jornalistas ao final da palestra, Alckmin disse que Temer não foi eleito, “então é claro que tem mais dificuldade. Tanto é que o doutor Meirelles é que está mais candidato e tal”.

O tucano disse que Temer  “até pode ser” candidato.

Sobre a inclusão de João Doria em pesquisas de intenção de voto para presidente, Alckmin disse que “não tem nenhuma preocupação”.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Versão Mata Norte

18/05


2018

Moro é "herói nacional" em evento nos Estados Unidos

Uma montagem em vídeo mostrou o rosto do juiz no corpo do Super Homem

Folha de S.Paulo

Em mais uma etapa de sua turnê pelos Estados Unidos nesta semana, Sergio Moro foi apresentado como “herói nacional” e “celebridade” no enésimo jantar em sua homenagem na maior metrópole americana.

No Cipriani’s, um badalado restaurante no coração de Manhattan, ele foi sabatinado por uma colunista do Wall Street Journal, que parecia impressionada com a maneira como ele condenou tantas figuras do establishment político e econômico do Brasil.

Moro também parecia esfuziante ao ver imagens dele mesmo projetadas no telão, de montagens como a que mostra a cara do juiz federal no corpo de um Super-Homem a imagens das passeatas de quem se vestiu de verde e amarelo e bateu panelas pelo impeachment da ex-presidente petista Dilma Rousseff.

Moro, que parece fazer agora uma volta olímpica publicitária, reconheceu que o peso da opinião pública foi fundamental para seus julgamentos ao longo da Operação Lava Jato.

“O forte apoio da opinião pública brasileira foi crucial, como mostrou o vídeo”, disse o juiz, diante da plateia vestindo black-tie. “Isso nos deu a força necessária para seguir adiante. Sempre há um risco que políticos e empresários importantes vão tentar obstruir a justiça e nossas ferramentas são a transparência e o apoio da opinião pública.”

Moro também defendeu seus pedidos de prisão preventiva ao longo da investigação, afirmando que casos de executivos importantes com milhões de dólares e euros em contas no exterior tinham a possibilidade de fugir se não fossem detidos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

JOÃO FREIRE CORRÊA LIMA

Homem de coragem e de competência. Agora é continuar a faxina botando o resto da quadrilha na cadeia.



18/05


2018

“Só vou mudar de trincheira”, diz Dirceu após prisão

Coluna do Estadão – Naira Trindade

O ex-ministro da Casa Civil José Dirceu (PT) gravou uma mensagem aos amigos e amigas do grupo de WhatsApp Prerrogativas para agradecer a “gratidão e solidariedade de sempre”. “Vamos continuar nossa luta. Eu só vou mudar de trincheira. Juntos vamos vencer, vamos derrotar o arbítrio, retomar o governo do País e restaurar a democracia”, disse. 

A juíza Gabriela Hardt, substituta do juiz federal Sérgio Moro, na 13.ª Vara Federal de Curitiba, expediu nesta quinta-feira, 17, o mandado de prisão para José Dirceu começar a cumprir a pena de 30 anos, nove meses e dez dias de prisão na Operação Lava Jato. Mais cedo, o Tribunal Regional Federal da 4.ª Região (TRF-4) negou um recurso decisivo do petista e abriu caminho para Dirceu ser preso.

O mandado foi expedido pela magistrada, porque Sérgio Moro está fora do País. A magistrada mandou Dirceu ‘apresentar-se à carceragem da Polícia Federal em Brasília no dia 18 de maio de 2018, até às 17 horas, ocasião na qual a autoridade policial deverá cumprir o mandado’. (Naira Trindade)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Versão Agreste Central

18/05


2018

Prisão de Dirceu é grande derrota para o PT

Os três principais políticos petistas ficarão presos

Blog do Kennedy

Apesar de esperada, a ordem de prisão do ex-ministro José Dirceu é uma grande derrota para o PT. Agora, as três principais figuras do governo Lula ficarão presas. O ex-presidente da República e o ex-ministro Fazenda Antonio Palocci Filho já estão em Curitiba. Dirceu, que recebeu pena muito dura (30 anos e 9 meses), deverá se apresentar à polícia até as 17h de amanhã, conforme prazo judicial.

Simbolicamente, é muito forte o aprisionamento dos três políticos mais importantes do PT. Este foi o primeiro comentário de hoje no “Jornal da CBN – 2ª Edição”. O andamento do acordo de delação de Palocci também foi abordado.

Destinos ligados

O destino do PT está ligado ao de Lula. Isso é o que impede uma reinvenção do partido, com novos nomes, como Jaques Wagner e Fernando Haddad. A maioria do PT não quer abandonar Lula, apesar do que pensam analistas.

Se Lula não conseguir ser candidato, deverá adotar lá na frente a atitude que possa gerar maior efeito político: tentar eleger o próximo presidente. Pode ser que, então, analise seriamente a opção Ciro Gomes (PDT).


