Faculdade de Medicina de Olinda 2

14/04


2008

PSDB e DEM buscam novo modelo para oposição

PSDB e DEM estão reunidos em São Paulo para tentar encontrar uma nova fórmula para fazer oposição. Os dois partidos concluíram que não adianta radicalizar porque isso não atinge o presidente Luiz Inácio Lula da Silva que continua com a popularidade nas alturas. As CPIs também não estão mais servindo de instrumento para fragilizar o governo. Precavido depois da CPI dos Correios, que desvendou o esquema do mensalão e colocou boa parte da cúpula do governo no primeiro mandato no banco dos réus, o governo conseguiu blindar as CPIs das Ongs e dos Cartões Corporativos. Pesquisas internas dos partidos indicam que, sem avançar nas investigações, quem recebe a conta da pizza é a oposição e não o governo, como informa a repórter do blog em Brasília, Vanessa Laurino. O ponto de partida da conversa entre DEM e PSDB é o entendimento entre as duas siglas que andam se estranhando na articulação, o que favorece ainda mais o governo petista.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

guilherme alves

O Atual modelo está falido, e há tempos. A oposição necessita urgentemente de ir consultar oftalmologista. Para enxergar o ronco das ruas.


Detran

14/04


2008

Artigo especial

 Da necessidade de ampliar

 a ''lista vermelha'' do Ibama
 
                  Amin Stepple* 
                  Jornalista

Entre os animais ameaçados de extinção e que estão na lista vermelha do Ibama e de outras entidades que cuidam da preservação das espécies, tenho especial carinho por dois: a ararinha azul e o macaco-prego. Não sei bem por quê. Já que sou um bípede extremamente citadino, que encarou uma vaca pela primeira vez aos 21 anos numa capa de um disco do Pink Flyod e que sente náuseas quando se depara com qualquer gravura que remeta à leseira da vida agropastoril.  Sofro, clinicamente, de idiotia megaurbana. 

Mas, além da ararinha azul e do macaco-prego, tenho uma profunda afeição e simpatia por outra espécie constantemente ameaçada de sumir da colônia penal do universo, que é o nosso planeta Terra: o repórter. Cada vez mais raro nos ambientes glaciais e informatizados das redações, esse ente especialíssimo, que fareja, caça e vivencia notícias 24 horas, incansavelmente, e na opinião quase generalizada tem os dias contados, se transformará em fósseis de alguma era romântica e utópica.

Enquanto a longa noite não cai sobre as redações, cultivo alguns poucos exemplares desses seres incluídos na fatídica lista vermelha. O repórter Magno Martins é um deles. Sou admirador confesso da sua recorrente obsessão pelos fatos, da sua perseguição obstinada ao que é notícia, ao seu compromisso cotidiano e missionário de levar a verdade e suas versões aos leitores.

Esses dois anos do blog do Magno comprovam a tenacidade de quem resiste aos encantos fáceis e tentadores da profissão. Acompanhei, ora de perto, ora a distância, a superação diária das dificuldades, as críticas infundadas e até invejosas, a humildade profissional em reconhecer que a informação apressada estava errada (atitude singular diante da boçalidade hegemônica), a  oscilação da pressão arterial e também a generosidade de abertura de espaços democráticos para quem gosta do ofício de escrever. 

Como leitor assíduo, desejo longa vida ao blog. E que “a força mande coragem” para que possamos proteger da extinção, não apenas a ararinha azul e o macaco-prego, mas também a categoria taxonômica dos repórteres obsessivos. Entre os quais, permita-me citar minha lista pessoal e intransferível:  Magno Martins, Geneton Moraes Neto, Letícia Lins e Machado Freire. Sempre me passam a impressão de que, apesar do nosso constante tecido de horrores e impudicícias, ainda há poesia nos fatos.

• Estudante de cinema


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

milton tenorio pinto junior

Amin sempre inteligente e soube reconhecer quem de fato faz jornalismo com alma.

Parabéns, Amin.

machado freire

É com uma tremanda emoção que recebo este afago sincero do gigante e enorme companheiro Amin.Totozinho acabou de mostrar, na prática, isso que Amin relata: a notícia estava aqui na cara de todo mundo e Geneton veio buscá-la virgenzinha da silva.Aquelas redações são inesquecíveis.


