Governo de PE

19/05


2019

Medo de ser pego com a mão na botija?

Ascânio Seleme – O Globo

Bolsonaro está com medo de ser pego com a mão na botija? Não. Até porque não dá para afirmar isso por ora. É muito cedo.

Mas ele está tremendo de pavor de ver um filho seu, ou quem sabe dois deles, acertando contas com a Justiça.

A saída possível para o Zero Um fica cada dia mais difícil. O Ministério Público já chama de “organização criminosa” o grupo que o filho do presidente montou na Assembleia Legislativa do Rio.

Ele, sua mãe, o seu irmão mais novo (o que não está na política), a ex-mulher do seu pai, primos, amigos e funcionários do seu gabinete terão suas contas bancárias e suas declarações de renda escarafunchadas pelo MP e pela Polícia Federal.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Governo de PE

19/05


2019

Marina passa o chapéu para manter sua Rede ativa

Depois de ver a Rede minguar sem recursos do fundo partidário (não atingiu a cláusula de barreira), Marina Silva tem passado o chapéu entre amigos mais abastados.

 Ela já teria conseguido garantir o próximo ano de funcionamento do partido.

 Na Rede, há quem defenda que Marina se lance à Prefeitura de São Paulo ano que vem ou a deputada federal em 2022 para ajudar o partido. A ex-ministra teve cerca de 1 milhão de votos ano passado.

Já 0residente Bolsonaro e o ministro Fernando e Silva receberão na próxima terça-feira os atletas militares campeões mundiais de Revezamento 4×4.(Coluna do Estadão – Álvaro Bombig)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Congresso Nordestino de Educação Médica

19/05


2019

Um homem acuado, com medo

Ascânio Seleme – O Globo

presidente Jair Bolsonaro está na defensiva antes mesmo de completar seis meses de governo. Ao atacar mais uma vez as investigações sobre as falcatruas do filho Zero Um no exercício de seu mandato de deputado estadual, Bolsonaro afirmou que elas não o alcançarão. “Não vão me pegar”, disse o presidente.

Para se mostrar inocente, ele chegou a oferecer a abertura de seus sigilos bancário e fiscal. Foi da boca para fora, evidentemente.

O curioso foi ter usado uma desculpa adotada por dez entre dez pessoas acusadas de malfeitos. Não precisava, o presidente não é acusado deste crime.

Mas a declaração serviu para revelar um homem acuado, com medo.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


19/05


2019

Esse santo quer reza

Luciano Huck esteve por quase seis horas no TCU, no último dia 9, para conversas com ministros e técnicos sobre as funções do tribunal na administração federal. Ele foi ao local a convite do presidente da corte, José Múcio Monteiro.

Huck levou seu time. O ex-governador do Espírito Santo Paulo Hartung e o fundador do RenovaBR, Eduardo Mufarej. A formação de novas lideranças e políticas públicas contemporâneas também foram debatidas.

Segundo pessoas próximas a Múcio, ele pretende convidar também o ministro Sergio Moro (Justiça) para uma imersão na corte. Antes, porém, chamará Fernando Henrique Cardoso.  (FSP - Painel


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


19/05


2019

Não está morta: Raquel Dodge pelas beiradas

Aliados de Raquel Dodge, a atual procuradora-geral, dizem que, embora fora da disputa promovida pela ANPR, ela segue no páreo pelo apoio que tem no Congresso e entre integrantes do STF e até do Planalto.

Bolsonaro, recentemente, referiu-se a ela como “séria”.

Bolsonaro disse a aliados que vai decidir “pessoalmente” o nome do próximo procurador-geral, o que alimentou a sensação de que conselhos que vierem de gente de fora de sua família terão pouco peso na escolha.

O ex-presidente da Associação Nacional dos Procuradores da República José Robalinho Cavalcanti iniciou um giro pelo Congresso em busca de apoio.

Ele se inscreveu na disputa que levará a uma lista tríplice de nomes. (Daniela Lima – FSP)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

ArcoVerde

19/05


2019

Subiu o tom: vai faltar dinheiro para o Bolsa Família

O ministro Paulo Guedes subiu o tom na última semana, dizendo inclusive que pode faltar dinheiro para programas como o Bolsa Família.A fala foi considerada “alarmista” por deputados.

Aliados rebatem.

Dizem que Guedes tenta compartilhar responsabilidades por crer que ninguém vai ganhar “brincando com o caos”. (Painel)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Asfaltos

19/05


2019

Sobreviver a classe política: recuperando a economia

Antes da turbulência política escalar, Paulo Guedes (Economia) trabalhava para se distanciar dos focos de divergência dentro do governo. O ministro vinha afirmando que não queria mais se ligar às disputas intestinas.

“Só quero saber do que pode dar certo”, dizia, segundo aliados, como um mantra.

A pessoas próximas, Guedes havia manifestado intenção de falar com Bolsonaro sobre a necessidade de centrar esforços no que considera a chave para a sobrevivência da classe política: a recuperação da economia.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


19/05


2019

Morre mãe de Lula Cabral

Faleceu, ontem, no Real Hospital Português, aos 85 anos, vítima de um Acidente Vascular Cerebral (AVC), a senhora Edite Maria de Oliveira, mãe do prefeito do Cabo de Santo Agostinho, Lula Cabral e do ex-deputado estadual Everaldo Cabral, e também avó da deputada estadual, Fabíola Cabral. 

O corpo está sendo velado no velório do Plano Safpe, e será sepultado às 17 horas deste domingo, no Cemitério do Cabo de Santo Agostinho. Dona Edite Cabral deixa 10 filhos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

bm4 Marketing 4