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Gravatá

17/05


2018

Moro é "herói nacional" em evento nos EUA

Uma montagem em vídeo mostrou o rosto do juiz no corpo do Super Homem

Folha de S.Paulo

Em mais uma etapa de sua turnê pelos Estados Unidos nesta semana, Sergio Moro foi apresentado como “herói nacional” e “celebridade” no enésimo jantar em sua homenagem na maior metrópole americana.

No Cipriani’s, um badalado restaurante no coração de Manhattan, ele foi sabatinado por uma colunista do Wall Street Journal, que parecia impressionada com a maneira como ele condenou tantas figuras do establishment político e econômico do Brasil.

Moro também parecia esfuziante ao ver imagens dele mesmo projetadas no telão, de montagens como a que mostra a cara do juiz federal no corpo de um Super-Homem a imagens das passeatas de quem se vestiu de verde e amarelo e bateu panelas pelo impeachment da ex-presidente petista Dilma Rousseff.

Moro, que parece fazer agora uma volta olímpica publicitária, reconheceu que o peso da opinião pública foi fundamental para seus julgamentos ao longo da Operação Lava Jato.

“O forte apoio da opinião pública brasileira foi crucial, como mostrou o vídeo”, disse o juiz, diante da plateia vestindo black-tie. “Isso nos deu a força necessária para seguir adiante. Sempre há um risco que políticos e empresários importantes vão tentar obstruir a justiça e nossas ferramentas são a transparência e o apoio da opinião pública.”

Moro também defendeu seus pedidos de prisão preventiva ao longo da investigação, afirmando que casos de executivos importantes com milhões de dólares e euros em contas no exterior tinham a possibilidade de fugir se não fossem detidos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

ArcoVerde

17/05


2018

Lava Jato encarcera a fina flor do poder petista

Josias de Souza

O TRF-4 rejeitou nesta quinta-feira o último recurso que separva José Dirceu da cadeia. Trata-se de um embargo de declaração do embargo infringente, eufemismo para embromação. Com o retorno de Dirceu para o xadrez, o PT chega a um ponto situado muito além do fundo do poço. Lula e os nomes que ele próprio considerava como opções presidenciais —Dirceu e Antonio Palocci— foram dissolvidos pela Lava Jato. Fica demonstrado que um raio pode cair várias vezes sobre o mesmo partido.

Houve um momento em que o PT poderia ter saído do caminho da ruína, tomando a trilha da ética. Em 2005, quando foi deslocado do Ministério da Educação para a presidência de um PT em chamas, Tarso Genro pronunciou a palavra mágica. Contra o desgaste do mensalão, ele sugeriu a “refundação” do partido. Continuando nessa linha, o petismo chegaria à autocrítica. Mas Tarso foi desligado da tomada pelo grupo “Construindo um Novo Brasil”, antigo Campo Majoritário —uma corrente personificada na figura de José Dirceu.

O tempo passou. Lula reelegeu-se em 2006. Em 2010, sem condições de prestigiar Dirceu e Palocci —feridos respectivamente pelo mensalão e pelo caso da violação do sigilo bancário do caseiro Francenildo—, a divindade petista fabricou o “poste” Dilma Rousseff. Nessa época, Lula cavalgava uma popularidade acima dos 80%.

O relógio correu mais um pouco. Em maio de 2014, ao discursar na convenção em que o PT aclamou Dilma como candidata à reeleição, Lula parecia adivinhar o que estava por vir. Comparou o PT original, fundado por ele em fevereiro de 1980, com o partido que ocupava a Presidência da República havia 12 anos:

“Nós criamos um partido político foi para ser diferente de tudo o que existia”, declarou. “Esse partido não nasceu para fazer tudo o que os outros fazem. Esse partido nasceu para provar que é possível fazer política de forma mais digna, fazer política com ‘P’ maiúsculo.” A Lava Jato dava seus primeiros passos. Sem suspeitar que a operação iluminaria seu próprio calcanhar de vidro, Lula foi ao ponto:

“Nós precisamos recuperar o orgulho que foi a razão da existência desse partido em momentos muito difíceis, porque a gente às vezes não tinha panfleto para divulgar uma campanha. Hoje, parece que o dinheiro resolve tudo. Os candidatos a deputado não têm mais cabo eleitoral gratuito. É tudo uma máquina de fazer dinheiro, que está fazendo o partido ser um partido convencional.”

Hoje, sabe-se que, enquanto Lula discursava, o dinheiro sujo que a Odebrecht roubara da Petrobras entrava na caixa registradora do comitê Dilma Rousseff-Michel Temer. Não é intriga de inimigo. Quem contou foi o casal do marketing petista —João Santana e Monica Moura.

