Lavareda

23/09


2006

Câmara do Recife anuncia demissão de parentes

 O presidente da Câmara de Vereadores do Recife, Josenildo Sinésio (PT), e o vereador João Arraes (PSB), compareceram, ontem, ao gabinete do procurador-geral de Justiça, Sales de Albuquerque, para tirar algumas dúvidas a respeito da ação estadual de combate ao nepotismo, deflagrada pelo MPPE. Na ocasião, Josenildo Sinésio garantiu as exonerações voluntárias no final deste mês. A casa legislativa tem até o dia 5 de dezembro para dispensar todos os parentes de vereadores que ocupem irregularmente cargos comissionados e de funções de confiança. A promotora Andrea Nunes, que atua na defesa do patrimônio público, também esteva presente à reunião. As informações são do site do MPPE.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Raimundo Eleno dos Santos

A denúncia deve ser feita por cada cidadão,sem medo de retaliações.Disque Denúncia do Ministério Público.Faça a sua parte.Exija Concurso Público para preenchimento de todas as vagas.Vigie o concurso a f de q ninguém entre pela janela.Vamos fazer a curetagem no Brasil.Uma cruzada de moral e civismo.

Raimundo Eleno dos Santos

No Brasil tem mais de 5000 municípios. Pernambuco tem 185. Considerando que temos 185Prefeitos e Vice,em média 11vereadores,10 secretários do executivo.Nepotismo e a pedra da vez.Cada Município gasta 10%+- da sua receita com benesses a parentes e afilhados.É cruel,quando nas escolas falta merenda...

milton tenorio pinto junior

Jogo de cena.É o faz de conta.Tá pensando que o povo é otário!

prudencio godoy de melo galvao

Convera pra boi dormir, algum mortal, acredita no que ta sendo divulgado?vamos no TJPE, na ASSEMBLÉIA, no TRIBUNAL DE CONTAS, no executivo então.....,. não tem jeito, é 100% DE NEPOTISMO, EM TODOS OS LUGARES, EM TDOS OS PARTIDOS, É UMA VERDADEIRA CORJA.


ALEPE

23/09


2006

Presidente já trabalha com cenário de segundo turno

 Circula nos meios publicitários uma informação explosiva: o “tracking” diário das pesquisas indica uma dramática redução do favoritismo de Lula. O presidente Lula admitiu, pela primeira vez, a cerca de quinhentos prefeitos, em Brasília, que pode haver segundo turno. Mas prometeu vencer a eleição. Pelo sim, pelo não, a sempre atuante área de arrecadação da campanha de Lula já trabalha (fazendo provisão) com a hipótese de segundo turno.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Antonio Pereira

COMO VAI PARA OSEGUNDO TURNO. DATAFOLHA DE HOJE, LULA 49%, ALCKMIN 31, HELOISA 7% E OUTROS 3%. LULA TEM 55% DOS VOTOS VÁLIDOS.

Ivan Câmara de Andrade

É preciso que fique claro, Lula não falou que iria haver 2º turno, o que ele disse é que estava preparado para ir ao segundo turno, como Mendonça também assim declarou, a diferença é que o 2º turno em Pernambuco é uma realidade e Mendonça está perdido.

prudencio godoy de melo galvao

essa informação ta no site do ESTADÃO, isso é só uma transcrição, e em todas as pesquisas divulgadas após o episódio, o LULA, continua com os mesmos patamares de intenção de voto, se o ALKIMIM, ta crescendo 1 pto perc. por semana, quando é q ele vai chegar perto o nosso LULA?, lá pelo carnaval + ou


O Jornal do Poder

23/09


2006

Dólares do dossiê iriam num jatinho

 O petista Valdebran Padilha, que foi preso com uma mala de dinheiro do PT no hotel Íbis, em São Paulo, levaria os R$ 1,7 milhão para Cuiabá em um jatinho alugado. A revelação foi feita por Luiz Antônio Vedoin à Polícia Federal. Era o pagamento ao dono da Planam por informações contra o ex-ministro da Saúde José Serra e pela entrevista que concedeu atacando o tucano. Agora, a PF quer saber quem pagaria o aluguel do tal jatinho. A informação está na manchete da coluna de Cláudio Humberto.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Abreu no Zap

23/09


2006

Heloísa: "Dinheiro do dossiê vem de paraísos fiscais"

Candidata do PSOL à Presidência, a senadora Heloísa Helena disse, ontem, em Salvador, que a Polícia Federal precisa identificar a origem do dinheiro encontrado com petistas em São Paulo e que seria usado para a compra de um dossiê anti-tucanos. Ela afirmou que ''milhões'' de dólares são enviados a paraísos fiscais para ''pagar marqueteiros e dívidas de campanha do presidente'' Luiz Inácio Lula da Silva.

