FMO janeiro 2020

14/11


2006

Bastidores da política e do poder

Nos últimos dias, o governador eleito Eduardo Campos (PSB) criou uma falsa expectativa em torno da viagem à Venezuela, na qual teria uma reunião de trabalho com o presidente Chávez sobre a refinaria de petróleo. Surpreendentemente, não ocorreu o encontro e a viagem de Lula se deu apenas com o propósito de fazer campanha para o presidente venezuelano, que enfrenta as urnas nos próximos dias.

 

Ao longo de todo o dia de ontem, as agências de notícias on-line não postaram uma só linha sobre a esperada reunião. A única informação, que já chegou tarde da noite, através da agência Estado ( veja texto abaixo ), foi passada pelo próprio Eduardo, afirmando que Lula teria dito a Chávez que poderia bancar sozinho a refinaria.

 

A montanha pariu um rato. Lula tinha acertado que iria ajudar Chávez na campanha e assim cumpriu a promessa. Envolvido com o clima eleitoral, onde já pagou uma pesquisa pela PDVSA para dizer que venceria a eleição, o ditador venezuelano não está nem aí para esse negócio de refinaria. Para quem esperava um desfecho favorável a Pernambuco, a viagem de Eduardo foi um tremendo blefe.

 

Resumo da ópera: conforme já se sabia há mais de 15 dias, através de uma nota na revista Veja, a Petrobras não terá mais a PDVSA como parceira no empreendimento. Chávez zomba da cara de Lula e de todos nós.

 

De malas e cuias – Um dos homens fortes do Governo Eduardo Campos, o economista Aristides Monteiro já conseguiu no IPEA, em Brasília, a sua transferência para Pernambuco. Técnico de carreira do órgão, Monteiro deve assumir a Secretaria de Planejamento. Embora tenha sido uma indicação de Tânia Bacelar para coordenar o programa de Governo do então candidato do PSB a governador, Monteiro tem uma relação antiga com Eduardo. Foram colegas do curso de Economia na Universidade Federal.

 

A versão tupiniquimSe mantiver o Chapéu de Palha como uma ação permanente do governo, conforme adiantou, ontem, ao blog, o economista Aristides Monteiro, o governador eleito Eduardo Campos (PSB) estará criando, na prática, a versão estadualizada da Bolsa-Família. A não ser, claro, que essas pessoas beneficiadas venham a trabalhar duro, o que não ocorre com o programa petista.

 

Chaves secretariável? – A central de boatos de ontem dava conta de que o deputado José Chaves seria o nome indicado pelo deputado Armando Monteiro Neto, líder do PTB no Estado, para o secretariado de Eduardo. Fala-se na pasta de Infra-estrutura. Eduardo dará tanto poder assim ao PTB?

 

Nomes importados – Uma das surpresas do secretariado de Eduardo Campos pode vir de Brasília. Há quem diga que ele importará alguns quadros que conheceu quando ministro de Ciência e Tecnologia. Tem sentido!

 

Vassourada em JaboatãoO Diário Oficial de Jaboatão, datado de 1 a 13 deste mês, está recheado de demissões. Dizem as más línguas que a deputada estadual eleita Elina Carneiro, filha do prefeito Nilton Carneiro, está se vingando das pessoas que ocupam cargos comissionados, que não apoiaram sua candidatura. Em Jaboatão, ela só teve 16 mil votos. Daí, a razão da vingança.

 

Tem boi na linha – Por mais que negue, o senador Sérgio Guerra não convence: o deputado Cadoca e o deputado federal eleito Edgar Moury Fernandes, da bancada do PMDB, podem virar tucanos da noite para o dia. Rompido com o senador eleito Jarbas Vasconcelos, Edgar só estaria esperando a diplomação para colocar a plumagem tucana.