Sabe-se também que o próprio Lula já havia se tornado “uma máquina de fazer dinheiro.” Afora os milhões amealhados sob o pretexto de remunerar palestras, já havia o provimento dos confortos do tríplex e do sítio. De novo, não é intriga da oposição. Além das delações de empreiteiras companheiras (Odebrecht e OAS) e das provas reunidas pela força-tarefa de Curitiba, há a palavra de Palocci.

Preso e moído pelas investigações, Palocci tentou apresentar Lula a si mesmo numa carta que enviou ao PT, desfiliando-se da legenda: “Até quando vamos fingir acreditar na autoproclamação do ‘homem mais honesto do país’ enquanto os presentes, os sítios, os apartamentos e até o prédio do Instituto Lula são atribuídos a dona Marisa?”, indagou.

A Lava Jato encarcerou a fina flor do poder petista. No momento, o PT é presidido por uma boneca de ventríloquo: Gleisi Hoffmann, ré da Lava Jato, prestes a ser julgada no Supremo. Sua única missão é convencer a plateia de que Lula, preso e inelegível, retornará ao Planalto. Embora tenha ultrapassado o fundo do poço, o PT escolheu viver no mundo da Lua. E a pergunta de Palocci continua ecoando: “Até quando?”


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


17/05


2018

Paulo Câmara reforça turismo em Bonito

Em visita ao Agreste Central de Pernambuco, hoje, o governador Paulo Câmara, ao lado da primeira-dama Ana Luiza Câmara, entregou um conjunto de equipamentos de lazer e de convivência que vão fortalecer o Turismo deste município e de toda a região. Com um investimento de R$ 5,3 milhões – fruto de uma parceria entre o Governo de Pernambuco, o Ministério do Turismo e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) –, Paulo entregou à população o Teleférico Governador Eduardo Campos, que irá movimentar a economia regional. O chefe do Executivo estadual inaugurou, ainda, a Academia Pernambuco, que vai oferecer aos cerca de 40 mil bonitenses beneficiados a oportunidade de praticar atividades de lazer e desportes recreativos, ao ar livre, melhorando a saúde e a qualidade de vida.

“Venho aqui hoje para fazer entregas, como a do Teleférico e da Academia Pernambuco que vão ajudar as pessoas com mais qualidade de vida. O teleférico vai ser um ponto a mais para servir a Bonito, para que os turistas venham conhecer a cidade, movimentando, cada vez mais, o turismo de toda a região do Agreste. Esse equipamento, que é o sonho de tantas cidades, vai ajudar uma cidade que já tem vocação turística grande e gerar emprego e renda para os bonitenses. E nada mais justo do que homenagear um pernambucano que sonhou com ele pronto, que foi Eduardo Campos”, afirmou o governador Paulo Câmara.

O Teleférico ligará o Pátio de Eventos do município ao alto da Capela de Nossa Senhora do Monte Serrat, em um trajeto de, aproximadamente, 1,2 mil metros (m). O equipamento comporta duas cabines subindo e duas descendo e tem capacidade para transportar até quatro pessoas sentadas por cabine e 92 pessoas por hora. Os ingressos para utilizar o equipamento custam R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia entrada).

Para oferecer ainda mais melhorias à população local, toda a área do entorno do Teleférico foi requalificada, tornando-se um espaço de convivência, com a reforma da capela, muro e pátio da capela, instalação de banheiros, quiosques e guarita. O investimento foi de R$ 750 mil.

A secretária de Turismo, Esportes e Lazer, Manuela Marinho, explicou que as obras inauguradas pelo governador Paulo Câmara seguem uma política de interiorização do turismo. “Essa cidade, que nasceu vocacionada para o turismo por meio de suas cachoeiras e vistas belíssimas recebe um equipamento que vai fomentar ainda mais essa atividade. Por tudo isso, agradecemos ao governador Paulo Câmara, que está gerando mais empregos e renda para Pernambuco”, afirmou.

Para o prefeito de Bonito, Gustavo Adolfo, as obras entregues, especialmente a do Teleférico, junto com o convênio assinado em benefício do meio ambiente, são um divisor de águas para a cidade. “É, além de tudo, a maior “fábrica” já implantada no município de Bonito. Se é emprego que o povo quer, nós estamos diante da maior fábrica sem chaminé que Bonito e talvez o Estado de Pernambuco esteja vendo”, comemorou o gestor municipal.

Em nome da família do ex-governador Eduardo Campos, João Campos, ao lado da mãe, a ex-primeira-dama Renata Campos, destacou o sentimento de gratidão que a família tem pela homenagem ao pai. “A emoção que sinto aqui é enorme. Eu já escutei tantas histórias dessa obra, que era um sonho que o ex-prefeito Rui Barbosa sonhou junto com meu pai. E, junto com o povo de Bonito e com a continuidade do Governo Paulo Câmara conseguiram realizar. Só temos que agradecer”, disse.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

JOÃO FREIRE CORRÊA LIMA

Bolsonaro 2018 para acabar com o restinho dos ratos petralhas.

