FMO janeiro 2020

25/09


2006

Uso da máquina ou mais uma armação?

Eleição tem de tudo: vários leitores enviaram e-mails ao blog informando ter recebido telefonema da Prefeitura do Recife sobre uma suposta pesquisa de avaliação do Governo João Paulo (PT). Logo após a pessoa responder aos questionários, a telefonista pede para aguardar um momento, informando que João Paulo gostaria de dar uma palavrinha.

E aí entra a voz do prefeito, supostamente uma gravação, em que ele pede voto para o candidato a deputado estadual, ex-secretário do Orçamento Participativo, João da Costa (PT). Das duas, uma: ou estão usando o nome de João Paulo ou está caracterizado um uso abusivo da máquina pública para favorecer uma candidatura.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Vamos com calma prefeito João Paulo, que o senhor quer o João da Costa para sua sucessão, o Recife já sabe, agora usar a máquina da prefeitura para fazer campanha abusivamente em favor do Joaão da Costa é F. Está doido.

JOSE JERONIMO DA SILVA

Da mesma forma que o colega ANDRE, também em minha casa, essa moça pediu para que votasse nesse também corrupto JOÃO DA COSTA,. e em seguida, em viva voz o JOÃO PAULO, lança mensagem pedindo voto, também tenho bina e fornecerei o numero se quizerem. O TRE pareçe que não tem ouvidos, É SURDO

O TJE deveria agir com rigor. Mais uma que o pessoal do PT está aprontando.

Andre Leal

Caro Magno, eu fui vitima deste absurdo. no meu caso não foi uma gravação foi um Moça, meio perdida pedindo para em nome do Prefeito João Paulo que eu votasse no Dep.João da Costa.Disse-lhe que não votaria em Ladrões!! Alguem do PT quizer te certeza É so me procurar informarei qual o fone tenho bina


Prefeitura de Serra Talhada

25/09


2006

PF pede ajuda ao Coaf para identificar dinheiro do dossiê

Depois de ser acusada de lentidão nas investigações sobre a origem do dinheiro que seria usado na compra do dossiê contra candidatos tucanos, a Polícia Federal decidiu reagir. O delegado da PF Luiz Flávio Zampronha, coordenador da Divisão de Combate a Crimes Financeiros, foi hoje ao Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) cobrar informações sobre a origem dos recursos, segundo informa a repórter do Blog do Magno, Ana Silveira.

Como o Coaf é informado pelos bancos sobre saques acima de R$ 100 mil realizados em instituições bancárias, a PF acredita que poderá identificar onde a origem dos recursos com base nas informações do Conselho. No total, foram apreendidos R$ 1,7 milhões nas mãos de Gedimar Passos e Valdebran Padilha -- petistas acusados da compra do dossiê. Pouco mais de R$ 1 milhão eram notas em reais, e o restante, eram dólares.

A Polícia Federal promete recorrer ao FBI, nos Estados Unidos, para identificar como os dólares entraram no Brasil. Quanto as reais, a PF acredita que o dinheiro foi sacado em agências do Bradesco, BankBoston e Banco Safra.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Abreu e Lima - Prefeitura - Abreunozap

25/09


2006

Candidato do PSDC internado com sintomas de infarto

O candidato do PSDC ao Governo de Pernambuco, Luiz Vidal, foi internado, há pouco, num hospital do Recife, com sintomas de infarto. Já se submeteu a uma bateria de exames para saber a extensão do problema.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Raimundo Eleno dos Santos

Esse elemento tem sido espoleta de Jarbas e de Mendonça.Ele está alugado para falar mau de Dudu Beleza e de Bebeto Perseguido.EAlckmin, também quase que lhe passaram uma rasteira.Coração é enganoso... e cruel. Será que vão emplacar?Quem procura amaldiçoar o abençoado, pega carga dupla.É isso.


Banco de Alimentos

25/09


2006

Abílio pede tropas federais para 12 municípios de AL

O governador de Alagoas, Luís Abílio (PDT), já pediu ao Tribunal Regional Eleitoral, nesta manhã, o reforço de tropas federais para mais 12 municípios do Estado de Alagoas. Quem forneceu a informação foi o secretário de Defesa Social do Estado, Coronel Ronaldo dos Santos, que está ao lado do governador cumprindo uma agenda de compromissos na cidade de Arapiraca, localizada na região Agreste de Alagoas.

 A princípio, os novos municípios que poderão contar coma presença de tropas federais na eleição deste ano são Roteiro, São Miguel dos Campos, Arapiraca, Ibateguara, Piranhas, Estrela de Alagoas, Palmeira dos Índios, União dos Palmares, Olho D’Água das Flores, Atalaia, Traipu e Senador Rui Palmeira.