 

Uma arara – Veja a resposta nada sutil que o senador Sérgio Guerra tem na ponta da língua para quem insinua que fez corpo mole na campanha de Mendonça Filho: “Quem diz isso é cabra safado”. Trata-se de uma nova fase do senador, a hard, ou chamou seus desafetos para a briga?

 

Comunicação reprovadaUm deserto de notícias. Tem sido assim o ambiente entre os partidários do governador eleito Eduardo Campos. Ninguém sabe de nada, ninguém fala nada. Os que sabem alguma coisa morrem de medo de abrir o bico. Sempre acessível, até o jornalista Evaldo Costa, que na campanha era localizável às 24 horas do dia, tomou Doril. Se quando chegarem ao poder agirem assim, estamos fritos!

 

Vapt-Vupt

 

* Dependendo da forma como o bloco de oposição agir na eleição de mesa diretora do Senado, o pernambucano Marco Maciel (PFL) tem chances de emplacar a Presidência do Congresso.

 

* O secretário de Planejamento e coordenador da equipe oficial da transição, Cláudio Marinho, acha que o programa Chapéu de Palha, que será reeditado no Governo Eduardo Campos, pode reforçar a chamada rede de proteção social.

 

* Uma faculdade no Rio Grande do Sul acaba de criar uma cadeira para estudar rock. Se fosse um ritmo da cultura gaúcha, como o frevo é pernambucano, tudo bem. Nada mais ridículo e distante de realidade cultural dos pampas.

 

* A frase do dia: “A refinaria sai, independente da parceria com a Venezuela”. (Do presidente Lula, segundo tradução do governador eleito Eduardo Campos)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Edmar Lyra Cavalcanti Júnior

Ou apoiar um dos Brunos que obtiveram menor votação que ele. Acho que ele optará por apoiar Mendonça Filho. Portanto, nada mais natural que Cadoca ir pro PFL. Aumenta a bancada do PFL na câmara, e ainda fortalece a candidatura de Mendonça contra seu desafeto Raul Henry.

Edmar Lyra Cavalcanti Júnior

Acredito que ambos sairão do PMDB para ir pro PFL. O PFL tem o melhor nome para disputar a Prefeitura do Recife que é Mendonça Filho. Cadoca não tem chances de disputar no PMDB, e acho que no PSDB também não terá chances. Portanto, entre apoiar Mendonça(Seu amigo), apoiar Raul(seu concorrente)...

Edmar Lyra Cavalcanti Júnior

Tenho certeza absoluta que Cadoca não irá pro PSDB, acredito mais na possibilidade do Deputado se tornar Pefelista do que Tucano. Quanto ao Dep. Edgar Moury, não sei se será possível. Sei que ambos estão chateados com o Senador Jarbas, que já é cogitado a virar tucano.

Ana B. Holanda

SOBRE A COMUNICAÇÃO DE EDUARDO CAMPOS, COMEÇOU CEDO. É A RA EDUARDO CAMPOS.. NINGUÉM PODE DIZER QUE ELE É FEIO. O AVO NÃO TÁ AQUI PARA DEFENDER ELE..... QUE ELE DEFENDA O AVO E SI PRÓPRIO, ORA,ORA.....

Ana B. Holanda

Como um político recifense já falou um dia SÉRGIO GUERA NÃO É CONFIÁVEL......


Abreu e Lima

14/11


2006

Lula diz a Chávez que Petrobras assumirá refinaria

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva informou, ontem, a seu companheiro Hugo Chávez, da Venezuela, que a Petrobras vai realizar os investimentos necessários para a construção e instalação da Refinaria Abreu de Lima, em Pernambuco, independentemente dos aportes esperados da Petróleos de Venezuelana S/A (PDVSA). Se, ao final das obras, não houver injeção de recursos da PDVSA, a parceria selada no ano passado para a condução desse negócio será desfeita e a Petrobras conduzirá sozinha a refinaria.