Ricardo José

Eduardo Campos só não foi denunciado porque morreu, afirma Raquel Dodge. Aí pergunto, que paixão é esta que tudo tem que colocar seu nome, creio que tem muita gente boa filhos de Bonito que também são merecedores de tal homenagem.

marcos

Após dois anos e seis meses de investigação, a Polícia Federal concluiu que a presidente do PT, senadora Gleisi Hoffmann, se beneficiou de dinheiro desviado em contratos do Ministério do Planejamento, que era ocupado por seu marido, o ex-ministro Paulo Bernardo. VEJA teve acesso ao relatório final do inquérito, que tramita sob segredo de justiça no Supremo Tribunal Federal. Segundo a PF, as condutas da senadora paranaense podem configurar corrupção passiva, lavagem de dinheiro e crime eleitoral. “Existem indicativos de que Gleisi Helena Hoffmann de alguma forma colaborou para ocultar ou a dissimular a natureza, origem, localização, disposição, movimentação ou propriedade de bens, direitos ou valores oriundos do esquema criminoso Consist, pois foram identificados diversos registros de pagamentos feitos em benefício da senadora Gleisi Helena Hoffmann ou pessoas relacionadas a ela e/ou ao marido Paulo Bernardo entre os anos de 2010 e 2015”, conclui o a PF. Com base em planilhas apreendidas, depoimentos de testemunhas, acesso a dados bancários e mensagens eletrônicas, os policiais conseguiram rastrear todo o caminho de grande parte do dinheiro entregue a Gleisi, Paulo Bernardo e pessoas ligadas ao casal, que receberam recursos desviados no esquema de corrupção. Gleisi, o marido, seus assessores e o escritório do advogado Guilherme de Salles Gonçalves, que representava o casal, receberam 7 milhões de reais do Fundo Consist em cinco anos. “Tais pagamentos aparecem como tendo sido feitos regularmente pelo escritório de Guilherme Gonçalves, mas na realidade tratavam-se de valores de corrupção recebidos pelo escritório de Guilherme Gonçalves”, diz a PF. O Fundo Consist é uma referência às transferências feitas pela empresa que explorava o sistema de empréstimos consignados do Ministério do Planejamento. A empresa repassava a propina para o escritório do advogado Guilherme de Salles Gonçalves, que pagava todas as contas do casal, incluindo despesas de campanhas políticas, advogados eleitorais, assessores de campanha, salário do motorista e até contas de energia elétrica. A PF ouviu um dos personagens que fazia os pagamentos do Fundo Consist no escritório de advocacia: trata-se de Luis Bender. Ele revelou que fazia saques na boca do caixa em determinada agência bancária e depositava o dinheiro em outro banco, a pedido do escritório de Guilherme Gonçalves. Foi assim que ele fez vários pagamentos para o assessor do casal Zeno Minuzzo, com dinheiro da Consist. Bender admitiu que eram pagamentos “incomuns”. Ele recebeu ameaças por colaborar com a Justiça. Bender disse a VEJA que, por enquanto, prefere não dar entrevista. A documentação mostra que a quadrilha ligada à empresa Consist, que desviou 100 milhões de reais no Ministério do Planejamento, queria desviar outros 100 milhões no Ministério da Previdência. Em uma das mensagens interceptadas pela polícia, um dos investigados, o empresário Washington Vianna, descreve, em 2011, no início do primeiro mandato de Dilma Rousseff, um plano para implantar o sistema no Ministério da Previdência: “Teríamos R$ 3,750 milhões/mês para fazer os acordos políticos necessários. Eu até diria que na Casa Civil, um apoio direto na próxima campanha presidencial durante 3 anos no total de R$ 100 milhões”. O inquérito registra uma ameaça aos assessores de Gleisi e Paulo Bernardo, feita em 2016 pelo empresário Luis Aparecido Tel, que prestou serviços gráficos e tentava receber parcela do dinheiro de campanha, que, segundo ele, não tinha sido contabilizado: “Essa conta é da Gleisi, e vai aumentar ainda mais, pois vou denunciar tudo, onde busquei dinheiro, com quem e para quem”, escreveu Luís. Há mensagens escritas pelo próprio Paulo Bernardo, em 2015, quando foi encarregado por Gleisi de atender às demandas financeiras de um de seus assessores: “Gláudio, Gleisi me pediu para ‘cuidar’ de você. Rsrs. Já tenho uma ideia e até semana que vem eu vejo isso”. No mês seguinte ao diálogo com Paulo Bernardo, o assessor Gláudio Renato de Lima passou a receber pagamentos mensais do Fundo Consist, segundo a PF.



17/05


2018

Juíza determina prisão do ex-ministro José Dirceu

A juíza federal Gabriela Hardt, que substitui o juiz Sérgio Moro na 13ª Vara Federal de Curitiba, decretou a prisão do ex-ministro José Dirceu, há pouco. A decisão ocorre após o indeferimento, por unanimidade, do recurso do petista que tramitava no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4).