 Caso a solicitação seja atendida pelo Tribunal Regional Eleitoral, ainda terá que ser encaminhada para o Tribunal Superior Eleitoral, em Brasília, a fim de ser submetida a apreciação dos ministros. Caso seja atendida, aumentará para 20 o número de cidades do interior alagoano que serão policiadas por soldados do Exército no próximo domingo (1º), data da eleição.

 Desde a semana passada que já está confirmado o reforço federal para oito municípios alagoanos: Coruripe, São Luiz do Quitunde, Flexeiras, Batalha, Minador do Negrão, Delmiro Gouveia, Satuba e Rio Largo. As informações são da Agência Nordeste.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


25/09


2006

Projeto estimula doações a candidatos

Está pronto para ser votado, em regime de prioridade, na Câmara dos Deputados, projeto oriundo do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e patrocinado pelo presidente do Senado, Renan Calheiros, que estimula o financiamento lícito das campanhas eleitorais, mediante doações que poderão ser deduzidas no imposto de renda. O projeto (PLC 6803/06) encontra-se na Comissão de Finanças e Tributação daquela Casa, submetido ao relator, deputado Geddel Vieira Lima (PMDB-BA).

A proposição altera a legislação do imposto de renda para permitir que as empresas façam doações a partidos políticos ou candidatos em campanha eleitoral, até o limite de 2% do lucro operacional por elas registrado, antes de computada essa dedução. O projeto estabelece que tais doações somente poderão ser feitas em cheque nominativo ou transferência bancária, devendo ser depositadas obrigatoriamente em contas abertas conforme instruções do TSE. As informações são da Agência Senado.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

O Jornal do Poder

25/09


2006

Mendonça representa contra Milton Coelho no TRE

O candidato da União por Pernambuco ao Governo do Estado, Mendonça Filho, está dando entrada no TRE-Tribunal Regional Eleitoral a uma representação contra o presidente licenciado do PSB pernambucano, Milton Coelho. A representação de Mendonça está  relacionada com o episódio das gravações feitas pelo empresário Saulo Batista envolvendo Coelho. Nas gravações,  Milton Coelho é envolvido em supostas negociações para liberação de verbas oriundas da Petrobras para projetos do empresário, e que, segundo acusa Saulo, contaria com propina para a candidatura de Eduardo Campos a governador de Pernambuco.

Mendonça representa contra Milton Coelho em torno de esclarecimentos para o caso, já que seus adversários, a exemplo do que fez Eduardo Campos hoje, vêm insinuando que as gravações seriam ''armações e uma prática atrasada de reduzir o debate político''. O candidato da União por Pernambuco requer do TRE o esclarecimento total do episódio que esquentou o noticiário político do final de semana no Estado.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Severino Isidoro Fernandes Guedes

Eduardo não tem que renunciar a coisa alguma. Vai ganhar a eleição de forma limpa porque o povo de Pernambuco está enojado com os velhos métodos da direitona para se perpetuar no poder. O denuncismo barato e calunioso desta vez não vai pegar. Arraes será vingado pela calúnia dos precatórios.

Armando

A QUESTÃO NÃO É A DESQUALIFICAÇÃO DAS PESSOAS... A QUESTÃO É QUE A PESSOA EM QUESTÃO NÃO PASSA DE UM SECRETARIOZINHO DO PSDB JOVEM, TA LA NO SITE WWW.SAULOBATISTA.CJB.NET, É MUITA CONHECIDÊNCIA NÉ NÃO !?... MAIS UMA DE MUNDICINHA E CIA. LTDA.

As conversa estão gravadas e o PSB ainda fala em armação. Seria mais um golpe contra o dinheiro público. Eduardo deveria renunciar sua candidatura.

Francisco Filho

SOBRE ESSA SITUAÇÃO, MUITA COISA PRECISA SER EXPLICADA. NÃO ADIANTA FICAR DESQUALIFICANDO AS PESSOAS. INVESTIGAR A FUNDO E DEPOIS FAZER USO DA LEI. É ASSIM NUM PAÍS CIVILIZADO, MAS NA REPUBLICA PETISTA, VALE MAIS A CONTRA-INFORMAÇÃO PARA JOGAR FUMAÇA SOBRE A VERDADE. P/ EXEMPLO: OS COMENTARIOS ABAIX

Armando

o cara é empresário de porra nenhuma o cara é um liso não tem grana nem pra levar as baranga pra jantar... é tudo comprado... agora quem sabe ele possa levar essa baranga ai do site (www.saulobatista.cjb.net) pra jantar !