Essa situação foi discutida na última quinta-feira pelo governador eleito de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), com o presidente da Petrobras, Sérgio Gabrielli. De acordo com Campos, a Petrobras concluiu que o empreendimento é necessário à sua lógica de produção e exportação de combustíveis e não pode ser adiado em função de suas pendências com a PDVSA sobre outra parceria - a exploração e a produção de petróleo em seis blocos de jazidas na Faixa Petrolífera do Orinoco, na Venezuela. A Petrobras reivindica ao governo venezuelano a redução da pesada carga tributária sobre a produção nesses blocos.

A refinaria em Pernambuco e a exploração desses blocos, explicou Campos, são negócios casados. Um é contrapartida do outro. No Brasil, quem impulsiona o negócio é a Petrobras. Na Venezuela, a PDVSA. Em princípio, a refinaria deverá refinar o petróleo brasileiro e também o óleo venezuelano, bem mais pesado, com tecnologia desenvolvida pela Petrobras. ''Há um equilíbrio entre os dois empreendimentos'', afirmou Campos, que integrou a comitiva do presidente Lula em sua visita à Venezuela. ''Mas a Petrobras entende que a refinaria será uma unidade importante na sua estrutura de produção de derivados'', completou.

O projeto da refinaria foi estimado no ano passado em US$ 2,5 bilhões. Mas Campos já fala em US$ 2,8 bilhões em investimentos. A perspectiva é que as obras comecem em julho de 2007, quando for concluída a terraplenagem e a incorporação final de um terço do terreno, ainda em processo de desapropriação.

Nas conversas que manteve na Petrobras, na semana passada, o governador eleito deixou claro que pretende ver a refinaria funcionando antes do final de seu mandato, em dezembro de 2010. Teria ouvido sinais positivos da Petrobras, também apressada na conclusão desse empreendimento. Nos planos atuais, a operação da refinaria começaria em 2011. ''Primeiro mandato está seguro. Segundo mandato, quem sabe?'', disse Campos. As informações são da Agência Estado.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

O Governo Jarbas/Mendonça deixaram Suape com a estrutura suficiente para receber grandes investimentos, inclusive protocolo para a instalação da refinaria assinada pelo Presidente Lulla. So não sai por incopetencia. É direito adquirido.



14/11


2006

Lula conversa hoje com empresário cotado para ministro

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva receberá na tarde desta terça-feira, no Palácio do Planalto, o empresário Jorge Gerdau Johannpeter, presidente do Grupo Gerdau, gigante do ramo siderúrgico. Gerdau é apontado como um dos nomes preferidos de Lula para integrar o ministério em seu segundo mandato.

As informações no Planalto são de que o presidente gostaria que Gerdau assumisse possivelmente o Ministério do Desenvolvimento - atualmente ocupado por outro empresário, Luiz Furlan, licenciado da direção da Sadia. O problema é que Furlan, depois de emitir sinais de que desejava deixar o governo ao final do primeiro mandato de Lula, passou a se comportar como quem prefere continuar no cargo.

Outras opções para abrigar Gerdau seriam o Planejamento ou até mesmo a Fazenda, embora esta última seja uma alternativa bem menos provável. Contudo, o empresário vem afirmando não ter interesse em ocupar nenhum lugar no governo. Na semana passada, sua assessoria divulgou uma nota informando que "não está nos planos profissionais ou pessoais [de Gerdau] a aceitação de convites para compor cargos públicos".

A presença do empresário no governo poderia representar um constrangimento para o grupo siderúrgico comandado por ele. Na carteira de empréstimos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) figuram 11 operações de financiamento a empresas do conglomerado, num total superior a R$ 1,7 bilhão. As informações são da Agência Estado.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Serra Talhada

14/11


2006

Oposição já tem assinaturas para abrir CPI das ONGs

A oposição promete apresentar na semana que vem ao presidente do Senado Federal, Renan Calheiros (PMDB-AL), pedido para a criação de CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) que pretende investigar os repasses do governo federal a ONGs (Organizações Não-Governamentais). O senador Heráclito Fortes (PFL-PI) já recolheu 27 assinaturas --número mínimo necessário para a criação da CPI-- mas espera conseguir a adesão de novos senadores como margem de segurança antes de apresentar formalmente o pedido.