Dirceu foi condenado em primeira instância a cumprir 23 anos e três meses de reclusão. O TRF aumentou a pena para 30 anos e nove meses, por corrupção passiva, organização criminosa e lavagem de dinheiro. O ex-ministro chegou a ser preso entre agosto de 2015 e maio de 2017, mas conseguiu um habeas corpus no Supremo Tribunal Federal, para aguardar o julgamento em liberdade monitorado por tornozeleira eletrônica. Agora, ele deverá voltar para a prisão.

De acordo com a magistrada, o ex-ministro deverá se entregar na carceragem da Polícia Federal em Brasília até às 17 horas de amanhã. “Encaminhem-se os mandados à autoridade policial, com cópia desta decisão. Ambos estão com tornozeleira eletrônica, o que facilitará o cumprimento dos mandados”, despachou a juíza.

Dirceu será transferido e irá cumprir a pena na ala reservada aos presos da Operação Lava Jato no Complexo Médico Penal, em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

JOÃO FREIRE CORRÊA LIMA

Bolsonaro Presidente para o Brasil voltar a ser decente.

JOÃO FREIRE CORRÊA LIMA

Falta a Gleisi e o Paulo Bernardo. Mais estão perto.

marcos

Fake News mortadela

Quentura

PT É O PARTIDO MAIS ENRAIZADO DO PAÍS E VOLTOU A CRESCER CNT/MDA: MESMO PRESO, LULA LIDERA FOLGADO COM 32,4%. Pesquisa do MDA para a Confederação Nacional dos Transportes (CNT) mostra que o ex-presidente Lula, que é mantido como preso político desde 7 de abril em Curitiba, segue liderando a preferência da maioria dos eleitores brasileiros; na modalidade estimulada, Lula tem 32,4%, enquanto Jair Bolsonaro tem 16,7%, Marina Silva 7,6%, Ciro Gomes 5,4% e Geraldo Alckmin 4,0%; para 25,6% dos brasileiros, Lula é o único candidato em quem votariam, e 40,8% acreditam que ele disputará as eleições; para 90,3% a Justiça brasileira não age de forma igual para todos; no segundo turno, o ex-presidente Lula vence em todos os cenários Lula o MITO dos brasileiros, um homem abençoado. Uma dádiva de Deus.

Ricardo José

Mais um presidiário.



17/05


2018

Tribunal publica extrato de ata e Dirceu já pode ser preso

José Dirceu já pode ser preso. Às 18h12 de hoje, o Tribunal Regional Federal da 4.ª Região (TRF-4) publicou o extrato de ata do julgamento que negou recurso decisivo do ex-ministro, embargos dos embargos, no processo em que ele foi condenado a 30 anos, 9 meses e 10 dias de prisão na Operação Lava Jato.

“A Seção, por unanimidade, decidiu negar provimento aos embargos declaratórios e determinar a imediata comunicação ao juízo de origem, a fim de que se dê o início da execução provisória das penas”, informa o documento.

O extrato de ata seguirá para a 13.ª Vara Federal, de Curitiba. Este documento autoriza a expedição do mandado de prisão do ex-ministro.

Dirceu foi preso em agosto de 2015, em regime preventivo, por ordem do juiz Sérgio Moro. Em maio do ano passado, o Supremo Tribunal Federal (STF) o colocou em liberdade.

Agora, Dirceu vai começar a cumprir a pena imposta a ele pelo Tribunal da Lava Jato.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Quentura

PT É O PARTIDO MAIS ENRAIZADO DO PAÍS E VOLTOU A CRESCER CNT/MDA: MESMO PRESO, LULA LIDERA FOLGADO COM 32,4%. Pesquisa do MDA para a Confederação Nacional dos Transportes (CNT) mostra que o ex-presidente Lula, que é mantido como preso político desde 7 de abril em Curitiba, segue liderando a preferência da maioria dos eleitores brasileiros; na modalidade estimulada, Lula tem 32,4%, enquanto Jair Bolsonaro tem 16,7%, Marina Silva 7,6%, Ciro Gomes 5,4% e Geraldo Alckmin 4,0%; para 25,6% dos brasileiros, Lula é o único candidato em quem votariam, e 40,8% acreditam que ele disputará as eleições; para 90,3% a Justiça brasileira não age de forma igual para todos; no segundo turno, o ex-presidente Lula vence em todos os cenários Lula o MITO dos brasileiros, um homem abençoado. Uma dádiva de Deus.