''Eu acho que é fundamental identificar a origem do dinheiro. É inaceitável que o Brasil esteja assistindo a milhares de dólares nas peças íntimas do vestuário masculino, sem origem, milhões [de dólares] encaminhados aos paraísos fiscais para pagar marqueteiros e dívidas de campanha do presidente'', disse a senadora alagoana, antes de fazer uma caminhada no centro da capital baiana, no final da manhã.

De acordo com Heloísa Helena, o valor apreendido em São Paulo (R$ 1,7 milhão) circulou ilegalmente no país. ''É ilegal porque tanto dinheiro em espécie, seja real ou dólar, só pode ter sido beneficiado com uma liberação direta dos cofres públicos, do narcotráfico ou do crime organizado.''

A senadora disse que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi ''blindado'' por seus assessores.''Ele [o presidente] mais uma vez utilizou uma manobra eleitoreira muita esperta, dizendo à opinião pública que estava retirando de perto dele os envolvidos, quando se sabe que ele é o grande comandante de uma organização criminosa'', afirmou a candidata do PSOL. As informações são da Folha Online.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Antonio Pereira

ESTA MULHER SABE DE NADA. A PROCUPAÇÃO DELA É QUE ESTA CAINDO NAS PESQUISAS E NÃO VAI PODER AJUDAR ALCKMIN A IR APARA O SEGUNDO TURNO.



23/09


2006

Lula: "Compra do dossiê foi imbecilidade do PT"

O presidente e candidato à reeleição, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) fez comício na Baixada Santista, na noite de ontem, quando afirmou que foi uma ''imbecilidade de companheiros do PT que tentaram ajudar a campanha de Mercadante e acabaram prejudicando'' o fato de coordenadores de campanha terem tentado comprar um dossiê que incriminasse José Serra (PSDB). O presidente afirmou que ''negociar com bandido não faz parte da cultura do PT''.

Na seqüência, Lula pediu votos ao candidato ao governo de São Paulo Aloizio Mercadante. Durante o seu discurso, o petista voltou a dizer que coloca a mão no fogo por Mercadante, que ''tem passado e tradição''. O presidente pediu ainda que todos os historiadores e estudantes fizessem pesquisas e debates nas Universidades comparando os oito anos de governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, com o seu.

''Nós ganhamos deles em todas áreas: saúde, educação, economia, agricultura e emprego. Se fizemos o dobro em quatro anos, podemos fazer talvez três ou quatro vezes mais em um novo mandato'', projetou.

Lula falou ainda que seu governo criou sete milhões de empregos, aumentou o salário mínimo, reduziu o valor da cesta básica e de vários outros produtos, criou o Bolsa Família e Prouni, ''que conseguiu colocar 204 mil jovens carentes nas faculdades'', Farmácia da Família, entre outros programas. O candidato à reeleição disse também ter criado 32 escolas técnicas. ''A profissão é sagrada. Todo mundo tem que ter uma'', afirmou.

Para finalizar, Lula cutucou os adversários. ''Se eles governaram desde Cabral, porque não fizeram o que estou fazendo?. Eles acham que o povo tem que votar em grãfino, mas agora o trabalhador aprendeu que pode confiar no Lula''. As informações são do portal Terra.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banco de Alimentos

23/09


2006

Lula mantém favoritismo, apesar do novo escândalo

 A segunda pesquisa Datafolha após a crise política motivada pela compra de um dossiê por integrantes do PT contra políticos do PSDB mostra que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva continua liderando a corrida presidencial com 49% das intenções dos votos, mas oscilou um ponto para baixo em relação a consulta anterior --50%. Se a eleição fosse hoje, Lula seria reeleito com 55% dos votos válidos, excluindo brancos, nulos e indecisos.

O candidato do PSDB, Geraldo Alckmin, oscilou dois pontos para cima e agora tem 31%. Na pesquisa divulgada na última terça-feira o tucano tinha 29%. Esta é a terceira oscilação positiva consecutiva de Alckmin. A senadora Heloísa Helena (PSOL) oscilou de 9% para 7% e Cristovam Buarque (PDT) se manteve com 2%. Ana Maria Rangel (PRP) tem 1% das preferências.