"Na terça-feira da semana que vem eu dou entrada com o pedido. Acho que conseguimos pelo menos mais doze assinaturas dos senadores que assinaram o primeiro requerimento de abertura da CPI", afirmou Heráclito.

O senador chegou a reunir 37 assinaturas para o pedido de abertura da CPI, mas o requerimento teve um vício técnico que impediu o seu encaminhamento. Entre os senadores que assinaram o primeiro pedido, estão vários senadores da base aliada do governo federal, como Sibá Machado (PT-AC), José Sarney (PMDB-AP) e Serys Slhessarenko (PT-MT).

A instalação da CPI ganhou força no Congresso depois de reportagem publicada pela Folha com a informação de que 54,5% das verbas federais repassadas a ONGs entre 1999 e 2005 atendem a entidades sem capacidade para executar as suas atividades.

"Isso mostra que nós tínhamos razão. Precisamos dar início à CPI, e essas denúncias fazem com que a gente agilize o pedido", disse Heráclito. As informações são da Folha Online.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Severino Isidoro Fernandes Guedes

O objetivo do PFL talvez seja o de bater o recorde da UDN, que emplacou quase uma centena de CPIs contra o governo JK. Se ultrapassar esse índices talvez vá para o Guinnes Book como o partido que conseguiu maior número de CPIs inócuas da história.

guilherme alves

A pífia oposiçao e o sofrível PFL, fragorosamente derrotados nas urnas pelo caminho que escolheram, contnua indo de encontro a decisão sberana do povo, e insistindo nessa babaquice.(expressão do repertório da ariana).



14/11


2006

Presidente comunista evita sentar na cadeira de Lula

Na sua primeira passagem pela Presidência da República, o presidente da Câmara, deputado Aldo Rebelo (PC do B-SP), recebeu a visita da bancada do PC do B na Câmara, inclusive dos novos colegas, como a deputada eleita Manuela Dávila (RS) --candidata a uma das mais belas do novo Congresso.

Aldo assumiu a presidência em substituição ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva que está em viagem no exterior e o vice, José Alencar, que se submete a uma cirurgia nos Estados Unidos.

O deputado revelou que não se sentou na cadeira do presidente Lula. "Há tantas outras cadeiras pela sala", justificou.

Aldo ressaltou o fato de ser o primeiro comunista a assumir o comando do país. "Recebi esta tarefa como atribuição constitucional. Por outro lado, vejo também, mesmo por um momento que assumir a Presidência na minha condição de integrante do PC do B é uma demonstração de amadurecimento da democracia. Continua valendo a pena lutar para se viver num país democrático, onde todos se respeitam, onde há tolerância e espírito público", disse.

Seguindo o mesmo estilo da Câmara, Aldo evitou polêmicas. Questionado se iria aproveitar a interinidade para promover a abertura dos arquivos da ditadura, o deputado disse que esta é uma decisão que cabe à Justiça. "É preciso ter cuidado e respeito quando se olha para o passado. Esta questão está no âmbito do poder judicial ou sob o cuidado de outros órgãos", tergiversou.

Aldo também não quis comentar sobre mudanças na política econômica, defendidas pelo presidente da UNE, Gustavo Peta, um dos que o visitou no Planalto. Peta disse que UNE, CUT e MST devem entregar para o presidente Luiz Inácio Lula da Silva nos próximos dias um documento na qual defendem mudanças na economia que passam pela saída de Henrique Meirelles do Banco Central. As informações são da Folha Online.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

O Jornal do Poder

14/11


2006

As manchetes dos telejornais de ontem

Jornal Nacional (Rede Globo)

A volta dos aborrecimentos nos aeroportos: vôos atrasam de novo em meio à falta de informações na segunda-feira.