Quentura

Lula é necessariamente uma presença na reconstrução do Brasil

marcos

Cadeia nesse Bandido!


bm4 Marketing 3

17/05


2018

PRF inaugura nova unidade operacional em Igarassu

Uma nova unidade operacional será inaugurada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), amanhã, no quilômetro 29 da BR 101, em Igarassu, no Grande Recife. A solenidade terá início às 10h e será conduzida pelo diretor-geral da PRF, Renato Borges Dias, e pelo superintendente da PRF em Pernambuco, Valcir Correia Ortins.

Entre outras autoridades, está prevista a presença do ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, e do governador de Pernambuco, Paulo Câmara.

"A unidade representa um marco para a Polícia Rodoviária Federal em Pernambuco e simboliza a modernização pela qual a instituição vem passando. Além de trazer   benefícios diretos no atendimento à sociedade, a nova estrutura fornece melhores condições de trabalho aos policiais que atuam na região", destaca Ortins.

Com uma área total de 3.751,59 m² e 2.858,30 m² de área externa pavimentada, a Unidade Operacional de Igarassu dará acesso aos dois sentidos da rodovia, para agilizar o atendimento de acidentes e as ações de combate ao crime.

Os vidros da edificação são blindados, para garantir maior segurança aos policiais e aos motoristas em atendimento.

O prédio da unidade possui 262,95 m² de área construída, onde funcionarão ambientes de vigilância e de atendimento, bem como de apoio administrativo e operacional.

A estrutura conta com uma cobertura de ação operacional com 187,5 m² e duas garagens cobertas para abrigar viaturas e veículos de passeio, com 289,44 m².

A obra levou 20 meses para ficar pronta e teve um custo total de R$ 1,54 milhão. O antigo posto já foi desativado.

Ainda está prevista a construção de duas coberturas de fiscalização sobre a rodovia, além da instalação de uma balança rodoviária para fiscalização de cargas com peso excedente.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Asfaltos

17/05


2018

Temer chama Henrique Meirelles para viagens

Blog do Valdo Cruz

Com a eventual campanha de Michel Temer à reeleição cada vez mais inviabilizada, as chances de Henrique Meirelles (Fazenda) ser o candidato do MDB ao Palácio do Planalto aumentaram. Diante disso, o presidente passou a chamar o ex-ministro para as viagens que faz.

Amanhã, por exemplo, os dois estarão juntos em Patos de Minas (MG), em um evento de entrega de casas populares. No sábado (19), Temer e Meirelles viajarão para Guarujá (SP).

As chances de Meirelles ser o candidato aumentaram principalmente em razão do quadro de completa indefinição sobre o melhor nome para representar o campo de centro na eleição de outubro.

Na avaliação de assessores de Temer, Geraldo Alckmin (PSDB) tem enfrentado dificuldades para subir nas pesquisas, podendo levar a um cenário, no início do primeiro turno, com pelo menos três candidatos de centro.

Aí, o desempenho nos primeiros dias de campanha mostraria qual deles teria mais chance de chegar ao segundo turno e receber o apoio dos demais. Apoio este que poderia ser oficializado até na segunda metade do primeiro turno.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


17/05


2018

Petrobras eleva em 1,80% o preço da gasolina

A Petrobras promoveu o aumento de 0,95% para o preço do diesel e elevou em 1,80% o preço de gasolina comercializados nas refinarias.

Segundo a empresa, o preço do diesel A nas refinarias passará de R$ 2,3082, hoje, para R$ 2,3302 amanhã – o que significa uma alta de 0,95%. Já o preço da gasolina A nas refinarias passará de R$ 2,0046 para R$ 2,0407 o litro, no mesmo período, o que representa um aumento de 1,80%.

Este é o 4º reajuste já anunciado nesta semana. Na véspera, a companhia elevou em 1,82% o preço da gasolina, e subiu 1,76% o preço do diesel, nas refinarias. A escalada nos preços acontece em meio à disparada nos preços internacionais do petróleo. Nesta quinta, o barril de petróleo Brent superou US$ 80 pela 1ª vez desde novembro de 2014.

Em março, a petrolífera mudou sua forma de informar os reajustes, e passou a anunciar os preços do litro da gasolina e do diesel vendidos pela companhia nas refinarias - e não mais os percentuais.

A Petrobras adota novo formato na política de ajuste de preços desde 3 de julho do ano passado. Pela nova metodologia, os reajustes acontecem com maior frequência, inclusive diariamente. A decisão de repassar o aumento do valor do combustível cobrado pela Petrobras para o consumidor final é dos postos de combustível.

Desde o início da nova metodologia, o preço da gasolina comercializado nas refinarias acumula alta de 55,28% e o do diesel, valorização de 56,55%, segundo o Valor Online.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Quentura

Direitistas falem dos aumentos da gasolina. KKKK



17/05


2018

Noronha contra o abuso sexual infanto-juvenil

Amanhã, a Administração de Fernando de Noronha está programando uma série de atividades para marcar o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. As atividades serão realizadas em parceria com as Superintendências de Assistência Social, superintendência de Saúde e de Turismo, Cultura e Esportes.