José Maria Eymael (PSDC), Luciano Bivar (PSL) e Rui Costa Pimenta (PCO) não atingiram 1%. A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos. O Datafolha ouviu 4.319 eleitores em 210 cidades na sexta-feira. A pesquisa foi registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) com o número 18862/2006. As informações são da Folha Online.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Antonio Pereira

BOA LULA. QUEM É ESTA ANA MARIA RANGEL PARA TER 1% NA INTENÇÃO DE VOTOS. PARA MIM TRATA-SE DE UM FENOMENO OU JOGADA DO DATAFOLHA. ATÉ DE 1 DE OUTUBRO.

O povo tem o ladrão que merece....



23/09


2006

Aos leitores

Ficamos fora do ar durante esta madrugada por algumas horas, devido ao trabalho de manutenção técnica no Blog. Esta manutenção é fundamental para que possamos prestar um serviço mais ágil e de qualidade aos nossos leitores. Em função disso, deixamos de atualizar o Blog desde às 19:00h de ontem, mas daqui a pouco voltaremos à nossa rotina. Obrigado pela compreensão.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

cristiano lins de amorim

DESTA VEZ EU NÃO FALEI DO HOMEM JARBAS VASCONCELOS. FALEI DO MODO DE GOVERNAR DO GOVERNADOR JARBAS. EU SOU TOTALMENTE RESPONSAVEL POR TUDO QUE FALO E AINDA ASSIM FUI CENSURADO. OBRIGADO MAGNO.



22/09


2006

Jarbas: "Eduardo quebrou PE e Humberto está indiciado"

 Faltando apenas nove dias para as eleições, o ex-governador de Pernambuco e candidato ao Senado, Jarbas Vasconcelos (PMDB), fez, hoje, em entrevista à Rádio Folha, o mais duro ataque contra o candidato a governador pelo PSB, ex-ministro Eduardo Campos, que aparece na pesquisa do Ibope de ontem empatado com Humberto Costa (PT), com 26%, enquanto Mendonça Filho(PFL) lidera com 35%.

"Pernambuco não pode retroceder. Eduardo foi o pior secretário da Fazenda de Pernambuco. Deixou uma herança maldita para o Estado, que foi a operação dos precatórios, cuja dúvida, atualizada, chega, hoje, a R$ 1,6 bilhão. Com isso, Pernambuco compromete sua receita em R$ 12 milhões a cada mês e ainda deve 40 das 120 parcelas", desabafou, para acrescentar: "Qual a proposta nova que este candidato tem? Quem é novo é Mendonça".

Jarbas disse que, ao assumir o Governo de Pernambuco, em 1999, encontrou um Estado "falido, quebrado e desmoralizado". Relembrou que o secretário da Fazenda de Arraes foi Eduardo, que argumenta sobre o caso dos precatórios que foi absolvido pelo Supremo. "Ora, o Collor também foi e é candidato ao Senado em Alagoas. Maluf também foi e é candidato a deputado federal em São Paulo. O que importa é que ele ( Eduardo ) quebrou o Estado", afirmou.

Sobre o candidato do PT, Humberto Costa, Jarbas também jogou pesado. Disse que uma pessoa que é indiciada pela Polícia Federal não pode governar um Estado. Ele vai ser denunciado pelo MP amanhã ou depois de amanhã. Desta forma, sua candidatura causa constrangimento aos pernambucanos. É uma grande bobagem dizer que isso é uma tramóia, que é um esquema contra ele, porque nem Mendonça nem eu temos força na Polícia Federal", afirmou.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

cristiano lins de amorim

DESTA VEZ EU NÃO FALEI DO HOMEM JARBAS VASCONCELOS. FALEI DO MODO DE GOVERNAR DO GOVERNADOR JARBAS. EU SOU TOTALMENTE RESPONSAVEL POR TUDO QUE FALO E AINDA ASSIM FUI CENSURADO. OBRIGADO MAGNO.

milton tenorio pinto junior

Jarbas, quem precisou e precisa de um hospital publico aqui em Pernambuco não vai esquecer de voçê e Mendoncinha por muitos anos.Voçê era o Rei ,a Assembleia a Corte dos bobos e serviçais e a imprensa caladinha,caladinha por longos oito anos!!!!!!!!

osgone

Mostra proposta para o Estado de PE Jarbas. O povo já estar cansado de tanta baixaria.