Divulgados os novos critérios para identificar motoristas bêbados e drogados.

Uma pesquisa mostra que os brasileiros estão reduzindo o uso do ônibus.

A chuva forte provoca três mortes e muitos prejuízos na Bahia.

Na fronteira Venezuela/Brasil, Hugo Chávez e o presidente Lula inauguram ponte em clima eleitoral.

Luiz Gushiken deixa o governo 16 meses depois de perder o status de ministro.

Torcedores fazem contas e cruzam os dedos no Brasileirão, enquanto o São Paulo fica apenas a uma vitória do Tetra.

Numa série especial de reportagens, o valor que outros países dão à Educação Física.


Jornal da Record (Rede Record)

Uma tragédia em Salvador: chuva forte provoca deslizamentos e a morte de três pessoas da mesma família.

A terra treme e assusta moradores de sete Estados brasileiros: é o reflexo de um terremoto na Argentina.

O caso do ônibus 499: a mulher ameaçada de morte pelo ex-marido presta depoimento.

Aeroportos voltam a registrar atrasos e cancelamentos de vôos.

O presidente Lula inaugura ponte em ato de apoio a Hugo Chávez, na Venezuela. Aqui no Brasil, o dia do primeiro comunista a ocupar a presidência da República.

Protesto político e violência em Bangladesh.

A cantora de funk Tati Quebra-Barraco é presa mais uma vez, agora por dirigir sem carteira.

A incrível história do motoboy salvo da morte por um zíper.


Jornal da Band (Rede Bandeirantes)

Outro dia de caos nos aeroportos: mais de 520 vôos atrasam e autoridades não sabem o motivo.

Justiça nega devolução de passaportes e pilotos do jato que derrubou o Boeing da Gol continuam impedidos de deixar o Brasil.

Termina a longa fritura: Luiz Gushiken, ex-homem forte do governo Lula, pede demissão.

Exclusivo: presidente da Câmara cancela compra de pastas de luxo para novos deputados.

Seis meses depois dos ataques do PCC a São Paulo, medidas de segurança prometidas por autoridades continuam no papel.

Zíper amortece tiro e salva a vida de entregador de pizza durante assalto em Minas Gerais.

Terremoto na Argentina faz tremer portas e janelas no Brasil.

Certa do título, torcida esgota ingressos do jogo que pode dar ao São Paulo o Tetra do Brasileirão.

Deslizamento de terra mata família no terceiro dia de chuvas em Salvador.

A previsão do tempo é de novos temporais na Bahia e ressaca nas praias brasileiras.

Para fazer o Brasil crescer 5% no ano que vem, o governo discute amanhã redução de gastos e de impostos. As informações são da Folha Online.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banner de Arcoverde

13/11


2006

Coluna da terça: economista faz mudança para Recife

O economista Aristides Monteiro, do IPEA, já está providenciando a mudança de Brasília para o Recife, onde deve assumir, a partir de janeiro, a Secretaria de Planejamento. Esta e outras notícias quentes estão na coluna do blog desta terça-feira, que será postada às seis da matina. Comece o dia bem informando acessando o blog.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

dividir os recursos oriundos de tributos federais, que existe uma concentração muito grande. E uma distribuição desigual. Lembre-se da responsabilidade de Eduardo Campos, em cumprir o prometido na campanha, de acordo com o programa que foi coordenado por você. Parabéns!

procure contemplar todas as classes, respeitando fundamentalmente à pobre, pois estão necessitando urgente de atenção. Vamos partir na frente, criando modelos de gestão inovadores, que aglutinem forças, socializando as ações para que todos sejam atingidos. Brigar com GF(Governo Federal), para melhor

Parabéns, Aristides Monteiro, o Programa de Governo que você coordenou, de Eduardo Campos, ouvindo as bases, organizações de classes, dentre outras organizações, que entendemos fundamental, para que o Projeto de um novo modelo administrativo público, seja implementado em nosso estado. Seja austero e