Durante o dia, equipes estarão realizando panfletagem e promovendo ações educativas em diversos pontos da ilha. A iniciativa tem o objetivo de conscientizar e informar a comunidade noronhense e os turistas sobre a gravidade da violência sexual, bem como chamar atenção para o problema que atinge silenciosamente meninas e meninos e que podem ser praticadas por pessoas estranhas, familiares ou pessoas próximas do núcleo familiar.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


17/05


2018

Mesmo denunciado, procurador segue recebendo salário

Blog do Lauro Jardim

Completa este mês um ano que o procurador Ângelo Goulart Villela está afastado de suas funções, mas ainda recebendo o salário de R$ 28 mil.

Na segunda-feira, Villela foi denunciado de novo, dessa vez por receber uma mesada de R$ 50 mil para beneficiar a empresa Eldorado Celulose enquanto integrava a força-tarefa Greenfield, do Ministério Público.

Villela está afastado desde que foi preso na Operação Patmos, em maio do ano passado. Como o cargo de procurador é vitalício passado o estágio probatório, seu salário só pode ser suspenso depois que for condenado judicialmente, e a sentença transitar em julgado.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


17/05


2018

Tadeu propõe ouvir associações sobre Foro Privilegiado

Membro da Comissão Especial da Câmara que discute o foro privilegiado, o deputado Tadeu Alencar (PSB) apresentou requerimento para que sejam ouvidos representantes da sociedade civil cuja atuação não seja apenas restrita à área jurídica. Ele indicou a Associação Brasileira de Imprensa (ABI), a Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e a ONG Transparência Brasil para que sejam convidadas a participarem das audiências sobre o tema.

“Tivemos vários requerimentos de convite para pessoas e entidades ligadas à área jurídicas, a tribunais superiores, ministros. Acho que é muito importante estender esse debate para entidades representativas da sociedade civil como um todo”, justificou o deputado, que será o líder do PSB na Câmara a partir de junho.

A comissão iniciou esta semana a votar requerimentos e montar a agenda de trabalho para a discussão da PEC 333-A/2017, que trata do fim do foro para cerca de 50 mil autoridades em todo o País. O tema ganhou impulso após o julgamento do Supremo Tribunal Federal (STF), no início deste mês, ter delimitado o privilégio apenas para os atos cometidos em função do mandato parlamentar, e não para todos os eventuais crimes ou infrações cometidas antes do mandato ou que sequer tenham relação com a atuação parlamentar.

Pela PEC, que foi aprovada no Senado e agora tramita na Câmara, apenas os presidentes da República, Senado, Câmara e STF teriam direito ao instituto. Todas as demais autoridades, titulares de mandatos eletivos ou ocupantes de cargos públicos não teriam mais o foro privilegiado.

Tadeu Alencar já se declarou favorável ao fim do privilégio nos moldes propostos pela PEC. “Não faz mais sentido manter o instituto, que, de fato, se transformou num sinônimo de impunidade. O julgamento do STF já foi um balizador importante, mas precisamos avançar mais neste tema”, afirmou o deputado.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

marcos

Isso é um deputado Cagão, se elegia com Dudu Ladrão Campos. Agora tá FuFu. Tchau Querido.



17/05


2018

Alckmin admite facilitar porte de arma no campo

Conhecido como defensor do estatuto do desarmamento, o ex-governador paulista Geraldo Alckmin, pré-candidato à Presidência da República pelo PSDB, admitiu, pela primeira vez, na manhã de hoje, facilitar o porte de armas caso seja eleito, mas apenas em áreas rurais. A fala do tucano seu deu após ser questionado sobre as propostas de seu adversário Jair Bolsonaro (PSL) para aumentar a segurança no campo.

"É claro que pode ter porte de armas. Na área rural até deve ser facilitado", afirmou, ressaltando que, no campo, as pessoas estão muito distantes umas das outras e o isolamento as torna alvo. "Já existe. Não estudei detalhes, mas vamos estudar. Não quero aqui entrar nessa miudeza eleitoral", disse, referindo-se a Bolsonaro. Alckmin ainda citou que enquanto o parlamentar propõe dar fuzis aos fazendeiros ele prefere dar tratores.

O estudo citado pelo presidenciável está sendo feito pelos integrantes de sua equipe que elaboram propostas para a área da segurança. O coordenador é Leandro Piquet Carneiro, que ainda não apresentou uma conclusão a respeito. A ideia inicial, no entanto, seria apenas regularizar quem tem porte ilegal de armas em zona rural, sem ampliar esse direito para as cidades.