13° Bolsa Familia

14/04


2008

CPI quer "fritar" ministro da Pesca

A CPI dos Cartões Corporativos deve assistir nesta terça-feira vídeo em que o ministro da Pesca, Altemir Gregolin, pede votos para o presidente Lula no segundo turno durante evento de trabalho no Pará, informa a repórter do blog em Brasília, Vanessa Laurino. A denúncia foi feita na semana passada pelo deputado Vic Pires (DEM-PA), um dos poucos oposicionistas que ainda participa das reuniões da CPI, durante depoimento do ministro.

Na ocasião, o deputado leu trechos de dois discursos do ministro. Um durante o evento oficial, quando entregou carteiras de trabalho para pescadores, e outro em evento partidário quando Gregolin afirma aos "companheiros" que foi ao Pará fazer campanha. O ministro tentou negar a acusação, mas voltou a trás depois que Vic ameaçou mostrar o vídeo.

O blog conversou com petistas na CPI e concluiu que o ministro será fritado. Não há disposição em blindar Gregolin, como tem ocorrido com Dilma Roussef (Casa Civil). O relator da CPI, deputado Luiz Sérgio (RJ), disse ao blog que o "caso é muito grave" e se a denúncia for comprovada o governo terá que tomar providências contra o ministro.

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Airton Correia da Silva

Se errou tem que ser punido e fim de papo.

Severino Isidoro Fernandes Guedes

O ministro da pesca será servido com peixe ao molho de coco, bacalhau a Gomes de Sá, ou com fritada de camarão?


Prefeitura de Limoeiro

14/04


2008

Senado dá um "jeitinho" e livra enrolados com Justiça

 O Senado Federal baixou uma norma que coube sob medida para quem exerce ou já ocupou cargo de direção na Casa e esteja enrolado com a Justiça. A estrutura do Senado ficará à disposição dessas pessoas para ajudá-las nos processos. Publicado no boletim administrativo de 26 de março deste ano, o documento afirma que “fica a Advocacia do Senado legitimada a representar em juízo senadores, ex-senadores, diretores e ex-diretores, na defesa de atos praticados no exercício da respectiva função”.

Naquela mesma data, Dimitrios Hadjinicolaou, diretor da Secretaria de Compras e Contratações do Senado, e Aloysio Vieira, ex-diretor de Contratações, foram denunciados pelo Ministério Público Federal por improbidade administrativa.

Os dois são acusados de fraudar três processos para a contratação de motoristas, serviços de vigilância e na área de comunicação social. Além dos dois servidores, o MPF denunciou representantes legais de quatro empresas do setor de segurança e conservação. Os contratos questionados pelos procuradores da República em Brasília somam R$ 33 milhões.(Correio Braziliense)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


14/04


2008

Festa: leitor cumpre promessa e doa kit sertanejo

João Daniel Neto, leitor deste blog em Serra Talhada, cumpriu a promessa que vinha fazendo em seus comentários, de que traria um feirão popular para a festa do blog, que acontece, hoje, às 18 horas. Logo cedo, antes das nove horas, ele entrou na redação com uma penca de produtos sertanejos. Veja a relação abaixo:

Duas galinhas de capoeira abatidas; quatro fardos contendo milho para produção de pipoca, xerém e fubá de milho. Seu kit inclui, ainda, rapadura de mamão e coco, doce de leite em calda, doces caseiros ( batata de umbu, rapadura de abacaxi, goiaba e amendoim, além da tradicional batida empalhada).

Toda a farta produção, segundo ele, é originária dos municípios de Serra Talhada, Triunfo e Santa Cruz da Baixa Verde. O que farei com isso? Segundo Daniel, foi uma cortesia para incluir no sorteio com os leitores. Trata-se de um sertanejo de palavra, que segue, fielmente, o lema “prega batido, ponta virada”.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

José Carlos-Serra Talhada

GILBERTO, EU DIGO ATÉ QUE VC TOMOU UMA CASA QUE PERTENCIA A SUA IRMÃ EM AFOGADOS DA INGAZEIRA E DEIXOU A COITADA DESAMPARADA, AI VC ACHA QUE EU NÃO DIGO QUE O GAGO NÃO TEM PALAVRA?