José Manoel de Souza

Se vc conhece alguem c/ problemas de jogo, visite nosso blog http://joganonrecife.zip.net


Prefeitura de Limoeiro

13/11


2006

Cancelado o debate da OAB no Frente a Frente

Em razão de problemas técnicos, que deixaram fora do ar desde 18h o Canal 14, da Net Recife, infelizmente não teremos o debate entre os candidatos a presidente da OAB-PE Júlio Oliveira, que tenta a reeleição, e Jaime Asfora. O programa estava previsto para as 22h, com duração de 1 hora. Pedimos desculpas pela expectativa gerada e tentaremos negociar o debate para amanhã, no mesmo horário.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Shopping Aragão

13/11


2006

Dirigente do PT põe "petismo" acima do "lulismo"

O secretário de relações internacionais do diretório nacional do PT, Valter Pomar, demonstrou nesta segunda-feira preocupação com o futuro do partido e com o fenômeno do ''lulismo''. ''O elemento que tem que ser priorizado é o petismo'', disse.

Com o termo ''lulismo'', Pomar se referia ao carisma do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e ao fato de esse carisma ser capaz de angariar votos, independentemente da filiação partidária e ideológica.

Apesar de reconhecer que ''o casamento entre lulismo e petismo'' foi fundamental para os bons resultados nas eleições de 2002 e de outubro, Pomar alertou para a necessidade de o partido e de seus projetos para o país prevalecerem sobre a figura de uma única pessoa, mesmo que esta seja uma legítima representante da esquerda --como é, na opinião de Pomar, o presidente Lula. Ele apontou esse como um dos desafios do PT para os próximos anos.

Em seu discurso, para cerca de 200 militantes petistas, Pomar também falou sobre os ''erros'' do partido. Para ele, é o momento de abrir o olho porque ''a água bateu na bunda'' e o povo dificilmente dará uma nova chance ao PT.

Neste sentido, ele defendeu que o partido não pode adiar mais o debate sobre a reformulação interna e sobre as medidas que podem ser tomadas para evitar que episódios como o do ''valerioduto'' voltem a se repetir. ''A vitória [de Lula] não apaga os erros que nós cometemos'', disse.

O petista disse ainda que existem algumas brigas que o partido deve encarar de frente. Ele deu como exemplo a estremecida relação do PT e do governo com a imprensa. ''Do que adiantou três anos e meio de convivência subalterna e passiva com os grandes meios de comunicação?''

Pomar participou de um debate promovido pela secretaria de formação política do diretório paulista do PT.  Informações da Folha Online.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

O Lulla nesses seus primeiros 4 anos de mandato fez 2 grandes façanhas: 1º) Deu prosseguimemto a politica economica do seu antecessor Fermamdo Henrique; 2º) Acabou com o PT.

não existisse o Lula, o partido estava fadado ao desaparecimento, como muitos querem.

Para um partido que teve um crescimento estruturador durante esses 25 anos de lutas, hoje vemos uma situação que necessita de reorganização, que fundamentalmente passa por exclusões necessárias. Os petistas que continuam na luta pelo partido o qual fo criado, hoje dá graças a Deus por Lula, pois se



13/11


2006

Sérgio Guerra diz que o lugar de Jarbas é no PSDB

O senador Sérgio Guerra (PSDB-PE) disse, há pouco, no meu programa, na Rádio Melodia, que vai ter amanhã um encontro com o senador eleito Jarbas Vasconcelos (PMDB), quando reforçará o convite para ele ingressar na legenda tucana. "Jarbas já foi convidado dezenas de vezes. Se ele estiver incomodado no PMDB, que debandou de vez para o Governo, o seu lugar é no PSDB", afirmou.