Como proposta para aumentar a segurança no campo e combater as quadrilhas especializadas, o tucano citou ainda a importância de se aprimorar as investigações policiais. Essa pauta é hoje a principal demanda do setor do agronegócio no País, conforme informou o Estado no dia 6 de maio.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


17/05


2018

Juiz de Campinas suspende benefícios de Lula

O juiz federal da 6ª Vara de Campinas (SP) concedeu uma decisão provisória, por meio de liminar, que suspende imediatamente benefícios do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), preso desde 7 de abril. Segurança, motorista, veículos e cartão corporativo estão entre os direitos que Lula possuía e, segundo a decisão do magistrado, não são necessárias, uma vez que ele está preso.

"O ex-presidente está sob custódia permanente do Estado, em sala individual (fato notório), ou seja, sob proteção da Polícia Federal, que lhe garante muito mais segurança do que tivera quando livre, com alguns agentes a acompanhar-lhe aonde fosse", diz o juiz Haroldo Nader.

A ação popular foi movida pelo advogado Rubens Nunes, de Vinhedo (SP), em causa própria. Nunes não questiona o decreto que prevê direitos a ex-presidentes [conheça os direitos, abaixo], mas a manutenção dos benefícios ao ex-presidente preso.

Ele fundamentou o pedido com base na condenação criminal em segunda instância e o início do cumprimento de pena de reclusão. Lula também perde assessores com a decisão.

A defesa de Lula informou, por nota, que "mesmo diante da momentânea privação da liberdade, baseada em decisão injusta e não definitiva, Lula necessita do apoio pessoal que lhe é assegurado por lei e por isso a decisão será impugnada pelos recursos cabíveis, com a expectativa de que ela seja revertida o mais breve possível".

"Nenhum juiz pode retirar direitos e prerrogativas instituídas por lei a ex-presidentes da República", diz a defesa de Lula.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

JOÃO FREIRE CORRÊA LIMA

Esse Moro é um Santo. Tirou o Lularápio do descaminho, vai tirar o Aécio do pó e a Gleisi da vida fácil.

Quentura

O capitalismo que deu certo! Nos EUA, 35 milhões de pessoas estão famintas ou não sabem quando será sua próxima refeição. Desse total 13 mil milhões são crianças.

Quentura

PT É O PARTIDO MAIS ENRAIZADO DO PAÍS E VOLTOU A CRESCER CNT/MDA: MESMO PRESO, LULA LIDERA FOLGADO COM 32,4%. Pesquisa do MDA para a Confederação Nacional dos Transportes (CNT) mostra que o ex-presidente Lula, que é mantido como preso político desde 7 de abril em Curitiba, segue liderando a preferência da maioria dos eleitores brasileiros; na modalidade estimulada, Lula tem 32,4%, enquanto Jair Bolsonaro tem 16,7%, Marina Silva 7,6%, Ciro Gomes 5,4% e Geraldo Alckmin 4,0%; para 25,6% dos brasileiros, Lula é o único candidato em quem votariam, e 40,8% acreditam que ele disputará as eleições; para 90,3% a Justiça brasileira não age de forma igual para todos; no segundo turno, o ex-presidente Lula vence em todos os cenários Lula o MITO dos brasileiros, um homem abençoado. Uma dádiva de Deus.

Quentura

Isso tudo é Fake News direitista transgênero.

marcos

Quem diabo quer saber mais dessa Carniça?



17/05


2018

IBGE: Falta trabalho para 27,7 milhões de pessoas

Folha de São Paulo

A taxa de subutilização da força de trabalho, que inclui os desempregados, pessoas que gostariam de trabalhar mais e aqueles que desistiram de buscar emprego, bateu recorde no primeiro trimestre, chegando a 24,7%, informou hoje o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Ao todo, são 27,7 milhões de pessoas nessas condições – maior contingente desde o início da série histórica, em 2012. Destes, 13,7 milhões procuraram emprego mas não encontraram. O restante são subocupados por insuficiência de horas trabalhadas, pessoas que gostariam de trabalhar mas não procuraram emprego ou não estavam disponíveis para trabalhar.

No trimestre, a taxa de desemprego foi de 13,1%, crescimento de 1,3 ponto percentual ante o trimestre anterior, frustrando expectativas de recuperação sustentável do mercado de trabalho.

A taxa de desalento da força de trabalho, que indica as pessoas que desistiram de procurar trabalho, também foi recorde no trimestre, atingindo 4,1% no primeiro trimestre. De acordo com o IBGE, eram 4,6 milhões de pessoas nessa condição, 60,6% deles na região Nordeste.

Os dados divulgados nesta quinta pelo IBGE mostram que o desemprego é mais forte na região Nordeste, onde a taxa chega a 15,9%, e mais fraco no Sul, que tem apenas 8,4% de sua força de trabalho sem emprego.

Entre os estados, a maior taxa é do Amapá (21,5%) e a menor, de Santa Catarina (6,5%).

Em São Paulo, a taxa de desemprego no trimestre foi de 14%, queda de 0,2 ponto percentual com relação ao mesmo trimestre do ano anterior.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Coluna do Blog
TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Publicidade
Apoiadores