Faculdade de Medicina de Olinda 2

02/09


2006

Briga política em Alagoas derruba secretário

O secretário de Educação de Alagoas, José Márcio Malta Lessa, foi exonerado na quinta-feira passada, porque seu filho, o deputado federal Maurício Quintella(PDT), candidato à reeleição, decidiu não apoiar mais o senador Teotônio Vilela Filho(PSDB), candidato ao governo do estado. Teotônio é apoiado pelo governador de Alagoas, Luís Abílio(PDT), que deu ordem pessoalmente para a exoneração do secretário.

Governistas reclamam de ''debandada'' em Alagoas. As desavenças entre Maurício Quintella(PDT) e o governo começaram no início desta semana, quando Quintella decidiu apoiar o deputado federal João Lyra(PTB), na disputa ao governo estadual. O acordo estava em curso desde a sexta-feira da semana passada. Era confirmado pela assessoria de Lyra, mas negado por Quintella.(Com informações da Gazeta de Alagoas e Globo Online).


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Detran

02/09


2006

Verbas públicas para ajudar ONG do maridão

 A deputada federal Jandira Feghali (PC do B), candidata ao Senado pelo Rio, destinou R$ 3,8 milhões em emendas parlamentares em 2005 e 2006 que resultaram na instalação duma rede de simuladores aquaviários na sede do Sindmar (Sindicato Nacional dos Oficiais Marítimos), presidido por seu marido, Severino Almeida Filho.

O dinheiro foi usado para a compra do equipamento (equivalente aos de vôo) importado dos EUA que está sendo instalado no sindicato, no centro do Rio. A aquisição dos computadores ocorreu por meio de convênio entre o sindicato e a Universidade Federal do Rio de Janeiro. A verba foi liberada para a UFRJ, mas o produto está sendo montado em um andar inteiro do Sindmar. O equipamento serve para treinar navegadores, simulando situações de crise e os habilitando a enfrentar condições adversas.

A deputada alega que as emendas foram feitas para a universidade a pedido do reitor Aloisio Teixeira --que, diz, é seu amigo e recebeu seu apoio para a eleição na universidade. Jandira afirmou que desconhecia o local de instalação dos simuladores: ''Jamais faria emenda para um sindicato. Fiz a emenda para a UFRJ, não para o Sindmar. Em dezembro de 2004, eles nem sabiam onde instalariam o simulador. A decisão foi posterior'', disse ela.

''Não tem um centavo de dinheiro público que tenha passado pelo Sindmar, que não é dono do equipamento, mas mesmo assim investiu dinheiro para instalá-lo.'' Ela contou ter sido procurada pelo reitor da UFRJ por ser parlamentar líder no setor. ''Ele me procurou porque sou a deputada dele. Sou líder na marinha mercante. Que outro deputado faria?''

Segundo ela, o convênio entre Sindmar e a UFRJ só foi assinado em outubro do ano passado. Mas tanto a universidade como o sindicato afirmaram que pediram a emenda por conta de projeto do Sindmar.

Severino Almeida Filho disse que a entidade comprou um andar abaixo no mesmo prédio do sindicato em 2004, antes da emenda, já com vistas a abrigar os simuladores: ''O estudo levou em consideração o tamanho do imóvel, 400 metros quadrados, o pé-direito. Já estávamos decididos a montar o equipamento lá'', disse.

O reitor da UFRJ, Aloisio Teixeira, disse ter sido procurado pelo presidente do Sindmar para participar do projeto. Disse que o simulador pertence à universidade, mas fica na sede do Sindmar porque ''é mais útil lá [no sindicato] do que aqui''.

''Ficou no Sindmar porque o projeto é nosso. Procuramos a UFRJ e apresentamos. Mas investimos mais de R$ 1 milhão na compra de um imóvel, obras e viagens'', justificou Almeida.

O simulador será usado pela UFRJ, segundo o reitor, para pesquisas na área de Engenharia Naval e cursos de extensão. ''Se amanhã ou depois acharmos que o objeto da extensão não está sendo atendido, podemos trazer para cá, porque o equipamento é nosso'', disse. (Da Folha de S.Paulo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

josé arnaldo amaral

PCdoB e PT, em simbiose, se apropriaram do Estado e estupraram a República. Essa falcatrua é merreca diante dos crimes de lesa-pátria cometidos pelos "comunistas" delatores e suas lavanderias. 45 nelles!!


13° Bolsa Familia

02/09


2006

Em política, realmente vale tudo....

 O blog do Josias (Folha de S.Paulo) disponibilizou um vídeo em que, aqueles que conseguirem assistí-lo, não acreditarão - jamais -que estes dois senhores na foto ao lado, sejam aliados em Brasília.