O encontro do líder tucano com Jarbas será no SPA Espaço Verde, em Aldeia, onde o ex-governador passa uma temporada tentando perder os quilos a mais que ganhou ao longo da campanha. Guerra confirmou que se encontrou com Jarbas em Portugal, mas negou que tenha tratado de política. "Respeitei o descanso do senador. Vou tratar de política, sim, amanhã no SPA", assinalou.

Na conversa, Guerra e Jarbas devem fazer uma avaliação conjunta da derrota da aliança oficial no Estado para o candidato do PSB, Eduardo Campos. O senador não aceita as versões de que teria contribuindo para a derrota de Mendonça com sua ausência da campanha no Estado. "Quem fala isso é cabra safado. O PSDB fez o que estava ao seu alcance. Fui a eventos até sem ser convidado", afirmou.

Por fim, o senador disse que já tem um levantamento em seu poder que o desempenho de Mendonça Filho nos municípios de influência do PSDB foi acima da sua expectativa, bem melhor do que nos redutos do PFL. Quanto à entrada dos deputados federais Cadoca e Edgar Moury Fernandes no PSDB, o senador negou, alegando tratar-se de meras especulações.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Severino Isidoro Fernandes Guedes

Mário Covas e principalmente a guerreira Cristina Tavares jamais estariam nesse PSDB conservador e lesa-pátria que aí está. Tanto é verdade que José Serra, que já articula a formação de um novo partido de centro-esquerda, não contará com o apoio de Alckmin (futuro pefelista) nesta empreitada.

Fernando Vieira

é... só falta esse passo para que JARBAS acabe de DETONAR o PMDB, missão que abraçou com unhas e dentes quando se aliou à PEFELANÇA. A meleca está feita: acabou o PMDB de Pernambuco!!! pode até voar para o ninho Tucano. Mas não se enganem... o que aí está não é mais o PSDB de Cristina Tavares e Cova

josé arnaldo amaral

...ESTÁ EVIDENTE POR SUA HISTÓRIA QUE JARBAS JAMAIS DARIA COBERTURA, MESMO INDIRETAMENTE, ÀS FALCATRUAS DO LULLI$MO...O PSDB DE CRISTINA TAVARES E MARIO COVAS AGUARDA SEU AMIGO E COMBATIVO COMANDANTE...CHEGUE LOGO ! ! !

governo, e o povo de Pernambucano, JÁ tinha decidido, que a mudança para Eduardo Campos, era fundamental para alavancarmos o desenvolvimento de Pernambuco, pois sempre na sua vida pública, soube preocupar-se com os quatro cantos deste estado, que nesse oito anos tornou-se bastante sofrido.

Senador Sérgio Guerra, nem se preocupe, com possíveis culpabilidades ao senhor atribuidas, até porque, não tens forças políticas, para decidir uma eleição majoritária. O seu partido em Pernambuco é muito fraco. O grande mérito de Eduardo, é que foi sempre superior nas proposições do Programa de



13/11


2006

Secretário fala sobre a transição na Melodia FM

O secretário Cláudio Marinho  está no debate da Melodia FM falando do andamento da transição, e anunciando uma boa notícia que terá para dar à equipe de transição do governador eleito Edudardo Campos na próxima reunião. A notícia relaciona-se com as condições em que será entregue o Estado, isto no que se refere à situaçãoa financeira de Pernambuco. Continuem ouvindo.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Soraya da Cruz Plácido

Nem ia responder, mas tive de vir dizer que esse CARA ENRUSTIDO( Lula e Eduardo) É UM BABACA... O Que vc tem na cabeça??? TITICA DE GALINHA??? Se inteira dos fatos para poder comentar VERACIDADES, OK!

LULA E EDUARDO! É A FORÇA DO POVO!

Ele em que deixar claro o débito de R$ 250 milhões da Compesa, a situação do Funafim, os precatórios de Jarbas e Mendonça, a renúncia fiscal (perto de R$ 600 milhões). Pra quem meteu a mão em R$ 2 bilhões...deve ter grana sobrando.


Coluna do Blog
TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Publicidade
Apoiadores