Gisonaldo Grangeiro

Eu já comi tudo isso aí, até o delicioso peba. Com fome, qualquer comida é manjá. Dia de sexta-feira, em Taquaritinga, ou melhor, no distrito de Gravatá do Ibiapina, a gente esperava o fim da feira para comprar sebo e comer com farinha. Portanto, essas comidas são um verdadeiro banquete.

Gilberto Carvalho Moura

Desse seu cardápio só faço restrição ao peba. Buchada e sarapatel, se forem feitos por minha mãe. como tranquilo, agora PEBA? Tô fora!

jose carlos da silva

O INACIO DA SILVA ESPERA UMA DOAÇÃO AO PROGRAMA FOME ZERO. QUE TAL OFERTAR?

joao daniel neto

Gilberto sertanejo que é macho come:buchada,angú,peba,tatu,tejú,umbú,munguza,fubá,bode,arroz vermelho,cuzcuz com leite,queijo de coalho,sarapatel,pamonha....


Magno coloca pimenta folha

14/04


2008

Congresso torra milhões com terceirizados

 Na contramão das orientações do Ministério Público do Trabalho, que travou uma batalha contra as terceirizações nos órgãos públicos federais, circulam nos corredores do Congresso diariamente 3.562 funcionários de empresas contratadas tanto pela Câmara quanto pelo Senado. Eles não possuem vínculos empregatícios com as instituições, são pagos pela iniciativa privada e, pelo menos teoricamente, seus empregos dependem dos contratos que os patrões conseguem conquistar. No entanto, o que se percebe na prática é a perpetuação de servidores terceirizados nos quadros de funcionários do legislativo, que mantêm seus cargos independentemente de qual seja a empresa contratada. As justificativas para a “estabilidade” dos assalariados estão no tão conhecido tráfico de influência e na disputada indicação política.(Correio Braziliense)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Severino Isidoro Fernandes Guedes

E é esse poder que quer consertar os supostos desemandos do Executivo?


Banner de Arcoverde

14/04


2008

Mais tensão entre indígenas e posseiros em Roraima

 A tensão entre indígenas e não-indígenas na Reserva Raposa Serra do Sol, em Roraima, continua. Nas últimas horas os índios intensificaram suas reuniões para discutir o que fazer diante da resolução do Supremo Tribunal Federal (STF), que, na última quarta-feira, suspendeu a operação de retirada dos não-indígenas da reserva de 1,747 milhão de hectares homologada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva em 2005.

De acordo com o coordenador do Conselho Indigenista de Roraima (CIR), Dionito José de Souza, é alto o grau de inconformismo entre os chefes - chamados de tuxauas, na língua dos macuxis, o grupo indígena mais populoso da região. “Eu já estou cansado de pedir paciência a eles”, disse o coordenador ao Estado.(O Estado de S.Paulo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

joao daniel neto

OK amigo severino vá lá pois eu rodei 410km para conhecer vcs....

Severino Isidoro Fernandes Guedes

Senhor João Daniel, o senhor é hilário, mas o discurso é do senhor Kigrer. Mas deixando isso de lado: o senhor estará logo mais na festa do Magno. Não tenho certeza se irei, mas se for terei imenso prazer em me encontrar com o senhor e com outros missivistas, aliados ou adversários.

joao daniel neto

Esse indios vagabundos não tem coragem de trabalhar é igual a turma do Pt,ditadura militar Já...



14/04


2008

Governo se arma para evitar rombos no orçamento

 Neste ano de eleições municipais, o governo terá um obstáculo político a mais para evitar o rombo nas contas provocado pela aprovação de três projetos que mexem com o reajuste de aposentadorias e aumenta verbas para a saúde. Os projetos aprovados pelos senadores na semana passada terão de ser votados na Câmara, onde o governo encontrará cerca de um quinto dos deputados em pré-campanha eleitoral e preocupados com a sua imagem junto aos eleitores. Caso os deputados aprovem as propostas, a hipótese será o veto pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O ministro de Relações Institucionais, José Múcio Monteiro, disse que o governo começará a discutir o que fazer na reunião de hoje da coordenação política.(O Estado de S.Paulo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Paulo Kigrer

Como pode pretender progresso um país que conta com homens dessa pouca qualidade à gerenciá-lo...

Airton Correia da Silva

Realmente, como José Múcio está diferente. O poder não muda a pessoa, revela quem ela é. Logo a esquerda que tanto o criticava quando foi adversário de Arraes.

joao daniel neto

O rei e o bobo da corte...