Trata-se de um comício de Lula no Maranhão, onde ele defendeu abertamente a candidatura pelo PT a governador, do ex-presidente do Superior Tribunal de Justiça, Edson Vidigal.

Vendo o vídeo, dá para se concluir que em política vale tudo e que esta lei eleitoral é uma verdadeira farsa. Tentem acessá-lo no link abaixo e depois comentem.


http://www1.folha.uol.com.br/folha/multimidia/video/20060819-vidigal_e_lula.wmv


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Francisco Filho

ESSA CENA É FRUTO DE UM PAÍS COM EDUCAÇÃO DEFICITÁRIA OU INEXISTENTE. SE NÃO FOSSE A MISÉRIA, GENTE DESSA QUALIDADE JAMAIS SE ELEGERIA. EXEMPLO DISSO? O FAMOSO "BOLSA FAMILIA" QUE NADA MAIS É DO QUE UMA ESMOLA QUE ESTÁ VICIANDO O CIDADÃO BRASILEIRO. SARNEY/LULA. ELES SE MERECEM

adriano da mota silveira

eu mesmo acredito perfeitamente. os dois sao a corda e a caneca. basta nao ter vergonha na cara.

adriano da mota silveira

eu mesmo acredito perfeitamente. os dois sao a corda e a caneca. basta nao ter vergonha na cara.

fernando gordinho

não se tem mais hideologia politica tudo é mero orpotunismo muda Brasil

Drácula

DIGO E REPITO... DEVOLVAM O BRASIL PARA OS TUPINAMBÁS...... DEVOLVAM PERNAMBUCO PARA OS HOLANDESES........


Prefeitura de Limoeiro

02/09


2006

Números do Ibope divergem de todos os institutos

 Pela segunda vez, o Ibope apontou números em Pernambuco que não batem com os demais institutos em relação basicamente ao posicionamento do candidato do PT a governador, Humberto Costa. Na primeira rodada Ibope/Rede Globo, o petista apareceu com 10 pontos na frente do socialista Eduardo Campos.

Nesta segunda, divulgada quinta-feira passada, Humberto subiu três pontos, passando de 22% para 25%. Na última terça-feira, o Opine, que trabalha para a Folha de Pernambuco, deu Mendonça com 39%, e Humberto e Eduardo com 19%, cada um. Quer dizer, em relação ao do Ibope são seis pontos de diferença pró-Humberto.

Já na do Vox Populi, que sai amanhã no Jornal do Commercio, Mendonça tem 37%, Eduardo 20% e Humberto 18%. Em relação ao Ibope, no caso de Humberto, aumenta ainda mais a diferença, para sete pontos percentuais. Quanto ao do Diário, outra disparidade: Humberto tem 17%, enquanto no Ibope aparece com 25. São, portanto, oito pontos de diferença, o que é, diga-se de passagem, uma diferença muito grande.

Alguma coisa anda errada no Ibope. Pode ser o universo pesquisado, quem sabe! Ou então a metodologia, não? Na verdade, não sei. O que sei é que o Ibope é o único que mostra Humberto numa posição bastante confortável em relação aos demais institutos.

Vamos esperar a próxima do Ibope, para aí, sim, tirar, definitivamente, esta dúvida. Afinal, o Ibope tem uma história e um nome a zelar.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

José Carlos-Serra Talhada

Será que quem está errado é o IBOPE? vc acha que é, porém não acredita que os outros que dão larga vantagem para Mendonça errem.Tá ruim

guilherme alves

Aliás os números dos institutos não batem mesmo. Deixa apanas a seguinte tendência: segundo turno - Mendonçax Quem?

LandRover

Magno, ou o TRE entra de "sola" contra esses institutos de pesquisa ou eles vão manipular as eleições deste ano. Tá claro que por trás de todas as pesquisas feitas até então, inclusive por alguns institutos de renome, estão sendo manipuladas de acordo com interesses "escusos" de cada um.

irania Olivia Benicio

História? Zelar? Quem, o Ibope? Fala sério, ô Magno!



02/09


2006

Qualquer semelhança é mera coincidência

 A agência de notícias Reuters está informando, neste sábado, que o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, prometeu que: ''se ganhar as próximas eleições, convocará um referendo em 2010 para validar seu mandato. Com isso, tentaria eliminar os limites fixados pela Constituição à reeleição presidencial.

Chávez promoveu em 2000 uma reforma constitucional aprovando a possibilidade de reeleição por dois períodos consecutivos. A mudança provocou críticas da oposição, que acusa o mandatário de estar aumentando sua influência nas instituições para se manter no poder''.