25/09


2006

Aldo diz que impugnação do mandato de Lula é golpe

O presidente da Câmara dos Deputados, Aldo Rebelo (PC do B-SP), surpreendeu os jornalistas esta manhã ao partir para o ataque contra a oposição. Conhecido por seu estilo ''paz e amor'', que dificilmente reage até às críticas mais ferozes, Aldo rebateu a possibilidade de a Justiça impugnar o novo mandato do presidente Luiz Inácio Lula da Silva - como relata a repórter do Blog do Magno, Ana Silveira.

Aldo disse que a impugnação do mandato de Lula, caso o presidente seja reeleito e o TSE conclua que ele participou da compra do dossiê, é um ''golpe das forças das trevas'' do país. Ele citou famosos golpes da história brasileira, como os de 1964 de 1955, que resultaram no início da ditadura militar e na tentativa de impedir a posse de Juscelino Kubstichek.

''Um atalho muitas vezes é um golpe no tapetão. O desejo dessas vozes das trevas, das vozes do desespero, não encontrará respaldo no TSE, porque o tribunal não vai acolher nenhum tipo de chicana, nenhum tipo de atalho'', criticou. O TSE decidiu investigar Lula depois de acatar pedido do PSDB e do PFL para apurar a participação do presidente no caso dossiê.

Otimista, o presidente da Câmara ainda acredita na reeleição de Lula no primeiro turno. Mas admitiu que a campanha foi prejudicada com a trapalhada do dossiê. E chamou de ''desqualificados'' os petistas envolvidos na compra do documento. Na opinião de Aldo Rebelo, a oposição quer forçar o segundo turno contra a vontade da maioria dos eleitores.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

LandRover

Pra presidente incompetente, Deposição Já!

Severino Isidoro Fernandes Guedes

Aparelhamento do Estado? Seus pobremas se acabaram-se. As Org. Tabajara tem a solução: Polícia Federal governista e Ministério Público com engavetador geral pra não apurar nada. É só votar 45 (Geraldo) por um Brasil decente, sem corrupção e sem apuração de nada!

JOSE JERONIMO DA SILVA

Um homem que aceita ser pau mandado como esse "comunista" não é merecedor de qualquer crédito, principalmente partindo de quem manda O GRANDE SAPO EBRIO BARBUDO. Ele devia estar preocupado com sua reeleição que não está nada facil.

josé arnaldo amaral

REBELO SACRIPANTA DITO "COMUNISTA"... É CATERVA DO MULLA DO PT... E OPERADOR GRADUADO DO ESQUEMA DE APARELHAMENTO DO ESTADO PELO LULLISMO. NÃO DEVE ESCAPAR DAS ALGEMAS, TAMBÉM...45 NELLE !!!

josé arnaldo amaral

R



25/09


2006

Eduardo Campos critica Milton Coelho

O ex-ministro de Ciência e Tecnologia e candidato ao Governo de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), rebateu, hoje, as denúncias envolvendo o presidente estadual do partido, Milton Coelho, que se afastou do cargo na última sexta-feira. Segundo ele, as gravações apresentadas pelo empresário Saulo Batista - em que Milton aparece acertando valores de propinas em troca de beneficiamento em contratos da sua empresa - são “fraudulentas e criminosas”. “Essa é uma prática odienta, uma prática atrasada de reduzir o debate político a mentiras e as agressões”, afirmou.

 Eduardo chegou a comparar as denúncias com o caso Maria do Socorro, em que uma moradora do bairro de Brasília Teimosa, na Zona Sul do Recife, que confirmou ter recebido dinheiro para dar um depoimento contra a candidatura à reeleição do prefeito do Recife, João Paulo (PT), na campanha de 2004. “A gente viu aqui na campanha de João Paulo a Maria do Socorro, que foi uma armação que envolveu a Casa Militar do Governo do Estado de Pernambuco”, lembrou o candidato, em entrevista à Rádio CBN. 

 Eduardo mais uma vez garantiu que não tinha conhecimento das denúncias e criticou Milton Coelho por sua postura no caso. “Ele tentou de maneira errada fazer o papel de polícia”, afirmou o socialista, reiterando a justificativa do presidente da legenda, de que foi ao encontro para prender o empresário. O candidato também defendeu a investigação dos fatos, que chamou de “armação”. “Quem deve está temendo é quem armou com esse cara”, assegurou. As informações são da Agência Nordeste.