José Rodrigues da Silva

Pena, que vc não concorde, voto em vc prá senador, mas meu governador é Dr. Eduardo!!!

Ivan Câmara de Andrade

Mendonça é o novo? conta outra piada. Bater de novo na tecla dos precatórios? Procura outro discurso. Humberto indiciado? Não foi condenado e vai se defender na justiça. Jarbas você tá procurando chifre em cabeça de cavalo e sei que você sabe que essa Mendonça não leva.



22/09


2006

Eleição presidencial: marqueteiro aposta em dois turnos

 Numa conversa com o jornalista Fernando Castilho, do Jornal do Commercio (PE), o marqueteiro Marcelo Teixeira, da Makplan, um dos grandes vitoriosos em campanhas eleitorais no País, faz uma previsão otimista de que haverá segundo turno na disputa presidencial. O motivo da sua certeza é a tendência de queda de Lula nas regiões mais desenvolvidas do País, como o Sul, o Sudeste e até no Norte e o agravamento da crise envolvendo o PT no dossiê anti-Serra.

Para Teixeira, os institutos que fazem pesquisas eleitorais no País correm o risco de sair com a imagem bastante desgastada da eleição presidencial. "Na história republicana, nunca um candidato obteve, no dia da eleição, um índice de 70%, como apontam para Lula em alguns Estados", adverte.

E acrescenta: "Seria algo como em cada 100 pessoas, 70 saíssem de casa dispostas a votar num único candidato. Isso não está acontecendo no momento, diz. Isso também não quer dizer que Lula não esteja na frente (e por muito) no Nordeste, está. O que as pesquisas não conseguem captar com precisão é esse percentual. Até porque dentro do Nordeste esse fenômeno não é generalizado. Cite-se os casos de Sergipe e Bahia".

Segundo ainda o marqueteiro, a pesquisa eleitoral não chega no eleitor médio ou referencial. Há casos de problemas básicos como a dificuldade de abordagem da Classe A, a dificuldade de entrevistar pessoas em apartamentos e de se estratificar classes sociais iguais em Regiões diferentes com maior precisão.

"Nas grandes cidades, diz ele, o pesquisador não consegue entrar no edifício porque o porteiro não deixa, por questões de segurança. Assim, quanto mais urbana é a cidade, mais o pesquisador capta o seu entrevistado na rua. Isso não invalida as pesquisas. Muito menos as tornam inúteis. Mas essa é uma dificuldade que muitos institutos já debatem há várias eleições sem conseguir resolver o problema".


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

prudencio godoy de melo galvao

É meus amigos, tem gente q vive no mundo da lua, eu diria a esse Marcelo Teixeira, que Lula, hoje, pelo menos aqui em Pe; tem isso q a pesq. diz ou muito +, é simples, perguntar ao lavador de carros, em quem ele vai votar, ao padeiro, ao gazeteiro,ao mot. de táxi, de ônibues, a prof. é uma CONSTATAÇ

José Rodrigues da Silva

Quantos são os enviúvados deste pobre país Brasil? Lula não é tão grande para precisar que o exército o expulse, basta vergonha na cara nos eleitores brasileiros. Mais nada!!!

LandRover

Sonhei que uns "verdes-lins" de altas patentes, descontentes com a roubalheira PTriana, amanheciam cercando os palácios brasilienses: eram tanques e bazucas, metralhadoras e fuzis apontando para os Três Poderes da Nação. Congresso fechado, políticos ladrões presos. Povo nas ruas em euforia. Acordei.



22/09


2006

Globo prepara debate da próxima terça-feira

A Imprensa terá uma sala especial no Centro de Convenções de Pernambuco com toda a estrutura de informática para acompanhar o debate da TV Globo entre os candidatos a governador, marcado para a próxima terça-feira, às 22h30m, informa o jornalista Ronan Drummond, assessor de Imprensa da emissora. A mediação será do competente Francisco José.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

José Rodrigues da Silva

Em qualquer circunstância ganha Eduardo, não é opinião, é a mais pura constatação.

Glaucio, poderia dizer em quantos debates o Lulla compareceu? Ele tem que explicar essa bandidagem que assola o país, inclusive as mortes dos prefeitos de Campinas e de Santo André.

Gláucio José Araujo Vaz

Sera que o garoto de Jarbas vai oa debate? Esperamos que sim, pois e otimo houvir ele dizer que vai fazer e acontecer, mesmo depois de oito anos. Saúde, educação e segurança foi muito fraca. Vai meu garoto, vai debater que tu aprende