E eu pergunto: Em que país, um certo candidato à reeleição, em plena campanha, defendeu uma ''reforma política'' imediata?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Raimundo Eleno dos Santos

Foi no Brasil! Acertei? É claro que a reforma política não deve ser um simples reforma.Penso que deve haver uma Constituinte Exclusiva-Cada Estado elege 5 constituintes-com uma consulta à população:REGIMES-Presidencialismo, Parlamentarismo e Monarquia Parlamentarista.Haverá propaganda plena.


Magno coloca pimenta folha

02/09


2006

Clô dá tudo na campanha paulista

 Tremem as estruturas dos palácios, em Brasília. O candidato a deputado Federal pelo PTC, Clodovil Hernandes, fez a seguinte ameaça ontem, no guia eleitoral de São Paulo, contra a capital federal: "Brasília jamais será a mesma."

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Pedro Araújo

Onde é que vamos parar. Com certeza a parada gay já pode ir se aprontando, pois se este "senhor(a)" se eleger será o seu 1° projeto de lei. E olhe que ele não estará só, lá tambem estará o Gabicha. Como vivemos num País que elegeu um indio para gravar promessas de um presidente, nada me estranha.

Raimundo Eleno dos Santos

Clô tem razão. Ele, como sabemos e o mesmo não esconde, irá colocar o Congresso às claras. Ou rasgando sedas ou cuspindo fogo contra os rivais. Para a imprensa vai ser um prato cheio. Ah! Se vai! Vai, sim!


Banner de Arcoverde

02/09


2006

No Vox Populi, Eduardo passa Humberto

 Na pesquisa Vox Populi, que este blog antecipou, ontem, informando, também, que Humberto não repetiria os números do Ibope, os números são os seguintes: Mendonça 37%, Eduardo Campos 20% e Humberto 18%. A novidade: Eduardo passou Humberto pela primeira vez.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

José Carlos-Serra Talhada

Concordo Penamente com o landRover

LandRover

Magno, ou o TRE entra de "sola" contra esses institutos de pesquisa ou eles vão manipular as eleições deste ano. Tá claro que por trás de todas as pesquisas feitas até então, inclusive por alguns institutos de renome, estão sendo manipuladas de acordo com interesses "escusos" de cada um.

Pedro Araújo

Quis dizer Hosana. Desculpe a própria.

Pedro Araújo

É isso ai Rosana. Como os interessados arquivaram um pedido de CPI no Congresso que ia investigar estes institutos, fica nós eleitores sem saber a verdade. Eles só mudam os números do 2° colocado, más o cabeça fica em auternância entre 3 ou mais pontos. Parece uma coisa comprada, e não encomendada.

Hosana

Essas pesquisas só servem pra confundir a cabeça do eleitor. Eu não acredito que essas pesquisas sejam isentas de influências de terceiros. A vitória mesmo quem dá é o leitor em outubro.



02/09


2006

DP: Mendonça 36%, Humberto 17% e Eduardo 16%

Na pesquisa do Diário de Pernambuco, que estará nas ruas daqui a pouco, o candidato do PT a governador de Pernambuco, Humberto Costa, também não repete a performance do Ibope/Rede Globo. Ele tem apenas 17%, Eduardo Campos, do PSB, 16%, e Mendonça lidera com 36%.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

LandRover

Magno, ou o TRE entra de "sola" contra esses institutos de pesquisa ou eles vão manipular as eleições deste ano. Tá claro que por trás de todas as pesquisas feitas até então, inclusive por alguns institutos de renome, estão sendo manipuladas de acordo com interesses "escusos" de cada um.

Pedro Araújo

É não Luiz, os institutos de pesquisas só aparecem em épocas de eleição e por conta disso é quem dá mais. Como Eduardo ainda é deputado, seria bom colher novamente as assinaturas para um pedido de CPI destes institutos, que nada mais é que um meio de manipular eleições e confundir os eleitores.

Luiz Humberto Cruz

Muito estranho as pesquisas com números praticamente iguais do governador e alternâncias do candidato que irá com ele p o 2º turno. Fica bem clara a intenção de incitar Eduardo e Humberto para se combaterem e deixarem o filho de Mendonção de lado! Realmente muito estranho!

Drácula

MENONÇA PARA GOVERNADOR.... EDUARDO PARA MINISTRO.... HUMBERTO PARA A CADEIA... E INOJOSA PARA O ANONIMATOOOO!.....DEVOLVAM PERNAMBUCO PARA OS HOLANDESES !!!!!

O Humberto deveria mudar sua estratégia, caso contrário "adeus" eleições. O correto seria poupar o Mendonça e atacar o Eduardo. O Eduardo "pinta e borda" com ele (Humberto) e fica por isso mesmo. Já é o segundo.