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Tiago

ACABARAM COM A TRAMBICAGEM DE EDUARDO, AGORA DEPOIS QUE FICAR PROVADO A TENTATIVA DE RECEBER DINHEIRO ILEGAL DA PETROBRÁS PARA SUA CAMPANHA VAI DIZER QUE NÃO SABIA DE NADA,JOGAR A CULPA NOS OUTROS MAIS NÃO VAI DIZER QUEM FOI O TRAIDOR. É DO TIME DE LULA!

Tiago

ACABARAM COM A TRAMBICAGEM DE EDUARDO, AGORA DEPOIS QUE FICAR PROVADO A TENTATIVA DE RECEBER DINHEIRO ILEGAL DA PETROBRÁS PARA SUA CAMPANHA VAI DIZER QUE NÃO SABIA DE NADA,JOGAR A CULPA NOS OUTROS MAIS NÃO VAI DIZER QUEM FOI O TRAIDOR. É DO TIME DE LULA!

Fabiano Brennand

Como diria Moraes Moreira: "Pague meu dinheiro, pague meu dinheiro, quem deve paga, não atrasa, pague meu dinheiro..." Ou seria melhor o BNB cantar essa música "pros" mendonças????

paulo

DUdu dos Precatorios.

Flavio Campos Neto

Esta mais do que claro que esse escandalo não existe... Foi plantado por um picareta pra tentar manchar a imagem de Milton Coelho e de Eduardo. O eleitor já esta caleijado. Olhe ai quem é esse picareta http://www.saulobatista.cjb.net/



25/09


2006

Dossiê: PF pressiona Coaf pela origem do dinheiro

A Polícia Federal enviou hoje um ofício ao Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) e ao Banco Central pedindo para agilizar a liberação do sigilo das agências bancárias em foi sacado o dinheiro que seria utilizado para a compra de um dossiê incriminando os tucanos. Os petistas Valdebran Padilha e Gedimar Passos foram presos no último dia 15 com R$ 1,7 milhão em um hotel em São Paulo, que seria dado em troca do dossiê.

De acordo com a Polícia Federal de Cuiabá, o Coaf prometeu dar uma resposta sobre as investigações ainda hoje. Uma entrevista coletiva está marcada para esta segunda-feira, em Brasília. Ainda segundo a PF, a origem do dinheiro deve ser elucidada até o final da semana. O inquérito, no entanto, só deve ser concluído após as eleições.

A PF aguarda autorização do delegado Diógenes Curado Filho para iniciar a investigação sobre o empresário Abel Pereira, citado nos depoimentos, e Oswaldo Bargas, ex-secretário do Ministério do Trabalho, que fará parte de um outro inquérito. As informações são do portal Terra.

A PF ainda está analisando a fita de vídeo do circuito interno do Hotel Ibis, de São Paulo, onde Valdebran e Gedimar foram presos. Os agentes querem verificar se encontram alguém conhecido que esteja entrando no hotel para entregar o dinheiro.

A Polícia Federal reforçou ainda que existe a possibilidade de ouvir novamente Valdebran. Caso ele mantenha a versão apresentada nos depoimentos anteriores, pode ser avaliada uma acareação com o empresário Luiz Antonio Vedoin, sócio da empresa Planam, considerado o chefe do esquema da máfia das ambulâncias. De acordo com a PF, os depoimentos dos dois são contraditórios.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


25/09


2006

Empate na corrida para o Senado no Ceará

Os deputados federais Moroni Torgan (PFL) e Inácio Arruda (PCdoB), a uma semana das eleições, estão empatados na disputa para o Senado no Ceará. Pesquisa do Instituto Datafolha divulgada hoje pelo jornal O Povo aponta que cada um tem 40% das intenções de votos dos cearenses. Com 1% estão os candidatos Tarcísio Leitão (PCB), Raimundo Castro (PSTU) e Fernandes Filho (PSDC). Já a candidata Nair Fernandes (PDT) não atingiu 1%. Brancos e nulos somam 7% e os indecisos são 10%.

 

Raimundo Castro tem maior índice de rejeição, com 45%. Inácio tem o menor, com 21%. Moroni é rejeitado por 22%, Nair por 29%, Fernandes por 30% e Tarcísio por 30% dos entrevistados.

 

O Datafolha ouviu 1.175 eleitores maiores de 16 anos em 50 cidades cearenses, nos dias 21 e 22 de setembro. A margem de erro é de 3%, para mais ou para menos. A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) com o número 21.508/2006. As informações são da Agência Nordeste.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha